Você tem um Blog de viagem? Divulgue aqui!
#1208325 por fernandos
05 Ago 2016, 16:17
Ir a Rivera no inverno fazer compras, é um destino clássico de boa parte dos gaúchos, apesar do dólar não estar ajudando muito ultimamente, mas como bom centro de compras, os uruguaios sabem fazer boas promoções.
Minha primeira experiência como não poderia deixar de ser, foi com “papai e mamãe”, compras alfajores, queijos, e todo esse besteirol, que a turistaiama adora. E quando vê o dinheiro se foi. Rivera é uma tentação ao paladar e ao olfato, com muitas ofertas de “gordices”, é pacotão de batata frita, barras imensas de troblerone, queijo e salames ótimos (ainda mais agora que ta liberado), muitos vinhos, whiskys e vodkas maravilhosas. Um manjar para o consumismo, a sim, mais perfumes, ar condicionados, peças para carros, etc. etc.
Chegando a Rivera a gente cruza pela praça internacional, com um obelisco e as duas bandeiras de Brasil e Uruguai, lado a lado tremulando, simbolizando a irmandade entre os dois países. MAS ATENÇÃO! Não compre nada na praça internacional, lá é normal muitos vendedores ambulantes assediarem os turistas, com marcas tipo Natura Uruguaia, ou qualquer falcatrua dessas, vendendo perfumes que são água com sabão, whiskys por R$ 10,00 que na verdade são só chá, é tem dessas. E muito turistão metido a malandro ainda cai, querendo uma pechincha. E os caras são bons, te abordam com uniforme tipo de loja, e um papo muito envolvente, esses ambulantes são excelentes vendedores (enganadores), NÃO CAIA NESSA! Compre somente nas lojas, para não comprar gato por lebre.
Logo a frente cruzando a avenida, começas os free-shops, e lojas para todo gosto, na avenida Sarandi. Mas apesar de ser um local de comercio intenso, pode ir tranqüilo pois é bem seguro, e a policia Uruguai garante a segurança, e mesmo nas lojas existem policiais ou seguranças dentro das lojas.
As lojas que se mais se destacam são a Sineriz, a Zebra, a Barão, agora abriu um shopping novo, mais afastado do centro, mas minhas preferidas são as lojas menores e com menos concorrência, é bom pesquisar bem antes de comprar, pois, os preços variam bastante. Bom de comprar em Rivera é roupa de lã, mas assim, Rivera não lugar de “baratilho”, não se acha tipo, casacos a R$ 10,00, o que rola lá são marcas de grife, que no Brasil são bem caras, lá se encontra pela metade do preço, ex. um perfume que no Brasil seria uns R$ 300,00, se acha lá por R$ 100,00, mais ou menos isso. E isso serve para a maioria dos produtos. Coisas baratas se acha na divisa do lado brasileiro, existem várias lojinhas, com produtos baratos, e uma das maiores é o Mercadão do Jeans, onde se acha coisas muito baratas mesmo.
Demais em Rivera existem poucas praças, onde da para descansar os pés, alguns bons restaurantes servindo parrillada, mas se sair da rua principal e for um pouco mais pra dentro se encontra restaurantes, mais voltados ao moradores da cidade mesmo, com comida mais simples, e do dia a dia do povo uruguaio, o que prefiro alias, por serem menores e menos procurados pelos turistas. Só não caia na bobagem, como eu, de pedir um refrigerante de Tamarindo, oh coisa azeda! Muito ruim mesmo. Um restaurante que eu gosto bastante também, e é bem no centro, é o Club Uruguay, um prédio antigo na Sarandi mesmo quase no final. Ou faz como fiz em uma de minhas primeiras viagens, leva uma caixa cheia de pastel de casa, e come sentado na calçada, kkk. Pobre com vontade de viajar faz qualquer negócio.
Hoje em dia não tenho mais animo para ir a Rivera, pois, já não ando tão consumista assim, mas pra quem gosta aqui vão minhas dicas de compra o melhor alfajor é o Milka, cujo o símbolo é uma vaquinha roxa; vodka Absolut, whisky qualquer um, pois, sendo das lojas qualquer um é bom; vinho acho legal comprar o Traversa, que é uruguaio mesmo, e é ótimo; doce de leite conaprole, muito melhor que os vendidos aqui no Brasil; as roupas de lã, são de preço e qualidade melhor; enfim, vá cedo, você vai caminhar bastante, cansar, e pague as taxas na alfândega, que são mais ou menos 10%, do valor do produto, que é melhor que ser confiscado pela policia rodoviária federal, que abordam muito.

Mais relatos e fotos aqui: http://cenasperdidas.blogspot.com.br/ e http://rotasetrips.blogspot.com.br ::otemo:: ::otemo::


Usuários navegando neste fórum: Nenhum usuário registrado e 2 visitantes