Carnaval 2013 Jacuba / Vila da Fumaça - Resende (RJ) - Camping Sítio Jóia de Jacuba

Relatos de viagens na região sudeste do Brasil (Espírito Santo, Minas Gerais, Rio de Janeiro e São Paulo)


Carnaval 2013 Jacuba / Vila da Fumaça - Resende (RJ) - Camping Sítio Jóia de Jacuba

Mensagem não lidapor Leandro Vet » 18 Fev 2013, 01:54

Neste carnaval, eu e minha esposa, quase sem querer descobrimos um sítio com área de camping, num lugar maravilhoso, chamado Jóia de Jacuba.
Partimos do Rio no domingo de carnaval, com tempo nublado a chuvoso, com nosso carro (um Celta 1.0) carregado até o teto com tudo que iríamos precisar, pois já sabíamos que na região não havia comércio disponível. Fomos sem local certo, dispostos a fazer um camping selvagem, se fosse necessário, pois eu não tinha achado nada sobre nenhum camping na redondeza, a não ser mais acima no Rio Preto, indo na direção de Visconde de Mauá (cerca de 35 km de distância de onde acampamos). Pois bem, ano passado nós já havíamos passado pela redondeza, então eu já sabia como chegar na região do Rio Preto (que faz a divisa dos estados do RJ e MG). Muita chuva nesse dia, muita lama e atoleiros, mas conseguimos chegar lá sem maiores problemas.
Chegamos a um local chamado Poção da Jacuba, onde tem uma praia linda no Rio Preto, próximo à Garganta do Rio Preto, que eu achava que era aberto e público, mas para a nossa surpresa o local pertence a uma propriedade particular (???). Quem nos recebeu disse que não seria possível acampar ali, pois eles têm um restaurante no local. Retornamos pela estrada em direção à Vila da Fumaça, achando que teríamos que voltar pro Rio de janeiro, quando então nos deparamos a uma placa que indicava o Sítio Jóia de Jacuba - área de camping.
Passamos pela porteira e descemos até o local: um lindo vale cercado de verde, onde passa o belíssimo Rio Preto, com suas águas limpas e frias, e uma linda praia de areia. Os donos do sítio nos receberam de braços abertos: os irmãos Marino, Orlando e Nilson, além de seus pais e demais familiares.
O local dispõe de área gramada, acima da beira do rio (seguro mesmo que o nível do rio suba), banheiros e chuveiro quente, água potável disponível numa bica (a água desce encanada do alto da mata - puríssima). O local fica junto a mata preservada, tem trilhas para caminhar e diversas aves silvestres.
O acampamento transcorreu tranquilamente, fizemos fogueira à noite, onde assamos batata doce, queijo coalho, etc. De dia, bebida gelada (graças ao isopor com bastante gelo que levamos), sol, cadeiras e barraca de praia (também levamos) na areia, aquele banho de rio... uma maravilha!!
O lugar é perfeito para quem busca paz e tranquilidade junto à natureza, sem barulhos, sem perturbações. Agito zero (e era isso mesmo que a gente queria). Quase não se vê carros ou pessoas pelo caminho, somente algumas pessoas que visitam o local para tomar banho de rio. O camping é bastante seguro, por estar dentro de um sítio que ocupa um vale, afastado da estrada e de curiosos.
A família proprietária do sítio é de uma simpatia tremenda, o tratamento dado a nós por eles foi realmente nota 10. Nos sentimos muito bem recebidos e já estamos planejando acampar lá de novo na semana santa. O local ainda é pouco conhecido, mas os donos querem melhorar o camping, e divulgar o local. Mas para nós está ótimo do jeito que está, achamos tudo muito bom, o camping é bem simples e rústico... perfeito!!

Dicas:

- A estrada até o sítio e ao camping fica complicada se estiver chovendo muito, conseguimos chegar e sair com um carro 1.0, mas tem que ter peito e experiência para não atolar. Ideal seria veículo 4x4.
- Em hipótese nenhuma deixe de levar protetor solar. Mesmo no mormaço, parece que queima a pele tanto quanto ou mais do que numa praia de mar. Não levamos protetor e depois sofremos com as queimaduras de sol.
- Não sentimos mosquitos no local, muito pouco, nem chegou a incomodar, mas é sempre bom levar repelente.
- Apesar do calor durante o dia, à noite a temperatura cai bastante, tivemos que usar manta e cobertor.
- O camping oferece local gramado para montar as barracas com iluminação, banheiros, chuveiro quente e água potável fresca. Tudo o mais você tem que levar, pois não há nenhum tipo de comércio por perto.
- É bom levar lonas ou gazebo para ter áreas de sombra (para a barraca e local para cozinhar), pois o camping quase não tem árvores no gramado.
- Para quem não vai de carro, existe uma linha de ônibus que sai de Resende e vai até Fumaça, o ponto final não fica muito longe do sítio. Outra hipótese seria marcar com antecedência com o Marino, talvez eles possam fazer esse translado do ponto final até o camping (mas não posso afirmar isso, só fazendo contato mesmo).
- O preço cobrado é bem acessível, até o carnaval estava 15,00 por pernoite / pessoa.

Atrações nas redondezas:

- Cachoeira da Fumaça (a maior do estado do RJ)
- Poção da Jacuba
- Garganta do Rio Preto
- Ponte submersa (isso mesmo, a água passa por cima da estrada, e não por baixo).

Como chegar:

Saindo do Rio de Janeiro pela via dutra, depois de Barra Mansa entrar para Porto Real e Quatis, pela RJ-159. Seguir sempre em frente pelo asfalto até o distrito de Falcão, logo após o fim do trecho urbano dobrar à esquerda pegando estrada de terra até a Vila da Fumaça. Próximo a essa vila, dobrar à direita em direção a Jacuba. Nesse trecho há subida de serra e a estrada é cheia de pedras - seguir com cuidado. Após passar pela entrada do Parque Municipal da Fumaça, cerca de três quilômetros depois fica a entrada do sítio, indicada por uma placa.
Para quem vem de São Paulo, pela dutra entrar em Resende com destino ao distrito de Bagagem, de lá até Jacuba, indo em direção a Vila da Fumaça.

Contatos Sitio Jóia de Jacuba: Marino Sampaio tel. (24)9833-0303 id 98*42323

e-mail: marino.sampaio@hotmail.com
Avatar do usuário
Leandro Vet
 
Mensagens: 2
Desde: 17 Fev 2013, 22:01
Localização: Ilha do Governador, Rio de Janeiro, Brasil

Voltar para Brasil - Sudeste - Relatos de viagem



Quem está online

Usuários navegando neste fórum: Nenhum usuário registrado e 4 visitantes