Passaporte, vistos e documentação


#1236561 por Isaque A.
29 Nov 2016, 19:17
Estou planejando fazer uma viagem para a Europa, mas ainda possuo dúvidas sobre a questão do seguro no Espaço Schengen de 30 mil euros. É realmente necessário? Se não tiver serei barrado? Como funciona? Pesquisei pela internet mas não achei informações suficientes que tirassem minhas dúvidas

#1236563 por peresosk
29 Nov 2016, 19:31
Minha sugestão é, faça o seguro e evite uma consulta de $300 Euros. O seguro cobre muita coisa além de doenças e não é um gasto bobo, já precisei utilizar na Hungria e não viajo mais.
Dentro do espaço Schengen pede sim seguro de vida, se for barrado e não tiver pode ser convidado a pegar o primeiro vôo para o Brasil.
#1236568 por adrianolb
29 Nov 2016, 20:05
Nem todos os países do Espaço Schengen exigem seguro, mas alguns exigem sim.

O policial da imigração não costuma pedir para conferir o comprovante do seguro, mas se você tiver o azar de pedirem justo para você, e você não ter ele, é motivo de ser barrado.

Em alguns países da Europa também não há atendimento público de saúde como temos aqui no SUS, nestes países ou você tem seguro saúde que é descontado do seu salário, ou você paga por conta própria os custos se ficar doente, se não tiver nenhum, você depende de caridade para ser atendido em alguns hospitais filantrópicos...

Mas eu faço corro com o colega peresosk, o seguro não é tão caro assim, uma simples consulta médica lá na Europa vai lhe custar muito mais dinheiro!! Não vão ser estes poucos reais do seguro que vão deixar a sua viagem cara.

Não pense que imprevistos não acontecem, já viajei mais de uma dúzia de vezes para o exterior e precisei acionar o seguro em 2 ocasiões:

Na primeira vez, torci o tornozelo ao pisar numa pedra solta descendo uma escadaria em Paris, na hora achei que não fosse grave, mas no decorrer do dia foi piorando e inchando cada vez mais, no dia seguinte estava tão inchado e doendo tanto que fui num médico ver se não era algo mais grave. A consulta mais o raio-x custou mais de 500 Euros, sorte que acionei o seguro e eles pagaram tudo.

Na segunda vez, alguns anos depois, poucos dias antes de viajar comecei a ter uma tosse leve, nada grave, tomei um xarope indicado por um amigo médico e melhorou por uns dias e fui viajar. Mas no meio da viagem, a tosse voltou e só foi piorando, fui num medico e estava com princípio de pneumonia. Novamente fiz pelo seguro, só precisei assinar o recibo da consulta que custava 250 Euros, o seguro pagou tudo...

Isto sem falar nas coberturas adicionais, como extravio de bagagem, o seguro vai se encarregar de tentar localizar a bagagem para você, e cobrir os eventuais gastos que você até receber a bagagem extraviada, e lhe indenizar caso não consiga receber o seguro da companhia aérea...

Se você tiver cartão platinum ou superior e comprar as passagens com ele, você tem direito ao seguro sem custo adicional.
#1236791 por Bárbara Fachinelli
30 Nov 2016, 14:32
O "valor mínimo" é a cobertura de 30 mil euros. O valor do seguro vai variar de acordo com o que você contratar e constar na apólice. Quem trabalha com câmbio normalmente oferece esses seguros também, aí tem que fazer orçamento. Quando fiz para minhas viagens (35, 28 e 17 dias), o valor do seguro ficou entre 300 e 350 reais.
Veja como é uma economia burra não fazer o seguro, pois, como falaram, qualquer consulta básica com um médico custa uns 300 euros. Também precisei acionar uma vez e só assinei a papelada após o médico me atender.


Usuários navegando neste fórum: Nenhum usuário registrado e 0 visitantes