Relatos de Viagens pelo Uruguai
#546262 por Leticia Quaresma
22 Jan 2011, 18:22
Esse é o relato de viagem a Cabo Polônio no ultimo dos 16 dias que passamos pela Argentina e no Uruguay. O relato de toda a viagem foi feito pela Paulinham e pode ser acompanhado neste link

Neste ia fomos somente eu e meu namorado Leo Ramalho, pois nenhum dos nossos companheiros animaram. Saímos por volta das 7 horas de Punta Del Este, onde estávamos há 2 dias. Pegaríamos o ônibus por volta da meia noite, direto para o aeroporto de Montevideu com destino ao Brasil.

Cabo Polônio é um Parque Nacional do Uruguay e área se proteção de Lobos Marinhos, que tem uma das maiores colônias do mundo, isso se não for a maior. É um pequeno pedaço de terra em formato de ponta de flecha cercado pelo mar por dois lados. O caminho desde a Ruta 10 até o Cabo é formado por dunas de areias, o que impede a chegada de carros comuns.

Saímos cedo de Punta Del Este em um carro que já havíamos alugado no dia anterior para andar pela cidade. Aproveitamos que estava muito cedo e paramos para tirar umas fotos no mais famoso cartão postal de Punta, La Mano.

Cabo Polônio fica há aproximadamente 150km de Punta Del Este, e é bem simples de chegar, inclusive de ônibus. Pra quem vai de carro é preciso pegar a Ruta 9 até a cidade de Rocha, depois virar a direita e pegar a Ruta 15 com destino a La Paloma e depois virar a esquerda na Ruta 10 e seguir até o kilometro 264. A estrada é boa e todas as entradas são bem sinalizadas. Na ruta 10 a estrada tem piores condições, e a sensação é que o caminho está errado, com poucas casas e quase nenhum carro na estrada. Porém não tem como errar.

Imagem

Ao chegar em Cabo Polônio já da pra ver os caminhões 4X4 que fazem a travessia das dunas até o Cabo. Também é possível atravessar a cavalo. Você compra o ticket de ida e volta. No local ainda tem um centro de informações turísticas onde é possível saber mais informações do lugar e outros na região. Não me lembro mais o valor do ticket, mas era algo entre 10 e 15 reais.

Imagem

Eu e o Leo fomos na parte de cima do caminhão chacoalhando nos 20 minutos de viagem sobre as dunas. O visual é lindo, principalmente quando aparece o mar em uma imensa praia quase deserta.

Imagem

O caminhão nos deixa no que seria a praça central do cabo. Como tínhamos pouco tempo, pois precisávamos voltar a tempo de devolver o carro, já fomos direto andar pela praia em direção ao farol.

Imagem

Imagem

No caminho na até a ponta do cabo encontramos alguns filhotes de leões marinhos mortos. Acreditamos que eles tenham vindo com a maré e que não conseguiram retornar. Nas ilhas em frente a parte norte do Cabo, milhares de pontos pretos indicam a presença dos lobos. Pena nao é possivel fazer um passeio de barco para ve-los nas ilhas...
Na ponta do Cabo vários lobos descansam nas pedras. É possível chegar próximo ao local, porem uma cerca delimita a área só dos lobos. Então sentamos e ficamos observando os lobos surfarem nas ondas até chegar nas pedras.

Imagem

Imagem

Depois subimos no farol pra apreciar a vista do Cabo. Maravilhoso!!!!!!!!!!!!!

Imagem

Imagem

Imagem

Na descida, andando pelo vilarejo encontramos com uma Uruguaia, que tem casa em Cabo Polonio há mais de 20 anos. Ela também já morou no Brasil. Hoje mora em Montevideu, porem foi para o Cabo para vender camisas no verão. Ela nos contou a historia do local e como vive ali, sem água encanada e energia elétrica, pois não existe na ilha.

Ela nos recomendou ir à parte sul do cabo, lá segundo a mesma, é a parte rica. Com as maiores casas, caminhonetes estacionadas, geradores de energia e antenas de TV. É lá que ficam os europeus alugam as pequenas casas para passar o verão. E quem diria..até em um local como Cabo Polônio existe diferença social... A parte sul do Cabo também é a que tem a praia mais bonita.

Imagem

Imagem

O Cabo fica agitadíssimo no verão com as pousadas e hostels lotados e festas que virar a madrugada. O inverno, segundo ela, é terrível com ventos fortíssimos e gelados que vem do sul e costumas destelhar as casas.

Como boa mineira, não resisti a belíssima praia e fui molhar meus pesinhos no gelado mar uruguaio por alguns poucos minutos. Depois voltamos em direção a praça para pegar o caminhao e iniciar o caminho de volta.

Imagem

Pra quem acha que o local é so pra jovens, voltamos em um caminhao com uma excursão de brasileiros da terceira idade, com uma energia de dar inveja.

Imagem

Imagem

Como ainda tínhamos algum tempo, voltamos parando nas cidades do litoral pra apreciar a vista. La Pedrera, que ainda parece uma vila de pescadores e La Paloma, já bem maior!

Imagem
La Pedrera

Imagem

Imagem
La Paloma

O lugar vale muito a visita e fiquei com um gostinho de quero mais. De aproveitar com calma, sentar na praia e assistir a um belo por-do-sol. Fica pra próxima!

#546761 por LiCo
24 Jan 2011, 09:29
Letícia

Vou ficar hospedado em Valizas e pretendo seguir até Cabo Polônio caminhando. Vi que dá uns 8 km e pra mim é bem tranquilo.

As fotos ficaram ótimas ::otemo:: Vamos ver se eu pego um solzão desse hehehe

::kiss::

Intééé
#547034 por Leticia Quaresma
24 Jan 2011, 18:33
Paula, Pdavid e Maria

Que bom que gostaram!

Lico

Já li que a ida por Valizas é ainda mais bonita! Mas pra eu ir a pé ia demorar uns 4 dias!!!!!!!!kkkkkk

Mesmo se tiver esse sol aí, vê se leva blusa de frio viu! O vento é terrível!

Bjos pra todos!
#978285 por jlindener
09 Jul 2014, 16:05
Maiolera!
É tranquilo ir de carro pro Uruguai. Faça a carta verde e pode ir sem medo.
A gasolina é um pouco mais cara que no Brasil. Depende do lugar, mas fica em pouco mais de 3 reais por litro.


Usuários navegando neste fórum: Nenhum usuário registrado e 5 visitantes