Troca de informações e relatos de trilhas e travessias na região sudeste do Brasil. Espírito Santo, Minas Gerais, Rio de Janeiro e São Paulo.
#473833 por Raffa
28 Mai 2010, 10:44
Trilha realizada em 2008, saímos da Vila de Paranapiacaba até Cubatão no litoral Paulista. Fomos seguindo os trilhos do antigo sistema funicular de SP.

Um pouco sobre o sistema funicular:

_____

O primeiro sistema funicular, que foi denominado de Serra Velha, iniciou atividade comercial no ano de 1867, quando a Sao Paulo Railway começou a operar. Esse sistema comportou o tráfego de passageiros e cargas até a década de 1890, quando um segundo sistema funicular, de maior porte, começou a ser construído. O novo sistema foi denominado de "Serra Nova". Começou a operar em 1901.

O 1º Sistema Funicular ou Serra Velha, constituíu-se na construção de quatro planos inclinados interligados por patamares, onde estavam instalados um sistema de máquinas fixas acionando os cabos de aço, que puxavam a composição ferroviária.

Nos chamados patamares, eram efetuadas as trocas dos cabos de sustentação e assim a composição novamente subia ou descia a serra, agora sendo tracionada por outra máquina fixa, colocada mais adiante. Cada máquina fixa estava localizada numa extremidade superior de um plano inclinado.

Em 1981, um incêndio misterioso destrói a antiga estação ferroviária de Paranapiacaba e o Sistema Funicular é desativado.

___

Trilha histórica bem pertinho de sampa, na Serra do Mar.

Partimos de Paranapiacaba na sexta meia noite e retornamos de Cubatão no domingo as 15h.

Chegamos na Vila, aquela neblina e frio já tradicionais. Não dava para ver o relógio. As ruas totalmente vazias. Essa trilha não é permitida, pois atravessa os trilhos da MRS e é lei federal que não pode caminhar sobre trilhos.

O começo da trilha é feita ali proximo ao cemiterio, aonde tem o mirante e vai até o Rio Mogi ou Poço Formoso. Voce tem que ficar de olho nos seguranças da MRS, atravessar os trilhos ativos e começar a trilha pelo outro lado (um morro).

Não tivemos muita sorte, estavamos num grupo grande, os seguranças perceberam e foram atrás, passamos pelo primeiro túnel tinha um pessoal acampando, saímos do tunel e avistamos as lanternas deles. Gritavam e atiravam pedras (eles estavam nos trilhos ativos embaixo e nos no sist funicular em cima). Apagamos a lanternas, ficamos quietos e eles desistiram. Primeira ponte para atravessar, essa nem deu muita emoção que estava tão escuro e neblina que voce não enxergava a altura dela.

Nosso destino era o Quarto patamar, aonde iríamos acampar a primeira noite, aliás a primeira madrugada. Já eram umas 2am.

Depois da primeira ponte passamos por outro túnel e seguimos adiante, sempre indo pelos trilhos ou o cabo de aço do antigo sistema funicular.

Metros a frente a temida Grota Funda, de dia é muitoooo alto(50m) rssss A noite quem não conhece não se assusta muito, alguns foram em pé outros meio que engatinhando, outros sentados, todos passaram.

Imagem

Pessoal tinha que prestar muita atenção nessa passagem pelas pontes, pois voce só podia pisar aonde tinha o ferro dos trilhos, já que os dormentes estavam a maioria podres. Destino alcançado: 4º Patamar.

Montamos as barracas, o local tem muita pedra, então trate de levar um isolante inflavel rs
Lugar muito bonito para tirar altas fotos e viajar no tempo:
Imagem

Lembram da Grota Funda ?
Olha a altura dela de dia rs
Imagem

ela de novo:

Imagem

Fizemos nosso café, apreciamos o local, desmontamos o acampamento e seguimos a trilha...
Senão me engano, são de 12 a 16 pontes e tuneis para transpor.

Mais uma pela frente, de dia o negócio é outro, repare que voce só pode pisar nos trilhos ou naquela chapa que tem o parafuso ao lado dos trilhos:
Imagem

Depois de passar por cima de umas 4 pontes, resolvi não me arriscar mais, comecei ir pelas trilhas contornando ou descendo as pontes e subindo novamente.
Imagem

Alcançamos o 3ºPatamar, já dava para ver Cubatão.

Aqui parecia que as pontes estavam piores. Chegamos na ponte mãe, a maior de todas. Fui por baixo. Não era nem o meu senso de segurança que estava apitando, era o de conservação histórica.

Imagem

Nas bases dessa ponte, o ferro tinha virado papelão, qualquer toque ele desmanchava. feio o negócio.

Resolvemos acampar dentro do Túnel Mãe, pelo nome já deve saber que é o maior de todos tambem. Era uma goteira só, bem úmido. Não tinha mais trilhos inteiros, mas muitos dormentes espalhados, chance de animal peçonhento muito grande.
Rolou pizza, rolou arroz, feijão e calabresa, fogueira. Pessoal caprichou

Imagem

Até pirofagia rss

Imagem

Dia amanheceu, pelo menos a entrada do túnel voce enxerga alguma coisa. ahh existe uma bica d agua dentro do tunel.

Imagem

Ao lado do túnel que acampamos, voce percebe que ao lado, tem outra entrada de um túnel que desabou.

Continuamos descendo, desviando de pontes, alguns seguiam por cima, atravessamos mais túneis, muitos morcegos. Cubatão cada vez mais próximo.

Avistamos uma cobra, ela ficou quieta no canto dela e nos seguimos...

Muitas pontes não resistiram ao tempo:
Imagem

No meio da trilha, temos que atravessar uma cachoeira, cuidado nessa parte, muito liso e bem ingrime.
Imagem

Parada para se refrescar, mergulhar e continuamos sentido Cubatão, até que a trilha já começava a ficar plana.

Passamos por um antigo sistema de reservatorio de agua, os trilhos voce nem consegue ver mais(provavelmente roubado para vender em ferro velho). só o cabo de aço.

Já estavámos em Cubatão

Ultima ponte para atravessar
Imagem

Aqui a trilha tranquila e bonita

Imagem

Chegamos nos trilhos da MRS ! Aqui atenção, voce se arriscou a trilha inteira para ser atropelado ?? cuidado rs

Imagem

Nosso ponto final foi a casa da Dona Zélia em Cubatão. alguns tomaram banho, ela serviu um delicioso café. Deixamos as coisas que não comemos com ela, o lixo tambem.

Pegamos um onibus urbano até a rodoviaria e posteriormente um até Sampa.

Mama, i´m coming home

Imagem

Atravessamos algumas pontes que estão muito mal conservadas, vimos muito verde, muita ferrugem, cobra, morcegos mas a animação e a força de vontade da galera foi maior para finalizar essa trilha.

Um perrengue como esse lava a alma de qualquer trilheiro. ::otemo::

ATENÇÃO: Recomendo a quem for fazer essa trilha, não ir por cima das pontes, por cima estão se deteriorando rapidamente e por baixo vi tambem muita estrutura podre. Adrenalina faz bem, mas preservar as pontes, sua vida e dos outros que estão com você é melhor ainda.

toda as fotos dessa trip:https://www.facebook.com/media/set/?set=a.10150515730839812.398255.576754811&type=3
Editado pela última vez por Raffa em 24 Mar 2013, 18:59, em um total de 1 vez.

#500100 por Renan Campi
03 Set 2010, 15:28
Essa Trilha é sensacional. To doido pra fazer ela, mas, sempre tive receio das pontes. Pelo que relatou, é possível fazer por baixo. Era o que precisava saber, rs. Até o final do ano pretendo fazê-la.

Abração!!!
#505002 por gusta
18 Set 2010, 12:54
Não são todas as pontes q da pra fazer por baixo, mas a boa noticia é q as pontes q não sew pode dar avolta estão em mlehor estado q consevação, pois são as q ficam + proximas a paranapiacaba!!!
Quem tiver afim de fazer me avisa, faz mo tempo q não faço essa trilha e to querendo fazer novamentente!!1
#505004 por gms
18 Set 2010, 13:07
Vontade eu tenho, só tem que ver quando (a faculdade anda apertando bastante a minha vida agora, tanto que eu deveria estar estudando).
E se tiver que fazer em dois dias, tenho que arranjar uma barraca e uma mochila cargueira, mas vontade eu realmente tenho.
A fiscalização continua do mesmo jeito?
#507742 por gusta
27 Set 2010, 17:12
Da pra fazer a funicular com uma mochila pequena 40/45 lts e uma rede(kampa)!!!
Uma dica evitem levar barracas q não seja auto-portante, pois na funicular se acampa nos tuneis ou nos patamares, onde fica quase impossivel colocar os espeques!!!
#524282 por Debs_Debora
17 Nov 2010, 17:23
Trilha realizada nos dias 12/13/14 -11 - Iniciamos sexta a noite e finalizamos domingo às 11h! Showwww!!!!!!!Reúne História, aventura e natureza, mas muito cuidado! As pontes realmente não estão em boas condições...
Vale a pena!
Beijocas!
#530957 por RenanDiNallo
08 Dez 2010, 12:58
Nossa cara, muito show de bola essa trilha em, bem se alguem quiser ir, so me comunicar, porque eu moro em Ribeirão Pires, que é do lado de Paranapiacaba, andei bastante pela região, mas o problema que la tem se tornado perigoso, muito drogados, pessas que se perdiam pela região, e assaltos, tava indo um pessoal muito estranho la, tenho um grupo de amigos, 3 a 4 pessoas, a gente acampa perto do rio mogi por onde vc foi, a gente se esconde, hoje, a segurança agora ta mais forte, e se vc for pego, se acaba indo para delegacia, é feito um boletim contra vc, fora que seu equipamento é apreendido. Fiquei sabendo porque eu fui domingo retrasado, para dar uma volta ali pelo rio Mogi, e um dos guardas me paro, falando que a tirlha desmoronou, e que agora só pode ir com guia e não pode mais acampar, sempre não pode, mas não tinha vigilância, agora ficou complicado, tão investindo la, mas muito legal, se eu soubesse teria ido com vocêis certeza !!!!!

Usuários navegando neste fórum: Nenhum usuário registrado e 9 visitantes