Troca de informações sobre as Rotas e os meios de transporte na Europa
#972673 por xxxxxxxxxx
23 Jun 2014, 21:46
Para quem interessar, e estiver pensando em voar com a Ryanair, leia isto com atenção antes de comprar as passagens.

Nos últimos dias estive pesquisando alguns voos Low-cost da Ryanair, e me deparei com as novas regras de check-in da Ryanair, que entrarem em vigor no mês passado, e que são péssimas para os mochileiros que pretendem economizar alguns trocados voando com a low-cost mais famosa da Europa. Regras estas que estão causando uma verdadeira revolta e um princípio de boicote dos passageiros europeus contra a Ryanair.

A partir de agora, o check-in on-line só poderá ser feito com 7 dias de antecedência, caso você não faça o check-in on-line terá que pagar 70 Euros para efetuar o check-in lá no aeroporto

Anteriormente era possível fazer o check-in com 30 dias de antecedência, então era possível fazer o check-in antes de sair do Brasil e já levar impresso. Agora a única alternativa para o caso de você ter um voo com a Ryanair depois de 7 dias, é achar um internet cafe no meio da sua viagem e imprimir os ticket.


#981097 por xxxxxxxxxx
16 Jul 2014, 19:56
Na easyJet é a mesma coisa, você tem que fazer check-in online, se deixar para faze-lo no aeroporto também irá pagar 70 euros de taxa.

Mas na easyJet você pode fazer o check-in on-line com até 30 dias de antecedência, contra somente 7 dias da Ryanair. Mas 30 dias de antecedência, é tempo suficiente para fazer o check-in antes de sair de casa na grande maioria dos roteiros.
#981109 por Luka Izzo
16 Jul 2014, 20:25
Por várias vezes utilizei a Ryanair, mas bem como disse nosso colega Adriano, agora a situação fica um pouco mais complicada, porque em alguns países (dependendo a cidade que você está) fica difícil ou até mesmo impossível você imprimir o check-in. Valeu a nota, pois eu não estava sabendo! ::otemo::
#981114 por xxxxxxxxxx
16 Jul 2014, 20:50
Complementando, uma forma de conseguir um pouco mais de tempo para fazer o check-in online é incluir na passagem um assento reservado.

Pagando 5 Euros mais para reservar um assento você passa a ter direito de fazer o check-in online com até 30 dias de antecedência, pode ser interessante pagar os 5 euros a mais, ao invés de ter que sair atras de um internet café no meio da viagem, e acabar gastando quase o mesmo.

Ou seja, a Ryanair como sempre, fazendo de tudo para complicar as coisas e arrancar mais uns trocados dos viajantes mais distraídos.
#981137 por Luka Izzo
16 Jul 2014, 21:59
Para os colegas que ainda não conhecem, a Ryanair é uma companhia irlandesa 'barata' que cobra até pelo oxigênio dentro do avião. Foi fundada pela família Ryan em 1985. Mais abaixo falo um pouco mais sobre a história da Ryanair.

Buzinaço na decolagem
Logo que o avião decola, uma buzina toca (parecida com aquelas de jóquei clube) quando as aeromoças começam a passear pelo corredor com um carrinho contendo cigarros, lanches, doces, balas, refrigerantes e demais bebidas, como a água, por exemplo. Isso mesmo, até um copo d'água é cobrado. Eles também vendem uma tal 'raspadinha' para sorteio de prêmios.

Bagagem
Tudo que você levar nas mãos serão consideradas bagagens. Malas de porão são cobradas à parte. Cada passageiro tem direito a transportar apenas uma bagagem de mão até 10 kg, com as dimensões máximas de 55 cm x 40 cm x 20 cm, mais uma mala pequena com as dimensões máximas de 35 x 20 x 20 cm* (bolsa de documentos). Não é permitida bagagem de mão para bebês, com idade de 8 dias a 23 meses de idade, que viaje no colo de um adulto; no entanto, a companhia permite uma mala de bebê (mala de mão), com um máximo de 5 kg, transportada pelo adulto acompanhante. Caso o viajante quiser levar um instrumento musical, terá que comprar duas passagens e o instrumento 'vai sentado' rs.

Check-in
Se o passageiro já fez o check-in online, não poderá alterar mais a data e nem horário do voo. Caso não tenha feito o check-in, poderá alterar com até 4 horas de antecedência, porém, obedecendo os critérios de disponibilidade de lugares (que quase sempre nunca tem). Para alterar uma passagem eles cobram taxas que variam de trajeto/passageiro. Os valores são sazonais, ou seja, mudam de acordo com a época do ano e não adianta reclamar.

Cobrar o uso do banheiro do avião
Em 2011, a empresa solicitou à fabricante das aeronaves (Boing) a alteração na estrutura dos banheiros. A proposta era instalar um cobrador/coletor de moedas (1Euro) para o uso do mesmo. Como a estrutura original das aeronaves não pode ser modificada, por imposição da Boing, a cobrança não aconteceu.

História
A Ryanair começou a operar em 1985 com apenas 25 trabalhadores e hoje possui quase 5 mil. Mantém sede social na Irlanda e a sua primeira rota foi de Waterford (Irlanda) a Londres, Gatwick. Muito estranho, mas os primeiros tripulantes de cabine da Ryanair, para poder operar nas pequenas cabines do avião tinham obrigatoriamente que medir menos de 1,57 metros. A Ryanair é a maior companhia aérea de baixo custo da Europa, com mais de 1.100 rotas em 147 aeroportos. A Ryanair faz uma média de 1.000 voos todos os dias, com bases em Gerona (GRO), Dublin (DUB), Fráncfort del Meno (HHN), Luton (LTN), Bérgamo (BGY), Glasgow (PIK), Roma (CIA), Shannon (SNN), Nyköping (NYO), Alicante (ALC), Reus (REU), Madrid (MAD), Porto (OPO), Charleroi (CRL), Málaga (AGP) ou Sevilla (SVQ).

Não é a toa que, com o passar dos anos, a Ryanair passou a ser a linha aérea mais rentável do mundo, graças à redução dos seus custos. Além disso, conta com a frota nova, com substituição de aeronaves em uma média de 2 anos. A sua frota é composta por 120 aviões do tipo Boeing 737-800.

Ryanair compensa??
Se você estiver chegando de viagem, com apenas a bagagem de mão, compensa. Os preços são menores. Paguei 25 Euros de Paris (Beauvais) para Madrid (Barajas), enquanto que em outras companhias, na data que eu precisei, estava 100 Euros (4 vezes mais caro). Muitas vezes encontrei preços ainda menores (9 Euros) em alguns trechos. Mas se o viajante tiver voltando de viagem, com malas de porão, não vai compensar, porque o valor adicional das malas vai fazer o preço da passagem ficar mais caro que as companhias que atenderão muito melhor o passageiro.

Eu viajaria e faço questão de viajar sempre com a Ryanair, mas desde que eu não tenha malas adicionais e não me importe com a forte sensação de estar dentro de um 'pau de arara'. Do contrário, Ryanair nem pensar!

Espero ter ajudado!
::otemo::
#981150 por xxxxxxxxxx
16 Jul 2014, 22:30
Complementando o que o Luka falou, a Ryanair costuma operar em aeroportos secundários geralmente bem distantes do centro das cidades, o que as vezes acaba fazendo com que preço do ônibus/trem até o aeroporto acabe ficando até mais caro do que a passagem propriamente dita.

Ou seja, dentro do que a Ryanair se propõe a fazer e oferecer, é uma ótima empresa, mas se você for viajar com eles, esteja bem ciente de que absolutamente tudo é cobrado a parte, e que a passagem que inicialmente era baratinha, depois de todas as taxas (taxa do cartão de crédito, reserva de assento, taxa de bagagem, etc..) pode acabar ficando mais cara do que se você tivesse viajado com outra companhia com atendimento melhor.

Na última vez que voei com a Ryanair de Londres(London Stansted) a Dusseldorf, os comissários eram tão insistentes em tentar vender a tal "raspadinha", que acabei comprando uma de 2 Euros para que eles me deixassem em paz e eu ao menos pudesse tentar tirar um cochilo.

Também implicaram com a minha câmera fotográfica que eu estava levando a tira-colo, e nem era uma câmera grande, falaram que era a "segunda" bagagem de mão e que eu teria que pagar 30 euros por causa ela... Dessa eu consegui me livrar fácil, dei um jeito de enviar ela dentro do bolso do casaco que eu estava vestindo...

Mas eu também não me importo em viajar com a Ryanair, e provavelmente viajarei com eles novamente na minha próxima viagem a Europa, mas tem que ser com pouca bagagem, pois se não acaba ficando caro demais.
#981160 por Luka Izzo
16 Jul 2014, 22:53
Ponto fundamental, muito bem lembrado pelo Adriano. Em meu trecho interno pela Ryanair, Paris/Madrid, eu me ferrei com todas as letras, porque o aeroporto de Beauvais fica muito distante do centro de Paris. Contando a saída do hotel, metrô até o ponto de ônibus, o trânsito até Beauvais levei quase 4 horas. Por muito pouco não perdi o voo, pois faço parte dos viajantes que procuram ocupar a maior parte do tempo aproveitando a viagem, com tours, etc. Realmente, esse é um ponto que deve ser levado muito em consideração. Na época, ainda com pouca experiência, cheguei a ver voos com outras companhias com preços pouco acima, mas por conta de economizar 10 euros acabei me lascando. Antes de embarcar, vale a pena uma pesquisada na localização do aeroporto, para evitar ter que ir até o fim do mundo para fazer um simples embarque.
#981169 por xxxxxxxxxx
16 Jul 2014, 23:11
Lembrei de mais alguns fatos "curiosos" a respeito da Ryanair:

- Solicitou a Boeing a instalação de cintos de segurança especiais para os passageiros poderem viajar em pé o que permitiria que até 18 pessoas viajassem no mesmo espaço onde cabem 12 assentos, foi negado pelas autoridades de segurança.

- Já que não conseguiram cobrar pelo uso do banheiro, pediram para remover os banheiros do aviões e no lugar instalar mais 12 assentos. Também foi negado pela Boeing.

- Pediram para os passageiros carregarem as suas próprias malas pela pista até o porão do avião, para economizar com combustível e pessoal responsável para levar as malas despachadas do check-in até o porão do avião, também foi negado pelas autoridades.
#982455 por diogonunes
20 Jul 2014, 12:42
Essa Ryanair é fria, voei uma vez com eles para nunca mais voar. Sem contar que eles tem o costume de vender tudo no avião, parece o Paraguai. Se vc está dormindo as vezes te acordam para oferecer um perfume, ou relógio. Sem noção...
Compensa para quem viaja sem malas, com uma mochila leve, para fazer um bate e volta de 2 ou 3 dias no máximo.
#1203824 por Natygirl
18 Jul 2016, 23:52
xxxxxxxxxx escreveu:Para quem interessar, e estiver pensando em voar com a Ryanair, leia isto com atenção antes de comprar as passagens.

Nos últimos dias estive pesquisando alguns voos Low-cost da Ryanair, e me deparei com as novas regras de check-in da Ryanair, que entrarem em vigor no mês passado, e que são péssimas para os mochileiros que pretendem economizar alguns trocados voando com a low-cost mais famosa da Europa. Regras estas que estão causando uma verdadeira revolta e um princípio de boicote dos passageiros europeus contra a Ryanair.

A partir de agora, o check-in on-line só poderá ser feito com 7 dias de antecedência, caso você não faça o check-in on-line terá que pagar 70 Euros para efetuar o check-in lá no aeroporto

Anteriormente era possível fazer o check-in com 30 dias de antecedência, então era possível fazer o check-in antes de sair do Brasil e já levar impresso. Agora a única alternativa para o caso de você ter um voo com a Ryanair depois de 7 dias, é achar um internet cafe no meio da sua viagem e imprimir os ticket.



Jesus do céu! Que post salvador!! Tava aqui pesquisando sobre antecedência de check in desses vôos low cost e caí no post. É algo a considerar agora na compra das passagens de meu mochilão.

Usuários navegando neste fórum: Nenhum usuário registrado e 0 visitantes