EM PARIS EVITEM O HOTEL FAUBOURG 216-224

Denúncias relacionadas a hotéis, pousadas e hostels.
Regras do fórum
Atenção: Leia a mensagem abaixo antes de criar um novo tópico neste fórum.

O fórum Denuncie :É furada ! Não recomendo! Está aberto a todos os usuários que tenham sido lesados , preteridos ou mal tratados em algum estabelecimento de turismo , seja ele hospedagem, empresa de transporte, restaurantes e similares, agências de viagens etc.

A intenção do fórum é alertar outros mochileiros para evitarem o mesmo problema.

O mundo do turismo está em constante mutação , sua participação é importante porém os tópicos terão um prazo fixo de 6 meses no ar , após esse período serão arquivados.

- Assuntos polêmicos devem ser tratados civilizadamente , obedecendo as regras do fórum.

- O Mochileiros.com garantirá o direito de resposta à todas empresas denunciadas no site.

- Seja objetivo e cite o Nome do estabelecimento, local, data do acontecido e que ocorreu de fato. Os tópicos que não seguirem estas regras serão removidos do conteúdo do site sem aviso prévio.


EM PARIS EVITEM O HOTEL FAUBOURG 216-224

Mensagem não lidapor rodrigoabreu26 » 13 Fev 2012, 14:40

Estou escrevendo este relato devido a um problema bastante complicado que tivemos no Hotel de Paris Faubourg 216-224. Não sei como utilizar esse fato da melhor forma, pois não fui à polícia na data,aliás eis o meu grande erro.Por isso escrevo acreditando que alguém interessado em visitar a cidade possa evitar esse hotel.

Não tenho com esse contato o menor interesse em recuperar o prejuízo que me causaram, mas apenas tornar o fato público. Inclusive uma cópia deste relato também foi encaminhada para a Embaixada Francesa.

Chegamos em Paris dia 23/12 e nos hospedamos no Hotel Faubourg 216-224, que foi indicado e reservado pela STB. No nosso quarto tinha um cofre com senha eletrônica e, já na passagem pela recepção, fomos aconselhados a deixar nossos bens de maior valor resguardados no mesmo, e assim o fizemos.

Logo no dia seguinte (24/12), quando chegamos do passeio, percebemos que o cofre estava aberto, mas não tivemos certeza que houvesse sumido algo. Na dúvida, de ter sido ou não algum equívoco nosso, depois de muito conversar, decidimos conferir a senha novamente e voltar a trancar e conferir mil vezes a tranca. Ok.

Muito confusos e já preocupados, eu organizei detalhadamente as notas, cartões adicionais e alguns documentos dentro do cofre, de modo que, minha carteira de habilitação estava alocada exatamente em cima das notas, de maneira totalmente estável e alinhada para que pudessemos perceber se alguem mexesse. Contamos todas as notas, euro, libra e dólar e anotamos tudo.

No dia seguinte, voltamos dos passeios quase meia noite e exaustos, nem abrimos o cofre.

Então, no dia 26/12 (2ª feira), quando chegamos por volta das 18hs no hotel, abrimos o cofre, utilizando nossa senha normalmente e, o documento estava absolutamente fora de posição e com nitidez, alguém tinha mexido lá. Quando conferimos o dinheiro, notamos o desaparecimento de 90 libras, 1 nota de 50 e 2 notas de 20. Imediatamente fomos a recepção e como não havia funcionário da administração presente, comunicamos ao recepcionista, que pediu que na manhã seguinte procurássemos o gerente, Sr. Thierry ou o diretor, Sr. Rani. Observo que o recepcionista não demostrou nenhum espanto com a nossa reclamação e sinceramente, ficou claro que esse tipo de coisa não estava acontecendo ali pela primeira vez.

Então, na manhã seguinte, dia 27/12 (3ª feira) nós fomos procurar os administradores para reclamar nosso roubo. Quem nos atendeu foi o gerente, Sr. Thierry, que desde o início da conversa mostrou-se intolerante em aceitar os fatos e extremamente rude em nosso tratamento. Chegando ao ponto de, sem qualquer pertinência, no meio da conversa nos interromper para fazer uma pergunta em alto tom de ironia e desprezo: "Where are you from?".

Ele tentava nos convencer de que éramos mentirosos a todo tempo, inclusive dizendo que se alguém tivesse que roubar, roubaria tudo e não apenas 90 libras. Essa sentença é absoluta??? Claro que não. Quantos quartos tem o hotel? Vale a pena "fazer a limpa" em 1 cofre e chamar toda a atenção ou é melhor pegar valores baixos que talvez até passem despercebidos por muitos? Além disso, uma pessoa que está em Paris, não está utilizando libras, mas sim, euros, portanto o roubo de libras gera muito menos visibilidade. Nós não lidamos com essa problemática no nosso cotidiano, mas criminosos sim, e somos suficientemente inteligentes para raciocinar sobre isso.

Depois de com muito esforço explicarmos tudo detalhadamente, ele percebeu nossa total segurança quanto ao que estávamos falando e que seu poder de nos "convencer" de que éramos loucos ou mentirosos não teria sucesso. Então, num ato, até então de aparente sensatez e honestidade, disse que não tinha o dinheiro disponível no momento para nos ressarcir, mas pediu um prazo de até sexta-feira (31/12) para resolver nosso prejuízo.

Até sexta-feira a noite não fomos procurados, nem pelo Sr. Thierry e nem por nenhum outro funcionário do hotel para qualquer esclarecimento. A recepção nos informou que talvez ele estaria no hotel no dia seguinte. Por uma questão de boa fé e até mesmo inocência, nós aguardamos mais esse dia (01/01/2012) e, novamente, recebemos o mesmo tratamento pelo hotel. Quero deixar claro que NENHUM funcionário teve a dignidade de nos procurar para dar qualquer explicação!!! Fomos tratados como mentirosos e a sensação de humilhação perante tamanho descaso foi predominante.

Dá pra ter noção do quanto tudo isso arrasou com nosso tão sonhado Reveillon em Paris?? Não pelo dinheiro em si, afinal pra quem está gastando mais de R$30.000,00 nessa viagem não seriam 90 libras o suficiente para tanto, mas sim, a humilhação e a vergonha que sentimos mediante constrangedora situação.

Como nosso trem para Londres partia no domingo de manhã, tudo culminou para que ficássemos mais de braços atados ainda e fomos embora, com uma solene resposta da recepção de que não havia nenhum administrador no momento e que nosso check-out deveria ser feito independente da insolubilidade do problema. Mais um momento de profundo constrangimento.

Quando reclamamos com a agência de tursimo (STB),e esta entrou em contato com o hotel Faubourg 216-224, o mesmo respondeu que só não ressarciu porque não fomos a polícia registrar o ocorrido. O fato é que o gerente PEDIU PRA EU NÃO IR A POLÍCIA, POIS ELES IAM RESOLVER TUDO ADMINISTRATIVAMENTE. Essa notória mentira, ainda mais do principal responsável pela administração do hotel, só me faz ter mais motivos para desconfiar da idoneidade deste lugar.

Um fato como esse não pode, em hipótese alguma, passar em branco, por isso agora que cheguei ao Brasil estou tentando torná-lo público, de maneira a evitar que o mesmo se repita.


É importante lembrar que o hotel foi contratado pela STB (SUTDENT TRAVEL BUREAL), que também não ressarciu nosso prejuízo, embora tenha responsabilidade pelos atos dos hotéis que indica.


Agradeço atenção de quem tenha lido este relato.

Atenciosamente,

Rodrigo.
rodrigoabreu26
 
Mensagens: 2
Desde: 13 Fev 2012, 13:27

Re: EM PARIS EVITEM O HOTEL FAUBOURG 216-224

Mensagem não lidapor Karen Lisboa » 13 Fev 2012, 15:02

Rodrigo,
Boa tarde!
E lamentável o ocorrido.. eh de extrema importância a divulgação dos fatos.
Obrigado.
Karen "Aonde a brisa me levar la estarei".
Países visitados: França (Paris), Bruxelas, Amsterdã, Alemanha - Heidelberg (Mannheim), Praga, Hungria (Budapeste), Viena e Chile.
Karen Lisboa
 
Mensagens: 85
Desde: 14 Fev 2011, 10:28
Localização: Chambly, Qc

Re: EM PARIS EVITEM O HOTEL FAUBOURG 216-224

Mensagem não lidapor michel » 13 Fev 2012, 17:01

Lamentável mesmo Rodrigo, inclusive percebi que vcs tiveram 2 problemas sérios na mesma viagem !!

Realmente não dá pra confiar, nem em franceses, nem em ingleses.
MICHEL
Avatar do usuário
michel
Membro de Honra
Membro de Honra
 
Mensagens: 1494
Desde: 30 Jan 2003, 01:25
Localização: Sampa, SP, Brasil

Re: EM PARIS EVITEM O HOTEL FAUBOURG 216-224

Mensagem não lidapor Ane Simoes » 01 Mai 2013, 19:55

Nossa, que triste isso. Mas, confesso que minha decepcao foi grande com esses parisienses.Povo rude,hostil e mal educados.Tivemos varios problemas criados pela mal educacao desse povo.Imagino sua revolta!!!
Ane Simoes
 
Mensagens: 3
Desde: 01 Mai 2013, 19:39

Re: EM PARIS EVITEM O HOTEL FAUBOURG 216-224

Mensagem não lidapor Elizandrea » 04 Mai 2013, 22:49

Ficar sem ir à polícia, realmente, foi o erro! O cara percebeu que poderia enganá-los e o fez. Não deixem de registrar nada! É preciso também ligar para a agência no mesmo dia e deixar uma reclamação no site. E, se for mais grave, sempre procurar a embaixada. Mas, deixo uma dica: todo cofre pode ter a senha mudada. Dê um pulinho em qualquer loja de malas e peça pro vendedor te explicar. Muitos hotéis deixam a explicação perto do cofre. É da mesma forma que mudamos as senhas dos cadeados.
Obrigada por alertar sobre o hotel. ::sos::
Avatar do usuário
Elizandrea
 
Mensagens: 46
Desde: 23 Jan 2012, 01:36

Re: EM PARIS EVITEM O HOTEL FAUBOURG 216-224

Mensagem não lidapor estsilva » 26 Jun 2013, 22:48

Não deixe de postar estes comentários no Trip Advisor.

A classificação deste hotel neste site é péssima.

Maria Esther ::sos::
estsilva
 
Mensagens: 15
Desde: 07 Abr 2013, 16:09


Voltar para Denuncie: Hotéis, Pousadas e Hostels



Quem está online

Usuários navegando neste fórum: Nenhum usuário registrado e 0 visitantes