Relatos de viagem no Peru
#932197 por JULIANA ROCHA
23 Fev 2014, 15:19
Resolvi fazer este tópico pra resolver uma vez por todas os questionamentos sobre ir ou não ir ao Peru na época das chuvas! E??? Ir ou não ir??

Bom, eu e meu marido resolvemos ir ao Peru à uns 6 meses atrás, e já compramos o pacote de viagem para o período de 31/01/14 a 09/02/14, para nós este é o único momento que podemos sair de férias. Mas nessa época eu não havia pesquisado profundamente sobre a viagem que faríamos, e como eu pesquiso tuuudo antes de viajar, comecei a ver muitos relatos sobre as chuvas nesta época. Fiquei desesperada, em Dezembro decidi cancelar a viajem e ir para o Rio de Janeiro. Bom.. Como Machu Picchu sempre foi meu sonho de viajem, fiquei muito em dúvida e então decidi arriscar, pois fala sério, trocar MP pelo Rio, não me parecia muito um bom negócio no momento!! Fiquei o mês de janeiro inteiro olhando a previsão do tempo, e marcava sempre 30 a 40 mm de chuva por dia, chegou a marcar 70mm e então eu pirei, parei de olhar! Fiquei sabendo de deslizamentos de terra na subida para MP no início de Janeiro, mas não por causa somente de chuvas, pedras estavam bloqueando a passagem dos ônibus, mas no meio de janeiro a subida foi normalizada novamente.

Chegou o dia finalmente, aqui no Paraná estava um calor de matar! Chegava a 40º quase todos os dias, carregamos nossas malinhas, e fomos!! Nossas conexões foram horríveis, levamos quase 30 horas para chegar em Cusco, com direito a dormir em banco de aeroporto, passar frio na noite de Lima, pegar voo de madrugada para Cusco, tempo nublado e previsão de chuvas... =/ (Eu quero ir à MP)!!! Teimosa como sempre, cheguei muito feliz em Cusco e levei um baque com o frio... Estava realmente frio! A sensação térmica estava próxima dos 0º. Então chegamos 6hrs da manhã e nosso check in no hotel era só as 09:00, tivemos que esperar... ::putz:: Ficamos no Hotel Pachacutec, é um pouco longe da Plaza de Armas, mas dá para ir a pé tranquilo pela Av. Del Sol, um ótimo custo benefício, o lugar é simples mas é muito confortável, e o chuveiro era uma delícia.... O tempo estava bom, um pouco nublado só, então aproveitamos a hora do almoço para descansar e dormir um pouco.

A tarde saímos para conhecer a Plaza de Armas, e assim que colocamos os pés lá, começou a chover. Mas eu estava tão empolgada por estar lá que não liguei muito, fomos almoçar no Paititi, um restaurante ao lado da Igreja, um pouco caro mas muito gostoso. E a chuvinha não parava..
DSCN4470-001.JPG
Av. El Sol
DSCN4470-001.JPG (200.85 KiB) Exibido 9076 vezes

DSCN4013.JPG
DSCN4013.JPG (192.96 KiB) Exibido 9076 vezes

3.JPG
3.JPG (161.76 KiB) Exibido 9076 vezes


Como a chuva não parava e não conseguíamos suportar o frio, fomos conhecer os pub's da cidade, fomos ao Norton, fica em frente ao restaurante Incanto, e adoramos o lugar, bem receptivo para todos de qualquer lugar do mundo, experimentamos a famosa Cusqueña, adoramos... Claro que não é muito recomendado para quem ainda está aclimatando, mas foi uma boa opção!! =))
DSCN4047.JPG
Bar Norton
DSCN4047.JPG (229.32 KiB) Exibido 9076 vezes


Quando finalmente a chuva deu uma trégua, ficamos perambulando pela Plaza, e claro, fiquei encantada com o charme da noite, das luzes da praça, do reflexo da água nas calçadas, enfim, me apaixonei por Cusco!
DSCN4098.JPG
Plaza de Armas
DSCN4098.JPG (220.69 KiB) Exibido 9076 vezes

DSCN4077.JPG
Plaza de Armas - Em Bar Norton
DSCN4077.JPG (210.29 KiB) Exibido 9076 vezes


No segundo dia saímos cedo andar pela cidade, fez uma linda manhã de sol e andamos por todos os lados. Conhecemos o Centro de Artesanato de Cusco, que fica na Av. El. Sol, lugar excelente pra compras!! Com certeza o melhor que visitamos lá! Tiramos muitas fotos na Plaza de Armas, conhecemos outro Pub, que não me lembro o nome, tomamos chá de coca, e não Cusqueña!! Ficamos sentados na Plaza só observando as pessoas e conversando sobre nossa viagem, fomos almoçar em San Blás e depois fomos encontrar o guia para o city tur. Primeiro fomos à Catedral, escutamos as histórias e ficamos encantados com a beleza de lá e da arquitetura em ouro! Lindo demais... Quando saímos da igreja, estava caindo o mundo de tanta chuva!!! Ficamos ensopados pois a guia não esperou ninguém vestir direito as capas de chuvas, e não esperou a forte chuva passar para sairmos da Igreja, então chegamos no Qorikancha encharcados e morrendo de frio, mal prestei atenção no que a guia falava, e, pra falar a verdade, o lugar não tem nada de extraordinário, apesar de ser um importante lugar para os incas, e para os espanhóis... Diferente da Catedral que é linda, vale a pena conhecer! De lá fomos para Sacsayhuamam, um lugar muito lindo, mas, como já disse, por estar molhada e com frio não curtimos tanto :?
DSCN4286.JPG
Sacsayhuamam
DSCN4286.JPG (221 KiB) Exibido 9076 vezes


Passamos por Qenqo, lugar onde aconteciam sacrifícios humanos e realizavam as mumificações, muito interessante este lugar, as pedras do teto e paredes eram mais quentes do que as pedras que utilizavam como altar para as mumificações. De lá também tem-se uma vista panorâmica linda de Cusco.
DSCN4297.JPG
Interior - Qenqo
DSCN4297.JPG (200.03 KiB) Exibido 9076 vezes

DSCN4323.JPG
Vista panorâmica de Cusco
DSCN4323.JPG (208.33 KiB) Exibido 9076 vezes


Passamos por Puca Pukara, mas pelo frio eu nem desci do ônibus!! E depois fomos à Tambomachay. Neste sítio arqueológico ainda flui as águas canalizadas pelos incas, a água é tão pura que pode-se beber do local mesmo, diz-se que é a fonte da juventude! =) Para chegar no local tivemos que fazer uma caminhada de uns 10 minutos de subida, e foi realmente cansativo, pois estávamos à quase 3.900 m de altitude, neste momento fiquei preocupada com o soroche, pois até o momento não tínhamos sentido nada em relação à altitude. Ficamos muito ofegantes, e o frio nos pegou de jeito. Só um chazinho de coca mesmo pra esquentar!! Ah! Adoramos o chá!!
DSCN4297.JPG
Interior - Qenqo
DSCN4297.JPG (200.03 KiB) Exibido 9076 vezes

DSCN4328.JPG
Tambomachay
DSCN4328.JPG (204.98 KiB) Exibido 9076 vezes

DSCN4345.JPG
O homem das montanhas!
DSCN4345.JPG (209.61 KiB) Exibido 9076 vezes


Chegamos no hotel à noite, saímos para jantar, e voltamos cedo pra dormir e descansar. Posso dizer que foi um ótimo dia de passeio, que foi muito afetado pela chuva! Dormi preocupada pensando no dia seguinte, a se a chuva não passasse??? ::vapapu::
Acordei com um pulo para olhar pela janela!! E surpresa!! O Sol estava brilhando!!! 8) Tomamos o café da manhã, que por acaso era muito gostoso, e a agência já passou nos buscar, neste dia íamos fazer Chinchero, Salineras de Maras e Moray.
Passamos primeiro por Chinchero, é um local que ainda vive a tradição inca. As artesãs fizeram uma demonstração de como tratam a lã de lhama e alpaca, como limpam, tecem e colorem o fio, e depois fazem seus lindos tecidos e artesanatos, fomos recepcionados com chá de coca. Compramos luvas e gorros de lã de alpaca, muito macio! Mas neste dia não precisou, estava muiito mais calor! ::otemo::
Depois fomos em direção à Salineras de Maras, e, literalmente, passeio o maior medo da minha vida! Eu nem imaginava como seriam às estradas que chegam a esses lugares, nunca ninguém mencionou sobre isso em nenhum relato sobre o lugar. A estrada é tão perigosa, que quase tive um infarto de medo. Estava sentada no lado direito do ônibus, quando fui surpreendida por uns 15 cm de distância do ABISMO!!! É tão alto que podemos observar toda a salineras lá em baixo! Não tem proteção nenhuma, a estrada não é asfaltada, há lugar para apenas 1 veículo, e quando passamos pelas curvas Arrggh! ele busina para avisar caso alguém esteja vindo em direção contrária!!! Eu achei aquilo um absurdo...

No entanto, o lugar é lindo demais!!E nos rendeu lindas fotos (eu amo fotos!!!), lá tem bastante alimentos típicos para comprar e alguns são muito gostosos! Tem também todos os tipos de sal que são extraídos de lá mesmo. Compramos o sal rosa e adoramos, a comida fica com um gostinho especial! Enfim, ficamos impressionados com a história do lugar e de como é feita a extração de sal desde o período inca. Como fomos em época de chuvas, não há extração de sal, pois eles utilizam um método de evaporação para a extração, por isso as montanhas não estavam branquinhas como neve, mas mesmo assim é lindo!!
DSCN4389.JPG
Salineras de Maras
DSCN4389.JPG (188.44 KiB) Exibido 9076 vezes

DSCN4396.JPG
DSCN4396.JPG (240.41 KiB) Exibido 9076 vezes


Depois retornamos pela "estrada da morte" em direção à Moray, como eu já estava preparada psicologicamente para a volta, sentei quietinha e fechei os olhos, então não passei tanto medo.. Só escutava as pessoas que estavam do outro lado, (agora para o lado do abismo), dizendo: "Meo Deus do céu! Esse ônibus vai cair! Esse cara quer matar nós!!" kkk ::ahhhh:: Enfim, sobrevivemos!! Em Moray conhecemos o famoso sítio arqueológico em forma de círculo perfeito, construído pelos incas para fazer experiências agrícolas. São 30m de profundidade e a cada degrau, muda a temperatura em cerca de 1º, ou seja, eles conseguiram cultivar alimentos que só se desenvolvem em temperaturas mais elevadas e em lugares mais baixos, lembrando que estávamos à 3.500 m de altitude. Neste local o guia nos propôs a meditar um pouco enquanto ele falava sobre o lugar e sobre toda a vida que tinha se passado por ali, depois abrimos os olhos e fizemos um agradecimento a pachamama (Deusa da terra e da fertilidade) jogando uma pedra no solo em agradecimento. Foi bem legal na verdade, pudemos parar para refletir sobre o lugar que estávamos, que era um lugar sagrado para os incas. E pq não para nós?? A volta subimos toda a extensão de Moray e quase morri, eu escutava as pessoas dizendo "Ai minha pachamama!!" kk
DSCN4412.JPG
Moray
DSCN4412.JPG (251.08 KiB) Exibido 9076 vezes

DSCN4433.JPG
DSCN4433.JPG (155.68 KiB) Exibido 9076 vezes

DSCN4446.JPG
Admirando Moray
DSCN4446.JPG (215.04 KiB) Exibido 9076 vezes


Voltamos para Cusco a tarde e ficamos perambulando pelas ruas, visitando as feiras de artesanato, fomos almoçar e depois voltamos para o hotel, neste dia queríamos sair a noite, mas não conseguimos pelo cansaço, ainda que tínhamos que arrumar as coisas para o outro dia, pois íamos para o Vale Sagrado e pernoitar em Aguas Calientes. Acabamos ficando no Hotel. No outro dia cedinho, chuva!!!! Saímos do hotel super preocupados... Mas fazer o que né?? Rumo à Pisac e Ollanta!!

A viagem é longa, cerca de 2 horas, mas passamos por lindas paisagens, e adivinha! Saindo de Cusco o céu estava azul e ensolarado! O tempo lá é louco!! ::dãã2::
O Vale Sagrado é sem dúvida um dos lugares mais lindos que se pode conhecer. É de tirar o fôlego! Passamos por montanhas nevadas, pelos rios fazendo curvas entre as montanhas, pelo verde macio que se ergue nas montanhas, é lindo! Me apaixonei novamente!!
DSCN4496.JPG
Primeira vista do Vale Sagrado
DSCN4496.JPG (194.7 KiB) Exibido 9076 vezes

3.JPG
3.JPG (181.11 KiB) Exibido 9076 vezes

DSCN4644.JPG
DSCN4644.JPG (188.35 KiB) Exibido 9076 vezes

DSCN4508.JPG
Cenas do Vale Sagrado
DSCN4508.JPG (192.67 KiB) Exibido 9076 vezes


Chegamos primeiro no mercado de Pisac, achei caro e são as mesmas coisas que se encontram no Mercado de artesanato de Cusco, as pratas são lindas, mas muito caras! Então não compramos nada lá. Fomos só para conhecer mesmo. Como o pessoal da excursão estavam empolgados com as compras, ficamos num restaurante que fica na estrada saindo do mercado, depois seguimos para Pisac. Não é que as estradas possam ser comparadas com a das Salineras, mas as de Pìsac também são perigosas, mas pelo menos não são tão estreitas, passam tranquilos 2 carros juntos e é muito movimentada. Olhando lá para baixo a vista é maravilhosa... Chegamos em Pisac e ficamos muito impressionados com o lugar! É lindo!!! Mal parei para prestar atenção na guia porque queria ir logo andar pelo lugar e tirar fotos, é claro! Era a morada dos nobres e há em suas ruínas templos e palácios incas. Da cidade pode-se observar os degraus agrícolas e uma vista linda do Vale Sagrado. Também no local foi descoberto o maior cemitério inca, que fica localizado na montanha atrás da cidade, lá foram encontradas mais de 10.000 múmias.
2.JPG
Pisac
2.JPG (196.34 KiB) Exibido 9076 vezes

DSCN4599.JPG
Os encantos de Pisac
DSCN4599.JPG (179.64 KiB) Exibido 9076 vezes

DSCN4524.JPG
Pumachayop
DSCN4524.JPG (202.28 KiB) Exibido 9076 vezes


Saindo de Pisac fomos em direção à Urubamba, para almoçar, e então seguimos para Ollantaytambo.
Ollanta é um dos sítios que mais gostei, tive muita vertigem por causa da altura mas curti demais o lugar, acho que me impressionei tanto com Ollanta do que com MP!
O povoado de Ollanta é o único que ainda é habitado desde a época dos incas, é como voltar no tempo e observar a vida como foi há séculos atrás. E a beleza se completa com as montanhas ao redor, as construções de pedras, o templo do sol, o templo das águas... É realmente extraordinário.
DSCN4739.JPG
Ollanta linda!
DSCN4739.JPG (193.44 KiB) Exibido 9076 vezes

DSCN4721.JPG
DSCN4721.JPG (201.27 KiB) Exibido 9076 vezes

DSCN4716.JPG
DSCN4716.JPG (193.23 KiB) Exibido 9076 vezes

DSCN4668.JPG
DSCN4668.JPG (217.13 KiB) Exibido 9076 vezes

DSCN4655.JPG
DSCN4655.JPG (262.44 KiB) Exibido 9076 vezes


Seguindo viagem pegamos um mototaxi até a estação ferroviária, foi realmente engraçado esse trecho ::hahaha::
Esperamos o trem que sempre está funcionando com 1 hora de atraso, conhecemos uns brasileiros interessantes, e partimos em direção à Aguas Calientes. A viagem de trem é algo que merece uma menção honrosa, pois foi realmente maravilhosa! Ficamos do lado esquerdo do trem, contemplando a violência do rio Urubamba, cercado por imensas montanhas, as mais altas que vimos até então... O que realmente é impressionante é que o pé montanha fica ao nosso lado e ao olhar pra cima tentando encontrar o pico quase não dá para ver, pois são muito altas! Nos sentimos no filme Avatar, naquele momento que eles estão sobrevoando as montanhas flutuantes, foi lindo, inesperado, encantador, inesquecível!!!
DSCN4759.JPG
Estação de trem de Ollantaytambo
DSCN4759.JPG (195.26 KiB) Exibido 9076 vezes


Chegando em Águas Calientes, outra surpresa... Uma cidade muito charmosa! Vários restaurantes todos com as mesas nas calçadas, um clima muito romântico e de "mochileiros". Olhava as montanhas ao redor tentando adivinhar qual delas é que está Machu Picchu, não vou dizer que tive uma experiência transcendental, mas dá pra sentir a energia daquele lugar, sentimento que podemos ser melhores, mais fortes e resistentes, e que aquelas montanhas são mágicas! ::hein:
Fomos tomar um banho e depois tivemos uma reunião com o guia que iria nos levar para MP, combinamos a hora, nos entregou os ingressos dos ônibus e então fomos jantar. Com o barulhinho gostoso do rio passando pela janela do quarto, foi fácil relaxar e descansar. Ansiosa para o grande dia, dormi pensando em MP!!

No dia 04/02/2014, acordei com um pulo às 06:30Am, tomei um banho gostoso, nos vestimos e já fomos tomar café. Encontramos os argentinos que fizeram todos os passeios com a gente e fomos juntos pegar o ônibus de subida. A viagem de subida também é perigosa heim!! Mas é tranquilo, eu acho pelo menos, porque mal olhei pela janela!! kk Por causa dos deslizamentos, trocamos de ônibus no meio do caminho, pois não tinha passagem! vimos que o desmoronamento foi realmente grande, acho que eles deviam tomar alguma providência urgente, pois há muito movimento de veículos subindo e descendo o dia inteiro.
Mas enfim, assim que avistei pela primeira vez Machu Picchu, foi realmente de tirar o fôlego, é imenso! a paisagem ao redor impressiona mais ainda, e você percebe o quão alto está! Observamos o topo de todas as montanhas ao redor e nos sentimos os reis do mundo! É surpreendente!
A cidade é muito grande e o passeio completo leva aproximadamente 3 a 4 horas. Depois da visita guiada, fomos tirar mais fotos e fazer os vídeos. Bom, detalhe, nós tínhamos os ingressos para subir Huayna Picchu, mas devido a minha descoberta do medo súbito de altura, resolvemos não ir, eu sempre achei que não tinha medo de altura e queria muito subir, mas acho que nunca tinha estado em alturas como aquelas! Aqui no PR não tem desses precipícios!! ::sos:: Decidimos não subir pois nosso trem de retorno era às 14:30, e achamos que eu ia demorar demais pra sair de lá, enfim, dei um vexame!! Saímos de MP cansados, mas nem tanto... Ficamos mais uma hora esperando o nosso trem, pois também estava atrasado, chegamos em Cusco às 19:00. Fomos jantar, e depois balada de despedida! Não choveu nenhuma vez nem em AC, nem em MP, e o tempo em Cusco estava ótimo também.
DSCN4970.JPG
Machu Picchu
DSCN4970.JPG (200.46 KiB) Exibido 9076 vezes

DSCN4810.JPG
DSCN4810.JPG (216.37 KiB) Exibido 9076 vezes

DSCN4928.JPG
DSCN4928.JPG (204.28 KiB) Exibido 9076 vezes


No dia 05/02 ainda aproveitamos o dia inteiro em Cusco, fazendo compras e passeando pela cidade. Nosso voo de volta era só às 18:00, ainda passamos uma maratona nos aeroportos para conseguir trazer toda a Cusqueña de lá, mas conseguimos ajuda da Cia aérea, inclusive até deixaram passar o peso extra sem ter que pagar a taxa. Em Lima, até trouxeram nossas malas de sei lá de onde, para despacharmos mais garrafas!! Acho que eles se comoveram com meu marido pedindo ajuda! E só fizeram tudo isso porque era cerveja! E um dos orgulhos do país, acho que é a única cerveja produzida por eles... Não acreditei que conseguimos trazer!
DSCN4188.JPG
DSCN4188.JPG (247.93 KiB) Exibido 9076 vezes

2.JPG
2.JPG (222.45 KiB) Exibido 9076 vezes

DSCN4151.JPG
DSCN4151.JPG (195.08 KiB) Exibido 9076 vezes

DSCN4206.JPG
DSCN4206.JPG (212.75 KiB) Exibido 9076 vezes


Chegamos no Rio de Janeiro, para ficar só 4 dias, mas levamos outro baque com a temperatura, estava mais que 40º!! E claro, tudo que não passamos mal no Peru, passamos no Rio, fiquei bem doente, com febre, com direito a canja de galinha e cobertor o dia inteiro! Mas no sábado melhorei e fomos até assistir o jogo do FlamengoXFluminense. Foi legal, gostei, mas o Redentor me pareceu bem pequeno depois de ver tanta grandiosidade no Peru.. Claro que o Rio é a cidade maravilhosa e concordo plenamente com isso, mas não tínhamos tempo de conhecer os lugares mais legais como Ipanema, Angra, Paraty e etc..

Bom, em relação aos passeios no Peru, decidimos por contratar uma agência de viagens antes de sair do Brasil, contratamos o Qorianka Tours, com a Mariela, e foi com certeza o melhor negócio, pagamos $380,00 por pessoa, incluindo todos os ingressos, transportes, guias, hotel em AC, os trens, com Inka Rail executivo, almoço em Urubamba, transfers do aeroporto/hotel e vice-versa, foi muito tranquilo, não tivemos nenhum problema com eles e indico 100%. Se fossemos comprar tudo sozinhos gastaríamos cerca de $340,00 por pessoa, então a diferença foi pouca comparado ao conforto e tranquilidade sendo agenciados.

Agora, a minha opinião sobre viajar em época de chuvas é: Se for igual no meu caso, que não posso viajar em outra época, acho que vale a pena arriscar. Pois o tempo é muito instável, chove e faz sol várias vezes no dia. Mas, segundo o nosso guia, demos sorte esse ano, pois o mês de janeiro mal choveu e fevereiro que é época das chuvas mais fortes, não choveu forte nenhuma vez, até quando eu estava lá né, não acompanhei o tempo depois disso. Ele disse que o ano passou choveu muito mesmo essa época, e que os passeios foram feitos normalmente, mas sempre debaixo de chuva. Mas se for uma opção, com certeza optar pelas épocas de secas é a melhor escolha, pois o risco de ter um passeio prejudicado é infinitamente menor! Mas, porém, a época de seca é no inverno, e faz muito mais frio... O vento lá é cortante.. Então, tem que pesar os prós e contras.. Só sei que foi uma das melhores viagens que fizemos e com certeza se tivesse cancelado iria me arrepender pelo resto da vida!!! Amei o Peru, amei todos os lugares que conhecemos e todas as comprinhas!!! Valeu Peru!!!

Quem quiser tirar dúvidas e sugestões pode entrar em contato pelo facebook!

#966058 por RoxaneOliveira
02 Jun 2014, 10:36
Juliana, seu relato está me encorajando a ir à Machu Picchu em Fev de 2015. :roll:

Também só posso tirar férias nessa época e pretendo fazer o roteiro mochilão clássico (Bolívia, Chile e Peru).

Tenho 2 amigos que também foram em Fevereiro (carnaval) e tiraram boas fotos!
Caso queira vir ao Rio numa próxima, pode me perguntar, que eu moro aqui.

Um abraço!
#985242 por JoseEduardo
26 Jul 2014, 17:54
Bom relato.

Estou indo em janeiro de 2015, estou com algum receio das chuvas, mas parece que dar para aproveitar bem, mesmo se o tempo não ajudar muito.
#988329 por JULIANA ROCHA
03 Ago 2014, 18:57
ghia escreveu:Juliana esse valor de 380 foi por todos os passeios? Ou só Machu pichu? Pergunto porque negociei com a Alpaca e pediram 435 dólares pelo Vale Sagrado e Machu Pichu e estou achando muito caro.



Olá..

Sim, foram todos os passeios que fizemos, que estava incluso:

- Todos os ingressos (inclusive Boleto Turistico e MP!), transportes, transfer hotel/aeroporto, trens, guias, Hospedagem em AC, Almoço em Ollanta.

Não pagamos nada por fora, tudo isso estava incluso nesses $ 380. Achei muito mais barato que nas outras agências, fiz orçamentos com várias. E a maioria delas ainda exigia pagamentos antecipados via depósito ou paypal. O Qorianka não nos cobrou nada antecipado, pagamos 100% do pacote no primeiro dia de passeio, e ocorreu tudo bem. Inclusive tivemos um inconveniente no almoço de Ollanta, onde o guia nos disse que não havia pagamento da agência para nós, então tivemos que pagar, no último dia passamos na agência e eles nos ressarciram sem questionar nada, só pediram a Nota Fiscal. Achei muito mais seguro do que comprar tudo isso sozinho, apesar de que ia ficar mais barato, mas como não conseguia comprar o ingresso de MP pelo site resolvi contratar a agência e foi a melhor escolha, foi muito tranquilo.

Se quiser mais opções de agências, no site SUNDAYCOOKS tem muito relato sobre preços, confiança, etc. Foi por lá que escolhi a Mariela.
#1028517 por andrefigueiredotravel
03 Dez 2014, 08:55
Keity Berquo escreveu:Olá,

Estou indo para Cusco em janeiro e estou torcendo para não chover, pois só posso ir nessa época.
Qual a empresa que contratou para os passeios e o guia?
Obrigada


Bom dia Keity

Espero que meu relato possa te ajudar:

peru-em-9-dias-dezembro-2013-cusco-machu-picchu-e-puno-t90535.html

Abraço!
#1033787 por JULIANA ROCHA
16 Dez 2014, 15:23
Keity Berquo escreveu:Olá,

Estou indo para Cusco em janeiro e estou torcendo para não chover, pois só posso ir nessa época.
Qual a empresa que contratou para os passeios e o guia?
Obrigada



Olá!!! Então, peguei o Qorianka, fechei tudo por e-mail com a Mariela, indico 100%, achei eles muito honestos e nos deram ótimas dicas. Paguei todo o valor do pacote - $380,00 por pessoa quando cheguei lá - e mesmo assim eles mandaram o translado aeroporto/hotel, mesmo antes de eu ter pago qualquer entrada.

O contato da agência:

Mariela Ochoa Chambi <qoriankatourscusco@gmail.com>;

Estava incluso no pacote:


Traslado aeroporto hotel/Hotel aeroporto

City Tur Cusco - Koricancha, Sacsayhuaman, Q'enko, Puca Pucara e Tambomachay - Transporte, guia em grupo e ingressos

Vale Sagrado (Chinchero, Salineras de Maras e Moray) Transporte + guia em grupo e ingressos

Vale Sagrado 2 (Pisac + Mercado, Urubamba, Ollantaytambo) - Transporte + guia em grupo + Boleto Turistico - Fica em Ollanta

Machu Picchu

* Transporte Ollanta à Aguas Calientes (Vistadome)
* Onibus AC à MP
* Ingresso Machu Picchu
*Visita guiada em MP
*Trem regresso à Ollanta (Vistadome), retorno à Cusco Van.


Indico também o site SUNDAYCOOKS para escolha da agência, lá tem muitas dicas de preços, pacotes e relatos das experiências com diversas agências. Foi por lá que escolhi o Qorianka.

Quanto à ir em Janeiro, boa sorte!! hehe ::otemo::
Segundo a agência, tem anos que chovem bastante e outros que chovem pouco.
Mas acredito que da pra fazer todos os passeios tranquilo, mesmo com chuva.
Lá todos os lugares vendem capas de chuvas, se precisar acha na hora em qualquer lugar.

A viagem foi incrível e vale muito a pena conhecer, é realmente um lugar mágico!
#1033793 por JULIANA ROCHA
16 Dez 2014, 15:29
anajuliamagnus escreveu:Adorei seu relato!! Realmente muito bom e útil. Me encorajou também para conhecer Machu Picchu em fevereiro de 2015!
Pretendo ficar 4 dias em Cuzco, Vale Sagrado e Águas Calientes para conhcecer tudo.

Espero que tenha a mesma sorte que você também! ::mmm: ::otemo::

Abraços!!!



Oi!!

Que bom que gostou!! Então, minha dica é não perder Ollanta, pernoite em Aguas Calientes e MP pelo menos um dia inteiro..
Pegue o trem de dia, é maravilhoso!!!!!!! Como é época de chuvas o rio Urubamba fica muito cheio e violento, é muito legal.
Foi com certeza o melhor de lá.
Reserve um dia inteiro pelo menos para Cusco, uma tarde a toa no centro e o City Tur...
#1033798 por JULIANA ROCHA
16 Dez 2014, 15:32
_prik_ escreveu:Estou com a viagem todo programada para Fevereiro, sempre ignorei ser o mês de chuva para manter o pensamento positivo. Como você, esse é o único período que posso ir.

Espero ter a mesma sorte que você! Não irei me importar com a chuva, meu medo é não conseguir chegar a Machu Picchu.




Olá!!! O tempo é muito instável nessa época, se programe sempre levando roupas para muito frio e muito calor, capas de chuvas também!
No mesmo dia você pega todos os tipos de climas.. é estranho até como muda tudo repentinamente...
Mas boa sorte!!!

Abçs!

Usuários navegando neste fórum: Nenhum usuário registrado e 1 visitante