View this post on Instagram

Dia de SWELL*, mar agitadíssimo e recomendação explícita para eu não fazer o passeio de barco vinda de quem entende bem da coisa (morro de medo de águas turbulentas!!!). Dia ótimo para o surfe e não tão bom para quem gosta de mar "piscininha"... A canga da primeira foto foi presente do @wagner.campelo e a padronagem foi criada por ele. É a minha preferida, presença garantida nas viagens de verão!!! Cacimba do Padre, Fernando de Noronha-PE. #viagensdabonfa #viagensdabonfanoronha #viagensdabonfafernandodenoronha #noronha #fernandodenoronha #noronhando #viagensdabonfapernambuco #pernambuco *Via Wikipedia: "Para que se forme uma onda, é necessário que haja uma perturbação na superfície da água ou abaixo dela. Geralmente, as ondassão criadas pela ação do vento na superfície dos mares, lagos e oceanos. No caso do Swell (palavra em inglês para "intumescência", de grande tamanho ou grande elevação) as ondas são formadas dentro de zonas de geração, região onde ocorre a formação de tempestades. Quando isso ocorre, a turbulência destas tempestades impulsiona a superfície criando grandes ondulações que se propagam e podem viajar por longas distâncias, aumentando de tamanho quando o mar vai ficando raso e formando grandes ondas ao chegarem na costa."

A post shared by katia bonfadini (@viagensdabonfa) on