Buenos Aires - Guia de Informações

Guias de viagem sobre destinos na Argentina, tutoriais e tópicos com dicas criados pela comunidade. Quer criar um guia, enviar um dica ou postar um tutorial? Crie seu tópico aqui


Buenos Aires - Guia de Informações

Mensagem não lidapor MGazzoni » 24 Ago 2005, 09:22

Atualizado em março/2010


Este tópico é um Guia de Buenos Aires que está sendo construído com informações de viagens realizadas pela equipe do site e, principalmente, com informações de usuários que foram postadas nos fóruns relacionados ao tema aqui no Mochileiros.com. Este guia é atualizado periodicamente.

O Mochileiros.com é uma fonte gratuita de informações para viajantes de língua portuguesa e a contribuição de todos os membros é muito importante.

Veja como contribuir com o Guia de Buenos Aires:
1- Faça perguntas ou deixe suas dicas no Tópico: Buenos Aires - Perguntas e respostas
2- Deixe sua dica sobre onde se hospedar no Tópico: Buenos Aires - Hospedagem
3- Deixe sua dica sobre onde comer no Tópico: Buenos Aires - Alimentação
4- Deixe sua dica sobre para onde sair no Tópico: Buenos Aires - Baladas e Noitadas
5- Escreva um relato sobre sua viagem por Buenos Aires



Buenos Aires - Guia de Informações
Capital federal da República Argentina e segunda maior aglomeração urbana da América do Sul.

A cidade, chamada pelos locais de Capital Federal, é um dos centros culturais de maior importância da América Latina com uma grande oferta cultural de museus, teatros e bibliotecas. Buenos Aires, ainda, foi eleita pela UNESCO como Cidade do Design e foi a primeira na América Latina a oficializar uniões homossexuais, em 2003. Sua economia é baseada em serviços, com 70% do PIB.

Buenos Aires foi fundada em 3 de fevereiro de 1536 por Dom Pedro de Mendoza, colonizador espanhol, com o nome de Nuestra Señora del Buen Ayre. A cidade foi abandonada, arrasada pelos índios e refundada em 11 de junho de 1580 por Juan de Garay com o nome de Ciudad de la Santísima Trinidad y Puerto de Nuestra Señora del Buen Ayre. A cidade acabou por adotar Buenos Aires, através da mutação do nome do porto e primeiro nome da cidade. Nuestra Señora del Buen Ayre era uma homenagem à Virgem da cidade italiana de Cagliari que protegia os navegantes.

O leque cultural amplo da cidade se deve à diversidade de quem a habitou ao longo de sua história, como italianos, franceses, portugueses, negros e crioulos. Um exemplo disso é o lunfardo, dialeto que se desenvolveu a partir de meados do século XIX nas zonas pobres de Buenos Aires, Rosário e Montevidéu. O lunfardo ficou imortalizado em letras de música popular, como o tango, que se desenvolveu em cafés e bares tradicionais principalmente na Avenida Corrientes e desde então é onde se encontram alguns de seus teatros de maior importância. A gastronomia portenha também se destaca por sua diversidade.

Buenos Aires é ainda conhecida como a Paris da América do Sul, pois é uma cidade única no continente, com variada arquitetura, cultura, onde se destaca a música e a arte, e uma vida noturna agitada. Com mais de 13 milhões de habitantes, é considerada a segunda maior metrópole da América do Sul em termos populacionais.

A cidade está no mesmo fuso horário de Brasília e só possui uma hora a menos quando o horário de verão é aplicado em algumas regiões do Brasil. A tensão elétrica é de 220V, o código internacional telefônico da Argentina é 54 e o da cidade de Buenos Aires é 11. Bancos e agências de câmbio funcionam de segunda a sexta de 10h às 15h. O comércio funciona de 9h às 20h. Em alguns bairros é costume fechar ao meio-dia, prolongando-se o horário da tarde até às 22h. Aos sábados o horário é de 9h às 13h.

Os Shopping Centers abrem às 10h e fecham às 22h todos os dias da semana, inclusive domingos depois das 12h. Durante os fins de semana as praças de alimentação ficam abertas até a 1h da manhã e os cinemas têm sessões que começam a essa hora. Os supermercados ficam abertos de 9h às 22h. As principais redes abrem também aos domingos, geralmente a partir das 12h. A moeda nacional é o peso. As cédulas em circulação são de 2, 5, 10, 20, 50 e 100 pesos e as moedas são de 1 peso e 1, 5, 10, 25 e 50 centavos. Todas as bandeiras de cartões de crédito são aceitas.

Para brasileiros, não é necessário visto de entrada no país nem de nenhuma vacina para a cidade. Os visitantes brasileiros devem preencher uma cartela de turismo a ser apresentada na entrada juntamente com o passaporte ou carteira de identidade, com até de 10 anos de expedição. A permanência autorizada, em princípio, é de 90 dias. Os empresários ou viajantes de negócios devem solicitar, nos consulados argentinos, visto específico que autoriza estadas inferiores ou iguais a 90 dias, prorrogáveis uma vez por igual período. Para permanência no país por prazos superiores ou com outros objetivos, deve ser solicitado previamente o visto correspondente nos consulados argentinos no Brasil.
Avatar do usuário
MGazzoni
Membro de Honra
Membro de Honra
 
Mensagens: 130
Desde: 29 Jul 2004, 18:32
Localização: Pato Branco - Floripa - Brazil

Quando ir?

Mensagem não lidapor Júnia Pimenta » 30 Ago 2005, 12:05

Geografia e Clima

A Cidade de Buenos Aires é limitada pelo Rio da Prata, o Riachuelo e pela Avenida General Paz, que separa a cidade da província de Buenos Aires. Se encontra quase em sua totalidade na região dos pampas e tem uma população de 2,9 milhões de pessoas.

Buenos Aires é uma cidade com uma grande densidade demográfica. Cerca de 40% dos portenhos não nasceu nem na capital nem na Grande Buenos Aires. É uma parte da população que migrou das províncias do norte argentino e de outros países limítrofes. Tem ainda um nível de criminalidade alto, mas cerca de três quartos destes delitos são contra a propriedade, sendo a taxa de homicídios baixa.

Quanto a clima, Buenos Aires tem as quatro estações bem definidas. Sua temperatura média anual é de 16,5°C, com os meses de verão bastante quentes e úmidos, sendo que a temperatura varia entre 22° e 33°, com picos de 40°, onde são comuns as chuvas de verão. Já no inverno faz frio e venta muito, com temperatura média variando entre 3°C e 18°C, podendo chegar a alguns graus abaixo de zero. A primavera e o outono são amenos e a temperatura nessas épocas do ano varia entre a mínima de 13° e a máxima de 22°. O último registro de neve era de 1918 até uma recente nevasca atingir quase toda província de Buenos Aires em julho de 2007. As chuvas são mais comuns no outono, na primavera e no verão, caracterizando-se por chuvas breves e de baixa intensidade, exceto no verão.
Anexos
clima-bsas.gif
clima-bsas.gif (16.1 KiB) Exibido 137784 vezes
Avatar do usuário
Júnia Pimenta
Membro de Honra
Membro de Honra
 
Mensagens: 1003
Desde: 26 Jun 2004, 20:46
Localização: Blumenau/SC-Brasil

Transportes

Mensagem não lidapor Júnia Pimenta » 30 Dez 2005, 21:23

Como Locomover-se

A cidade conta com dois aeroportos: o Aeroporto Internacional de Ezeiza e o Aeroparque Jorge Newbery, para vôos domésticos. Possui um terminal rodoviário - Retiro - de onde partem e chegam linhas de ônibus para todas as regiões do país e para cidades do Chile, Peru, Bolívia, Paraguai, Uruguai e Brasil. Conta ainda com ferry-boats que a conecta com cidades uruguaias como Colônia do Sacramento e Montevidéu.



Ônibus


O ônibus conta com mais de 180 linhas e é o meio de transporte mais usado pelos portenhos. Se compra as passagens nos próprios veículos que só aceitam moedas e funcionam 24 horas por dia. O outro meio massivo utilizado para acessar a cidade é a rede ferroviária, já que todas as linhas férreas do país confluem em Buenos Aires e são um meio de deslocamento rápido dentro da cidade. Esse é também o principal meio utilizado para ir à cidade de Tigre.


Lembrete:

:arrow: Só aceitam moedas

:arrow: Nas paradas de ônibus existem números indicando quais os ônibus que param ali.

:arrow: Fale ao motorista seu destino e ele imprimirá o ticket.

:arrow: Site para planejar rota e ver qual ônibus pegar: http://www.omnilineas.com.ar


Metrô

O metrô de Buenos Aires conta com cinco linhas em funcionamento, com mais de 40 km de extensão, e mais uma sexta linha em construção. A Linha A é também uma atração turística porque ainda conserva os trens que se utilizavam em princípios do século XX, de 1913, primeiro metrô da América Latina. A passagem é comprada nas estações através de cartões.
Metrô de Buenos Aires, Subte, clique aqui.


Táxis

Outra forma de locomoção na cidade são os táxis, padronizados na cor preta com teto amarelo. Eles são melhores para percorrer pequenas distâncias.

Remises

Espécie de rádio-táxi, que são a melhor opção para viagens de média e longa distância. A vantagem é que o preço final está previamente estipulado e, portanto, não aumenta com um engarrafamento, como acontece com os táxis. Por questão de segurança, convém sempre contratar o serviço em agências autorizadas ou por telefone.

Carro Próprio ou carro alugado

Para dirigir carro próprio ou alugado em Buenos Aires, é preciso ser maior de idade, portar carteira de identidade ou passaporte, registro de habilitação nacional ou internacional e documentação do carro. Quanto a acesso marítimo à cidade, o porto de Buenos Aires é o maior do país e já foi a principal entrada marítima da Argentina, mas hoje o principal acesso marítimo turístico é via Tigre, cidade próxima de Buenos Aires que possui conexão direta com cidades uruguaias.

Lembretes:

:arrow: Pra quem vem do Ezeiza utilize a Manoel Tienda Leon, o preço vai sair bem mais em conta. Um taxi vai custar em média uns 100 pesos.

:arrow: Hostel’s suites Floridas, Obelisco e outros oferecem esse translado gratuito, veja com seu hostel o serviço pode sair bem mais em conta.

:arrow: Saido do aeroparque não tem muitas opções, ônibus linha 33 até o centro ou taxis, negocie mesmo com o taxista quanto ira custar a corrida.


Mapa da Cidade de Buenos Aires:
Mapa de Buenos Aires
Avatar do usuário
Júnia Pimenta
Membro de Honra
Membro de Honra
 
Mensagens: 1003
Desde: 26 Jun 2004, 20:46
Localização: Blumenau/SC-Brasil

O que fazer?

Mensagem não lidapor leocaetano » 30 Nov 2008, 13:56

Por MGazzoni e leocaetano

Principais Atrações

De três a cinco dias, dentre eles o final de semana, é um tempo razoavelmente bom para se conhecer diversas coisas da capital portenha. Final de semana, pois é somente nesses dias que se pode freqüentar as feiras de San Telmo e da Recoleta.

Os shows de tango são um dos principais atrativos da cidade, até porque constituem uma das características mais afamadas da cultura argentina. São muitas as casas de espetáculos que apresentam shows variados de dança e música, muito procurados por quem faz turismo na cidade.

A cidade praticamente não dorme. Aproveite o dia para visitar museus, parques, praças, bairros, prédios históricos e monumentos. Tome um banho e relaxe vendo algumas das besteiras que há na TV portenha ou preciosidades como "Tumberos", um seriado sobre a vida na prisão. Saia para jantar entre 21h e 22h e, por volta de 1h ou 2h, já é hora de ir a uma (ou várias, em "peregrinação") boate. Na atualidade, Buenos Aires se converteu no atrativo turístico da comunidade homossexual mais importante da América Latina.

Entre os lugares turísticos mais importantes se encontram no Centro Histórico da Cidade, setor formado praticamente pelos bairros de Monserrat, San Nicolas e San Telmo.


Centro – Montserrat e San Nicolas

Casa Rosada - foto de Hanneorla em flickr
Casa Rosada
A cidade começou a se construir ao redor da Plaza Mayor, hoje Plaza de Mayo, onde as instituições administrativas da colônia estavam instaladas. A Plaza de Mayo é o centro cívico de Buenos Aires, onde se pode encontrar os principais edifícios institucionais da cidade. A Casa de Gobierno ou Casa Rosada, construída entre 1860 e 1880, o monumental Banco de La Nación, o Cabildo, onde se originou o primeiro governo pátrio em 1810, a Catedral de Buenos Aires, entre outros...

A Plaza foi cenário dos sucessos históricos mais relevantes. Presidentes e seus discursos, revoluções, reclamações obreiras, protestos sociais, rebeliões, caídas, a declaração da guerra com a Inglaterra, Eva Perón e uma lista interminável de acontecimentos decisivos para a nação. A leste da Praça pode-se observar a Casa Rosada, atual sede do Poder Executivo da Argentina, onde, antigamente, se encontrava o Forte. Uma dica legal é ver as trocas de guarda dos Granaderos de San Martín, entre 7h e 19h, em todas as horas ímpares.

Ao norte da Plaza se encontra a Catedral Metropolitana, de estilo neoclássico, com 12 colunas representando os 12 apóstolos. No seu interior, se encontra o mausoléu e restos do General Don Jose de San Martín, libertador do Chile e Peru. Logo ao lado, o Banco de La Nación. Outra importante instituição colonial, o Cabildo, está localizada a oeste e não se conserva em sua forma original já que parte de sua estrutura foi demolida para a abertura da Avenida de Mayo e a diagonal Julio A. Roca. Aqui se estabeleceu o primeiro governo pátrio, o primeiro antecedente de emancipação de Espanha, chamada a Revolución de Mayo, precisamente o dia 25 de maio de 1810 - por isso o nome da praça.

A Avenida de Mayo é considerada o Eixo Cívico, já que une a Casa Rosada com o Palácio del Congreso, sedes do Poder Executivo e do Poder Legislativo, respectivamente. Por esta avenida podem ser observados alguns edifícios de grande interesse cultural, arquitetônico e histórico: se encontram instalados a Casa da Cultura, o Palácio Barolo e o Café Tortoni, entre outros. Abaixo desta avenida, corre a Linha A do metrô de Buenos Aires que, ao ser inaugurado em 1913, se converteu no primeiro da Ibero-América. Ao chegar ao final da avenida, pode-se observar um conjunto de praças, entre elas a Plaza Lavalle, decoradas com vários monumentos e esculturas, entre as quais se encontra uma cópia assinada de O Pensador, de Rodin.

Entre outras atrações da região, estão a histórica Avenida Corrientes, imortalizada com o tango e seus cafés, livrarias e cinemas, o Obelisco, cartão-postal da cidade, e o belo Teatro Colón. Nas proximidades do teatro, encontra-se ainda a famosa Calle Florida, uma rua comercial de pedestres extremamente movimentada onde se encontra o luxuoso shopping Galerías Pacífico e o Centro Cultural Borges.

Em Montserrat, pode-se visitar, além disso, a Manzana de Las Luces. Ali se encontram alojados vários edifícios com grande valor histórico, como a Igreja Santo Inácio e a sede do Colégio Nacional Buenos Aires. Pode-se ainda observar os túneis ocultos que corriam a cidade durante a época colonial ou o edifício onde funcionou o Conselho Deliberante, de 1894 a 1931. Próximo à Manzana, estão ainda a Igreja de São Francisco e o Museu da Cidade.


Retiro

Torre de Los Ingleses - foto de Pachioca Lopez em flickr
Torre de Los Ingleses
No bairro de Retiro, que começa no fim da Calle Florida, está a estação de trem de mesmo nome, de onde se vai à Tigre e para os bairros menos turísticos da cidade, e, ao seu lado, a rodoviária de também mesmo nome, de onde se vai para qualquer lugar do país de ônibus. Passando por aqui, aproveite para comprar logo sua passagem de ônibus, caso vá viajar de ônibus para mais alguma cidade argentina ou da sul-americana.

Há vários monumentos e edifícios emblemáticos da cidade na região de Retiro, como os monumentos aos Caídos na Guerra das Malvinas ao General San Martín - na Plaza San Martín -, assim como a Torre de Los Ingleses - uma réplica do relógio Big Ben inglês - e o Edifício Kavanagh, um dos mais altos da cidade. Em volta da praça está ainda o bonito Palácio San Martín.


Puerto Madero

Puente de la Mujer - foto de Carlos Alkmin em flickr
Puente de La Mujer
Revitalizado há cerca de 9 anos, em plena região central da cidade, abriga atualmente o maior pólo de diversão portenha, que, para alguns, já tira o posto da Recoleta. Há vários restaurantes, cinemas, casas noturnas, lanchonetes e cafés, passeios, museus, o Iate Clube, hotéis e uma bela vista do rio e de novos pólos financeiros e residenciais de Buenos Aires. Bom para um passeio durante o dia também quando há tours locais.

O bairro conta ainda com um cassino, apesar de eles serem proibidos na província de Buenos Aires. A história do cassino é pitoresca: para driblar a lei, seus donos o instalaram dentro de um navio em Puerto Madero. Lá, ele não fica sediado no território de Buenos Aires, e, assim, responde às leis marítimas, que permitem o jogo.

Um acontecimento interessante é observar (depende da sorte) as pontes que, para dar passagem aos barcos, giram e encaixam-se nas laterais, ao contrário da grande maioria que se ergue.

Entre os restaurantes, há opções de massas, carnes (inclusive um brasileiro), peixes e buffets. Os cardápios ficam visíveis na frente dos estabelecimentos para consulta de preços e opções. Encontrar um lugar, no entanto, pode ser motivo de estresse. Uma tentativa é reservar antes. O povo argentino costuma sair para jantar a partir das 22h, especialmente às sextas e sábados.


San Telmo

Detalhe de feira de antigüidades em San Telmo - foto de skiba3 em flickr
Detalhe da feira de antigüidades em San Telmo
Marque na agenda portenha: domingo (e só) é dia de ir a San Telmo. É imperdível! A principal característica do bairro, é a concentração de antiquários e galerias de arte que deixam qualquer um com vontade de redecorar a casa. Apesar dos preços nem tão satisfatórios para o bolso brasileiro, San Telmo mantém o charme em mais de 30 antiquários, entre 200 pontos comerciais.Todo domingo, de manhã à tarde, a Plaza Dorrego de San Telmo é ponto obrigatório, dando espaço à Fería de San Pedro de Telmo. Não precisa comprar nada, mas vá, dê uma volta entre as barracas, onde vendem-se talheres, bandejas de prata, mesas, cadeiras, luminárias, moedas, tudo de época.

Por ser ponto de concentração turística, artistas se apresentam nas ruas, desde os dançarinos de tango até os que fazem performances de estátua viva, todos pintados de branco, prata ou dourado, em troca de uma moedinha. Nunca tente tirar fotos dos artistas sem deixar-lhes uma moeda, você pode ser ofendido por alguns, afinal, eles estão lá para ganhar a vida.

Além dos bares, cafés e restaurantes, San Telmo abriga também uma das mais tradicionais casas de tango de Buenos Aires, a El Viejo Almacén, que oferece jantar e show.

Encontra-se aqui, também, um complexo jesuíta formado pela igreja de Nossa Senhora de Belém, a Paróquia de San Pedro Telmo e o Museo Penitenciário "Antonio Ballve". O Museo Histórico Nacional e o Parque Lezama, onde foram alojadas várias esculturas e monumentos situam-se também na mesma área.


La Boca

Calle Caminito - foto de Daniel Korzeniewski em flickr
Calle Caminito
Reduto de criminalidade, o bairro da Boca é, para todo o mundo, um exemplo de maquiagem (ou seria revitalização?!). Formado por imigrantes italianos, em maioria, o bairro tem como característica principal às casas construídas com lata. São cortiços, na verdade, feitos com pedaços de navios em que chegaram os italianos no passado, como reza a história.

Revitalizadas (ou maquiadas?!) com ajuda do governo, algumas casas ganharam cores fortes e identificação em qualquer lugar do mundo. A sua rua mais famosa é a Caminito, que ganhou homenagens como nome de tango e é ponto turístico obrigatório. É um espaço turístico, e talvez a moeda de troca com a população local. Por estar na periferia de Buenos Aires, o bairro não é aconselhável à noite, pois tem becos muito escuros e perigosos, uma linha de trem assustadora e uma comunidade nem tanto amigável, segundo o que dizem.

No Éden Caminito, no entanto, a arte é efervescente. Há artesanato, telas de artistas locais e que vendem, por 10 pesos ou 30 pesos, quadros originais que podem servir de lembrança local. Lá também há dançarinos de tango pelas ruas e performistas que fazem estátua viva para divertir o público. Há músicos e uma espécie de display de madeira conhecidíssimo dos turistas, que podem simular que estão dançando tango na hora de fotografar.

Nas redondezas da rua, onde também é permitido ser turista, tem lojas que vendem quinquilharias para turistas, como chaveirinhos e coisinhas para levar para casa, bares e cafés para sentar e conversar.

No bairro, se encontra ainda a famosa sede do clube argentino mais famoso do mundo e de maior torcida no país, do Boca Juniors - La Bombonera. O bairro se transformou em palco da maior rivalidade no futebol argentino, contra o arqui-inimigo River Plate. Entrar no gramado da Bombonera é quase impossível, só abre em dia de jogo.


Recoleta

Cementerio de La Recoleta – foto de Daniel (pecado para dos) em flickr
Cementerio de La Recoleta
Um dos bairros mais legais, a Recoleta é imperdível, principalmente nos finais de semana devido à enorme feira de artesanatos, e por seus cafés e bares. Imitando Paris, possui grandes áreas verdes e fachadas em estilo francês. Apesar de ter perdido um pouco no setor de diversão para Puerto Madero, o charmoso bairro ainda concentra algumas construções de época e uma das ruas mais caras do comércio portenho.

A feira de antigüidades e artesanatos diversos, ótimos para escolher aquela lembrança, localizada na Praça da Recoleta, é ponto de parada obrigatória.

E, mesmo que possa parecer mórbido, entrar no cemitério da Recoleta é uma atração, no mínimo, pitoresca. Lá estão enterradas as principais figuras da história Argentina, entre elas, a talvez mais famosa, Eva Perón. Outro detalhe "interessante" são os caixões que ficam expostos, e não enterrados ou colocados em gavetas como de costume. Há uma tradição também que toda familia, ao sepultar um ente, que leve um gato, provavelmente para que este evite a proliferação dos ratos. Você notará um grande número destes animais lá.

É na Recoleta que fica o Hard Rock Café argentino, com sua lojinha de camisetas, bonés e moletons famosos que circulam por aí, bem como um shopping de design e móveis, interessante para os estudantes de arquitetura. O bairro também abriga o Museo Nacional de Bellas Artes, recheado de novidades e instalações em sua volta, prédios e monumentos, a embaixada do Brasil, a Biblioteca Nacional, o Centro Cultural Recoleta, a Faculdade de Direito da Universidade de Buenos Aires, a Basílica Nuestra Señora del Pilar, o Palais de Glace e o Bar La Biela.


Palermo

Jardín Japonés - foto de Adri Campuzano em flickr
Jardín Japonés
É um bairro residencial e de lazer, com muitas praças onde crianças brincam, amigos praticam esportes e famílias fazem piquenique. O bairro é dividido atualmente em dois - Palermo Soho e Palermo Hollywood. Hollywood abriga os restaurantes mais chiques e caros, já o Soho é mais animado, com muitos bares e feiras artesanais. O parque 3 de Febrero é um dos maiores e mais populares da cidade.

O Museu de Arte Latino-americano de Buenos Aires - o MALBA - é um dos mais importantes do país e se encontra no bairro de Palermo, onde também se situam os Bosques de Palermo, o Planetário, o Jardim Japonês e o Zoológico de Buenos Aires.


O Tango

Argentina é Tango. Buenos Aires é Tango. Aqui formou-se, aqui se toca, aqui se canta, aqui se dança. Bem-vindos á capital internacional do tango!!!

O Tango é a manifestação cultural e popular, mais relevante de Buenos Aires e da própria Argentina. É o selo da identidade argentina e da nostalgia dos portenhos. As suas letras e sons refletem à paixão, melancolia, sensualidade, às vezes ao drama, às vezes ao pranto, à alegria, emoção do que foi, do que podia ter sido; ou do que é, do que não é, ou do que será. O tango possui admiradores e fanáticos em todo o mundo.


Arredores

Tigre

Tigre - foto de Leonardo Caetano em Multiply
Tigre
A cidade de Tigre está localizada a 20 km da capital argentina. O destino faz parte de quase toda viagem à Buenos Aires, pois é uma cidade linda e de lá que partem os barcos para conhecer o Delta do Paraná, onde um conjunto de ilhas arborizadas podem ser vistas no passeio pelos vários braços do Rio Paraná. Para os interessados em ir ao Uruguai da Argentina, Tigre é a estação que faz a ligação com o país.

Além do passeio de barco, a cidade conta com uma arquitetura única, com um certo glamour antigo, dois museus - o Naval e o da Reconquista - e o Tigre Club, um belo edifício nos moldes de luxuosos hotéis europeus de dois séculos atrás.

O percurso do trem que sai de Retiro, em Buenos Aires, para a cidade dura cerca de uma hora, com duas opções - o Tren de La Costa, que percorre a costa de Buenos Aires com alguns cafés pelo caminho até Tigre, e o trem comum que para em diversas estações até a cidade. O Tren de La Costa parte da estação Bartolomé Mitre e é uma atração a parte. http://www.welcomeargentina.com/ciudadb ... costa.html


La Plata

Catedral Metropolitana de La Plata - foto de Enrique López-Tamayo Biosca em flickr
Catedral Metropolitana de La Plata
A cidade de La Plata é a capital da província de Buenos Aires e está localizada a 50 km de distância da capital federal Buenos Aires. A cidade foi construída com o objetivo de ser a capital provincial quando Buenos Aires se tornou a capital federal. Seu planejamento lembra muito o planejamento da cidade brasileira de Brasília.

Suas principais atrações são o Paseo del Bosque, com seu Museu de Ciências Naturais - primeiro na América Latina sobre o assunto -, a Plaza Moreno, com sua catedral que possui um museu dentro de uma cripta, e a Plaza San Martín com a Pasaje Dardo Rocha, um importante centro cultural da cidade que abriga cinemas e museus, entre outras atrações.


Mar del Plata

Mar del Plata - foto de Francisco Javier Sanz em flickr
Mar del Plata
A cidade de Mar del Plata é a principal opção do verão para os habitantes da cidade de Buenos Aires. Nessa época, a cidade fica lotada de turistas ocupando os imensos arranha-céus e pequenos edifícios de estilo pintoresco, além de lotarem casas noturnas e restaurantes. É o principal balneário do país com 8 km de praia. A cidade localiza-se a 400 km da capital Buenos Aires.

Entre as atrações imperdíveis da cidade, além da praia, está a Reserva de Lobos Marinos, uma colônia com centenas de lobos e leões-marinhos. Vale a pena conhecer também a Catedral, o Rambla Casino e o Hotel Provincial, o Torrón del Monje - uma imensa torre em forma de monge de onde se pode ter uma bela visão da praia.


San Antonio de Areco

Tradições Gaúchas - foto de animaginaria em flickr
Tradições Gaúchas
A cidade de San Antonio de Areco, ou apenas San Antonio, fica a cerca de 113 km da capital argentina e é um ponto turístico mais freqüentado por turistas europeus. É um grande centro de tradições dos pampas com famosos festivais tradicionais e bons artesãos. Andando pelas regiões um pouco mais afastadas do centro urbano, é fácil ver as tradições gaúchas no dia-a-dia de seus moradores.

A cidade com cara de cidade do interior bem cuidada também conta com atrativos que não são necessariamente ligados à cultura dos pampas, como o Centro Cultural Usina Vieja, o Museu da Cidade, o Parque Criollo e o Museu Gauchesco Ricardo Güiraldes, que reproduz uma velha estância. Há ainda algumas estâncias tradicionais que podem ser visitadas.
EDITOR » Argentina :: Bahia :: Chile :: Patagônia e Terra do Fogo

"As pessoas não fazem viagens, são as viagens que fazem as pessoas."
John Steinbeck
Avatar do usuário
leocaetano
Editor Mochileiros.com
Editor Mochileiros.com
 
Mensagens: 1548
Desde: 31 Jul 2006, 23:33
Localização: Rio de Janeiro

Qual é a boa?

Mensagem não lidapor leocaetano » 30 Nov 2008, 14:46

A Noite de Buenos Aires

Para conhecer Buenos Aires nada melhor que mergulhar em sua incansável vida noturna. Muitos acham a noite portenha uma das mais vibrantes, ativas e variadas do mundo. Na cidade que nunca dorme a noite tem seus próprios atrativos.

Tudo pode ser uma boa desculpa para o divertimento, desde livrarias abertas altas horas da noite, bares e pubs reunindo amigos, cinemas, restaurantes lotados e programas para continuar a noitada em boates desfrutando um show musical ou indo a teatros alternativos. A noite de Buenos Aires oferece múltiplas opções para viver e desfrutar tudo para qualquer idade, jovens e adultos. Não há dias fixos, pode ser qualquer dia da semana. Sextas e sábados são os mais agitados.

A noite inicia-se geralmente depois das 23 horas nos pubs e bares. As boates abrem tarde, geralmente, depois de uma da manhã. Os portenhos vão depois das 2h30 e ficam até as 7h. Outro atrativo importante da noite, são os espetáculos teatrais, clássicos e alternativos, com sessões de madrugada.

Entre as principais opções, estão boates, pubs e boliches – bares argentinos com música. Na Argentina, a opção mais em conta para entrar nas boates é a famosa “lista amiga”, normalmente válida até às 2h30, pois 3h é a hora que começam a encher. Depois de 7h da manhã é a hora do nosso tradicional “podrão” e, no caso de Buenos Aires, das cafeterias. Para voltar das noitadas, ônibus é uma opção muito comum, pois funcionam 24h, além dos tradicionais táxis, é claro.

Alguns locais para uma grande noite recomendados pelos mochileiros do fórum:

Carnal - Considerado um dos dez melhores bares de Buenos Aires, mas que atrai mais o público GLS, principalmente durante a semana. Vale fazer reserva. Palermo, http://www.carnalbar.com.ar

Club 69 – Boate GLS muito boa. Quem não é gay também curte bastante. Palermo, http://www.nicetoclub.com

Club Museum – Happy-hour com bom som, mas tem que chegar cedo, antes das 22h, pois começas às 19h. San Telmo

Crobar– Para quem curte música eletrônica, primeira filial internacional da boate norte-americana de Chicago. Palermo, http://www.crobar.com.ar

Cronico Bar – Happy-hour para tomar muita cerveja e, com algumas vezes, shows de rock ao vivo. Não é o mais badalado, mas está sempre cheio e com cervejas geladíssimas, raridade na Argentina. Palermo Soho

Frére – Ótima opção para a noite de Buenos Aires, talvez a mais típica delas pela musica, ambiente e freqüentadores. Muito bem localizada em um bairro super seguro para sair e pegar um táxi ou ir caminhando até o ponto de ônibus. Normalmente a entrada antes de 1h30é grátis. Las Cañitas

Jackie O. – Boliche de estilo norte-americano com 3 pisos, com música variando a cada dia da semana com bom preço e sempre cheio. Normalmente a entrada é grátis, menos sexta e sábado. É um ambiente tranqüilo, com sofás, mesas e uma pista pequena que fica lotada entre 4h e 5h aos sábados. Las Cañitas

Magno Bar & Lounge – Pub para ir acompanhado e tomar vinho nos sofás. Caballito, http://www.magno-bar.com

Maluco Beleza – Boate com bom ambiente para dançar a dois com muita música brasileira como pagode, axé, forró e, principalmente, o zouk. Por isso também é muito freqüentado por brasileiros. Centro

Mint Lounge – Três ambientes em cima de um píer no Río de La Plata com muita música eletrônica, mas os freqüentadores não são dos mais bonitos. Palermo, http://www.mint-argentina.com.ar

Opera Bay – Era a mais famosa, mas está fechada para os desavisados. Puerto Madero

Pacha – Uma das melhores de Buenos Aires. Som eletrônico, pessoas meio alternativas e não tão bonitas. Palermo, http://www.pachabuenosaires.com

Rey Castro – Boliche de salsa no melhor estilo cubano. San Telmo

Rumi Nightclub – Boliche de músicas locais lotado de pós-adolescentes com grana. La Pampa

Sahara – Tem 5 pisos, abrangendo desde música eletrônica a salsa e cumbia. Recoleta

Sunset Disco – Boate no estilo gafieira afastada da cidade, mas com muita gente bonita. Muito freqüentado por artistas, dançarinos, músicos e modelos portenhos. Olivos, http://www.sunsetdisco.com

Tequila – Boate frequentada pela alta classe portenha com muita música eletrônica geradas por renomados DJ's internacionais. Lugar altamente moderno com uma decoração exclusiva.
EDITOR » Argentina :: Bahia :: Chile :: Patagônia e Terra do Fogo

"As pessoas não fazem viagens, são as viagens que fazem as pessoas."
John Steinbeck
Avatar do usuário
leocaetano
Editor Mochileiros.com
Editor Mochileiros.com
 
Mensagens: 1548
Desde: 31 Jul 2006, 23:33
Localização: Rio de Janeiro

Restaurantes

Mensagem não lidapor leocaetano » 30 Nov 2008, 14:59

Onde Comer

Guia de Restaurantes e Bares de Buenos Aires
http://www.guiaoleo.com.ar/

A culinária argentina se caracteriza por muita carne, vinhos e empanadas, em grande parte devido aos italianos e espanhóis. As carnes, temperadas só com sal, quase sempre vêm sempre acompanhadas por batatas e saladas, além do tradicional pão. Entre as principais carnes, destacam-se o bife de chorizo (nosso contra-filé), lomo (nosso filé mignon), carne de cervo e de javali. Não deixe de provar a famosa parrillada.

Para enganar o estômago, há o super pancho – o cachorro-quente argentino – e as clássicas empanadas, uma espécie de pastel com massa fina e crocante. Para beber, não se pode deixar de provar a gaseosa (refrigerante) de pomelo e o mate, ou chimarrão para os não-gaúchos. A erva-mate utilizada na Argentina é diferente da utilizada no Brasil, pois é triturada e é mais forte e mais amarga do que a brasileira. E, falando de chá, o té russo ou, como é mais conhecido, té con leche, é uma mistura tradicional argentina, onde se coloca chá no leite. É muito bebido no café-da-manhã assim como as também clássicas media lunas, espécie de croissant argentino.

Os doces argentinos também são uma atração de Buenos Aires. O dulce de leche é maravilhoso e os alfajores também! Os clássicos são os da Havanna e, entre os mais baratos vendidos em qualquer esquina, os da Jorgelín são bons. Os sorvetes argentinos também são excelentes, entre eles os sabores de dulce de leche da Freddo e de cassis da Munchi’s.

Nos restaurantes, o almoço é servido a partir das 13h e o jantar a partir das 21h. Muitos estabelecimentos oferecem refeições rápidas a toda hora.

Alguns restaurantes recomendados pelos mochileiros do fórum:

AcaBar – Bar agradável com jogos de mesa bem legal para ir com os amigos. Se pode comer uma boa e barata comida caseira, jogar um pouco e depois ir a um dos boliches próximos. Vive lotado. Palermo

Arturito – Restaurante clássico de comida argentina, como bife de chorizo, paella e milanesas. Bom e barato. Centro

Bahia Madero – Restaurante muito bacana e não tão abusivo. Puerto Madero, http://www.bahiamadero.com

Catalinas – Restaurante de ambiente familiar, típico e com garçonetes muito simpáticas, além de barato! Uma dica é a napolitana con papas. San Telmo

El Claustro – Restaurante dentro do convento de Santa Catalina, super agradável, tranqüilo e com uma comida muito bacana... Especializado em cozinha internacional. Centro

El Desnível – Restaurante especializado em parrilla. Tem ótimas porções de milanesas e é muito bem freqüentado, além de ter uma das cervejas mais baratas dos restaurantes argentinos. San Telmo

El Gauchito – Restaurante minúsculo com preços bem legais. Você escolhe a carne e um acompanhamento. O copo de vinho é barato, assim como as empanadas. San Telmo

El Hipopótamo – Restaurante com pratos de massa graciosos e deliciosos muito barato. San Telmo

El Mirasol – Restaurante muito bom e caro, mas possui um bife mariposa sem igual e vale cada centavo. Puerto Madero, http://www.elmirasol.com.ar

El Obrero – Restaurante clássico fundado em 1954. Fica um pouco escondido, mas vale a pena pelo clima mais informal. Os pratos mais famosos do lugar são o “bife mariposa con papas a la provenzal”, “puchero a la española”, “ravioles de albahaca con masa de espinacas” e “rellenos de muzzarella y parmesano”. La Boca

El Palacio de La Papa Frita – Restaurante famoso que impressiona, pois vive cheio de brasileiros. Suas batatas fritas são as melhores de Buenos Aires, mas o restaurante não vale o preço, pois o atendimento é ruim e a carne não possui um preço tão bom. Centro e Palermo, http://www.elpalacio-papafrita.com.ar

El Preferido de Palermo – Restaurante no melhor estilo cantina no almoço e um boteco com picadas deliciosas, conservas e outros aperitivos no resto dos dias. Palermo

Gran Parrilla del Plata - Restaurante de ótimo custo benefício. Não é turístico, ao contrário, é muito freqüentado por portenhos mesmo. Entretanto, a carne é excelente, principalmente a morcilla con papas bravas – batatas assadas com molho de tomate bem apimentado. Vale chegar cedo, pois por volta de 22h fica lotado. San Telmo

Il Gatto – Restaurante italiano com preço razoável e comida muito boa. Centro e Puerto Madero, http://www.ilgatto.com.ar

La Americana – Restaurante com a melhor empanada de Buenos Aires. Possuem pizza também. Congreso

La Cabalerizza – Restaurante ótimo para comer carnes com melhor preço que outros restaurantes no mesmo bairro. Experimente a tapa de quadril deles. Puerto Madero, http://www.lacaballerizapuertomadero.com

La Puerto Rico Café – O mais saboroso café preto de Buenos Aires. Centro

La Ventana de Willy – Lanchonete onde tortas, medialunas, empanadas – destaque para a de queijo com cebola – e sanduíches triplos maravilhosos são a especialidade da casa, inclusive com entrega em domicílio. Os sorvetes também são especiais principalmente o de frutas vermelhas. Belgrano

Lanchonete Lito’s – Lanchonete com opções bem em conta, como pizzas de mussarela, sanduíches de milanesa, hamburguesas e empanadas. Centro

Los Sabios – Restaurante famoso com comida muito boa e barata, do tipo tenedor livre , ou seja, pague pouco e coma até estourar. Almagro

Maizales – Restaurante com buffet de comida variada muito bom para comer bem e por um bom preço. Belgrano e Caballito, http://www.ggba.com.ar/maizales/entrada.html

Siga a La Vaca – Restaurante de rodízio de carnes, com churrasco e salada livre e mais um litro de refrigerante ou vinho. Lembre-se que o melhor corte é o lomo. Puero Madero, http://www.sigalavaca.com

Solo Empanadas – Rede de empanadas que há na cidade inteira. Barata e muito boa. www.soloempanadas.com

Sottovocce – Restaurante para jantar a dois, no melhor estilo romântico. Vale reservar com antecedência. Puerto Madero e Centro, http://www.sottovoceristorante.com.ar

The Grants – Restaurante de cozinha internacional no estilo “all you can eat”, ou seja, você come a vontade e é muito bem atendido por um bom preço. Suas especialidades são parrilla e shushi. Recoleta

Ugi’s – Rede de pizzaria que há em toda a cidade e só possui duas opções, pizza de mussarela com ou sem cebola, mas é muito barata. Uma pizza grande dá para quatro pessoas comer e a pizza ainda pode ser comprada por partes: ¼, ½ ou inteira. E a pizza até que não é tão ruim assim... Vale lembrar que não tem ketchup, mostarda, pratos nem talheres – o negócio é comer na mão!
EDITOR » Argentina :: Bahia :: Chile :: Patagônia e Terra do Fogo

"As pessoas não fazem viagens, são as viagens que fazem as pessoas."
John Steinbeck
Avatar do usuário
leocaetano
Editor Mochileiros.com
Editor Mochileiros.com
 
Mensagens: 1548
Desde: 31 Jul 2006, 23:33
Localização: Rio de Janeiro

Hospedagem

Mensagem não lidapor leocaetano » 30 Nov 2008, 15:00

Onde ficar

ALBERGUES

::cool:: ::cool:: ::cool:: Albergues mais recomendados pelos mochileiros no fórum:
Hostel Suites Florida - http://www.suitesflorida.com, Centro
Milhouse - http://www.milhousehostel.com, Centro
Portal del Sur - http://www.portaldelsurba.com.ar, Centro

::cool:: ::cool::Albergues recomendados pelos mochileiros no fórum:
06 Central Hostel - http://www.06centralhostel.com, Centro
Hostel Alkimista - http://www.alkimistahostel.com, Centro
Hostel Colonial - http://www.hostelcolonial.com.ar, Centro
Hostel Estoril - http://www.hostelestoril.com.ar, Centro
Hostel Parada - http://www.hostelparada.com, Centro
Hostel Suites Obelisco - http://www.hostelsuites.com/hostel.php? ... s+Obelisco, Centro
Lime House Youth Hostel - http://www.limehouse.com.ar, Centro
Milhouse Avenue - http://www.milhousehostel.com, Centro
St. Nicolas Hostel - http://www.snhostel.com, Centro
Sudamerika Hostel - http://www.sudamerikahostel.com.ar, Centro e Recoleta

::cool:: Albergues citados pelos mochileiros no fórum:
America del Sur Hostel - http://www.americahostel.com.ar, San Telmo
Borges Design Hostel - http://www.bdhostel.com, Palermo Soho
Buenos Aires V&S Hostel Club - http://www.hostelclub.com, Centro
Hostel Carlos Gardel - http://www.hostelcarlosgardel.com, San Telmo
Casa Buenos Aires - http://www.casabuenosaires.com.ar, Palermo
Clan House Bed & Breakfast - http://www.bedandbreakfastclan.com.ar, Centro
El Firulete Downtown - Centro
GardenHouse - http://www.gardenhouseba.com.ar, San Telmo
Giramondo - http://www.hostelgiramondo.com.ar, Palermo Viejo
Home Sweet Home - San Telmo
Hostel Garden House - http://www.gardenhouseba.com.ar, San Telmo
Hostel OK San Telmo - http://www.sthostel.com, San Telmo
Hostel One - http://www.hostelone.com, San Telmo
Hostel Sol - http://hostelsol.com.ar, San Telmo
Students House BA - http://www.studentsba.com, Centro

Albergues não recomendados pelos mochileiros no fórum:
Amable Buenos Aires Hostel - http://www.amableba.com.ar, Centro
Art Factory Hostel - http://www.artfactoryba.com.ar, Centro
Avenue Hostel - http://www.avenuehostel.com.ar, Centro
Ayres Porteños - http://www.ayresportenos.com.ar, San Telmo
B.A. Stop - http://www.bastop.com, Centro
Che Lagarto - http://www.chelagarto.com, San Telmo
Down Town Mate - http://www.downtownmate.com.ar, Centro
El Cachafaz - http://www.elcachafaz.com.ar
Estoril Terrazas - Centro
La Casa Fitz Roy - http://www.lacasafitzroy.com, Palermo
Gecko Hostel - http://www.geckohostel.com.ar, Palermo
Hostel Inn Tango City - http://www.hostel-inn.com/?idioma=2&sec ... e4=0&id4=0, San Telmo
Hostel Nómade - http://www.hostelnomade.com, San Telmo
Kaixo Hostel Central - http://www.kaixobuenosaires.com, Centro
Kilca - http://www.kilcabackpacker.com, Centro
La Rocca Hostel - http://www.laroccahostel.com, Recoleta
Milonga Hostel - http://www.milongahostel.com.ar, Recoleta
Palermo House Hostel - http://www.palermohouse.com.ar, Palermo
Palermo Suites - http://www.palermosuites.net, Palermo
Pangea Hostel - http://www.pangeahostel.com.ar, Centro
Posada de La Luna - http://www.posadaluna.com, San Telmo
Posta del Barto - Centro
Puerto Limón Hostel - http://www.puertolimonhostel.com, Centro
Sabatico Hostel - http://www.sabaticohostel.com.ar, San Telmo
Sandanzas - http://www.sandanzas.com.ar, San Telmo
Tango Backpackers - http://www.tangobp.com, Palermo
Telmotango - http://www.hostelmotango.com, San Telmo
The Clan House - http://www.bedandbreakfastclan.com.ar, Centro
The Recoleta Hostel - http://www.trhostel.com.ar, Recoleta
Youth Hostel Buenos Aires Suites Palermo - http://www.hostelsuitespalermo.com, Palermo


HOTÉIS ECONÔMICOS

::cool:: ::cool::Hotéis recomendados pelos mochileiros no fórum:
Alcazar - Centro
America Studios - Puerto Madero
Argentina Tango Hotel - http://www.atangohotel.com, Centro
Avenida - Centro
Carlos Via - http://www.carlosvia.com, Abasto
Dolmen - http://www.hoteldolmen.com.ar, Centro
Europa - http://www.eurohotel.com.ar, Centro
Gran Hotel España - Centro
Hotel Chile - http://www.hotelchilebsas.com.ar, Centro
Ibis - http://www.accorhotels.com.br/guiahotei ... _hotel=258, Centro
Regis - http://www.orho-hoteles.com.ar/regis, Centro
Turista - Centro
Uruguay - San Telmo
Vida Baires Hotel - Centro

::cool:: Hotéis citados pelos mochileiros no fórum:
Alba - Mar de Ajo
Apart Hotel & Spa Congreso - http://www.apartcongreso.com.ar, Centro
Dazzler Suites Arroyo - http://www.dazzlersuitesarroyo.com, Retiro
El Cabildo - http://www.hotelelcabildo.com, Centro
Facón Grande - http://www.hotelfacongrande.com, Centro
Hotel Cecil - Centro
Hotel Cevallos - http://www.cevalloshotel.com.ar, Centro
Hotel de Las Luces - http://www.hoteldelasluces.com.ar, San Telmo
Hotel Madrid - http://www.hotelmadrid.com.ar, Centro
Hotel Orly - http://www.orly.com.ar, Centro
Hotel Splendid - http://www.hotel-splendid.com.ar, Centro
Maipú - Centro
Marbella - http://www.hotelmarbella.com.ar, Centro
Marriott Plaza Hotel Buenos Aires - http://www.marriott.com/hotels/travel/b ... enos-aires, Centro
Milán - http://www.milanhotel.com.ar, Centro
Mitre Suites - Caballito
Novel - http://www.novelhotel.com.ar, Centro
O'Rei - http://www.hotelorei.com.ar, Centro
Orleans Hotel - http://www.orleanshotel.com.ar, Centro
Reina - http://www.reinahotel.com, Centro
Ritz Hotel - http://www.ritzbuenosaires.com, Centro
Sheraton Buenos Aires - http://www.starwoodhotels.com/sheraton/ ... ertyID=260, Centro

Hotéis não recomendados pelos mochileiros no fórum:
Broadway Hotel & Suites - http://www.broadway-suites.com.ar, Centro
Hotel Colón - http://www.colon-hotel.com.ar, Centro
Hotel Posta Carretas - http://www.postacarretas.com.ar, Centro
Obelisco Center Suites - http://www.obeliscohotel.com.ar, Centro
Viamonte Buenos Aires Apart - Centro
Waldorf - http://www.waldorf-hotel.com.ar, Centro
EDITOR » Argentina :: Bahia :: Chile :: Patagônia e Terra do Fogo

"As pessoas não fazem viagens, são as viagens que fazem as pessoas."
John Steinbeck
Avatar do usuário
leocaetano
Editor Mochileiros.com
Editor Mochileiros.com
 
Mensagens: 1548
Desde: 31 Jul 2006, 23:33
Localização: Rio de Janeiro

Tópicos Relacionados

Mensagem não lidapor leocaetano » 30 Nov 2008, 15:02

EDITOR » Argentina :: Bahia :: Chile :: Patagônia e Terra do Fogo

"As pessoas não fazem viagens, são as viagens que fazem as pessoas."
John Steinbeck
Avatar do usuário
leocaetano
Editor Mochileiros.com
Editor Mochileiros.com
 
Mensagens: 1548
Desde: 31 Jul 2006, 23:33
Localização: Rio de Janeiro

Créditos

Mensagem não lidapor leocaetano » 30 Nov 2008, 15:04


Portal Oficial de Turismo da Cidade de Buenos Aires
http://www.bue.gov.ar

Oh! Buenos Aires!
http://www.ohbuenosaires.com

Wikipédia
http://pt.wikipedia.org

Mochileiros
http://www.mochileiros.com
EDITOR » Argentina :: Bahia :: Chile :: Patagônia e Terra do Fogo

"As pessoas não fazem viagens, são as viagens que fazem as pessoas."
John Steinbeck
Avatar do usuário
leocaetano
Editor Mochileiros.com
Editor Mochileiros.com
 
Mensagens: 1548
Desde: 31 Jul 2006, 23:33
Localização: Rio de Janeiro

Dicas Gerais

Mensagem não lidapor maykon_ciuffi » 24 Jun 2011, 14:13

Bagagem
:arrow: Quem viaja de avião pode trazer, no máximo, US$ 500 em mercadorias sem ter de pagar taxas. Mas o valor máximo permitido em compras em viagens terrestres, fluviais ou lacustres diminui para US$ 300 – (Não entram nestas contas roupas, artigos de higiene, beleza ou maquiagem e calçados para uso próprio, em quantidade e qualidade compatíveis com a duração e a finalidade da permanência no exterior, nem livros, folhetos e periódicos em papel).

:arrow: Passageiros com destino ao exterior partindo de aeroportos brasileiros poderão levar apenas líquidos como gel e aerossol, transportados em frascos de até 100 mililitros. Medicamentos líquidos também estão liberados com apresentação da prescrição médica. Bebidas e perfumes lacrados adquiridos nos free-shops estão autorizados.

:arrow: Em Suma as companhias aéreas possuem uma taxa de bagagem de 23 quilos, na aerolineas é 20 quilos, tome cuidado com isto.


Requisitos para entrar no país

Os visitantes brasileiros não necessitam de visto de entrada nem passaporte para entrar na Argentina. Basta a carteira de identidade original com menoos de 10 anos de validdade a carteira de habilitação em dia é válida como documento. Ao chegar deverão preencher uma tarjeta de turismo para apresentar junto com o passaporte ou carteira de identidade, aconselho a levar já uma caneta para evitar a fila de espera da mesma, vais economizar já ai uns 10 minutos. Referente a carteira de identidade leve sempre uma que estejas parecido com a foto, facilita.
nos links abaixo esta as informaões na integra.
http://www.jusbrasil.com.br/diarios/155 ... 2009-pg-61
http://www.jusbrasil.com.br/diarios/155 ... 2009-pg-62

resumindo caso alguem nao consiga abri-lo:
O acordo firmado em 19/11/2009 no Diario Oficial da Uniao estabelece que :

A CNH é valida para todos os Brasileiros;
A CNH é valida APENAS por 72 horas;
A CNH é APENAS para quem cruza a ponte Tancredo Neves que liga a cidade de Foz do Iguaçu-BR e Puerto Iguassu-AR; NÃO vale para outra fronteira.
A CNH é valida APENAS para o “Corredor Turistico Iguaçu” isto é, apenas para a região de Foz do Iguaçu e Puerto Iguassu; NÃO vale para que passa pela região e adentre para o interior da Argentina;

O BR e a AR poderão exigir outro documento de identificação em caso de eventuais duvidas;
Portanto caso resolva fazer turismo na Argentina por qualquer fronteira a melhor opção é o RG e o passaporte.


Telefones úteis:

Assistência ao Turista: 0800-999-2838

Delegacia do Turista:
Atende consultas em inglês, italiano, francês, português e ucraniano.
4346-5748 / 0800-999-5000 / 4514-4253
Corrientes, 436
turista@policiafederal.gov.ar

Defensoria do Turista:
Também pode se comunicar com a Defensoria do Turista.
4302-7816
Av. Pedro de Mendoza, 1.835, (Museu de Belas Artes “Benito Quinquela Martín”), La Boca
Segunda a domingo, 0h às 18h

Polícia: 101

Emergência – Defesa Civil: 103

Embaixada do Brasil na Argentina: 4515-2401. Calle Cerrito, 1.350

Consulado Geral do Brasil em Buenos Aires: 4515-6500
Carlos Pellegrini, 1.363, Retiro
diversos@interprov.com.ar
http://www.brasil.org.ar

Emergências Médicas:
O serviço de ambulâncias para emergências (SAME) é gratuito.

AME - Ligação gratuita - 107
Os hospitais públicos que estão à disposição do turista atendem urgências durante as 24 horas do dia de forma gratuita.


Financeiro

Ainda não sabe qual moeda levar? Fácil. Não se preocupe. Buenos Aires possui dois aeroportos (Ezeiza e Aeroparque).

Ezeiza

Caso seu destino seja o Ezeiza não se preocupe em trocar dinheiro no Brasil, leve tudo em reais e troque na agência do banco La Nacion que existe no aeroporto, mas cuidado existe no aeroporto duas agências de cambio, procure sempre e sempre mesmo a agência do banco La Nacion existe no aeroporto.

Aeroparque

Diferente do Ezeiza não possui uma agência do La Nacion no aeroporto, só aquela agência de cotação horrível. Sendo assim aconselho a levar pelo menos uns cem reais em pesos para seu primeiro dia na cidade, assim que puder vá ao centro e troque seu dinheiro lá, pois a cotação é incrivelmente melhor. Acompanhe a cotação das casas de cambio em Buenos Aires pelo site http://dolarhoy.com. O Site alem das cotações mostra os endereços, aproveitem.

Tax Free

O governo argentino cobra de imposto 21% sobre os produtos vendidos em seu território onde podem ser devolvidos 16% para aqueles que vão levar seus produtos para o exterior. Para isso, é exigido um mínimo de ARG$ 70 por compra, em produtos fabricados no país. Não há prazo para se obter a devolução que é feita através de cheque ou creditado no cartão de crédito. Há postos de atendimento Tax Free Shopping em aeroportos e em centros urbanos.


Lembretes:

:arrow: A maioria das casas de cambio funcionam de segunda a sexta, as cotações do final de semana são horríveis. Horário de funcionamento 10 as 17Hs.

:arrow: Para troca de moeda levar identidade e papel de entrada no país dado pela alfandega.

:arrow: Peso ($). Notas de 2, 5, 10, 20, 50 e 100 pesos. Moedas de 5, 10, 25, 50 centavos e de 1 peso. Todas as bandeiras de cartões de crédito são aceitas.

:arrow: Para ter direito ao reembolso do Tax Free compre em lojas que possuem o adesivo e peça sempre o cupom do taxi free. Na hora de trocar o cupom por dinheiro no aeroporto sempre chegue bem cedo, pois as filas são imensas.

:arrow: Compre um Money belt ou doleira como alguns chamam para carregar seu dinheiro com mais segurança.

Compras em Buenos Aires

Quando estamos no centro de Buenos Aires e pensamos em compras vem logo a cabeça a calle Florida e as Outles da Rua Santa fé.

Na Calle Florida nº 753, você encontra um dos Shoppings mais populares de Buenos Aires, as Galerías Pacífico. Possui mais de 100 lojas, como a Ralph Lauren, Sony Style (ótimo para comprar baterias e cartões de memória originais) e a Nike. Estando lá, não deixe de tomar um sorvete Freddo de dulche de leche ou chocolate nas suas diversas variações (eu recomendo muito o de chocolate com brownie). No sub-solo um lindo chafarriz onde você pode descansar ao lado e curtir o ambiente tranquilo. Funciona de segunda à sábado de 10 às 21hs e nos domingos de 12 às 21hs. Prefira ir lá no período da noite, quando as lojas da Calle Florida já fecharam e as melhores opções de compras são os shoppings

Claro que vamos buscar ao máximo nesses locais os melhores produtos, mas deixo a ver que são locais para turistas, já se pergundou aonde os portenhos compram ??

No El Once uma das zonas mais cosmopolitas e intensas da cidade. encontra-se as lojas de confecções e comércio popular. Ali convivem pacificamente judeus, árabes, chineses, peruanos, bolivianos, armênios, coreanos em cerca de 3000 lojas atacadistas e varejistas de todos os tipos.Também é onde se pode comprar tecidos. Desenvolvido em torno da Estação ONCE tem como eixos principais a Avenida Pueyrredon e as Calles Corrientes, Rivadavia e Belgrano. A região abriga também o shopping Abasto. Subtes A,B e H.

:arrow: Galerías Pacífico (Florida 735 esquina Av. Córdoba): Boas lojas, bons preços

:arrow: Passage de la Defensa (Defensa 1179 – San Telmo): Galeria de brechós

:arrow: Feira Plaza Serrano (entre Serrano e Honduras, Palermo): Camisetas, artê, bares

:arrow: Lacoste (Gurruchaga 1637)

:arrow: Stock Center
Av. Santa Fe 3253 (Alto Palermo Shopping Center), Av. Corrientes 3247(Abasto Shopping Center).

:arrow: Nike Shop
Av. Corrientes 3247 (Abasto Shopping ), Florida 737 (Galerías Pacifico), Avenida Santa Fe 1665, Pierina Dialessi 360, Dique IV e Puerto Madero Este.

:arrow: Falabella - Calle Florida
Loja de Departamento

Compras de Couro

Calle Murillo, no trecho entre a Avenida Scalabrini Ortiz e Gurruchaga. Não esperem uma quantidade interminável de lojas. São apenas uns quatro quarteirões. É possível que a Calle Florida tenha mais lojas, com mais variedade. Mas sem o precinho campeão que tem aqui.
Uma jaqueta de couro bacana pode estar entre 400 e 800 pesos, dependendo do modelo.

As melhores lojas são a Patagonia Cueros, a Murillo 666 e a Reza Duro. A maioria das lojas aceita dólares e cartão. Mas pagando em dinheiro (pesos) você pode ter um abatimento de 10%. Fora isso, os vendedores das lojas não caem no joguinho de pechinchar. Eles sabem que já têm o melhor preço da cidade e não vão fazer nenhum descontinho extra não.

Para chegar até essa zona de Outlets, vindo do Centro da cidade, é só pegar a linha B do metrô (vermelha) sentido Los Incas e descer na estação MALABIA. Caminhando por Malabia, são três quadras até a Murillo. Se você está em Palermo, dá para ir andando, tranquilo.


OUTLET

A Florida é interessante para comprar, mas preço baixo você vai encontrar nas outlets de Buenos Aires. Na própria av. Santa Fé há algumas lojas.

:arrow: Na Avenida Córdoba a partir do 4200 (altura da Av. Scalabrini Ortiz) encontram-se os outlets das marcas argentinas renomadas.

:arrow: Lacoste Outlet - Aguirre 875,

:arrow: Adidas Outlet - Av. Santa Fe 3253 (Alto Palermo Shopping ), Av. Corrientes 3247 (Abasto Shopping), Florida 737 (Galerías Pacifico).

:arrow: Puma Outlet - Av. Santa Fe 3253 (Alto Palermo Shopping).

:arrow: Hugo Boss - Shopping Patio Bullrich, Av Del libertador , 750, com Posadas, Recoleta

:arrow: Jeans DIESEL - Calle El Salvador e Gurruchaga, Palermo Soho

:arrow: Calvin Klein - Florida 787, Microcentro-4814 0696 subte Florida Línea B

:arrow: Christian Dior Outlet - Lafinur 3057,

:arrow: Adidas - Malabia 1720, Palermo Viejo, 4831-0090

:arrow: Armani - Av Alvear 1750, Recoleta

:arrow: Levis outlet - Córdoba 4654. http://www.levis.com.ar


Dicas:

:arrow: No Once o melhor lugar é entre a avenida Corrientes que vai de Callao a Pueyrredón.

:arrow: Não vá empolgado com as Outlets, muitas vezes tem que se garimpar muito pra achar algo que vala pena.

:arrow: O free Shop Argentino é o melhor lugar para compra de perfumes e cosméticos.

:arrow: Santa fé um shopping a céu aberto.


:arrow: Os aeroportos de Buenos Aires combram algumas taxas que muitas vezes não estão vinculadas as passagem, vale apena questionar isto junto a companhia aérea.


:arrow: Na cidade em suas bancas também possui o “GUIA T” custa mais ou menos uns 7 pesos e te ensina a entender as linhas de ônibus entre outros.

:arrow: Cuidado com seus aparelhos nas tomadas, a tensão elétrica é de 200 Volts e as tomas de três pinos.

:arrow: Compre sempre um cartão telefonico, assim economizaras nas ligações. Argentina é o 54 e o código de Buenos Aires é 11. Se ainda não sabe Brasil é o 55.

:arrow: Acompanhe por meio do site saveme.com as ofertas coletivas de Buenos aires, pode lhe economizar nas refeições.
Editado pela última vez por MauroBr. em 14 Dez 2011, 22:51, em um total de 3 vezes.
Razão: atualização da carteira de identidade e motorista
"ACREDITAR é o primeiro Passo para qualquer CONQUISTA!!!"

Gostou da resposta? SIM ou NAO.....vote ao lado ------->
Vejas minhas mochiladas em http://citytourmochileiro.blogspot.com/

Meus Post's recentes:
- Florianópolis - Perguntas e Respostas - florianopolis-perguntas-e-respostas-t20756.html

Relatos e Dicas
- Viagem Express - MDV, Punta, Buenos Aires e Zoo de Lujan - viagem-express-montevideu-punta-piriapolis-buenos-aires-e-zoo-de-lujan-t62431.html
- Salvador e Praia do Forte - Agosto de 2011 - salvador-e-praia-do-forte-agosto-de-2011-t59214.html#p623757
- 5 Dias de Carro Pela Serra Gaúcha !! - 5-dias-de-carro-pela-serra-gaucha-t58803.html#p620550
- Mini guia resumido de Buenos Aires 2011 - buenos-aires-guia-de-informacoes-t15670.html
Avatar do usuário
maykon_ciuffi
Colaborador
Colaborador
 
Mensagens: 124
Desde: 20 Fev 2009, 23:25
Localização: Floripa/Sc

Re: Buenos Aires - Guia de Informações

Mensagem não lidapor MauroBr. » 02 Dez 2011, 11:47

Aeroporto de Ezeiza e Aeropark

Aeroporto Internacional Ministro Pistarini
Aeroporto Internacional de Ezeiza, ou simplesmente Ezeiza.Situa-se na cidade de Ezeiza grande Buenos Aires a 35 quilômetros de centro do centro da cidade.
O Aeroporto tem três terminais: O Terminal A é utilizado pela maioria das companhias aéreas internacionais e Terminal B é reservado para Aerolíneas Argentinas e outras companhias aéreas nacionais. São próximos uns dos outros, por isso, é acessível a pé.
O terminal –C- é para cargas.

A taxa de embarque para passageiros de vôos internacionais que partem do Aeroporto de Ezeiza é de US$ 41,50 (Dólar, US$), enquanto a taxa de embarque doméstico é de $15,50 + IVA [pesos Argentinos] (Ref: 11/09/10 http://www.orsna.gov.ar/usuarios/tasas.asp ). Para os países limítrofes com distância de vôo menor que 300 Km, como o Uruguai, a taxa de embarque é de US$ 21,40. Em adição ao serviço de Ezeiza, há também vôos domésticos e internacionais para o Uruguai a partir do Aeroparque Jorge Newbery, que fica ao norte de Buenos Aires, próximo ao Rio da Prata.
Site web oficial: http://www.aa2000.com.ar

Tel.: +54 (0)11 5480-6111


Transporte Público
Ônibus, shuttles, táxis e remises comunicam o aeroporto à cidade. As empresas privadas Transfer-Express, Manuel Tienda León http://www.tiendaleon.com/home/home.asp , World Car y Vip Cars cobrem o trajecto entre Ezeiza e Buenos Aires. (Tempo de viagem: 45 minutos). Tienda León tem uma rodoviária propia e fica perto da rodoviária central Retiro. O aeroporto Buenos Aires Ezeiza tem ligações para vários outros lugares e ao Aeroparque Jorge Newbery (aeroporto de cabotagem), localizado na mesma cidade. A linha 8 de ônibus (ex linha 86) ramal "Aeropuerto" vai até o aeroporto e retorna ao centro da cidade (plaza de mayo) passando por Gral. Paz, Liniers, Caballito, e La Boca. Além disso, as linhas 394, 502 e 51 também chegam ao aeroporto. As paradas de táxis e remises (táxi diferencial) estão fora dos terminais do complexo.
Taxi o preço fica em torno de 130 pesos de preferência para carros oficiais, reserve dentro do Aeroporto.
Cuidados especiais:
Relacione principalmente o número d as notas de 100 pesos, existem alguns motoristas que recebem a nota e na hora do troco, trocam as mesmas por falsas, pode acontecer em restaurantes também, não custa tomar este cuidado, e também sempre mostrar a nota ao motoristas, alguns também trocam alegando que foi dato valor a menos na corrida. São cuidados que devem ser tomados para evitar aborrecimentos.
Na rua cuidar com trombadinhas, guardar o dinheiro em lugar seguro, assim como a câmera filmadora etc. sempre com a correia no pescoço e/ou enrolada na mão.

Serviços
Existem balcões de locação de automóveis das mais reconhecidas companhias na área de arribos (Avis, Alamo, Hertz, Localiza, Vip Car, World Car).
O aeroporto de Ezeiza proporciona serviços bancários 24 horas nas chegadas do Terminal A, lojas de câmbio e caixas automáticos (ATM) na área de chegadas do terminal internacional. Sala Vip, serviços de telefonia móvel, telefones públicos e Internet Wi-Fi em ambos os terminais.
Comer e Beber - restaurantes, cafés, petiscos, comidas rápidas e bares
Banco La Nacion senpre tem as melhores cotações esta localizado na saída do Aeroporto, normalmente tem fila.
Para verificar a cotação do dia
http://www.bna.com.ar/
www.dolarhoy.com

Compras - Ele também oferece várias lojas, algumas livre de impostos (free shops) na área de Partidas e Chegadas em ambos os terminais, lembranças, artesanato, roupa, livros, jóias, quiosques de jornais e cigarros.

Bagagem - O setor de Achados e Perdidos se encontra no posto da polícia aeronáutica. Há carrinhos e também serviço de proteção de bagagem nas chegadas e partidas dos terminais.

Outros serviços - Farmácia e primeiros socorros no Terminal A, entre outras amenidades. Cada terminal tem um balcão de informações gerais e turísticas na zona das chegadas. Além disso, existem voluntários fardados que são encontrados em todo aeroporto para ajudar ao passageiro, telefone e linhas directas para comunicar os balcões com os passageiros. O aeroporto também fornece informações sobre os voos a partir de Aeroparque Jorge Newbery para aqueles que precisam de combinar voos de cabotagem.

Instalações para deficientes - Existem rampas e banheiros, telefones para surdos e mudos, entre outros serviços. Cadeiras estão disponíveis (reserva prévia com a companhia aérea )

Estacionamento - O aeroporto de Ezeiza tem dois lotes de estacionamento. Um setor de vários andares cobertos e os outros ao ar livre no Terminal A, e não há distinção entre curta e longa estadia. Há espaços reservados para deficientes. No site oficial do aerporto, podem ser encontradas através do formulário, as tarifas e disponibilidade de estacionamento, com base no modelo de veículo, o tempo de estacionamento, a duração da estadia e Terminal. Os primeiros 15 minutos são grátis.

Hotéis - Nas adjacências do aeroporto de Ezeiza (5 minutos) encontra-se a Posada de las Aguilas http://www.posadadelasaguilas.com/ , e oferece transporte grátis 24 horas, para os seus hóspedes de e para o complexo.


http://www.aa2000.com.ar/cambiomoneda.aspx
http://www.aeroportosdomundo.com/americ ... egadas.php

Aeroporto Jorge Newbery - Aeroparque


Localização
O aeroporto está localizado dentro da cidade de Buenos Aires na Avenida Costanera de Buenos Aires e perto do Rio de la Plata, e apenas 3 km (1,8 milhas) do nordeste do centro da cidade.

Número de terminais - 1 - um grande terminal dividido em três secções que se comunicam umas com as outras.
os vôos das Aerolíneas Argentinas entre o Brasil e Buenos Aires estão operando exclusivamente no Aeroparque, breve o privilégio será estendido a todas as companhias que operam a rota Brasil-Argentina.
Para quem segue viagem para o interior argentino (descendo em Ezeiza, é preciso trocar de aeroporto; o táxi entre os dois sai 130 pesos, ou 65 reais.


Transporte Público
Os passageiros podem ser alcançados até a área metropolitana e também até o Aeroporto internacional de Ezeiza por ônibus, shuttles, remises e táxis. Todas as paradas, incluindo os táxis e remises (táxi diferencial) estão frente aos setores A e B (as saídas do edificio terminal). Os autocarros 33 e 45 vão até o centro de Buenos Aires e para a rodoviaria Retiro mas com diferentes percursos. As linhas 160 e 37 chegam aos pontos mais remotos da cidade.
Para pegar ônibus em frente avenida tem a parada de bus que leva ao centro, é fácil pergunte a localização vai sentido estando em frente do aeroporto para a esquerda. Se bemque em dois vale a pena ir de taxi.
Para quem chegar pelo Aeropark, o trânsfer fica mais rápido e barato; mas o câmbio fica mais complicado.
Táxi. Como o aeroporto fica dentro da cidade, os táxis vão pelo taxímetro. Espere pagar no máximo 30 pesos(15 reais) para Recoleta e Centro; pouco mais de 20 pesos para Palermo (que está no caminho).
Câmbio. Pelo menos por enquanto não há nenhuma filial do Banco Nación no Aeroparque. (Em Ezeiza, o Banco Nación é um porto seguro para trocar reais ou dólares por cotação justa, 24 horas por dia, 365 dias por ano). Ou seja: no Aeroparque, a melhor opção, indiscutivelmente, é usar os caixas automáticos na função saque do seu cartão de banco, retirando pesos.
Caso você não possa/não queira sacar pesos do caixa automático, vai ter que usar a casa de câmbio do aeroporto — que tem aquelas cotações horrorosas de casa de câmbio de aeroporto. Nesse caso, troque o mínimo que puder, e deixe para fazer o grosso do câmbio nas corretoras da Calle Sarmiento, no Centro (abertas de segunda a sexta no horário comercial).
Se você chegar no fim de semana, troque nas casas da rede Metropolis (Florida, 560, no Centro; Quintana, 570, quase no cemitério Recoleta). Mas saiba que no fim de semana (e fora do horário bancário em geral) a cotação cai muito (sobretudo para reais). O melhor fazer saques em pesos da sua conta corrente no caixa automático. Converse como seu gerente para ativar esta função no seu cartão de banco.
Para ler meus relatos de viagens. Brasil - América do Sul/NORTE - Europa etc.
CLIQUE AQUI

PARA INFORMAÇÕES DA CIDADE DE CURITIBA - CLIQUE AQUI

PARA INFORMAÇÕES DO PARANÁ - Perguntas e Respostas CLIQUE AQUI

PARA HOSPEDAGEM EM CURITIBA CLIQUE AQUI

Editor.
Acre - Amazonas- Maranhão Roraima - Rondonia - Paraná.- Sta.Catarina.- R.Grande do sul. - África - México - Colômbia - Patagônia - O. Médio - Espanha - Grécia - Portugal - R.Unido - Turquia.
Avatar do usuário
MauroBr.
Editor Mochileiros.com
Editor Mochileiros.com
 
Mensagens: 6226
Desde: 25 Abr 2005, 21:44
Localização: Curitiba

Re: Buenos Aires - Guia de Informações

Mensagem não lidapor MauroBr. » 06 Dez 2011, 11:30

Para ir ao Parque De La Costa e ao Cassino Trilenium
Parque de diversões mais importante de Buenos Aires é o PARQUE DE LA COSTA.
Esta localizado na cidade de TIGRE a 30" de Buenos Aires.
Para chegar de trem.
Pegue o Trem na estação retiro para Tigre. Ou pegue na mesma estação para Mitre lá pegar o trem de La costa.
Pode ir de carro pelo autopista Panamericana, ou de ônibus as terá de dar uma caminhada de umas cinco quadras.
http://www.parquedelacosta.com.ar/principal.php
http://www.trileniumcasino.com.ar/como_llegar.php

As empresas Buquebus, Ferryturismo y Cacciola oferecem serviço de ferry
http://cacciolaviajes.com/
http://www.buquebus.com/cache/HomeARG.html
http://www.reservas.net/alojamiento_hot ... chegar.htm

Trem
http://www.ferro-turismo.com.ar/web/

Passeios
http://interhabit.com.br/interhabit/ind ... seccion=-3
Para fazer city tour
www.buenosairesbus.com/pt/.
Para ler meus relatos de viagens. Brasil - América do Sul/NORTE - Europa etc.
CLIQUE AQUI

PARA INFORMAÇÕES DA CIDADE DE CURITIBA - CLIQUE AQUI

PARA INFORMAÇÕES DO PARANÁ - Perguntas e Respostas CLIQUE AQUI

PARA HOSPEDAGEM EM CURITIBA CLIQUE AQUI

Editor.
Acre - Amazonas- Maranhão Roraima - Rondonia - Paraná.- Sta.Catarina.- R.Grande do sul. - África - México - Colômbia - Patagônia - O. Médio - Espanha - Grécia - Portugal - R.Unido - Turquia.
Avatar do usuário
MauroBr.
Editor Mochileiros.com
Editor Mochileiros.com
 
Mensagens: 6226
Desde: 25 Abr 2005, 21:44
Localização: Curitiba


Voltar para Argentina - Guias, Tutoriais e Dicas



Quem está online

Usuários navegando neste fórum: Nenhum usuário registrado e 0 visitantes