Troca de informações sobre a Argentina, o país dos 5 continentes. Neve, montanhas, desertos, pântanos e cidades maravilhosas.

#1202085 por gustavofgt
12 Jul 2016, 16:02
Estive em mendoza entre os dias 25/06 e 02/07, então vou tentar ajudar com algumas informações.

Ski em Los Penitentes
Acesso: A forma mais simples para chegar até a estação é de Ônibus. Existem ônibus diários saindo da rodoviária de Mendoza e deixando no pé da estação de ski. O ideal é pegar o primeiro ônibus do dia (6h da manhã se não me engano), para poder aproveitar melhor o dia na montanha, pois a estação (lifts) funciona de 9h às 17h. A viagem dura em torno de 4h, com algumas paradas pelo caminho. A passagem custou 90 pesos. Caso opte por ficar mais de um dia, a compra da passagem de volta é feita com o próprio motorista, no ponto de parada do ônibus em Los Penitentes. Outra opção seria alugar um carro, mas nem cheguei a fazer cotação.
Hospedagem Fiquei hospedado por uma noite (dias 27 a 28) no Refugio Cruz de Caña. Estávamos em três, portanto fechamos um quarto com quatro camas. É bem simples, mas bem aconchegante. Banheiro compartilhado mas sempre limpo, água quente, vários sanitarios e chuveiros. Ainda era baixa temporada, pagamos 500 pesos por pessoa com café da manhã e janta (ambos muito bom). Levando em conta que qualquer refeição ou lanche na montanha gira em torno de 150-200 pesos, o valor foi até bom. Não fizemos reserva, reservamos ao chegar na montanha. Existem diversas opções de hostels (ou refúgios que pra mim dá no mesmo) na base da montanha. Caso queiram reservar, tudo deve ser feito online ( http://www.lospenitentes.com ou reservas@onlinetravel.com.ar), mas demoram um ou dois dias para responder cada e-mail e creio que algumas nem estão disponíveis no site.
A estação: Para quem está começando ou em um nível intermediário, ela atende perfeitamente. Mesmo para os mais avançados dá pra se divertir bastante. A época era de baixa, portanto não havia muito movimento/agito. Existem alguns poucos bares e restaurantes na base e os preços não são dos melhores. Um ponto negativo é a ausência de sinal de Wi-fi. Simplesmente não existe. Talvez a melhor opção fosse comprar um chip em Mendoza, mas não fizemos isso e quase ficamos sem comunicação por dois dias. A salvação foi um mercadinho que possuia telefones "públicos".

Vinícolas
Existem diversas opções para visitação das vinícolas: Onibus, Taxi, Remis, agencias de turismo, Trem, etc. Eu fugiria das agências e dos remis pois são MUITO caros. É possível utilizar os transportes públicos para chegar até as regiões (maipu, lujan de cuyo e valle de uco) e de lá utilizar bicicleta ou taxi para visitar as vinícolas. Não tínhamos feito muita programação para o passeio, portanto optamos por ir até Maipu e lá mesmo pegar as indicações. Optamos por pegar o Trem ou Metrovia na avenida Belgrano (3 quadras da Plaza Independencia) e paramos na última estação, que já é em Maipu. Ao sair da estação fomos informados da bodega Lopez, que fica a 2 quadras da estação. É uma bodega grande, mais "industrial", porém de acordo com eles 99% dos vinhos são vendidos internamente. A visitação é grátis com direito a degustação de dois rótulos e tira gosto de torradas com o azeite também produzido por eles. Achei MUITO boa a visitação, tudo muito bem explicado. Achei apenas um pouco demorado, pois passam primeiro um vídeo explicativo e só depois fazem a visitação, repetindo muito do que é apresentado no vídeo, mas valeu muito a pena.
Em seguida alugamos uma bicicleta e fomos na Bodega Giol, que hoje já não funciona mais, mas um dia já foi a maior produtora de vinho do mundo. Achei a visitação à fábrica super interessante, bem como a sua história. Nesta bodega pagamos 70 pesos por cabeça com direito a degustação de 4 rótulos.
Por último fomos à uma bodega orgânica chamada Checchin. Já era por volta de 16h, horário que começam já fechar as bodegas. Talvez por isso não tivemos lá uma super experiência, pois a guia explicou tudo de forma muito rápida e sem detalhes, mas mesmo assim foi válida a visita, que também é grátis. Mas nessa bodega eles cobram a degustação à parte (são várias opções de degustação). Ao invés de degustar, preferimos comprar logo umas garrafas.

Bom, é isso. Espero ter ajudado.
#1202981 por gustavofgt
15 Jul 2016, 15:58
francielle.tavares-riva escreveu:Boa tarde, pessoal. Muito bom este fórum e com muitas informações relevantes. Parabéns aos organizadores.

Vou com alguns amigos fazer uma viagem de 5 dias à Mendoza na primeira quinzena de Agosto.
Procuramos em muitos sites e inclusive aqui neste fórum, mas não conseguimos encontrar informações claras que sugiram de como podemos fazer o transporte de Mendoza à estação de esqui de Los Penitentes. Caso eu tenha perdido algum post, peço desculpas e agradeço se alguém puder indicar.
As opções que encontramos são complicadas, já que são ou demoradas ou caras demais.
Indo de ônibus pode levar até 4h, o que faz perder muito tempo do dia apenas para o transporte. Já indo de táxi, a gente precisaria gastar um valor elevado, mesmo que dividíssemos este valor entre os passageiros do táxi.

Alguém que tenha ido recentemente e feito este itinerário/roteiro poderia fornecer dicas valiosas para ajudar nessa situação? Agradeço a atenção de todos.

Falei ali em cima que o mais fácil é ir de ônibus, mas lembrei de uma outra opção.
Nas lojas de aluguel de ski são oferecidos transfers de mendoza para a estação. O valor, se não me engano era de 350 pesos por pessoa (ski, baixa temporada), já com o aluguel do equipamento. Na montanha só o aluguel foi 220 pesos.
Tem saída garantida nos finais de semana, mas fazem também durante a semana para grupos de quatro ou mais. Além de ser mais rápido, você já chega na montanha com o equipamento já alugado, o que economiza tempo.
Na Av. Las Heras vi umas duas lojas. Tente entrar em contato com a http://americanski.com.ar
#1203337 por pauloperuna
17 Jul 2016, 11:48
Oi Gustavo

Pensei em conhecer as vinícolas de Maipo indo de trem e pegando taxi lá para as vinícolas. Você viu se é possível pegar táxi da estação de trem para as vinícolas? Sabe dizer o valor do táxi? Desde já agradeço as suas informações.
#1203551 por gustavofgt
18 Jul 2016, 09:47
Olá, Paulo.
É possível sim. Como disse antes, a estação final do trem já é em Maipu e existem vinícolas próximas para ir até andando. Os valores de taxi não posso te dizer, pois vai depender da distância da vinícola, mas não achei o taxi lá caro. Existem dezenas (se não centenas rsrs) de vinícolas em Maipu a um raio de 5KM.

Aproveito pra deixar outra dica em relação ao câmbio. Quando fui o dólar estava por volta de R$3,50 (comercial).
As melhores taxas que conseguimos foram de 14,90 pesos por dólar e 3,30 pesos por real nas CASAS OFICIAIS (no mercado paralelo pagavam cerca de 0,20 a 0,30 pesos a mais, preferimos nem correr o risco). Então recomendo levar dólar em espécie, que é muito mais vantajoso mesmo pagando dupla taxa de troca.
#1205355 por billythekid
24 Jul 2016, 20:04
Salve, cheguei dia 21 agora de Mendonza, os preços estão na mesma desses post anteriores , quanto ao ônibus pra conhecer a cidade, fiz e gostei, primeiro porque custa somente 110 pesos, segundo porque alem de você conhecer os principais pontos da cidade e sua historia, ficara informado também de opções dos passeios, eles realizam e indicam agencias. Tem um representante da agencia que fica o dia todo na plaza independência, em frente a placa enorme com o nome da cidade, que fica iluminada a noite, lindo lindo.
#1208865 por RicardoAbdo
08 Ago 2016, 17:14
Pessoal...quem tiver informações e cotações atualizadas de câmbio e puder trazer, eu agradeceria...vou pra Santiago antes de Mendoza, e estou pensando seriamente em levar só dólar e trocar por peso argentino lá no Chile mesmo. A cotação está bem interessante..
#1209009 por thamygilio
09 Ago 2016, 11:26
mirellampsouza escreveu:Oi Paulo! Desculpa a demora em responder!
Amei Mendoza, uma cidade lindíssima e agradável, porém aconteceram imprevistos :( infelizmente quando cheguei a fronteira Paso Libertadores estava fechada devido a uma nevasca! Eu cheguei num domingo e estava com passagens de ônibus compradas para Santiago para quarta. Na segunda fomos para o Aconcagua com o carro alugado, porém só pudemos chegar até Uspallata, porque devido a nevasca o restante da estrada até o Aconcagua estava interditado :( mas compensou bastante porque faziam 15 anos que não nevava em Uspallata e a cidade estava lindissima!!!! tudo coberto de neve! Valeu a pena! Almoçamos em um restaurante muito bom, o El rancho, comi lá o melhor bife de chorizo da viagem! :p custou 236 pesos (para duas pessoas) e 50 pesos o acompanhamento. A viagem de carro até la foi super tranquila e a paisagem é fantástica!
Infelizmente não havia previsão para abrirem a fronteira, tinha muita neve e eu precisava estar em Santiago na quarta, pq meu noivo voltaria para o Brasil na quinta por Santiago, então tivemos que ir embora na terça, pelo outro caminho que as empresas de ônibus oferecem, foram 17h de viagem, contornamos a cordilheira, super cansativo porém a vista é fantástica também, me senti no NatGeo kkkkkk fiquei arrasada porque não pude fazer os passeios das vinícolas, perdi a diária do carro :( mas imprevistos acontecem né e isso tudo acabou sendo uma aventura bem divertida e improvisada! Espero poder voltar para Mendoza, pois sou amante de vinhos e sai de lá incompleta :(
Mas fui a vinícolas em Santiago para tentar compensar!
abraços!!!



Olá Mirella!
Estou indo a Mendoza no dia 21, mas antes vou passar por Buenos Aires e ainda não aluguei o carro. Nunca aluguei e estou morrendo e medo. Você poderia me dizer como você fez? Por onde você alugou?
#1209138 por mirellampsouza
09 Ago 2016, 17:59
thamygilio escreveu:
mirellampsouza escreveu:Oi Paulo! Desculpa a demora em responder!
Amei Mendoza, uma cidade lindíssima e agradável, porém aconteceram imprevistos :( infelizmente quando cheguei a fronteira Paso Libertadores estava fechada devido a uma nevasca! Eu cheguei num domingo e estava com passagens de ônibus compradas para Santiago para quarta. Na segunda fomos para o Aconcagua com o carro alugado, porém só pudemos chegar até Uspallata, porque devido a nevasca o restante da estrada até o Aconcagua estava interditado :( mas compensou bastante porque faziam 15 anos que não nevava em Uspallata e a cidade estava lindissima!!!! tudo coberto de neve! Valeu a pena! Almoçamos em um restaurante muito bom, o El rancho, comi lá o melhor bife de chorizo da viagem! :p custou 236 pesos (para duas pessoas) e 50 pesos o acompanhamento. A viagem de carro até la foi super tranquila e a paisagem é fantástica!
Infelizmente não havia previsão para abrirem a fronteira, tinha muita neve e eu precisava estar em Santiago na quarta, pq meu noivo voltaria para o Brasil na quinta por Santiago, então tivemos que ir embora na terça, pelo outro caminho que as empresas de ônibus oferecem, foram 17h de viagem, contornamos a cordilheira, super cansativo porém a vista é fantástica também, me senti no NatGeo kkkkkk fiquei arrasada porque não pude fazer os passeios das vinícolas, perdi a diária do carro :( mas imprevistos acontecem né e isso tudo acabou sendo uma aventura bem divertida e improvisada! Espero poder voltar para Mendoza, pois sou amante de vinhos e sai de lá incompleta :(
Mas fui a vinícolas em Santiago para tentar compensar!
abraços!!!



Olá Mirella!
Estou indo a Mendoza no dia 21, mas antes vou passar por Buenos Aires e ainda não aluguei o carro. Nunca aluguei e estou morrendo e medo. Você poderia me dizer como você fez? Por onde você alugou?


Olá!!Thamy
Aluguei um carro em Mendoza e outro em Santiago! Foi super tranquilo! Aluguei um carro pelo site da rentalcars.com e o outro pelo site da rentcars.com
Gostei muito dos dois não tive nenhum problema, ambos vc faz o pagamento com cartão de crédito no próprio site e eles enviam um voucher por email, ai vc imprime e leva para apresentar lá no momento da retirada!
Esses sites funcionam como um decolar.com sabe, como se terceirizasse, pois o carro de Mendoza foi pela Localiza e o de Santiago foi pela Alamo.
#1209674 por caiodavanso
11 Ago 2016, 20:12
Pessoal, tudo bem?
Vou para Santiago em fevereiro ou março do ano que vem com minha esposa e meu bebe que terá um ano e quatro meses na época...
estou em dúvida entre puerto varas e mendoza...
Mendoza indo de santiago e voltando de ônibus com bebe é tranquilo?
Tem muitas coisas a se fazer na cidade e próximas além das vinicolas?
É uma cidade gostosa para ficar nela uns 2 a 3 dias?
Ou quem conhece puerto varas indicaria?
Obrigado
#1209955 por thamygilio
13 Ago 2016, 02:40
mirellampsouza escreveu:
thamygilio escreveu:
mirellampsouza escreveu:Oi Paulo! Desculpa a demora em responder!
Amei Mendoza, uma cidade lindíssima e agradável, porém aconteceram imprevistos :( infelizmente quando cheguei a fronteira Paso Libertadores estava fechada devido a uma nevasca! Eu cheguei num domingo e estava com passagens de ônibus compradas para Santiago para quarta. Na segunda fomos para o Aconcagua com o carro alugado, porém só pudemos chegar até Uspallata, porque devido a nevasca o restante da estrada até o Aconcagua estava interditado :( mas compensou bastante porque faziam 15 anos que não nevava em Uspallata e a cidade estava lindissima!!!! tudo coberto de neve! Valeu a pena! Almoçamos em um restaurante muito bom, o El rancho, comi lá o melhor bife de chorizo da viagem! :p custou 236 pesos (para duas pessoas) e 50 pesos o acompanhamento. A viagem de carro até la foi super tranquila e a paisagem é fantástica!
Infelizmente não havia previsão para abrirem a fronteira, tinha muita neve e eu precisava estar em Santiago na quarta, pq meu noivo voltaria para o Brasil na quinta por Santiago, então tivemos que ir embora na terça, pelo outro caminho que as empresas de ônibus oferecem, foram 17h de viagem, contornamos a cordilheira, super cansativo porém a vista é fantástica também, me senti no NatGeo kkkkkk fiquei arrasada porque não pude fazer os passeios das vinícolas, perdi a diária do carro :( mas imprevistos acontecem né e isso tudo acabou sendo uma aventura bem divertida e improvisada! Espero poder voltar para Mendoza, pois sou amante de vinhos e sai de lá incompleta :(
Mas fui a vinícolas em Santiago para tentar compensar!
abraços!!!



Olá Mirella!
Estou indo a Mendoza no dia 21, mas antes vou passar por Buenos Aires e ainda não aluguei o carro. Nunca aluguei e estou morrendo e medo. Você poderia me dizer como você fez? Por onde você alugou?


Olá!!Thamy
Aluguei um carro em Mendoza e outro em Santiago! Foi super tranquilo! Aluguei um carro pelo site da rentalcars.com e o outro pelo site da rentcars.com
Gostei muito dos dois não tive nenhum problema, ambos vc faz o pagamento com cartão de crédito no próprio site e eles enviam um voucher por email, ai vc imprime e leva para apresentar lá no momento da retirada!
Esses sites funcionam como um decolar.com sabe, como se terceirizasse, pois o carro de Mendoza foi pela Localiza e o de Santiago foi pela Alamo.


Obrigada Mirella!
Aluguei pela Decolar.com, vamos ver, hahaha
#1211805 por pauloperuna
21 Ago 2016, 09:23
Olá Thamy

Na volta se possível atualize os valores de câmbio e nos conte como foi sua viagem. Estou pensando em alugar carro em Mendoza e Santiago, minha maior preocupação é dirigir depois de fazer as degustações nas bodegas. Boa viagem, curta bastante e nos conte como foi.

Usuários navegando neste fórum: Nenhum usuário registrado e 4 visitantes