Troca de informações sobre a Argentina, o país dos 5 continentes. Neve, montanhas, desertos, pântanos e cidades maravilhosas.
#560120 por fergeoli
01 Mar 2011, 09:37
olá didinkz,

vai para La Boca e Zoo Lujan no mesmo dia... dá tranquilo!!
sei que vários mochileiros te responderam e que pelo jeito a opinião da galera diverge...
resolvi responder ainda assim porque por coincidência conheci os dois lugares que mencionou no mesmo dia... hehe... creio que ambos são imperdíveis!!

Acordei cedo e fui para La Boca, o bacana foi que chegando lá estava bem vazio, deu pra tirar altas fotos sem aquele empurra empurra da turistada... andei pelo Caminito... fiz tudo mais que tinha direito e segui para La Bombonera (que é só umas três quadras), depois voltei e ainda rolou almoçar por La Boca...
olha só a diferença de pessoas do horário que cheguei para quando saí...
caminito.jpg
caminito.jpg (57.93 KiB) Exibido 1648 vezes
caminito2.jpg
caminito2.jpg (47.38 KiB) Exibido 1648 vezes

Fui para o Zoo Lujan só a tarde pegando o ônibus na Plaza Itália (1:30 de viagem), como chegamos mais tarde ele também já estava bem vazio, sem filas para entrar ver os leões, tigres, elefantes etc etc etc
Na verdade tinha colocado o Zoo Lujan no roteiro mais pelo meu filho... mas confesso que me diverti bastante...
algumas fotos lá no mochilando com crianças...
dicas-argentina-com-criancas-t52934.html

Vale muito a pena ir nos dois!! Vá!

Abraço.

#561180 por Thiago A.
04 Mar 2011, 04:06
Minha experiência bem recente de janeiro-2011 é a de que o zoo é caido, infra-estrutura ruim e os animais pareciam sujos e largados. Só isso. Pode ter sido algo do momento, sim... Não estou avacalhando o lugar "ever" porque não estive lá há dois anos, ou há um ano. Não esperava um hotel fazenda, mas o que encontrei foi uma chácara abandonada. Não tinha gente, tava vazio pra caramba, não tinha nem um staff operando, tanto que na portaria fiquei esperando mais de 10 minutos até que alguem fosse cobrar a entrada. Quanto ao onibus, vale o pouco que custa. É bem sujo, não digo sujo de frescura, digo sujo mesmo, bancos rasgados, pingava uma água estranha de dentro daquelas lampadas que ficam no teto, acima dos bancos... meio bizarro, mas dá pra tirar de letra. Mas o que importa pra mim é que eu não considero uma experiencia desagradável, embora não tenha aproveitado como eu imaginava, eu estava em BsAs pela primeira vez e tudo era novidade, não importa se era um lugar bom ou nem tanto. A viagem longa com o onibus passando por vários vilarejos, bom pra pensar na vida, as pessoas, ora muito parecidos com a gente, ora bem diferentes. Tudo isso é experiencia inesquecivel. Não sai do zoo estressado, nem reclamando, porque estava feliz demais pra isso, só fiquei meio frustrado. Fui lá pensei ser uma coisa, mas não era, vi o que deu pra ver, fotografei, peguei o onibus e voltei. Sem crise. Só dei minha opinião em relação ao luigar em si. Estou indo na terça agora de novo, com minha familia. Não vamos até lá, com certeza, mas não vou deixar de visitar a cidade por isso ou por aquilo. BsAs é como São Paulo. Na balança, é muito mais positiva do que negativa. Ahhh, e muitas vezes as pessoas ficam horas no transito de uma cidade grande porque precisam se locomover, seja de carro, onibus... é o mal das grandes cidades capitalistas. Não dá pra criticar quando nós todos somos culpados. É diferente de percorrer uma grande distancia, sem transito, quando se está de férias. Comparar as duas coisas é um equívoco.


Ahhh vejam o link abaixo...

http://www.psicofxp.com/forums/animales ... lujan.html

As informações só confirmam o que o recepcionista do hotel me disse quando disse a ele que tinha ido a Lujan. Ainda falou que se eu tivesse comentado antes de ir, ele teria me desaconselhado, pois os próprios argentinos já não frequentam mais o lugar, que já foi parar até nas páginas policiais de jornais argentinos.

Engraçado né, em que situação precisa estar um tigre, de natureza predadora, para que ele permita a entrada de um ser humano destreinado dentro de sua jaula para acariciá-lo e fotografá-lo? Muy sedado! Como diz nesta e em muitas outras matérias.
#561299 por Leo Ramalho
04 Mar 2011, 13:53
Resta claro que não é um ZOO top de linha...Como eu disse antes, a parada é um sitio. Procure nas CVC's da vida alguma agencia que te leve a Lujan e dificilmente vai encontrar, pois realmente não é um lugar que agrada a todos. Os animais não são sedados, e sim condicionados desde pequenos ao convivio com pessoas como animais domesticos. Tanto na jaula do Leão como do Tigre "morava" junto uma cadela, que segundo os tratadores era a "mãe" adotiva deles e não são em todas as jaulas que se pode entrar.
Muitos dos animais foram recolhidos de circos ou abandonados. Lembre-se que são animais selvagens, porem criados em cativeiro, solta-los novamente na natureza seria decretar suas mortes. Quem tem pena desses animais, primeiro deve saber como eles viviam antes e tambem não deveria ter passarinhos, tartarugas, iguanas, Porcos da India, Papagaios e qualquer outro animal silvestre.
O lugar vale pela experiencia de se aproximar destes animais, e penso que toda experiencia nova deve ser testada para que tenha sua propria conclusão.
#561434 por Pat Alves
04 Mar 2011, 20:26
Estou em Bs As e fui hoje à tarde no Zoo de Luján. Gostei muito da experiência. Hoje estava cheio de brasileiros, diga-se de passagem.

Eu usei o transfer da Fabebus indicado por um usuário (obrigada! esqueci seu nome). Eu tenho poucos dias aqui, montei um roteiro corrido e foi superprática a dica. Fui a um locutório (lugar onde se faz chamadas telefônicas) e reservei ida e volta. Cada trecho custa 20 pesos. O telefone é 02323436304. A van ou microonibus leva de 40min a 1h para chegar ao zoológico. O ponto inicial é a plaza de la Libertad, na calle Cerrito, entre as calles Paraguay e Marcelo T. Alvear (perto do Obelisco).

Outras pessoas do hostel utilizaram o transporte público já diversas vezes comentado aqui no site. Tudo tranquilo, a diferença é que, além de ser mais barato, demora aprox. meia hora a uma hora a mais que o transfer.

Hoje, todos entraram nas jaulas, independentes de estarem com guias ou não. Não é obrigado a dar propinas (gorjetas). As pessoas dão até porque os tratadores ajudam a tirar as fotos. Há bichos em que as pessoas não podem tirar fotos com suas próprias câmeras. Exemplo: a iguana.

Resumindo, eu acho o seguinte: independente do que eu ou outras pessoas acham, se puder e quiser, vá e tire suas próprias conclusões.
#569796 por Pedrada
29 Mar 2011, 09:42
olá Rodrigo Dellatorre !!
já estive no Museo del Automóvil Club Argentino, Av. Del Libertador 1850, Palermo (4808 4240).veículos de fins do século XIX e começos do XX com um excelente estado de conservação Seg a sexta das 10 a 17.30 hs. Entrada: Gratuita fonte: http://www.buenosaires-sem-segredos.com ... museus.htm
http://www.buenosairescityguide.com/Mus ... /index.htm
se ñ me engano ainda tem carros de corrida, inclusive do Fangio !! vale dar uma passada qdo for visitar os parques de palermo ou os outros museus na recoleta
falou
#572327 por Marilee
04 Abr 2011, 14:01
Deixo minha recomendação pra visitar o Rosedal e o Jardim Japonês. São lugares lindos!!

E recomendo o zoo de Lujan também. Fui sem guia, em um sábado, e foi tranquilo, entrei em todas as jaulas, quase sem fila... enfim...
#572400 por angelcb
04 Abr 2011, 16:39
Até dá pra conhecer os principais pontos turísticos, mas mt coisa n dá n. Mas vale a pena sim. Eu fiquei 4 noites e 5 dias e conheci mt coisa, mas foi meio corrido, porém, o meu roteiro era meio grande.

Pesquise bem o que tem em Bs As e monte um roteiro pra esses 3 dias, assim vc n perde tempo e aproveita mais. Em março ou abril de 2010 tem um post meu aqui no fórum com Guia e Roteiro.

Dica de tango: Café de Los Angelitos = tango tradicional acho q na Reconquista. Señor Tango é mais Hollywoodiano, eu nem fui.

Abs,

eluiz escreveu:Olá, gostaria de ajuda do pessoal, estou querendo ir para algum lugar especial com a minha namorada em junho, mês que fazemos aniversário de namoro, e pensei em buenos aires, porém estou com muito pouco tempo então só terei uns 3 dias pra ficar lá, acham que vale a pena ir pra ficar só esse tempo, dá pra conhecer bastante coisa nesse tempo? Qualquer coisa pode me recomendar um outro lugar legal pra irmos nesse tempo, sou do RJ.

Valew galera!!
#582801 por deinhapqueiroz
03 Mai 2011, 21:59
Então galera, acabei de voltar de BsAs e tire surpresas e decepções! Pela quarta vez estive lá e tenho ido todo ano, então notei diferenças. A cidade continua linda mas achei mais suja e mal conservada. Achei mais policiada e no noticiário o tempo todo se fala do aumento da criminalidade, mas não tive problemas nenhum na cidade. Troque real no Banco de La Nacion, a cotação está ótima, paguei 1 p/ 2,45. Visita p Teatro Colon só antecipada, não consegui visitar pq tava sempre cheio p 2 dias pra frente. Rosedal é lindo, todo florido! Sempre fiz muita compra lá de roupa e sapato mas dessa vez achei tudo mais caro, preço igual aqui ou mais caro. O taxi tb aumento a bandeirada, agora 5,80. Cheguei pelo Aeroparque e ele não está preparado p/ o movimento atua, então a fila é demorada. Mas o saldo sempre é positivo! O aluguel do AP deu super certo, tudo tranquilo e boa localização, mas da próxima vez quero ficar em Palermo! O cemitério da Recoleta fecha as 17hs, muita gente esquece e não consegue entrar, mas adoro as esculturas e anjos de lá. Bom, se alguém precisar de mais alguma informação estou a disposição.
#582849 por Rodrigo Dellatorre
04 Mai 2011, 00:12
Estou agora aqui em BAs...troquei dinheiro duas vezes na Maguitur...primeira a 2,54 e hoje a 2,49...a cotação abaixou 0,02 só enquanto eu estava na fila...precisei de R$ hj e fui procurar o banco do brasil, nada de eu achar...na raiva depois de tanto rodar, entrei no primeiro banco q eu vi, era um HSBC, nem sabia se dava para sacar, coloquei o cartão e deu certo...depois eu vejo quanto vão me cobrar, na hora falou na maquina 16 pesos, mas nao sei se vai ser isso msm...Itau e Santander Rio é banco para tudo quanto é lado...

Cheguei no aeroparque por volta das 15:00h e não achei ruim nao...nem tinha fila..logico que não é um mega aeroporto...mas compensa a distancia de Ezeiza...Criticas que eu tenho é ao péssimo atendimento em serviço geral...principalmente garçon de restaurante e taxista...estou aqui à 7 dias comendo fora todos os dias, se em dois estabelecimentos eu fui bem atendido foi muito... Um taxista foi extremamente grosso conosco para não falar outro palavrão...Entramos no carro para ir ao tortoni, duas quadras do meu hotel, só que tava chovendo e minha mãe estava junto e cansada de andar durante o dia, mas isso não vem ao caso. Quando o taxista ficou sabendo para onde iamos ele reclamou e falou q era mto perto...a vontade era soltar um f..... eu to pagando não to querendo sua opinião se é para perto ou para longe..

A melhor forma de conhecer Buenos Aires sem dúvida é a pé....andamos mto mas mto...as pernas doem...calculo uns 5km ou mais por dia..só o comércio do outlet, la boca, palermo e recoletas que não teve jeito de ir a pé...pois estamos em San Telmo..Taxi é barato? é sim se comparado ao Brasil, mas dê prefencia para noite ou quando não pode perder muito tempo...onibus passa constantemente e é muito barato...Duas pessoas dá a media de 2.20 à 2.50 pesos para os dois..problema do onibus que você tem que ter moeda...o pagamento é feito em máquina e não aceita nota...porém dá troco se você colocar moedas maiores... O taxi na bandeira 1 começa com 5.80 pesos e aumenta 0.58 pesos a cada 200m rodados...quando engarrafa tem o valor por min que agora nao lembro...e a bandeirada 2 é 6.80 e 0.58 por 200m...

O siga la vaca ainda vale mto a pena...algumas pessoas falam que não, mas eu achei que vale...ambiente ótimo, comida boa, atendimento muito bom...valor excelente... 72-75 pesos por pessoa (depende se é almoço ou janta)... Você tem várias carnes à disposição, batata frita, purê, balcão de saladas, 1L de bebida (seja vinho, chopp brahma, refrigerantes ou agua) e ainda tem um cardápio de sobremesas para escolher ao final...e não cobram cobierto...Nossa conta deu R$57 para duas pessoas com td isso...com esse valor não come nem 1 pessoa no rodizio brasileiro..

Quanto ao tango, fomos no Tortoni..para quem não é um especialista em música, não quer gastar um valor exobirtante para o show e quer apensar conhecer como é mesmo...é uma excelente opção...tem horários de 90 e 110 pesos... e depois pode lanchar la msm, comemos um sanduiche de lomo (filet mignon) por 35 pesos cada...um tango com jantar e bebida sai por baixo 430 pesos por pessoa...ou seja, é um valor mto alto se comparado à alimentação geral na cidade...

O passeio no buenos aires bus é excelente, são vários pontos e vc pode parar, descer conhecer depois pegar o proximo onibus...não façam a mesma besteira que a gente...compre os dois dias por 90 pesos ao invés de pagar 70 em apenas 1 dia...com 2 dias vc terá maior tempo para explorar mais os lugares sem depender de onibus ou taxi depois... e custa apenas 20 pesos a mais...que hoje daria ai R$8 mais...economia besta..

O q eu for lembrando posto depois aqui...
#583297 por Rodrigo Dellatorre
05 Mai 2011, 10:45
Aproveitando o que eu lembrei... Vim com as seguintes dúvidas, ir ou não ir no Siga La Vaca e no Zoo de Lujan... Uns falavam que era bom, outros que eram ruins... Resolvi tirar minhas próprias conclusões.. e caso volte à Buenos Aires, farei de novo com certeza...

Siga La Vaca muito bom, você cansa de comer e ótimo atendimento (coisa rara aqui)... Tem os grelhados que ficam na area de churrasqueira, só você ir la pedir... pode provar um pouco de cada corte argentino... geralmente eles cortam grande e mal passado...só você pedir por um pedaço chico (pequeno) e ao punto (ao ponto) que eles te atendem do jeito que você quer... "Rodízio de Carnes" + balcão de salada com arroz e purê (raro aqui) + 1L de bebida por pessoa (chopp brahma, refri diversos, agua ou 1 garrafa de vinho) + várias opções de sobremesa à escolher = R$28 ou 72 pesos (dia de semana) e não cobram o cobierto. Fica em Porto Madero e qualquer taxista sabe onde é...Só falar Siga La Vaca Porto Madero...

Quanto ao Zoo de Lujan...perfeito...como não falo espanhol, dei o telefone e pedi a mulher da recepção para marcar o dia e horario que eu queria... no dia eles chegaram la so 10min atrasado... o ponto fica em frente ao Obelisco no Hotel República...A viagem até o Zoo leva média de 50min...custa 22 pesos cada trecho por pessoa...o zoo fica em frente à um viaduto, o motorista desce e deixa vc o outro lado...so atravessar...Tem os horarios de volta em um papel que fica dentro da van, so vc pedir..Na volta tem que marcar, pois a van sai da cidade de Lujan com gente já, e pode ser que não tenha mais vaga...Para isso basta ir na administração do Zoo e pedir para eles ligarem para vc que eles ligam...vc pegará a volta do outro lado da pista que você desceu paralelo ao viaduto..Se vc não marcar a van passa por cima e não desce para te pegar...

Qto ao zoo de Lujan é um show a parte....muitos reclamaram da sujeira, da lama... qto a sujeira, não vi nada...cheguei logo que abriu e estava tudo muito limpo, só com algumas folhas pois tem muitas arvores...o chao alguns lugares tinha pouca lama, normal pois o piso é terra e com humidade ou chuva acaba fazendo lama...mas eram raros os lugares com lama...e nada contra as pessoas que pensam diferente, mas a pessoa que vai para um zoo esperar um tapete vermelho é complicado... o zoo de lujan é tipo um sítio... A entrada está 50 pesos por pessoa...Qto a polêmica de entrar ou não nas jaulas...entrei em todas as jaulas que eu queria...menos dos pumas... leão grande, leão pequeno, tigre grande, tigre pequeno....que foi até motivo de elogio, pois pegamos o leaozinho no colo e não tinha nem cheiro de morrinha nos animais... se a jaula nao tiver tratador para entrar com vc, só chamar um e pedir para entrar...Só nas dos leões grandes que tivemos problemas, pois o tratador chegou, eu falei que queria entrar, ele muito mal educado falou que so mais tarde...Procurei a tratadora chefe e falei que queria entrar pois a tarde meu voo saía e não daria para esperar (mentira...rsrs)... Ela na hr deu um esporro no outro tratador e mandou q ele soltasse os leões (que por ser cedo ainda estavam presos naquelas jaulas menores que eles dormem) e liberasse nosssa entrada...Com muita má vontade ele fez...agora o pessoal do Dormedálio (pode andar sem pagar nada mais) e dos elefantes são uma figura...queriam minha camisa do flamengo...rsrsrs

Qto a questão de doparem os animais, eu acho dificil pois o leão estava preso e soltou para gente entrar e tirar foto...e o cara nao aplicou nada nele...ele nao estava dopado a noite toda...o que acontece que eles sao criados acostumados com gente... e um tratador explicou que colocam cães junto pois estes são mais dóceis o que ajuda...

Espero ter esclarecido algumas polemicas
#583913 por deinhapqueiroz
06 Mai 2011, 18:22
Galera, ainda estou sem notebook então to sem algumas informações que queria postar aqui, mas ai vai mais algumas coisas!
Quando for ao Café Tortoni, não deixe de experimentar a Sidra, isso mesmo Sidra, mas esqueça o que já bebeu no Brasil. Lá eles fazem a Sidra e vc pode tomar como drinque. É DELICIOSO!!!! Parece um champagne!!! Mas não espere muito, todas as vezes que comi lá, de doces, tortas, pizza, café, sanduíche e etc, não foi o lugar mais gostoso!
Para presentes ou para você (quem gosta de sabonete) vale a pena conhecer uma fábrica que fica em Palermo, se chama Sabater Hnos Fabrica de Jabones e end. é calle Gurruchaga, 1821! Cheio de cheiros, tamanhos e formas! Vale a pena!
E se ainda tiver na redondeza na hora do almuerzo conheçam o Mama Racha, Calle Nicaragua com Armenia, muuuuuuuuito bom!!!! Um dos melhores restaurantes que fui lá e preço razoável!
Outra dica para casais é conhecer o restaurante temático (Afrodisíaco) Te Matare Ramirez. A casa tem menu delicioso e show. Eu fui na quinta-feira que tinha um show de bonecos muito divertido e engraçado. A comida estava divina, mas prepare com o preço, pois é meio caro mas vale a pena! Reserve mesa pois a casa está sempre cheia!
Bom depois venho com mais dicas!!!
#583976 por Rodrigo Dellatorre
06 Mai 2011, 22:25
Bem esclarecendo algumas dúvidas mais e ratificando outras...

Se quer comprar chaveiros de buenos aires, compre em frente ao cemitério da recoleta... olhei em todos os lugares e eram os mais baratos 5 pesos, os mesmos na florida eram 10 pesos...
Um bom lugar que eu comi e não tinha visto por aqui (ou não lembro) foi o Eduardo, fica na esquina da rua do Milhouse, não espere luxo, é tipo um boteco ou um barzinho, mas a comida é bem legal e os preços melhores ainda...o Lomo la é 38 pesos o bife, metado do preço de todos os outros lugares.

Aeroporto, o aeroparque para mim está sensacional, bem mais perto que o Ezeiza e voltando a BAs irei de aeroparque com certeza...dá uma média de 40 pesos de taxi até o centro.

Ficar ligado nos metros, eu andei 1 vez é bem tranquilo, mas encontrei umas pessoas de Vitória-ES la também que andaram de metrô e uma das mulheres na hr da saída no empurra empurra, teve a bolsa aberta e a digital furtada...isso porque tanto ela como o esposo são policiais civis...Entao como o metrô lota é bom ficar esperto, principalmente as mulheres que andam de bolsa...

Qto a transportar valores, mesmo sendo desaconselhado, a maioria dos meus gastos foram pagos em $$$, andavam com 1500 pesos na carteira, so que apesar de ser constrangedor, eu colocava a carteira na cintura, para evitar que algum engraçadinho puxasse do bolso...era so na hr de tirar ir à um lugar que chamasse menos atenção...

Qto ao estádio do Boca, vale a pena pagar a o passeio completo e mais caro.. Agora quando eu fui tava 28 pesos o tour rapido + museu e o completo 40 pesos... parece muito pensando em números, mas considerando o cambio, em real dá uma diferença muito pequena. E fiquem espertos pois eles não avisam nada, mas você visita o museo e depois procura um dos rapazes da entrada e fala que quer fazer o tour. Sai de hr em hr.. Ninguem nos avisou e quase iamos saindo do estádio sem o tour pelo estádio.

O outlet da Nike é mais caro que todas outras lojas que vendem nike. Já o lacoste como disseram, tem bastante coisa barata, mas as famosas polos lisas, são quase o mesmo preço do free shop de SP, apenas com mais opções de cores e leva-se em conta que não entrará na cota dos US$500. Por incrível que pareça faltou cota para mim... ::hãã2::

Outra dúvida que eu tinha, não precisa mais declarar notebook e digital que leva...perguntei na própria alfandega do Brasil. Outra dúvida que eu tinha era quanto ao transporte de bebidas no interior do avião. Alguns amigos beberrões..rsrs...encomendaram várias garrafas, para não exceder a cota de peso, tive que trazer algumas garrafas em cima comigo. Comprei 3 absoluts no free de Buenos Aires e trouxe comigo em cima no avião sem problemas. No free do Brasil comprei mais 1 e coloquei la em cima. O limite são 4L la em cima. As outras garrafas despachei. Excedi 5kg da minha cota mais não cobraram. Lembrando que eu ainda tiver que pegar o voo para Vitória-ES.

Qto a bagagem, eu tive uma idéia, não sei se outras pesosas fazem o mesmo, mas na ida levei uma bolsa de mão dentro da minha mala. Na volta eu coloquei tuodo de mais pesado ali, caixa de alfajors, tenis, calça e outros..Minha mala mesmo acabou ficando com 10kg, só para aumentar minha cota de compras de pesados no free shop.

Vim na mão com 4 garrafas de bebida, mochila com note e digital e mais algumas coisas e uma bolsa de mão com 4 caixas de alfajors e praticamente 80% do que foi na minha mala na ida.

Fica ai minha dica para quem estiver na mesma situação.
#587695 por Rodrigo Dellatorre
16 Mai 2011, 09:24
Bem vamos la.. Eu cheguei pelo aeroparque... Mas li aqui e posso te ajudar em algumas coisas.

1º Pelo o que eu li, o banco do Ezeiza fica aberto 24hrs. Só cuidado com esse negócio de trocar $$ no aeroporto, um amigo do meu pai foi, ficaram vigiando e quando o taxi saiu do aeroporto, meteram a arma e levaram todo $$.

2º Do Ezeiza tem ônibus, taxi e transfer. Você tem que ver qual é situação. Se você for em mais gente talvez seja melhor pegar um taxi, se for sozinho um transfer. Tem a opção do ônibus, mas tem que lembrar que apesar de mais barato leva mais tempo e você estará com bagagem.

3º Plaza de Mayo, Casa Rosada, Obelisco - A casa rosada fica na plaza de mayo e o Obelisco é um pulo da praça. Dá para ir andando.
#587764 por Dé_Guimarães
16 Mai 2011, 11:38
Rodrigo Dellatorre escreveu:Bem vamos la.. Eu cheguei pelo aeroparque... Mas li aqui e posso te ajudar em algumas coisas.

1º Pelo o que eu li, o banco do Ezeiza fica aberto 24hrs. Só cuidado com esse negócio de trocar $$ no aeroporto, um amigo do meu pai foi, ficaram vigiando e quando o taxi saiu do aeroporto, meteram a arma e levaram todo $$.

2º Do Ezeiza tem ônibus, taxi e transfer. Você tem que ver qual é situação. Se você for em mais gente talvez seja melhor pegar um taxi, se for sozinho um transfer. Tem a opção do ônibus, mas tem que lembrar que apesar de mais barato leva mais tempo e você estará com bagagem.

3º Plaza de Mayo, Casa Rosada, Obelisco - A casa rosada fica na plaza de mayo e o Obelisco é um pulo da praça. Dá para ir andando.


Rodrigo, esse tipo de assalto eu nunca tinha ouvido falar em Buenos Aires. Sinistro! ::bad::
É bem provável que o motorista do taxi estivesse agindo em conluio com os facínoras! Tem que ficar ligado!
Abraço!
#592746 por helderctba
27 Mai 2011, 21:35
Espero ajudar muita gente que está com aquela interrogação gigante na cabeça na véspera da viagem.
Só para situar: estive lá na primeira quinzena de abril/2011.

Dinheiro
Troquei no Brasil: errei feio!
Paguei R$ 0,50 por cada peso numa casa de câmbio conhecida aqui no Brasil e quando cheguei em BAs vi vários lugares por R$ 2,40!
Ou seja, pra cada 1.000 reais trocado no Brasil vc fica com 2.000 pesos.
A mesma operação lá vc fica com 2.400 pesos no bolso.

::cool:: A dica: Leve pesos só para o táxi e primeira refeição.

Transporte Taxi
Não tive experiências desagradáveis com táxi. Apenas na chegada (Aeroparque) um taxista sugeriu um preço fixo para ir até a região do Obelisco. Mostrou até uma tabela que mostrava $ 69 para esse trecho. Recusei e esperei outro. Durante a viagem percebi que o motorista não tinha ligado o taxímetro, o que não é bom, mas de tanto eu comentar sobre preço e tal ele cobrou $ 50 (até proximidades do Obelisco), o que também não é o ideal.

Quando fui embora e tive que fazer o caminho inverso (Corrientes/Obelisco para Aeroparque) peguei um motorista muito legal, ele foi por um “atalho” que passava pelo porto. No começo achei golpe, mas foi muito rápido. Até uma filinha pra fazer uma conversão e entrar no Aeroporto ele “furou”.
A corrida saiu por $ 37 como eu já havia lido. Acabei deixando $ 40 para o motorista.

::cool:: A dica (que muitos já deram aqui): use os taxis que tem adesivo ou placa (em cima) de rádiotáxi. São mais seguros e sempre observe o taxímetro ligado e pelo que vi começa com $ 5,80 (ou me enganaram rss). Nada de preço fixo, a não ser que vc tenha certeza que esta fazendo um bom negócio.

Transporte Metro
Com um mapa na mão e bem pouco dinheiro no bolso ($ 1,10 cada passagem) vc pode se deslocar com agilidade.

::cool:: A dica: fuja dos horários de pico e fique esperto como em qualquer grande cidade do Brasil. Não vi nada de anormal nas várias vezes que usei. Porém no meu hotel um senhor perdeu a carteira depois de um desses golpes que chamam a atenção por alguma coisa e te roubam (jogaram um molho de chave no chão e enquanto uma pessoa abria espaço pra pegar outra por trás sacou a carteira do sujeito e saíram correndo – o metro estava chegando em uma estação).

Passeio de ônibus de turismo
Fizemos (eu e minha mulher) um tour com Buenos Aires Bus ($ 70 por pessoa). Achei que valeu a pena. Vc conhece os pontos turísticos e pode descer em qualquer um dos 20 pontos. Para em barcar em outro ônibus (que passa a cada 20 min.) basta apresentar seu bilhete (que pode ser para 48h – um pouco mais caro).

No dia que fui comprar o bilhete (Av. Pres. Pena com Florida) estava lotado! Fila grande pra comprar e outra maior para embarcar.

::cool:: A dica: caso esteja lotado o ponto inicial siga para um ponto anterior, o ponto nr.20 (Teatro Cóllon) vc embarcará com mais tranqüilidade com direito a um bom lugar. Só não esqueça de comprar o bilhete antes. Nas placas de cada ponto diz que pode comprar no ônibus, mas tinham pessoas no mesmo ponto e sem bilhete que não puderam embarcar. Não me interei do assunto, mas acho que foi devido a falta do bilhete.

Passeio de trem
Caso vc tenha um tempinho sobrando e o dia estiver bonito, vá de trem (Trem de La Costa) até Tigre. Uma cidade vizinha, com passeios de barco. Se for final de semana tem o Parque de La Costa (tipo um Playcenter) e uma região turística com várias lojas de artesanato e restaurantes. Na volta uma descida na estação San Isidro poderá ser agradável.

::cool:: A dica: Tire o dia e vá com espírito preparado pra andar de trem e metrô. peguei metrô e trem (sim, um outro trem antes desse “Trem de La Costa”). Opção: pegar um táxi até a estação Maipú (evitará um trem e um metrô). Sobra a noite pra alguma coisa em BAs.

Compras Roupas
Já vi muita discussão aqui sobre valer ou não a pena comprar em BAs. Na verdade é o seguinte:

Se vc tem costume de se vestir com roupas de marcas famosas e badaladas: faça a feira. Tem peças muito boas da Columbia por exemplo (para frio) que no Brasil sai por uns 400 reais e em Buenos Aires vc paga de $ 290 (150 reais) até uns $ 550 (250 reais) . Acredito que nesses casos vale a pena!

Se vc é como eu, que compra umas camisetas básicas na Hering e tênis quando estão em promoção por 150/200 reais e fica feliz da vida, não perca seu tempo camelando. Vai achar uma diferença mínima que talvez não compense.
Lembre-se no Brasil vc poderá parcelar e/ou trocar a peça! Pense no custo/benefício.

Obs.: não fui nos outlets de couro. Por isso não opinei.

Compras Pefumaria
Mulherada pode fazer a feira nas farmácias mesmo.
Cremes de ótimas marcas pela metade do preço!

Compras Eletrônicos
Não vale a pena.

Comidas
Nunca é demais repetir: come-se muito bem em BAs. Carnes muito saborosas indiferentes do restaurante que vc escolheu.
Pelo menos posso indicar sem medo o “Palácio de Las Papas Fritas” – fica na Lavalle (próx. 9 de julho) - um lugar bem simples e com aquela cara de 30 anos pra mais. Sem luxo, mas com pratos generosos por um preço justo. Outra dica é o “Clarks” – fica na Recoleta (próx. Freddo e próx. Entrada do cemitério) – lugar muito agradável, com uma cozinha espetacular.

Tá afim de comer bem? Não passe vontade. BAs é pra curtir os bons restaurantes mesmo. Mas também acho relativo a questão de ser barato! Para comer a mesma coisa no Brasil é certo que você pagará mais, mas como eu disse sobre as compras, depende do que você está acostumado a gastar com comida. Aí sim, pode ser barato ou não! Eu por exemplo não costumo gastar 100 reais por dia em média para um casal comer.

::cool:: A dica: levando em conta que vc está a passeio e não vai ficar 356 dias na cidade, aproveite! Eu pelo menos passava o dia com uns lanches e empanadas e caprichava sem dó no jantar.

***

por enquanto é isso, se lembrar de + coisas postarei aqui.
Bom passeio!!!

Usuários navegando neste fórum: Nenhum usuário registrado e 3 visitantes