Relatos de viagens pelos países do Sudeste Asiático: Tailândia, Vietnã, Timor-Leste, Singapura, Mianmar, Malásia, Laos, Indonésia, Filipinas, Brunei e Camboja
#1094687 por Just Journeys
03 Jun 2015, 13:29
CHEGANDO NO VIETNÃ: HANÓI E SEU TRÂNSITO ANÁRQUICO

Mesmo tendo permanecido poucos dias em Hanói, tivemos a melhor das impressões. Como chegamos tarde da noite, fomos direto a um restaurante na esquina de nosso hotel, New Day. Eles fechavam às 23h e já passavam das 22h. Ainda assim nos serviram com sorrisos nos rostos uma farta e saborosa refeição, impossível de ser consumida em sua totalidade. Foi nosso primeiro contato com a maravilhosa culinária vietnamita.

IMG_2565.JPG
Hoan Kiem Lake
IMG_2565.JPG (505.99 KiB) Exibido 1243 vezes


Ficamos hospedados na parte antiga da cidade (Old Quarter), que ainda conserva muito da arquitetura colonial francesa, uma região repleta de alfaiates, artesãos, comerciantes e restaurantes. Estávamos bem localizados e caminhamos ao redor do Hoan Kiem Lake, passando pelo templo Ngoc Son, pela estátua do imperador Lý Thái Tổ e pela Torre da Tartaruga. No lago, belíssimo (lembra a Lagoa Rodrigo de Freitas, no Rio), havia vários casais em clima de romance e muitas pessoas se exercitando.

Foi uma aventura atravessar as ruas, pois ninguém respeita os sinais ou leis de trânsito (mais tarde, verificaríamos que em todo o Vietnã é assim). É como se não houvesse mão, contramão, nada. É cada um para um lado e cada um por si. Carros, motos, scooters, bicicletas, tuk tuks, tudo junto em todas as direções, numa fantástica anarquia.

Uma curiosidade: como as motos são muito baratas (especialmente em relação aos carros), é comum ver famílias de três, quatro, cinco pessoas em cima de um veículo de duas rodas. No caso das scooters, algumas crianças chegam a “viajar” de pé.

Para atravessar a rua, vá andando lentamente – de preferência, numa faixa de pedestres -, levando fé que sua presença será notada e irão desviar de você. E é exatamente isso o que acontece. Mas se deve caminhar lentamente. Não se apresse e, em hipótese alguma, não corra. Nem que você ache que vai morrer. Não se preocupe, você foi visto e não será atropelado.

Hanói tem ainda diversas opções de museus, além de uma variedade enorme de cinemas, discotecas, karaokês e teatros.

phpBB [media]


Visto Vietnã
Recolhemos na chegada ao aeroporto, mas antes tivemos que fazer uma solicitação de uma carta pela internet. Vários sites fazem esse serviço; escolhemos o Vietnam Visa Pro por ser o mais barato e porque lemos que era confiável. O preço varia pelo tempo de permanência no país, quantidade de entradas e urgência na entrega. Escolhemos o visto de 1 mês, uma entrada e sem urgência (mesmo assim, ficou pronto no dia seguinte), e pagamos US$ 9 cada um. Eles também vendem um serviço para não pegar fila no aeroporto, que não compramos. Como viemos em um voo pequeno do Laos, não havia fila nenhuma e o atendimento foi muito rápido. No aeroporto, é preciso pagar mais US$ 45 pelo visto, em dinheiro, e apresentar uma foto 3×4.

New Day Restaurant
Endereço: 72 Mã Mây (Lương Ngọc Quyến), Hoàn Kiếm, Thành Phố Hà Nội
Site: newdayrestaurant.com

Hanoi 3B Hotel
Endereço: 99 Mã Mây, Hàng Buồm, Hoàn Kiếm, Hà Nội, Vietnã
Preço: US$ 24 (diária)
Site: http://www.hanoi3bhotel.com

Ngoc Son Temple
Endereço: Đinh Tiên Hoàng, Hàng Trống, Hoàn Kiếm, Hà Nội, Vietnã
Preço: 30.000 VND (R$ 4,20)
Editado pela última vez por Just Journeys em 02 Out 2015, 23:42, em um total de 1 vez.

#1094690 por Just Journeys
03 Jun 2015, 13:35
PERNOITANDO EM HA LONG BAY: UM PASSEIO IMPERDÍVEL

Patrimônio Natural da Humanidade, a Baía de Ha Long tem milhares de ilhas e ilhotas de calcário – a grande maioria desabitada e sem interferência humana -, além de um grande número de praias, lagos, grutas e cavernas (o número oficial varia entre 1.500 e 3 mil ilhas).

Escolher o passeio é um desafio, pois há várias opções, para todos os tipos de viajantes, desde cruzeiros mais baratos até super luxuosos. Como tínhamos pouco tempo, não pudemos pesquisar muito. Pegamos a lista de sugestões do hotel e escolhemos um cruzeiro nem tão simples e nem tão sofisticado.

IMG_2292.jpg
IMG_2292.jpg (247.77 KiB) Exibido 1231 vezes


Após quatro horas de viagem de ônibus, saindo de Hanói, chegamos ao barco. As acomodações eram excelentes: nossa cabine tinha uma varanda irresistível – um tentador convite à antissociabilidade -, um colchão ótimo e um ar condicionado potente.

As refeições no navio eram uma atração à parte. Como havíamos acabado de chegar no Vietnã, ainda não estávamos familiarizados com a culinária local. O menu tinha pequenas porções de vários tipos de pratos, e rapidamente nos apaixonamos pela comida vietnamita.

Em relação às atrações do passeio, não deixe de explorar a baía num caiaque, nadar nas águas cristalinas e se aventurar no complexo de cavernas. Entre as ilhas de Ha Long Bay há uma comunidade de pescadores de aproximadamente 1.500 pessoas espalhadas por vilas flutuantes.

Um labirinto de rochas, montanhas e ilhas formava uma cadeia de silhuetas tão bela que era difícil parar de olhar.

O passeio de dois dias e uma noite acabou provando-se imperdível. Não é à toa que Ha Long Bay é considerada uma das novas 7 maravilhas do mundo.

phpBB [media]


Dica: na hora de escolher o navio, procure um barco pequeno, com poucas cabines. O nosso tinha apenas 10 e foi perfeito. Vimos barcos enormes, com vários andares: estes são um convite à farofa, fuja deles!

Halong Bay Tour
Duração: 2 dias e uma noite
Agência: Garden Bay
Barco: Marguerite Garden Cruise
Cabine: Ocean View with Balcony
Preço: US$ 170 por pessoa
Site: http://www.gardenbaycruise.com/
#1094696 por Just Journeys
03 Jun 2015, 13:49
A CHARMOSA CIDADE DE HOI AN

É impossível não se apaixonar por Hoi An, uma cidade localizada na região central do Vietnã, com atrações para todos os tipos de viajantes. Há a parte antiga, super charmosa, com lanternas tradicionais iluminando as ruelas; as praias, com águas cristalinas e calmas; e a culinária que, com muitos frutos do mar, te garante sempre uma experiência deliciosa, seja comendo nas ruas ou em restaurantes sofisticados.

IMG_2730.jpg
Hoi An Ancient Town
IMG_2730.jpg (388.62 KiB) Exibido 1221 vezes


Nossa estadia em Hoi An não poderia ter sido melhor. Fomos muitíssimo bem tratados pelo nosso anfitrião, Son, e sua família. Eles proporcionavam jantares quase diários, com cardápios fartos e diversificados, que serviam para conhecermos os outros hóspedes (americanos, franceses, holandeses, ingleses…) e pegarmos dicas de viagens e passeios.

A pousada de Son também oferecia bicicletas, veículo fundamental em Hoi An. Como estávamos localizados entre a praia e a Cidade Velha, íamos pedalando para ambos os lugares. Ainda que o trânsito fosse aquele típico do Vietnã – sem sinais, sem regras, sem lei –, incorporamos nossos deslocamentos em nossos exercícios físicos diários.

Isto porque o Vietnã pode ser cruel: além de sua culinária ser extremamente saborosa, algum gênio do mal inventou o café vietnamita, que consiste no acréscimo de leite condensado. Mesmo aqueles acostumados a tomar café puro – sem nem mesmo um pouquinho de açúcar – sucumbem à tentação e ao vício.

As praias são ótimas, com faixas de areia extensas, água cristalina e dezenas de restaurantes à beira-mar. Cua Dai é a praia mais perto da cidade e An Bang, mais distante, é um pouquinho melhor. Fomos nas duas praias e, além de não haver muita diferença entre elas – que compensasse pedalar mais -, em An Bang tivemos que pagar estacionamento para as bicicletas. Por isso, acabamos preferindo ir sempre em Cua Dai.

A Cidade Velha (ou Centro Histórico) é entretanto onde se concentra o charme de Hoi An. Há incontáveis restaurantes (das mais variadas culinárias internacionais) e várias lojinhas lindas nas quais se pode encontrar de tudo: desde os mais simples artesanatos típicos até camisas bacanas, além dos famosos alfaiates que reproduzem a roupa que você quiser.

Durante a noite, é lindo poder ver as velas sendo colocadas placidamente no rio, enquanto barquinhos deslizam na escuridão.

No final, ficamos bastante chateados por deixar Hoi An, mas principalmente por sair da casa de Son. Mesmo tendo, como muitos de seus hóspedes, dobrado o tempo de nossa estadia.

phpBB [media]


Joy Hoi An Homestay
Endereço: 77C Nguyen Duy Hieu St., Hoi An City, Quang Nam Province, Vietnam
Preço: US$ 20 a diária
Site: http://joyhomestay.com/

Dingo Deli
Endereço: 277 Cửa Đại Cẩm Châu tp. Hội An Cẩm Châu tp. Hội An

Miss Ly Cafeteria Restaurant
Endereço: 22 Nguyễn Huệ, TP. Hội An, Vietnam
#1094698 por Just Journeys
03 Jun 2015, 13:52
CONVIVENDO COM RUSSOS EM NHA TRANG

Nha Trang é mais ou menos uma mistura de Hanoi com Hoi An: ao mesmo tempo em que estávamos perto da praia (na verdade, em frente), era impossível escapar do burburinho da cidade grande, com seu trânsito absolutamente caótico e buzinas intermitentes.

Por isso, acabamos por escolher um quarto sem janelas (e também por ser mais barato). A princípio, pode parecer uma escolha pouco inteligente e claustrofóbica, mas foi a mais acertada. Como passávamos o dia inteiro na areia da praia, somente utilizávamos o quarto durante algumas horas da noite e para dormir. Como era de fundos, não havia barulho algum: nenhuma buzina importunava o nosso sossego.

O hotel era bastante decente: bom café da manhã, TV a cabo, internet, na frente da praia e numa rua repleta de restaurantes, com funcionários simpáticos e atenciosos e até uma piscina, a qual nos recusamos a frequentar. Primeiro porque preferíamos aquele marzão diante de nós; e segundo porque estamos evitando a farofa de todas as maneiras.

IMG_3137.JPG
IMG_3137.JPG (235.15 KiB) Exibido 1216 vezes


Em Nha Trang era sempre uma aventura atravessar a rua, com muitos carros e motos, algumas pela contramão. Mas o que realmente chamava a atenção e caracterizava a cidade era a invasão russa. Russos no hotel, nos restaurantes, na praia. Sinalizações e cardápios muitas vezes somente com opções em russo e vietnamita, sem inglês.

Cuidado: os russos são um povo bastante peculiar no que diz respeito a cortes de cabelo e vestimentas (elas, principalmente). Alguns deles usam sungas que fariam o Gabeira corar de vergonha. Esteja preparado para o choque. E para a possibilidade de nunca vir a se recuperar.

Como dessa vez não tínhamos aquelas bicicletas amigas para nos ajudar nos exercícios, corríamos diariamente na praia, tentando expiar a culpa dos nossos cafés vietnamitas (sim, aqueles envenenados com leite condensado).

Fora isso, a comida continuava mantendo aquele mesmo nível típico do Vietnã: simplesmente deliciosa. Era muito difícil controlar o apetite e não sucumbir à gula.

E assim foi a nossa semana: praia, comida, corrida na praia, mais comida.

phpBB [media]


Dendro Hotel
Endereço: 90-92 Tran Phu, tp. Nha Trang, Vietnam
Preço: USD$ 26 a diária
Site: http://www.dendrohotel.com.vn/

La Lousiane Restaurant
Endereço: Trần Phú, tp. Nha Trang, Khánh Hòa, Vietnam

Sandals Restaurant
Endereço: 72-74 Tran Phu Street Nha Trang, ( 72-74 Trần Phú, Nha Trang), Vietnam
Editado pela última vez por Just Journeys em 03 Out 2015, 00:41, em um total de 1 vez.
#1094699 por Just Journeys
03 Jun 2015, 13:55
UMA SEMANA RELAXANDO EM PHU QUOC

Se você estava esperando pelas praias paradisíacas do Vietnã, esse post chegou. Phu Quoc é uma ilha no sul do país, praticamente no Camboja, com 1320 km² e natureza para todos os gostos. A ilha é muito grande e tem vários resorts, mas ficamos hospedados na parte norte, que era bem isolada.

IMG_3550.JPG
Sao Beach
IMG_3550.JPG (233.04 KiB) Exibido 1213 vezes


Tivemos uma ótima experiência no resort Wild Beach: ficamos num chalé a poucos metros da areia e tínhamos uma praia quase particular para nós. Isso realmente fazia diferença, pois a temperatura se manteve durante todo o tempo na casa dos 40 graus.

De dia, tirávamos essa situação de letra: ficávamos deitados nas espreguiçadeiras debaixo das barracas e nos levantávamos apenas para dar um mergulho ou tomar uma chuveirada. Fizemos todas as nossas refeições no ótimo restaurante do resort (café da manhã, almoço, lanche e jantar), e a única vez que nos deslocamos foi para um passeio até as ilhas do sul.

A equipe do local era bastante prestativa e se esforçou o máximo para nos ajudar com o calor. Isto porque, devido a restrições de energia, nem todos os quartos suportam o uso de aparelhos de ar refrigerado. Por isso, ficamos num quarto apenas com ventiladores: um, já estava lá; a pedidos, o staff tentou resolver nosso problema com outro ventilador que, se não resolveu, pelo menos ajudou a amenizar um pouco o calorão.

Ainda assim, sofremos para dormir durante umas três noites, tendo que levantar de madrugada para tomar algumas duchas frias. Nesse quesito, outra falha do resort: o chuveiro era uma porcaria, e somente disponibilizava um fiapo de água.

Tivemos que recorrer em algumas noites ao perigo de dormir de portas e janelas abertas. Evidente que qualquer tipo de bicho poderia, dessa forma, entrar em nosso quarto. E foi o que aconteceu. Em nossas últimas 48 horas dormimos na companhia de uma aranha (grande) e de um sapo (pequeno), os quais não conseguimos enxotar de jeito nenhum.

Quanto ao nosso passeio às ilhas do sul, um táxi nos pegou no resort e, após duas trocas de ônibus/minivan, chegamos ao porto e embarcamos. Houve uma pausa inicial para pescaria, almoçamos e depois fomos mergulhar de snorkel (por duas vezes). Os mergulhos em si não foram muito especiais. Não vimos nada demais, mas pelo menos serviram para aliviar o calor.

O que realmente fez o passeio valer a pena foi termos conhecido a praia de Sao Beach. Magnífica, com uma faixa de areia extensa e branca e uma água cristalina que tinha a temperatura ideal, fosse para nadar, se banhar, mergulhar, relaxar ou apenas boiar. Enfim, uma praia belíssima.

Ao voltarmos ao resort, fizemos as malas e nos despedimos, pois havia chegado o momento de deixar o Vietnã, ainda que com muita dor no coração. Esperamos até a véspera de nossos vistos expirarem e só fomos embora quando realmente não podíamos mais permanecer.

Era hora de conhecer o Camboja. O que significava mais calor pela frente.

phpBB [media]


Wild Beach Phu Quoc Resort
Endereço: Group 4, Hamlet 4, Cua Can, Phu Quoc
Preço: US$ 45 a diária
#1218813 por maurício.cadore
20 Set 2016, 10:44
Muito obrigado pela dica!! foi extremamente útil para meu planejamento no vietnã!

obrigado.

Just Journeys escreveu:PERNOITANDO EM HA LONG BAY: UM PASSEIO IMPERDÍVEL

Patrimônio Natural da Humanidade, a Baía de Ha Long tem milhares de ilhas e ilhotas de calcário – a grande maioria desabitada e sem interferência humana -, além de um grande número de praias, lagos, grutas e cavernas (o número oficial varia entre 1.500 e 3 mil ilhas).

Escolher o passeio é um desafio, pois há várias opções, para todos os tipos de viajantes, desde cruzeiros mais baratos até super luxuosos. Como tínhamos pouco tempo, não pudemos pesquisar muito. Pegamos a lista de sugestões do hotel e escolhemos um cruzeiro nem tão simples e nem tão sofisticado.

IMG_2292.jpg


Após quatro horas de viagem de ônibus, saindo de Hanói, chegamos ao barco. As acomodações eram excelentes: nossa cabine tinha uma varanda irresistível – um tentador convite à antissociabilidade -, um colchão ótimo e um ar condicionado potente.

As refeições no navio eram uma atração à parte. Como havíamos acabado de chegar no Vietnã, ainda não estávamos familiarizados com a culinária local. O menu tinha pequenas porções de vários tipos de pratos, e rapidamente nos apaixonamos pela comida vietnamita.

Em relação às atrações do passeio, não deixe de explorar a baía num caiaque, nadar nas águas cristalinas e se aventurar no complexo de cavernas. Entre as ilhas de Ha Long Bay há uma comunidade de pescadores de aproximadamente 1.500 pessoas espalhadas por vilas flutuantes.

Um labirinto de rochas, montanhas e ilhas formava uma cadeia de silhuetas tão bela que era difícil parar de olhar.

O passeio de dois dias e uma noite acabou provando-se imperdível. Não é à toa que Ha Long Bay é considerada uma das novas 7 maravilhas do mundo.

phpBB [media]


Dica: na hora de escolher o navio, procure um barco pequeno, com poucas cabines. O nosso tinha apenas 10 e foi perfeito. Vimos barcos enormes, com vários andares: estes são um convite à farofa, fuja deles!

Halong Bay Tour
Duração: 2 dias e uma noite
Agência: Garden Bay
Barco: Marguerite Garden Cruise
Cabine: Ocean View with Balcony
Preço: US$ 170 por pessoa
Site: http://www.gardenbaycruise.com/

Usuários navegando neste fórum: Nenhum usuário registrado e 1 visitante