Troca de informações e relatos de trilhas e travessias na região sudeste do Brasil. Espírito Santo, Minas Gerais, Rio de Janeiro e São Paulo.
#385816 por Tozei
21 Jul 2009, 19:51
Augusto, obrigado pela resposta e pela atenção, mas tenho outras perguntas:

Paga-se para fazer o cadastro e credencial?

Os valores que voce falou das pousadas de 10 a 35 reais se refere apenas a pousada (dormir, banho e tanque), janta é um valor a parte. Estou certo?

Pelo caminho ou nas pousadas, tem como eu preparar a minha própria comida usando meu fogareiro?

"# O Caminho da Fé é mantido pelas cidades onde ele passa, através de leis que foram aprovadas nas respectivas Câmaras Municipais. As contribuições variam de cidade de acordo com o número de habitantes." Que contibuições são essas? É algo que a gente tem que pagar? Me desculpa se isso foi uma pergunta idiota.
Tem algum outro gasto alem de alimentação e pousada?

Mais uma vez obrigado pelas dicas.
Caminhos da Fé, me aguarde...

#386171 por Augusto
22 Jul 2009, 18:45
Blz Tozei.

A credencial é baratinha. Acho que deve estar em uns $5,00. Qdo se faz o cadastro vc recebe essa credencial e ao longo do Caminho (nas pousadas e alguns bares) vai sendo carimbada.
No site do caminho da fé
http://www.caminhodafe.com.br/
Tem muita informação sobre onde obter a credencial.

Esses valores que te passei são da hospedagem apenas.
A alimentação é separada, porque em alguns lugares vc não come na pousada. As vezes só tá incluido o café da manhã.
Vc tem de comer fora em algumas delas.
No relato eu coloquei os melhores lugares onde se pode comer.

Vc vai caminhar a maior parte do tempo por estradas de terra vicinais, então sempre vc encontra um cantinho para fazer alguma coisa, em uma sombrinha.
Eu não recomendo levar fogareiro porque vai ser peso a mais na mochila. Fora a comida né.
E as paradas não podem ser longas demais, senão vc chega a noite na cidade e aí é complicado visualizar as setas.
Até para não ficar perguntando aos moradores né.

As contribuições das cidades é para a Associação que criou o Caminho da Fé.
As placas, setas, informações ao longo do Caminho custaram caro, então a única forma deles terem ajuda das cidades são essas contribuições. Que na verdade se revertem para a cidade, porque as pousadas sempre estão com gente e pessoal gastando.
Essas contribuições são as prefeituras que pagam para a associação. Nós peregrinos não pagamos nada.


Acho que é isso.


Abcs
#396285 por lucasmuzel
24 Ago 2009, 10:44
Augusto, parabéns pelo relato detalhado!

Eu estava cogitando esse caminho agora em Novembro, mas estava um pouco receoso por conta de ir sozinho. Como você fez a maioria do trajeto sozinho, fiquei determinado em seguir em frente. :P

Agora só falta ver como me saio nessas caminhadas longas...Trotando na esteira, chego próximo dos 5Km em 40 minutos.

Tenho umas duas perguntas para te fazer, sobre o trajeto:
1) Sobre o tênis, tem algum critério mais específico? Tipo, precisa de ter amortecedor?
2) Na média, quanto tempo leva para cada trecho? Uma estimativa de 3Km/hora é razoável?

Valeu,

Lucas
#396433 por Augusto
24 Ago 2009, 18:25
Blz Lucas.

Pode ter certeza que vc não será o unico sozinho não.
Não tô falando de uma pessoa onipresente não hein (para ser mais especifico: Deus) ::otemo:: ::otemo:: ::otemo:: ::otemo::
Nas pousadas por onde passei, sempre via comentários de peregrinos sozinhos, fazendo esse percurso. Vc vai ouvir cada estória legal.

1) Sobre o tenis, procure levar um que vc já o tenha a alguns anos.
Tenis estalando de novo é totalmente impróprio. E uma bota também é desnecessario.
O que eu recomendo é um tenis que seja impermeavel (nunca se sabe se vc vai pegar chuva). E muita meia. E não esqueça da vaselina entre os dedos para evitar as bolhas hein.
Amortecedor não faz tanta diferença. Lembre-se que é uma caminhada. Amortecedor é para corridas leves.

2) Normalmente uma pessoa faz uma caminhada no ritmo de 5,4 Km/hora sem paradas.
Já contando com as paradas, esse tempo abaixa para uns 4 a 5 Km/h.
Eu cheguei a fazer nos primeiros dias um pouco abaixo dos 4 Km, porque parei muito (tinha de montar o tripé para as fotos) e só fui apreciando o visual. Além da dores também.
Então tomando como padrão 3 a 4 Km/hora, tá de bom tamanho (faça esse cálculo olhando nas placas de quilometragem restante até Aparecida que aparecem ao longo do Caminho). Não esqueça que vc vai estar levando uma mochila.

No Caminho da Fé, o percurso passa pela serra da mantiqueira, então serão inúmeros trechos de subida e alguns muito ingremes.
Por isso, se vc chegar a + - 5 Km/hora, vc vai cansar muito nos trechos finais entre uma cidade e outra.

No mais é curtir sempre o visual e procurar sair sempre de manhazinha.
Vc já ouviu desse ditado?
Deus ajuda a quem cedo madruga.
Ele se encaixa perfeitamente nesse Caminho.


Abcs e valeu pelos parabéns.



lucasmuzel escreveu:Augusto, parabéns pelo relato detalhado!

Eu estava cogitando esse caminho agora em Novembro, mas estava um pouco receoso por conta de ir sozinho. Como você fez a maioria do trajeto sozinho, fiquei determinado em seguir em frente. :P

Agora só falta ver como me saio nessas caminhadas longas...Trotando na esteira, chego próximo dos 5Km em 40 minutos.

Tenho umas duas perguntas para te fazer, sobre o trajeto:
1) Sobre o tênis, tem algum critério mais específico? Tipo, precisa de ter amortecedor?
2) Na média, quanto tempo leva para cada trecho? Uma estimativa de 3Km/hora é razoável?

Valeu,

Lucas
#397292 por Raffa
27 Ago 2009, 10:35
Fala Grande Augusto !!

Preciso de mais um dica sua.
É possivel fazer essa trilha, saindo de um ponto mais proximo da Basilica ?
Tipo quero ir num feriado de 3 dias e chegar no ultimo dia na Basilica.

Sai de SP, sexta a noite, começa a trilha no sabado de manhã e termina na segunda feira na Basilica.
Se for possível, que cidade voce sugere para começar ?

e camelar é com a gente rs, acho que da para fazer uns 25km por dia ou mais (fiz na chapada com mochila cheia e subindo montanha)

abs
#397456 por Augusto
27 Ago 2009, 18:32
Fala Raffa, blz? ::otemo:: ::otemo:: ::otemo:: ::otemo:: ::otemo::

3 dias de caminhada??
Existem 3 opções, mas vai depender do seu pique e da logistica.
As 3 seriam na cidade de Brasópolis (2 no Distrito de Luminosa e 1 em Campista).
No Distrito de Luminosa as pousadas ficam a 4 Km uma da outra (uma em um vale e a outra na subida da serra).
Já a de Campista fica naquela estrada que liga Campos do Jordão à Pedra do Baú.
Para essas 3 opções vc teria de pegar um onibus até Brasópolis ou São Bento do Sapucaí e depois ligar nas pousadas p/ saber como se chega lá.

Se vc iniciar por Luminosa serão uns 35 Km até Campos do Jordão (esse trecho é um dos mais puxados de todo o caminho por causa de 1 subida de serra bem ingreme, mas como vc vai estar com todo o gas, não vai ser dificil) e se começar por Campista são 21 Km até CJ.
E de CJ até Pindamonhagaba são pouco mais de 40 Kms. O que ajuda é que é só descida de serra. Vc não vai subir nada. Se perceber que não consegue chegar na cidade, têm umas pousadas, logo que termina a descida da serra.
Já de Pinda até a Aparecida são quase 30 Km (esse na minha opinião é o pior trecho, pois é só asfalto).
O ruim é que vc vai estar chegando na Basilica já quase no final da tarde.


Já pensou em fazer de uma outra forma? Por que vc não faz o Caminho por etapas?
Começando por Tambaú ou Aguas da Prata?

É um pouco puxado desse jeito, mas como são apenas 3 dias, dá p/ voltar a Sampa inteirão.
Não quer arriscar não? :mrgreen: :mrgreen: :mrgreen: :mrgreen:


Abcs


Raffa escreveu:Fala Grande Augusto !!

Preciso de mais um dica sua.
É possivel fazer essa trilha, saindo de um ponto mais proximo da Basilica ?
Tipo quero ir num feriado de 3 dias e chegar no ultimo dia na Basilica.

Sai de SP, sexta a noite, começa a trilha no sabado de manhã e termina na segunda feira na Basilica.
Se for possível, que cidade voce sugere para começar ?

e camelar é com a gente rs, acho que da para fazer uns 25km por dia ou mais (fiz na chapada com mochila cheia e subindo montanha)

abs
#397497 por lucasmuzel
27 Ago 2009, 21:24
Augusto, muito obrigado pela resposta! Se Deus quiser, eu terei novidades em Novembro, quando tiver completado o trajeto. ::otemo::

Augusto escreveu:Blz Lucas.

Pode ter certeza que vc não será o unico sozinho não.
Não tô falando de uma pessoa onipresente não hein (para ser mais especifico: Deus) ::otemo:: ::otemo:: ::otemo:: ::otemo::
Nas pousadas por onde passei, sempre via comentários de peregrinos sozinhos, fazendo esse percurso. Vc vai ouvir cada estória legal.

Com certeza. É por isso que ganhou o justo nome de caminho da fé, pois também leva à Aparecida. Um tempo assim, em contato com a natureza (e com ELE) será muito agradável.

Augusto escreveu:1) Sobre o tenis, procure levar um que vc já o tenha a alguns anos.
Tenis estalando de novo é totalmente impróprio. E uma bota também é desnecessario.
O que eu recomendo é um tenis que seja impermeavel (nunca se sabe se vc vai pegar chuva). E muita meia. E não esqueça da vaselina entre os dedos para evitar as bolhas hein.
Amortecedor não faz tanta diferença. Lembre-se que é uma caminhada. Amortecedor é para corridas leves.


Recomendam mesmo a vaselina. Santo remédio!
Eu escolhi o candidato a tênis já. Tá mais rodado que muito carro por aí, rsrs;

Augusto escreveu:2) Normalmente uma pessoa faz uma caminhada no ritmo de 5,4 Km/hora sem paradas.
Já contando com as paradas, esse tempo abaixa para uns 4 a 5 Km/h.
Eu cheguei a fazer nos primeiros dias um pouco abaixo dos 4 Km, porque parei muito (tinha de montar o tripé para as fotos) e só fui apreciando o visual. Além da dores também.
Então tomando como padrão 3 a 4 Km/hora, tá de bom tamanho (faça esse cálculo olhando nas placas de quilometragem restante até Aparecida que aparecem ao longo do Caminho). Não esqueça que vc vai estar levando uma mochila.

No Caminho da Fé, o percurso passa pela serra da mantiqueira, então serão inúmeros trechos de subida e alguns muito ingremes.
Por isso, se vc chegar a + - 5 Km/hora, vc vai cansar muito nos trechos finais entre uma cidade e outra.

No mais é curtir sempre o visual e procurar sair sempre de manhazinha.
Vc já ouviu desse ditado?
Deus ajuda a quem cedo madruga.
Ele se encaixa perfeitamente nesse Caminho.


Abcs e valeu pelos parabéns.



Era o que eu imaginava. Em trechos planos, vai ser sussegado, andando sem calma, e só dando uma olhada ocasional no relógio.

E vamos que vamos!
#397522 por Raffa
27 Ago 2009, 22:28
Fala Augustão

Valeu !

Seguinte outra opção que estou vendo é fazer por partes tambem, cada fds um trecho. Se acha que compensa ?
depois vou ler seu relato tranquilamente.

abs






Augusto escreveu:Fala Raffa, blz? ::otemo:: ::otemo:: ::otemo:: ::otemo:: ::otemo::

3 dias de caminhada??
Existem 3 opções, mas vai depender do seu pique e da logistica.
As 3 seriam na cidade de Brasópolis (2 no Distrito de Luminosa e 1 em Campista).
No Distrito de Luminosa as pousadas ficam a 4 Km uma da outra (uma em um vale e a outra na subida da serra).
Já a de Campista fica naquela estrada que liga Campos do Jordão à Pedra do Baú.
Para essas 3 opções vc teria de pegar um onibus até Brasópolis ou São Bento do Sapucaí e depois ligar nas pousadas p/ saber como se chega lá.

Se vc iniciar por Luminosa serão uns 35 Km até Campos do Jordão (esse trecho é um dos mais puxados de todo o caminho por causa de 1 subida de serra bem ingreme, mas como vc vai estar com todo o gas, não vai ser dificil) e se começar por Campista são 21 Km até CJ.
E de CJ até Pindamonhagaba são pouco mais de 40 Kms. O que ajuda é que é só descida de serra. Vc não vai subir nada. Se perceber que não consegue chegar na cidade, têm umas pousadas, logo que termina a descida da serra.
Já de Pinda até a Aparecida são quase 30 Km (esse na minha opinião é o pior trecho, pois é só asfalto).
O ruim é que vc vai estar chegando na Basilica já quase no final da tarde.


Já pensou em fazer de uma outra forma? Por que vc não faz o Caminho por etapas?
Começando por Tambaú ou Aguas da Prata?

É um pouco puxado desse jeito, mas como são apenas 3 dias, dá p/ voltar a Sampa inteirão.
Não quer arriscar não? :mrgreen: :mrgreen: :mrgreen: :mrgreen:


Abcs


Raffa escreveu:Fala Grande Augusto !!

Preciso de mais um dica sua.
É possivel fazer essa trilha, saindo de um ponto mais proximo da Basilica ?
Tipo quero ir num feriado de 3 dias e chegar no ultimo dia na Basilica.

Sai de SP, sexta a noite, começa a trilha no sabado de manhã e termina na segunda feira na Basilica.
Se for possível, que cidade voce sugere para começar ?

e camelar é com a gente rs, acho que da para fazer uns 25km por dia ou mais (fiz na chapada com mochila cheia e subindo montanha)

abs
#397546 por Augusto
27 Ago 2009, 23:08
Blz Lucas.

Espero o seu relato aqui qdo vc voltar hein. ::otemo:: ::otemo:: ::otemo:: ::otemo:: ::otemo::
Uma coisa que eu deixei passar foram entrevistas com pessoas que vc vai encontrando ao longo do Caminho. Ou até os donos das pousadas. Cada estória legal que vc ouve.
Alguns incentivando, outros perguntando se tá tudo bem, outros pedindo uma oração qdo chegar em Aparecida, etc....
Eu deveria ter gravado isso. Acho que ficaria legal.
Gravar na própria maquina mesmo. É só levar alguns cartões de varios Gigas. ::otemo:: ::otemo:: ::otemo::

Vaselina ajuda sim viu. Ela evita o contato entre os dedos e com isso as bolhas.
E faça outra coisa também. Use 2 meias (uma primeira meia daquelas sociais e uma outra meia esportiva por cima).
É p/ os dedos não ficarem tão umidos.

O relógio vai ser fundamental, mas depois de alguns dias vc já estará com um ritmo constante e aí é só seguir.



Gde abc


lucasmuzel escreveu:Augusto, muito obrigado pela resposta! Se Deus quiser, eu terei novidades em Novembro, quando tiver completado o trajeto. ::otemo::

Com certeza. É por isso que ganhou o justo nome de caminho da fé, pois também leva à Aparecida. Um tempo assim, em contato com a natureza (e com ELE) será muito agradável.

Recomendam mesmo a vaselina. Santo remédio!
Eu escolhi o candidato a tênis já. Tá mais rodado que muito carro por aí, rsrs;

Era o que eu imaginava. Em trechos planos, vai ser sussegado, andando sem calma, e só dando uma olhada ocasional no relógio.

E vamos que vamos!
#397551 por Augusto
27 Ago 2009, 23:16
Fala, Raffa, blz.

Qdo saí de Borda da Mata encontrei o Ronald que tava fazendo por etapas. Ele seguiu comigo por 2 trechos.
Ele tava indo quase todo fds e completou todo o Caminho.
Chegava na Sexta a noite na cidade e no Sabado e Domingo ele fazia o percurso.
O legal é que vc pode abortar dependendo se vai chover ou não. Então ele estava indo só com previsão de tempo bom.
Com chuva, é sempre complicado caminhar, né.


Acho que é a melhor opção, com certeza.



Abcs



Raffa escreveu:Fala Augustão

Valeu !

Seguinte outra opção que estou vendo é fazer por partes tambem, cada fds um trecho. Se acha que compensa ?
depois vou ler seu relato tranquilamente.

abs
#397743 por Raffa
28 Ago 2009, 11:06
Olha ! Legal então. Fica até mais facil, pois quero fazer essa trilha e ao mesmo tempo curtir minhas férias em outro lugar.

O Ronald começou apartir de onde ?
Estou pensando em fazer em 3fds e um feriado de 3 dias.(total 9 dias) Acho que dá para começar apartir de Aguas da Prata

Tem algum trecho lhe chamou mais atenção ?

Valeu novamente.

Abs
#397913 por Augusto
28 Ago 2009, 23:05
Blz Raffa.
Se não me engano, ele começou por Tambaú também.
Vc consegue mais detalhes com ele. O e-mail é esse abaixo. É só clicar em MOSTRAR. Pode falar que fui eu que indiquei, ele me conhece.
<ronald.colombini@trt02.gov.br>


9 dias de Aguas da Prata a Aparecida?
Acho que dá sim. Vai depender do seu pique nos primeiros dias. Se conseguir chegar antes do anoitecer nas cidades, é um bom sinal ::otemo:: ::otemo:: ::otemo:: ::otemo:: ::otemo::

Vc diz que chamou mais atenção em dificuldades? Com possibilidade de se perder?
Ou em beleza?


Abcs
#397949 por jffrans
29 Ago 2009, 09:39
Parabéns Augusto!
Gostei muito do seu relato, especialmente quanto à segurança para fazer essa caminhada e acho que vou fazê-la agora nas minhas férias.
Estou treinando para fazer o Caminho de Santiago, e desconhecia a existência desse Caminho da Fé aqui no Brasil. Foi uma ótima dica.
Um grande abraço e fiquem com Deus.
Parabéns.
#403410 por lucasmuzel
20 Set 2009, 02:38
Augusto, pode deixar que tentarei fazer um relato tão bacana quanto o teu. :P
Só que eu vou adiar a viagem para o ano que vem. Tenho de ver algumas outras coisas.

Sobre o papo com a galera, eu li isso em alguns lugares. O povo parece ser bem hospitaleiro e gentil.

Como eu não tenho noção boa do tempo, o relógio é essencial, rsrs.

Abraços,

Augusto escreveu:Blz Lucas.

Espero o seu relato aqui qdo vc voltar hein. ::otemo:: ::otemo:: ::otemo:: ::otemo:: ::otemo::
Uma coisa que eu deixei passar foram entrevistas com pessoas que vc vai encontrando ao longo do Caminho. Ou até os donos das pousadas. Cada estória legal que vc ouve.
Alguns incentivando, outros perguntando se tá tudo bem, outros pedindo uma oração qdo chegar em Aparecida, etc....
Eu deveria ter gravado isso. Acho que ficaria legal.
Gravar na própria maquina mesmo. É só levar alguns cartões de varios Gigas. ::otemo:: ::otemo:: ::otemo::

Vaselina ajuda sim viu. Ela evita o contato entre os dedos e com isso as bolhas.
E faça outra coisa também. Use 2 meias (uma primeira meia daquelas sociais e uma outra meia esportiva por cima).
É p/ os dedos não ficarem tão umidos.

O relógio vai ser fundamental, mas depois de alguns dias vc já estará com um ritmo constante e aí é só seguir.



Gde abc


lucasmuzel escreveu:Augusto, muito obrigado pela resposta! Se Deus quiser, eu terei novidades em Novembro, quando tiver completado o trajeto. ::otemo::

Com certeza. É por isso que ganhou o justo nome de caminho da fé, pois também leva à Aparecida. Um tempo assim, em contato com a natureza (e com ELE) será muito agradável.

Recomendam mesmo a vaselina. Santo remédio!
Eu escolhi o candidato a tênis já. Tá mais rodado que muito carro por aí, rsrs;

Era o que eu imaginava. Em trechos planos, vai ser sussegado, andando sem calma, e só dando uma olhada ocasional no relógio.

E vamos que vamos!

Usuários navegando neste fórum: Nenhum usuário registrado e 1 visitante