Ir para conteúdo

Líderes

Conteúdo Popular

Exibindo conteúdo com a maior reputação em 16-09-2018 em todas áreas

  1. "At your own risk" será explicado no fim do relato! POR ACASO... ÁFRICA DO SUL Essa viagem pela África do Sul nasceu Europa, mas foi alterada por motivo de força maior (R$, kk) e hoje venho contar nossa aventura pelo quarto continente em que pisamos (só falta a Oceania)! Digo que ela nasceu Europa pq nos planos originais eu e o marido viajaríamos para o leste Europeu... uma viagem romântica, no verão europeu (agosto) pra comemorar nossos 10 anos de casados! Nesta viagem nosso filho João não iria nos acompanhar, combinamos de viajar só nós dois a cada 5 anos, reedição da Lua de
    3 pontos
  2. Decidimos eu e mais 04 amigas passar o feriado de Corpus Christi na Chapada dos Guimarães. Com antecedência na programação a viagem sai em conta. Dia 01: Chegada a noite em Cuiabá Pegamos um vôo saindo do Rio de Janeiro (SDU) as 18h55 e chegando em Cuiabá as 22h com breve parada em São Paulo (GRU). Optamos por não seguir viagem para a Chapada no mesmo dia por ser noite e não conhecermos a estrada. Então, pernoitamos em um hotel honesto na frente do aeroporto. Hotel Express. Alugamos um Jeep Renegade com desconto na Localiza ao lado, mas, para quem não tem desconto de empresa, aconsel
    1 ponto
  3. Após 4 meses de pesquisas utilizando o Google Earth e os poucos relatos por aqui, planejei nossa viagem para Belize. Quero deixar este relato registrado, pois não há muita informação de longas viagens por este pequeno país. Ficamos 27 dias conhecendo alguns sítios arqueológicos Maias, mergulhando nas águas caribenhas dos atóis e dos Cayes que são as ilhas, pequenas e grandes (Belize tem mais de 470) e socializando neste belo país. Bem, compramos as passagens pela Copa (escala em Panamá) com 3 mêses de antecedência. No mochileiros vi uma dica que este é o melhor período para comprar com u
    1 ponto
  4. Eu, Kelviny Steferson, 22 anos, universitário e trabalho. Solteiro e moro com minha mãe e irmãos. Nunca viajei sozinho e será a primeira vez. Fiz um planejamento financeiro e quero saber algumas dicas de quem ja foi pro Rio. Sem luxo, quero gastar o mínimo possível e aproveitar o máximo. Coisa de mochileiro mesmo rs Viagem - Uberlândia MG / Rio de Janeiro Quinta 11/out (SAÍDA) - Passagem ônibus $ 180,00 (id jovem - paga) - Alimentação ida $20,00 Sexta 12/out - Uber (rodoviária/hostel) $20,00 - Hospedagem $110,00 - Almoço $20 - Café da tarde $10 - Outros (?) - Janta $20 Sábado 13/ou
    1 ponto
  5. estou procurando cia para tailandia final de novembro/2018, com data provavel de saida dia 17/11. expectativa de ficar uns 12 a 15 dias maximo. nao montei nenhum roteiro ainda. caso alguem interesse podemos montar juntos. vlw galera
    1 ponto
  6. Olá 403423, Se tiver alguma dificuldade relacionada ao funcionamento da comunidade utilize o tópico do link abaixo para postar suas dúvidas : https://www.mochileiros.com/topic/72752-manual-do-usuário-saiba-como-usar-as-ferramentas-básicas-do-mochileiroscom/ Seja [email protected] ao Mochileiros.com!
    1 ponto
  7. Dia 4 - passeios Valle Sur e City Tour Retomando a questão dos passeios contratados: a grande diferença, no fim das contas, é relativa ao preço, pois as agências trabalham juntas - isto é: eles se organizam para encher ônibus e vans e otimizar os passeios, independente de qual agência você contratou. Com isso, é certo que há pessoas na mesma van que pagaram preços bem diferentes. Mais uma vez: a Mapis, se não é a mais barata, está bem perto disso. Vista da janela de nosso quarto no hotel Casona Quera. O solzinho engana: tava 3 graus nessa hora. Mas durante o dia esquenta
    1 ponto
  8. Olá 403417, Se tiver alguma dificuldade relacionada ao funcionamento da comunidade utilize o tópico do link abaixo para postar suas dúvidas : https://www.mochileiros.com/topic/72752-manual-do-usuário-saiba-como-usar-as-ferramentas-básicas-do-mochileiroscom/ Seja [email protected] ao Mochileiros.com!
    1 ponto
  9. Olá 403405, Se tiver alguma dificuldade relacionada ao funcionamento da comunidade utilize o tópico do link abaixo para postar suas dúvidas : https://www.mochileiros.com/topic/72752-manual-do-usuário-saiba-como-usar-as-ferramentas-básicas-do-mochileiroscom/ Seja [email protected] ao Mochileiros.com!
    1 ponto
  10. Tem tempo pra aprender o básico de francês e inglês. Se esforçar pra dá aquele "bom dia", "por favor", "muito obrigado" ou mesmo um "não estou entendendo" na língua local não tem preço do ponto de vista do "anfitrião". Só nisso você ganhará pontos e alguns sorrisos. Pesquise as rotas de/para aeroporto, hospedagem, atrações e tire as fotos no celular, também anote a sequência no velho papelzinho (metrô tal, descer na estação A, pegar ônibus 928 na rua B, etc), e se precisar, mostra pra pessoa que ela vai tentar ajudar. O que não pode é deixar de viajar
    1 ponto
  11. Boa noite, @[email protected] Você vai passar perrengue, mas conseguirá. Planeje o mais detalhado que puder sua viagem para minimizar a necessidade de pedir ajuda. Mas, se precisar, é quase certo que haja alguém por perto para ajudar. Bon voyage!
    1 ponto
  12. Ninguém está falando que é como um passeio até a pracinha da esquina, sem falar nada de inglês ou inglês, com certeza a pessoa vai passar alguns de perrengues, vai se enfiar em algumas furadas, mas nada que não seja impossível de contornar, ainda mais numa cidade como Paris, onde a maioria dos locais acostumados a receber um monte de turistas que não falam inglês e francês. Alguns exemplos: Na hora de comer ou beber, se você for num restaurante/bistrô lotado, com cardápio somente em inglês e você não souber o que escolher, saia e vá embora, vá num daqueles restaurantes bem "turistões
    1 ponto
  13. Olá! Nas minhas viagens gosto de pegar o carro e sair para conhecer um pouco mais que o básico, cidades fora da rota de turista.. Eua já rodei pelo estado de Arkansas e Flórida ( aqui não só Miami e Orlando). Na Itália por exemplo, peguei o carro saindo de Veneza e fiz base em varias cidades menos visitadas que Roma como Verona, San Remo ( fiquei aqui e aproveitei para visitar Mônaco) e Pistoia...Rodei em muitas cidades pequenas menos movimentadas como Abetone e Monterosso onde nem vi a cor de brasileiros. Nas Ilhas Maurício que o Inglês não é falado por todos rodei por toda ilh
    1 ponto
  14. Olá! É totalmente possível... Baixe o google tradutor offline para as emergências.... No mais, estude pelo menos o básico do inglês para não ir 100% zerada... Estude bem seus roteiros e seja feliz... Hoje me considero mais ou menos no inglês... nunca fiz curso, mas o que aprendi nas viagens já me permite me salvar dos perrengues... Já aos EUA, Ilhas Mauricio, Espanha, Italia, Africa do Sul, Uruguai e Argentina... tudo sem inglês... Quando a dificuldade aperta, o google tradutor salva! Vá sem medo e aproveite sua viagem...
    1 ponto
  15. Bom vamos la contando minha experiencia (rs). Tenho inglês pre-avançado (isso significa que falo e não escuro aquele "what???" de volta kkk), como sabia que Franceses odeiam serem abordados diretamente no Inglês eu aprendi algumas coisinhas do Frances muito básicas ... Mesmo assim os perrengues acontecem e não necessariamente estarão atrelados ao idioma: O sinal do GPS pode cair e isso rola especialmente nas estações de metro e as vezes não há ninguém acessível para perguntar! Há quem não fale Inglês na Europa (ou pelo menos um bom Inglês compreensível para uma pessoa que fala o básico!), fala
    1 ponto
  16. Inglês. O inglês será muito mais útil na sua vida, e em Paris, todo mundo com que você vai ter contato (recepcionistas do hotel, garçom, vendedores, caixa de supermercado, padaria, lanchonetes, atendentes de bilheteria das atrações turísticas, policiais da imigração no aeroporto, etc ) fala inglês.
    1 ponto
  17. Se você fizer a sua lição de casa e estudar bastante sobre a cidade, sobre como usar o metrô, como se locomover de um lugar para o outro, onde ficam as atrações turísticas, como chegar lá, aprender a usar o gps do celular para se localizar, e o tradutor do google para quando a coisa apertar, etc... Você vai ter alguns perrengues, mas consegue sim se virar em Paris. Mas falar ao menos um mínimo de inglês ajuda um monte e facilita muito a sua vida, pessoalmente eu recomendaria fortemente que você use estes 3 meses que ainda faltam até a sua viagem para começar um curso de inglês básic
    1 ponto
  18. @Igor Bagnara Ei Igor!! Então... Durante a viagem eu acabei não me apegando muito em anotar todos os meus gastos, porém posso lhe dizer que o dinheiro que levei foi suficiente, consegui fazer tudo que eu queria sem gastar em cartão de credito! Só para ter uma ideia, levei 1050 dolares + 1300 reais, ainda voltei pra casa com 50 dolares e 30 reais hahaha Já os gastos pré viagem, sei te dizer sim: - Passagem ida + volta (RJ X SCLS/ SCLS X RJ): 1.100 reais - Decathlon (Mochila, roupas, bota, acessórios): 2.000 reais - Seguro Viagem: 120 reais - Alimentação, Hospedagem, passeios
    1 ponto
  19. @tiagofas Segundo blogs que li o serviço é péssimo e só para cubanos. @fabinhozenker Cubatur te respondeu por e mail?
    1 ponto
  20. Olá Emiceh, desculpe a demora para te responder pois acabei de voltar da viagem da Colombia. Que maravilha que vc está bem empolgada de conhecer o Peru, copie o roteiro e faça td o que tem vontade de fazer mas não desista. Deixa a montanha colorida para o final da viagem, caso vc não consiga subir tem a mula (pago) e pena que ela não sobe até o topo mas ajuda um bocado na caminhada. Sobre o hostel, eu fechei 2 diárias aqui no Brasil pq não tinha certeza qdo iria para Machu Picchu, só depois da confirmação do Machu Picchu que fechei o restante em Cusco. Espero que aproveitem bastante lá. Boa Vi
    1 ponto
  21. Opa, então, é um otimo custo benefício... Vou pro Pico da Bandeira no feriado de 7 de setembro, em algumas caminhas e trilhas elas me servem bem... Maaas, há um porém... Elas são feitas de couro, e precisam sem usadas no mínimo 1x antes de pegar uma trilha grande (para amolecer), não precisa também de usar ela 100x antes de pegar um trilha, ela é toda acolchoada no cano e isso traz um conforto sensacional, um uso já é o suficiente para ceder o couro. As botas tem uma aderencia legal em pedras molhadas, e como são de couro, aguentam alguns respingos de agua e são bem resistentes quando ralam na
    1 ponto
  22. Fizemos as duas coisas, fomos ver o museu no fim da visita à arte rupestre. Gostávamos de ter feito a visita noturna também, mas não deu.
    1 ponto
  23. Estaremos indo por volta do dia 20 e volta meio de dezembro . ja tem roteiro?
    1 ponto
  24. Como assim? Como entrar em favelas? Classe C? Trilha para a Pedra da Gávea, Pico do Papagaio, Pico da Tijuca, Trilha para o Cristo, as Cachoeiras do Horto, Pedra Bonita. Se tu mora no Rio e nunca foi tu não sabe o que está perdendo. Os maiores bandidos dessa cidade andam de terno e gravata e desfilam pelos bairros nobres. Rio de Janeiro não é só a zona sul.
    1 ponto
  25. Olá pessoal.... Depois de ler muitos tópicos, resolvi consultar um médico do viajante, no Hospital Emílio Ribas em SP. Peguei boas dicas e quero compartilhar. Ele me indicou tomar 3 vacinas além da Febre Amarela. 1. Anti-rábica, 2. Febre Tifóide, 3. Hepatite A. Sendo que a primeira tomei lá mesmo, mas as duas últimas tive que procurar em laboratório particular. Segundo o médico vale a pena prevenir. Recomendou eu carregar minha própria água sendo que há chances de falsificação de garrafas d'agua. Que não se coma alimentos de ambulantes. Não confiar no chá de Coca ou me
    1 ponto
Líderes está configurado para São Paulo/GMT-03:00
×
×
  • Criar Novo...