Relatos de viagens pelos países do Sudeste Asiático: Tailândia, Vietnã, Timor-Leste, Singapura, Mianmar, Malásia, Laos, Indonésia, Filipinas, Brunei e Camboja
#1084846 por chcosta
03 Mai 2015, 15:23
Que bom que vocês gostaram!!!
Assim me animo a fazer das nossas próximas trips!!! ::otemo::

Vou falar um pouco sobre a Tattoo Jéssica e qualquer dúvida pode perguntar!

PROCURANDO UM STUDIO DE TATTOO
Tudo começou com a vontade da minha esposa de fazer uma Sak Yant, uma tatuagem sagrada feita por monges. E que ficou bastante conhecida após ser feita pela Angelina Jolie. Foi difícil achar templos ou lugares sagrados que fizessem em Bangkok seguindo todo ritual e ainda fosse feito por monges. Então minha esposa acabou optando por fazer um tattoo normal mesmo, porém com a técnica do bamboo.

Mas se quiser tatuar com um monge aconselho a ler esses relatos:
http://www.eduardo-monica.com/new-blog/2015/1/1/presentes-dos-monges-sak-yant-a-tatuagem-sagrada
https://asiademochila.wordpress.com/2012/03/22/o-monge-tatuado/

Nessa nossa saga por encontrar lugares lemos muitos depoimentos negativos de pessoas que fizeram tattoo nas ilhas... Falavam da falta de higiene, cores que desbotavam e feridas... Outro relato que nos deparamos sobre uma tattoo feita por monge em Chiang Mai falava também que não havia qualquer indício de esterilização/higiene... Por isso vale a regra de pesquisar bastante... E não deixe para escolher lá, na empolgação... ::hahaha:: pois nas ilhas ao lado de cada bar tem um studio de tattoo aguardando os bêbados e futuros arrependidos... :cry:

Nossa maior preocupação era a higiene/esterilização... Até mandei um mail para o consulado brasileiro de Bangkok perguntando se lá havia um controle sanitário dos studios de tattoo ou algo do gênero, mas não souberam responder... Acho que o cônsul ta lá de férias e não há trabalho... ::grr::

BANGKOK INK TATTOO STUDIO

Então encontramos o "Bangkok Ink Tattoo Studio", um studio de tattoo bem recomendado, até porque é uma escola de tatuagem que recebe pessoas do mundo inteiro que querem aprender a tatuar. Quando estivemos no studio tinha um gringo lá acompanhando as tattoos para aprender! Nesse studio também atendia o Ajarn Noo, que ficou famoso por tatuar a Sak Yant da Angelina Jolie. Inclusive esses tempos atrás o studio publicou um video da visita do Ajarn. Não sei qual o procedimento para tatuar com ele, mas você pode falar com a Paeng, acredito que é a administradora do studio, ela é bastante amigável e respondeu todos os meus emails prontamente, inclusive esclarecendo dúvidas de significado de algumas tattoos.

Mandamos um pedido de orçamento por email para a Paeng... mandamos a imagem e ela respondeu com o preço de 2.000 baht para fazer com a técnica bamboo... O preço dependente da complexidade/tamanho... Na foto da para ver a tattoo da minha esposa... Perguntei sobre esterilização e ela me explicou o processo de esterilização deles... Lá pessoalmente deu para notar como é tudo bem organizado e protegido, como os bons studios do Brasil!
Então agendamos a data por email e ela retornou com um evento agendado entre nós, o studio e o tatuador... Bem organizadinho!

Nesse mapa tem o endereço do studio:
https://www.google.com/maps/d/u/0/viewer?mid=zO3VNHTW5AMg.kxz39FwRcE1w

Nós agendamos para as 20hrs, quando chegamos lá foi um pouco assustador, pois você vai caminhando por entre uns becos escuros até chegar no studio. Mas quando chega lá sente um clima bem amigável dentro do studio. Todos bastante atenciosos!

O Bamboo: A tattoo é feita com um bamboo de aço com uma agulha esterilizada na ponta.
Tempo: A tattoo da minha esposa levou cerca de 25min.
Qualidade: É impressionante como eles conseguem ter uma precisão perfeita fazendo os traços finos da tattoo. Inclusive o preenchimento das letras foi muito bom.
Dor: Suportável. Quase igual a tatuagem tradicional com a maquininha.
Cicatrização: Muito boa! Minha esposa fez a tatuagem no pé e no mesmo dia ainda caminhamos bastante pela Khao San e ela nem sentia dor.

tatoo.jpg
tatoo.jpg (55.53 KiB) Exibido 2132 vezes


BANGKOK INK TATTOO STUDIO
Site: http://bangkok-ink.com/
Email da Paeng (administradora): paeng@bangkok-ink.com

Qualquer outra dúvida é só perguntar! ::otemo::

#1084882 por Fabiano Gauss
03 Mai 2015, 17:16
chcosta escreveu:Fala Fabiano, putz você vai aproveitar muito a Tailândia! É um lugar que vale a pena voltar!

Quanto as suas perguntas...

WANG LONG
Cara o trajeto de kayak até Wang Long não é tão pensado não... Em duas pessoas vai tranquilo até...
Nós sofremos um pouco mais porque estávamos bemmm ressaqueados da noite anterior...
Aqui nesse mapa tem o trajeto certinho: https://www.google.com/maps/d/u/0/viewer?mid=zO3VNHTW5AMg.kxz39FwRcE1w
Mas ir de taxi boat é uma boa opção também... Com certeza eles levam... Só não sei dizer ao certo o preço...
Mas como referência, em Koh Tao nós pagamos 600 baht (casal) o taxi boat para ir de Sairee até Koh Nang Yuan e voltar, uma distância talvez um pouco maior que ir do pier de Phi Phi a Wang Long. Acredito que cobrem em torno disso para duas pessoas, apesar de Phi Phi ter um preço um pouco mais alto que outras ilhas.
DICA 1: Talvez vale a pena combinar com o barqueiro um tempo para ele aguardar vocês lá, não sei se vale a pena ficar lá por um longo período de tempo. Porque normalmente quando é taxi boat eles te largam lá e combinam um horário para buscá-lo.

DICA 2: Veja o que acha de Nui Bay e Loh Lanna Bay! Esse trajeto da para fazer de kayak também. Ir para os dois lugares da mais ou menos 8km ida e volta (igual Wang Long). Ou pegar um taxi boat também. Loh Lanna Bay talvez de para ficar um pouco mais de tempo pois é uma praia maior. Mas Nui Bay parece que é mais legal!

Quanto as malas, vou utilizar um texto que já tinha meio pronto aqui para publicar ok! Veja se ajuda!

Vocês levaram malas com rodinhas ou mochilas?
Lendo os relatos optamos por levar mochilas e acredito que foi a melhor escolha. Arrastar a mochila em ferrys, calçadas e areia seria um pouco trabalhoso. Foi nossa primeira viagem com mochilas, então tivemos que comprá-las. Não estávamos dispostos a gastar muito com elas, já que não somos legítimos mochileiros, então não fomos atrás das grandes marcas, optamos por opções mais econômicas. Compramos uma mochila de 50L e uma 70L por 220 reais (as duas). Nem metade do preço de apenas uma mochila de marca conhecida. A de 50L era bem meia boca, costura fraca e já soltou uma costura no começo da viagem. Mas como embalamos ela no papel filme não tivemos nenhum problema. Já a de 70L surpreendeu, um ótimo custo benefício. Costura forte, ziper de bom nível e vários compartimentos. Essa mochila não tem marca, compramos em uma dessas lojinhas que vendem malas para sacoleiros próximo a rodoviária de Curitiba. Nos surpreendemos como couberam tantas coisas nessas mochilas...

mochilas.jpg


Vocês embalaram as mochilas no aeroporto?
Não! Em Curitiba/PR para embalar as duas mochilas gastaríamos 90 reais. Optamos por um modo mais econômico. Compramos 1 rolo de papel filme e 1 fita adesiva no mercado por 10 reais. Conseguimos embalar as duas malas e ficou tão bom quanto! Na Tailandia compramos no mercadinho também 1 rolo de papel filme e 1 fita adesiva. Devemos ter gasto uns 80 baht. No aeroporto de Bangkok era 500 baht para embalar as duas malas. No começo minha mulher encheu o saco, mandou eu parar de ser pão duro.... ::prestessao:: Mas no final viu que o serviço fica bão mesmo! ::cool::

Qualquer outra dúvida é só perguntar!
::otemo::

Rapaz já vou colocar Wang Long aqui no roteiro.

Quanto a mala eu me referia a que vc comprou no MBK Mall que vc citou ser mais barata que na Khao San Road. Era metalizada, 4 rodinhas e de que tamanho mais ou menos??

Obrigado!!!
#1108704 por chcosta
22 Jul 2015, 10:01
Fala Marcelo,

Sinta-se a vontade para perguntar, não é incomodo algum!
Tomei a liberdade de responder sua pergunta aqui no canal aberto pois pode ser a dúvida de outras pessoas.

Mercado flutuante
Existem vários mercados flutuantes em Bangkok e cidades próximas, porém nós optamos por não conhecer nenhum.
O motivo era que grande parte das avaliações não eram muito positivas e o mais conhecido, o qual não lembro o nome, ficava a +ou- 1h de Bangkok e funcionava apenas nos finais de semana.
Fique atento a isso, alguns funcionam só finais de semana! O pessoal também comenta que o preço para andar nas barcas é extremamente inflacionado.

No lugar eu colocaria o Chatuchak Weekend Market.
Um mercadão com ótimas avaliações que não tivemos a oportunidade de conhecer pois funciona só finais de semana.

Templo dos tigres
Em um primeiro momento tivemos vontade de conhecer, mas depois de algumas pesquisas vimos que a maioria dos relatos confiáveis diziam que os tigres aparentavam estar dopados.
E nós não gostamos muito de passeios que exploram e maltratam animais.

No lugar eu colocaria o Patara Elephant Farm (Elephant Owner for a Day).
Um lugar diferenciado e com ótimas avaliações também.
Não me lembro muito bem, mas parece que você passa o dia como responsável por um Elefante, cuidando, alimentando, dando banho...
Ele se diferencia pois respeita e cuida dos animais.
Não tivemos a oportunidade de conhecer pois descobrimos somente após o roteiro estar meio fechado e fugiria muito do nosso roteiro.

O ponto forte dos hotéis que escolhemos eram as localizações, então se ficará próximo de algum deles com certeza estará bem localizado!

Aproveite a viagem! Será uma experiência muito bacana!

E qualquer outra dúvida é só perguntar!

Abs!
#1108710 por marcelo.cechinel
22 Jul 2015, 10:26
Bom dia viajantes.

Confesso que também pondero a questão quanto a visitar ou não o Templo dos Tigres. Ouvi avaliações positivas de um outro "templo" porém na região de Chiang Mai (algo assim) mas fica muito longe. Ainda estou pensando sobre.

Por coincidência, estarei no mesmo hotel escolhido pelo Costa em Phi Phi (PP Charlie). E aproveito para questionar se as reformas existentes no local chegam a atrapalhar a estadia!?

Em relação a restauração do Wat Arun, lamentável. Também não vou conseguir aproveitar o local.

Por fim, compartilho uma dica que acredito ser valiosa. Antes de comprar minha passagem para Singapura (partindo de Krabi) não fui atrás de verificar os horários dos ferrys que levam de Phi Phi para Krabi. Como eu havia comprado a passagem para de manhã 10h00 eu não teria tempo hábil para sair de Phi Phi e chegar no aeroporto no mesmo dia (primeira partida do ferry é 09h00), sendo assim vou precisar sair um dia antes e pernoitar em Krabi, mas faz parte né, nem tudo sai conforme o combinado.

Abraços e obrigado.
#1108722 por chcosta
22 Jul 2015, 10:52
Olá Marcelo,

Em Chiang Mai realmente tem alguns passeios legais, mas a questão deslocamento realmente atrapalha um pouco.
Uma dica é contabilizar certinho o tempo gasto em passeios, como eu havia comentado no relato somando tudo perdemos alguns dias da viagem. =/

PP Charlie
A localização é ótima, principalmente depois que você percebe que há uma saída por trás que caí no meio da bagunça (descobrimos só no dia seguinte).
Há obras praticamente na ilha toda, mas não atrapalham não.
A não ser que vá dormir de tarde, o que não acredito que seja o caso! =D
Talvez seja bom só utilizar chinelo próximo aos canteiros, melhor não arriscar pisar em um prego.

DICA: Peça nota/recibo de todos os pagamentos que fizer no PP Charlie e GUARDE!
Fizemos a reserva via Booking.com e ao retornar para o Brasil vimos que estávamos sendo cobrados pelo hotel no Cartão de Crédito.
Em todos os hoteis o pagamento total era realizado no check-in, como explícito na reserva.
O PP CHarlie não respondeu a nenhum contato nosso referente a cobrança incorreta.
E o Booking disse que contactou o hotel várias vezes mas eles alegavam que não efetuamos o pagamento e queriam ver o recibo.
Infelizmente não guardamos o recibo e tivemos que suspender o pagamento com a operadora do cartão de crédito.
O pagamento foi suspenso e até o momento não tivemos problemas.

Tomando esse pequeno cuidado não terá problemas!

Abs!
#1117578 por Paula Yassuda
25 Ago 2015, 11:27
Amei o relato! Só me deixou mais ansiosa para a minha viagem em Outubro!

Tenho alguns amigos que já foram para a Tailandia, e uma dica que ajudou muito e que não aumenta muito o custo de viagem é tentar fazer os percursos (Bangcoc > Norte > Sul > Bangcoc) de avião!
As Cias. aéreas de lá têm promoções muito boas (teve uma passagem da Thai Lion Air que paguei USD 10) e economiza um tempão da viagem!

Dúvida: você levou tudo em USD ou chegou a sacar algum valor direto em baths lá?
#1118201 por Pat Alves
27 Ago 2015, 14:57
Parabéns! Ótimo relato. Superdetalhado. Ao ler, dá uma vontade de ir pra lá ontem! Eu não sei se vou a Tailândia em abril de 2016 (dúvidas entre o Sudeste Asiático e a América Central ) mas seu relato está favoritado.
#1118403 por chcosta
28 Ago 2015, 09:21
Olá Paula e Pat,

Se gostaram do relato não imaginam o quanto irão gostar da Tailândia!

Paula, as companhias áreas são muito baratas mesmo!
Por serem low cost é só ficar atendo a algumas pequenas diferenças e aproveitar.

Quanto ao dinheiro, eu levei do Brasil tudo em dólar e em Bangkok troquei por Baht, uma parte no aeroporto e outra parte em uma agência próxima ao hotel (rua Rambuttri). No segundo dia, naquela emoção de turista achei que o dinheiro não iria ser suficiente e saquei em Baht o equivalente a USD 150. Foi simples, prático e aparentemente seguro (na fatura do cartão de crédito veio tudo lançado certinho). Os caixas eletrônicos estão espalhados em todos os cantos, foi só escolher a opção de sacar do cartão de crédito, informar o valor e a maquininha "cuspiu" os milhares de Baht!!! Um perigo para o turista descontrolado!!!! rss...
No final da viagem havia sobrado ainda milhares de Baht... No próprio aeroporto de Bangkok fizemos a troca por dólares, foi uma conversão ao meu ver justa até!

Se tiverem mais dúvidas é só perguntar! Aproveitem!

Usuários navegando neste fórum: Nenhum usuário registrado e 1 visitante