Chile - Regiões vinícolas - Guia de Informações

Guias de viagem sobre destinos no Chile, tutoriais e tópicos com dicas criados pela comunidade. Quer criar um guia, enviar uma dica ou postar um tutorial? Crie seu tópico aqui


Chile - Regiões vinícolas - Guia de Informações

Mensagem não lidapor Mi_GR » 02 Ago 2009, 19:18


Este é um tópico guia sobre vinhos, uvas e as regiões vinícolas no Chile. Rotas, curiosidades, dicas, dúvidas, sugestões ou relatos sobre o assunto devem ser postados no tópico correto do fórum Chile. A atualização das informações deste tópico contará também com a reunião de informações de usuários em outros tópicos.

O Mochileiros.com é uma fonte gratuita de informações para viajantes de língua portuguesa e a contribuição de todos os membros é muito importante.

Veja como contribuir com o Guia de Vinhos do Chile:
1- Deixe sua dica sobre vinícolas no Tópico: Santiago - Vinícolas
2- Deixe sua dica ou sugestão em Vinhos - Perguntas e Respostas
3- Escreva um relato sobre sua viagem pelas vinícolas chilenas




Chile - Regiões vinícolas - Guia de Informações

O Chile é um país que faz parte do Novo Mundo dos vinhos. Seu solo é fértil e diversificado.
Este foi o responsável por trazer de volta a uva Carmenére, extinta por causa de uma praga que atingiu as vinícolas do mundo inteiro: a “Phylloxera Vastatrix”. Sua localização geográfica permitiu que os vinhedos daqui criassem resistência e ficassem imunes a essa proliferação, por isso, hoje a Carmenére é produzida em excelente qualidade em diversos outros locais.
Aqui também são produzidos os melhores vinhos da América Latina, com a uva Cabernet Sauvignon, além da contínua melhora dos vinhos produzidos a partir da Merlot. Muitos são reconhecidos e indicados como melhores do mundo.

Regiões Vinícolas:

Maipo, Rapel, Bio-Bio, Aconcagua, Casablanca, San Antonio, Colchagua, Elqui, Curicó, Itata, Malleco.

Principais uvas tintas:

Merlot, Cabernet, Carmenére, Pinot Noir, Syrah, Malbec, Carignan e Cabernet Franc.

Principais uvas brancas:

Sauvignon Blanc, Chardonnay, Riesling e Gewurtzraminer.

Obs: localização aproximada das regiões.


Destaques:

Valle do Bio-Bio
Em grande escala são plantadas as uvas locais País (tinta) e Moscatel de Alejandria (branca) esta última é usada na produção do Pisco, famoso destilado.
Recentemente, variedades de uvas como a Pinot Noir, Riesling, Chardonnay e Gewürztraminer têm sido cultivadas no vale, e os Chardonnay receberam alto reconhecimento internacional por serem produzidos com um tipo diferente de manejo: poucos cachos para as frutas amadurecerem bem e pouca ventilação.
Informações:
Chuvas: 1.276 mm/ano.
Produção:
Variedades Tintas – Uva País (1.452 ha), Pinot Noir (159 ha), Cabernet Sauvignon (92 ha).
Variedades Brancas: Moscatel de Alejandria (865 ha).
Área de Uvas Viníferas: 512,00 hectares.
Área de Uvas Comuns: 2.317,00 hectares.
Área de Vinhedos: 2.829,00 hectares.


Valle de Casablanca
Localizado entre Santiago e o maior porto do Chile, Valparaíso (recentemente declarado Patrimônio da Humanidade) tem tido grande crescimento de visitação nas rotas aqui localizadas.
Trata-se de um vale pré-litoral (18km de distãncia), na planície costeira da região, rodeado pela serra costeira, o que permite uma amplitude térmica de 19º, além da boa influência da interferência marítima.
A colheita acontece mais tarde que os outros vales do Chile, a partir de 15 de março até final de abril. Essas características climáticas trazem vinho de qualidade superior, com muita concentração de fruta, acidez muito boa e um final brilhante.
Informações:
Chuvas: 542 mm/ano
Dados de Produção:
Variedades Tintas: Pinot Noir (498 ha), Merlot (387 ha), Syrah (ha), Carmenère (ha)
Variedades Brancas: Chardonnay (1.818 ha), Sauvignon Blanc (527 ha)
Área de Uvas Viníferas: 3.693,00 hectares


Valle do Colchagua:
O turismo e o desenvolvimento hoteleiro da cidade de Santa Cruz atrai turistas para visitar o Valle e conhecer sua rota de vinhedos. A colheita começa na zona mais próxima dos Andes, continua em torno de Santa Cruz e termina nas áreas de grande influência do mar.
Informações:
Chuvas: 592 mm/ano
Dados de Produção:
Variedades Tintas: Cabernet Sauvignon (10.762 ha), Merlot (3.326 ha), Carmenère (2.021 ha), Syrah (885 ha), Malbec (361 ha).
Variedades Brancas: Chardonnay (1.139 ha).


Valle do Curicó:
Curicó significa “Águas Negras” e a região produz vinhos de grande acidez, os melhores de cada uma das variedades brancas, especialmente, Sauvignon Blanc, Vert e Gris.
As áreas mais quentes do vale, como Lontué, produzem vinhos de Cabernet Sauvignon de alta qualidade, especialmente nos vinhedos mais velhos, alguns com mais de 80 anos de idade.
Informações:
Chuvas: 702 mm/ano.
Dados de Produção:
Variedades Tintas - Cabernet Sauvignon (6.704 ha), Merlot (2.907 ha), Carmenère (983 ha).
Variedades Brancas - Sauvignon Blanc (3.596 ha), Chardonnay (1.416 ha).
Área de Uvas Viníferas: 18.422,00 hectares.


Valle de San Antonio
Estes vales formaram a região vinícola mais próxima do oceano. Possui um microclima, propiciando o cultivo de uvas de clima frio como a tinta Pinot Noir e as brancas Chardonnay e Sauvignon Blanc, com excelente tipicidade.
A produção de vinhos finos nestes vales foi iniciada pela Viña Leyda em 1998, seguida por outras.
Informações:
Chuvas: 350mm/ano
Dados de Produção:
Variedades Tintas: Pinot Noir (98 ha).
Variedades Brancas: Chardonnay (116 ha), Sauvignon Blanc (53 ha).
Área de Uvas Viníferas: 289,00 hectares.


Valle do Aconcagua
Este vale possui o nome do pico mais alto dos Andes (6.958m) e foi uma importante passagem trans andina chamada Cristo Redentor, que liga o Chile à Mendoza, na Argentina.
Os primeiros vinhedos na área de Panquehue datam de 1870. As variedades tintas predominam neste vale e o Cabernet Sauvignon 2003, produzido no setor de La Campana, foi destaque por sua intensa cor e taninos bem definidos, enquanto os de Panchehue alcançaram características de maior maturação.
Informações:
Chuvas: 214 mm / ano.
Dados de Produção:
Variedades Tintas: Cabernet Sauvignon (478 ha), Merlot (159 ha), Syrah (78 ha), Carmenère (44 ha).
Variedades Brancas: Chardonnay (28 ha).
Área de Uvas Viníferas: 1.025,00 hectares.


Valle Cachapoal

Possui ótimas condições para a produção de uvas tintas, especialmente Cabernet Sauvignon.
Em eventuais chuvas tardias durante a primavera, mas sem geadas e temperaturas moderadas durante o verão, a região permite o amadurecimento lento das uvas, resultando em vinhos de Cabernet Sauvignon encorpados e com taninos redondos.
Informações:
Chuvas: 340 mm/ano.
Variedades Tintas - Cabernet Sauvignon (4.774 ha), Merlot (1.758 ha), Carmenère (599 ha).
Variedades Brancas - Sauvignon Blanc (583 ha), Chardonnay (463 ha).
Área de Uvas Viníferas: 9.377,00 hectares.


Valle del Elqui

Área conhecida como “Chico Norte”, é também o maior centro de observação astronômica e grande procura turística.
Aqui está concentrada a produção de uvas Moscatel, utilizadas na elaboração do pisco. Entretanto, a Vinícola Falernia alavancou a produção de vinhos, o que resultou em um crescimento de outras variedades de uvas, como a Carmenere, a Syrah e a Zinfandel.
Informações:
Chuvas: 70 mm/ano.
Dados de Produção:
Variedades Tintas: Cabernet Sauvignon (190 ha), Merlot (50 ha), Carmenère (32 ha), Syrah (27 ha).
Variedades Brancas: Chardonnay (31 ha).
Área de Uvas Viníferas: 448,00 hectares.


Vale del Itata

Aqui, a maioria da produção é destinada ao consumo familiar, em pequenas fazendas, como parte de uma tradição que já dura mais de 400 anos no Chile.
As principais uvas são a rústica Moscatel Alexandria e a País, que estão sendo lentamente substituídas por variedades finas. Novas vinícolas estão demonstrando o potencial das outras variedades.
Informações:
Chuvas: 1.107 mm/ano.
Dados de Produção:
Tintas - País (4.238 ha), Cabernet Sauvignon (374 ha).
Variedades Brancas - Moscatel de Alejandria (4.819 ha), Chardonnay (345 ha)
Área de Uvas Viníferas - 1.750,00 hectares.
Área de Uvas Comuns - 9.057,00 hectares.
Área de Vinhedos - 10.807,00 hectares.


Valle del Limari
A produção é de vinhos finos entre o setor de Socos e a cidade de Ovalle. As tintas predominam no vale, mas alguns excepcionais Chardonnays e Sauvignon Blancs foram recentemente produzidos no vale de Tamaya.
Informações:
Chuvas: 94 mm/ano.
Dados de Produção:
Variedades Tintas - Cabernet Sauvignon (712 ha), Merlot (189 ha), Carmenère (119 ha), Syrah (100 ha).
Variedades Brancas - Chardonnay (115 ha).
Área de Uvas Viníferas - 1.679,00 hectares.


Valle del Maipo
Única região vinícola do mundo com vinhedos nos limites urbanos de uma capital de 5,5 milhões de habitantes. Aqui fica o maior número de vinícolas do Chile, a maioria tradicionais datadas desde o século 19.
Informações:
Chuvas: 313 mm/ano.
Dados de Produção:
Variedades Tintas - Cabernet Sauvignon ( 6.202 ha), Merlot ( 1.155 ha), Carmenère (527 ha).
Variedades Brancas - Chardonnay (953 ha), Sauvignon Blanc (397 ha),
Área de Uvas Viníferas - 10.461,00 hectares.


Valle del Maule
Esta é a maior região vinícola do Chile. As variações de microclimas e solos em seu interior geram uma grande variedade de vinhos, sendo encontradas aqui praticamente todas as variedades de uvas cultivadas em todo o Chile.
Informações:
Chuvas: 735 mm/ano.
Dados de Produção:
Variedades Tintas - Cabernet Sauvignon (8.888 ha), País (8.511 ha), Merlot (2.762 ha), Carmenère ( 1.280 ha).
Variedades Brancas - Sauvignon Blanc (1.369 ha), Chardonnay (1.205 ha).
Área de Uvas Viníferas - 19.945,00 hectares.
Área de Uvas Comuns - 8.511,00 hectares.
Área de Vinhedos - 28.456,00 hectares.



Pesquisa realizada em bibliografias e internet.
Fontes: Didu Russo – Manual básico do mundo do vinho; Eduardo Viotti – Guia para gostar de vinhos; Academiadovinho.com
Avatar do usuário
Mi_GR
Membro de Honra
Membro de Honra
 
Mensagens: 1636
Desde: 19 Jan 2006, 15:48

Voltar para Chile - Guias, Tutoriais e Dicas



Quem está online

Usuários navegando neste fórum: Nenhum usuário registrado e 1 visitante