Ir para conteúdo

Mais curtidos da Semana


Conteúdo Popular

Exibindo conteúdo com a maior reputação em 03-02-2019 em todas áreas

  1. 1 ponto
    Olá Pessoal... Estou planejando o Carnaval 2019. Alguem já passou o o Carnaval em Jeri ? Rola algum agito por lá? Será que é uma boa opção? Estou aceitando sugestões e compania... Abraços
  2. 1 ponto
    Olá! Meu nome é Rafael e estou me preparando para sair de Olinda/Pernambuco em uma viagem de bike A BAIXO CUSTO pelo litoral subindo para o Norte depois descendo para o Sul do Brasil, em seguida américa do Sul. SOU LEIGO 😅, nunca fiz esse tipo de viagem. Gostaria de companhia para sair até maio de 2019. Estou em fase de aquisição de equipamentos e planejamento da rota. A ideia é ficar o tempo que for necessário na pista. Quem quiser participar é só add 81 998843626. Boa sorte pra agente! 😉
  3. 1 ponto
    São Luís - Santo Amaro - Barreirinhas - Tutóia - Parnaíba - Camocim - Jericoacoara - Fortaleza Olá, Galera! Esse será o meu primeiro relato de viagem por aqui, sempre acompanho relatos de outros viajantes e pego dicas preciosas para as minhas viagens, vou tentar contribuir um pouquinho falando do roteiro que fiz com mais 03 adultos (Irmã, Primo e Tia) pela rota das emoções. Planejamos nosso Roteiro para a segunda quinzena de Julho/18 de 22/07/2018 à 01/08/2018 por alguns motivos importantes, não seria o período de chuvas na região, as lagoas estavam cheias e coincidiu com as férias da faculdade. DOMINGO DIA 1: Partimos de Recife com destino a São Luiz no domingo 22/07/18 no voo da Azul as 22:40 com chegada prevista para o dia 23/07/18 as 00:40, sem atrasos chegamos no horário previsto pegamos as malas e permanecemos no aeroporto à espera do Transfer para Santo Amaro agendado com o (Denílson 98.98808-9190 valor R$70,00 por pessoa) para as 03:00 da manhã, porém houve atraso e o mesmo só passou para nos pegar as 04:00 no ponto combinado para embarque (obs: não indico o transfer por questões de segurança e pelas condições da Van, as cadeiras super desconfortáveis e o Ar condicionado pingava nos passageiros o tempo inteiro). Após todo o desconforto do trajeto que dura em média entre 04:00 e 04:30 chegamos no estacionamento que fica localizado na entrada de Santo Amaro para troca de veículo a partir dali só veículos apropriados chegam até as pousadas. SEGUNDA DIA 2: Fechamos a hospedagem na Pousada Paraíso com o (Sr. Heitor proprietário da mesma pelo Whatsapp 98.98489-5598) sempre muito atencioso e disposto a esclarecer duvidas sobre a região e passar as melhores dicas de passeios, chegamos por volta de 08:30 a pousada deixamos as malas e tomamos um banho rápido pois já tínhamos agendado o passeio da manhã que sai as 09:00 para a (lagoa da America R$70,00 por pessoa ) retornamos a Santo amaro para o Almoço e as 14:00 partimos para o passeio da tarde (lagoa da Andorinha e Gaivota R$ 60,00 por pessoa) para esse passeio conseguimos agendar com o guia Nilson uma indicação que peguei aqui no mochileiros e valeu demais, um cara educado e muito gente boa nos deu todo o suporte com cooler de água, cadeiras, guarda sol e até skibunda , como o Nilson é o motorista ele sempre está acompanhado de outro guia credenciado que vai durante todo o percurso explicando tudo sobre a região e esclarece nossas dúvidas, no nosso caso foi o Ari uma ótima pessoa que conhecia bastante sobre o parque ou seja ganhamos de presente um dupla especial para nos acompanhar e para fechar o nosso dia o Nilson nos levou em um ponto pouco conhecido para admirar o maravilhoso Pôr do SOL. TERÇA DIA 3: Levantamos por volta das 07:30 para nos organizar para o passeio da (lagoa Betânia R$80,00 por pessoa) dura o dia inteiro e sem dúvidas foi o mais legal que fizemos em Santo Amaro para nossa felicidade com o Nilson e o Ari pois já solicitamos na associação dos guias no dia anterior o passeio com eles, saímos por volta das 09:15 paramos em umas 03 lagoas durante a manhã e seguimos para o almoço na comunidade Betânia tivemos um tempinho para descanso nas redes do restaurante e a tarde por volta de 14:30 seguimos para conhecer outras lagoas e para fechar o dia mais um pôr do SOL maravilhoso. QUARTA DIA 4: Partimos para Barreirinhas tínhamos duas opções de Transfer para esse trajeto (Sr. Bebe 98.98840-4540 que sai de santo Amaro as 05:00 da manhã R$25,00 por pessoa OU Denílson 98.98808-9190 que sai entre 06:00 e 06:30 R$30,00 por pessoa) optamos por dormir um pouco mais e fechamos o transfer com o Denílson (na mesma Van do primeiro trajeto porém como esse descolamento é mais rápido deu para suportar) chegamos em Barreirinhas as 08:40 ligamos para algumas agências e por sorte conseguimos fechar o passeio da manhã que sai as 09:00 para a (Lagoa Azul R$80,00 por pessoa) no inicio foi um pouco corrido o carro da agência passou por volta de 09:20 para nos pegar na Pousada do Riacho essa hospedagem fechamos pelo Booking, no retorno do passeio chegamos ao centro de Barreirinhas por volta de 12:30 almoçamos e já seguimos para o passeio da tarde que sai as 14:00 (Lagoa Bonita R$70,00 por pessoa) após o pôr do Sol retornamos para o centro, como o período era de alta temporada a lagoa estava lotada o que acarretou em uma longa espera na ida e no retorno pois é necessário utilizar a balça para travessia do rio chegamos ao centro as 20:30 fizemos um lanche e fomos direto para a pousada. QUINTA DIA 5: Agendamos na noite anterior nossa ida a Tutoia com o (Sr.Edilson 98.98446-7046 ou 98.99603-9445 R$30,00 por pessoa) que passou para nos pegar na Pousada do Riacho as 08:00, seguimos viagem até Paulino Neves chegando lá Sr. Edilson nos colocou em um outro veículo que nos deixou no Porto de Tutoia para inicio do passeio do Delta do Parnaíba com a Revoada dos Guarás acertamos que após a revoada a lancha rápida nos deixaria no Porto em Parnaíba tudo foi agendado com o (Sr.Josias muito gente boa 98.98768-5780 o valor foi de R$600,00 para os 04 adultos) iniciamos o passeio por volta de 11:00 da manhã e sem dúvidas foi um dos melhores que fizemos durante a viagem chegamos ao Porto as 19:00 pegamos um Táxi R$30,00 que nos deixou na Pousada Beira Rio R$110,00 a diária em quarto duplo. SEXTA DIA 6: Inicio do nosso deslocamento até Jericoacoara comprei as passagens no site da empresa expresso Guanabara o ônibus faz a linha Parnaíba - Camocim pelo valor de R$24,00 por pessoa (sugiro comprar com antecedência pois acaba rápido) escolhemos o horário das 07:30 para conciliar com o próximo transfer que pegamos em Camocim saímos da pousada cedo e o táxi nos levou até a rodoviária por R$ 20,00, seguimos até Camocim ao chegar fomos direto ao guichê da empresa Fretcar para comprar as passagens até Jijoca R$ 14,00 por pessoa no horário de 11:30, já tinha ligado antes da viagem para as empresas que fazem a Rota e me informei sobre os horários dos ônibus por isso conseguir conciliar. Os ônibus são bem pontuais chegamos ao nosso ponto em Jijoca e logo pegamos uma jardineira R$20,00 por pessoa que nos levou até Jericoacoara mas antes de chegar a vila paramos para pagar a taxa de visitação o valor é de R$ 5,00 por dia que for permanecer em Jeri. Não recordo muito bem o horário mas foi entre 14:00 e 15:00 que chegamos em Jeri fizemos check in (Pousada Carioca 88.98812-7561 valor R$ 920,00 à vista pagamos R$ 828,00 dois quartos duplos) fomos procurar algum lugar para almoçar e retornamos para a pousada descansamos e à noite saímos para jantar e fechar os passeios do lado leste e oeste. SÁBADO DIA 7: Pelas pesquisas feitas em várias agências levamos em consideração o valor e fechamos os passeios com a empresa (By Boogie 88.99722-9594 lado Oeste 300,00 valor cobrado em outras agência 350,00 e lado Leste R$ 280,00 valor cobrado em outras agência 300,00 aceitam cartões de credito ou debito) escolhemos começar pelo lado Oeste (Mangue seco, nova Tatajuba, Duna do Funil e ao final parada para almoço na Lagoa da Torta) DOMINGO DIA 8: Fomos conhecer o lado Leste fizemos (Árvore da preguiça, Praia do Preá, Lagoa azul, Lagoa bonita e Pedra Furada) por motivos de cansaço não conseguimos ir até a Duna do Pôr do Sol pois fizemos check-out na pousada as 15:30 e optamos por adiantar o horário da nossa ida a fortaleza que estava agendado para a 18:30 para as 17:00, o tranfer até fortaleza também fechamos com a (By Boogie R$550,00 no credito em 02 parcelas para os 04 adultos numa SW4) a volta é bem cansativa levamos quase 05 horas até a beira mar de Fortaleza onde tínhamos reserva em um Flat no edifício Landscape até a quarta feira (Pagamos R$750,00 por 03 diárias o edifício é muito bem localizado em frente a feirinha da praia de Iracema. SEGUNDA DIA 09: Acordamos um pouco mais tarde, fomos ao supermercado bem próximo ao Flat para comprar algumas coisas em seguida almoçamos e partimos para Mercado Central já conhecia o local mas fui para comprar alguns pedidos da família, por volta das 17:00 pegamos um Uber em direção ao Aeroporto para pegar o Veículo que alugamos pelo site do Expedia.com.br em seguida voltamos para o Flat e descemos para jantar. TERÇA DIA 10: Beach Park pagamos R$220,00 por pessoa no passaporte de 01 dia, chegamos em casa por volta de 18:00 descemos para passear pela feirinha da beira mar e depois jantamos na pizza hut que fica bem em frente a feirinha. QUARTA DIA 11: Caminhamos um pouco pela orla sentamos em uma das barracas de praia em frente ao Flat para aproveitar um pouco e depois retornamos para fechar as malas pois o nosso check-out seria as 14:00, entregamos as chaves e fomos ao Centro Fashion lugar que já tinha ouvido falar e também foi indicado pela recepcionista do Flat, muito legal o local compramos algumas roupas com preços super em conta por volta das 17:00 partimos para jantar, entregar o carro e fazer check-in no aeroporto pois nosso voo seria as 20:00 para Recife.
  4. 1 ponto
    Olá Mochileiros, boa tarde! Farei a rota das emoções com inicio em CE e término no MA com minha esposa seguindo o seguinte cronograma: 09/09 Saída de São Paulo e ida para Fortaleza 14/09 saída de Fotaleza para Jeri 19/09 Saída de Jeri, para Parnaiba ouTutoia 21/09 Saída de Parnabiba ou Tutoia para Barreirinhas 25/09 Saída de Barreirinhas para São Luis 29/09 Saída de São Luis e retorno para São Paulo Se alguém estiver programando algo parecido nessas datas, entrem em contato comigo para compartilharmos informação, transfers ou passeios. Pegue uma super dica com a Marcela onde sugeriu a transfer de Parnaiba para Tutoia de lancha, já entrei em contato com barqueiro e o mesmo cobra R$ 600,00 pelo passeio por todo o delta com revoada dos Guarás, (só a revoada com outras agencias que cotei saí por R$ 180,00 por pessoa), gostaria muito de alguém para dividir essa lancha comigo. Abs. Edson Júnior
  5. 1 ponto
    vim aqui tirar um pouco do pó desse post que é um verdadeiro hino mochileiro... Eu continuo a viver mochileiro... aqui no mochileiros.com desde 2003 (na verdade, até antes, pois tinha outra conta) vou vivendo esse projeto de vida que é aprender e ensinar com as pessoas na estrada, que é sentir novos cheiros, sabores e sensações com a maior frequências possível. Continua difícil, continuo abdicando de muita coisa, mas VALE A PENA. VALE MUITO A PENA. No ano que passou, cheguei aos 143 países ONU, e espero chegar aos 150 países bem viajados até o final de 2020! Continuo postando algumas fotos no Instagram #incomundus mas também estou pensando em outra plataforma para escrever as histórias, que não faltam... e vocês? como anda essa vida mochileira?
  6. 1 ponto
    E para o pessoal que postou aqui nos últimos anos... como foi a viagem de vocês, já saiu do papel? Mais uma vez, continuo viajando... a minha quarta volta ao mundo ainda não começou, mas vou fazendo viagens isoladas, umas mais longas (com mais de um mês) e outras menores. No ano passado eu viajei bastante aqui pela Europa mesmo, fui para os Açores, fiquei um mês explorando o Egito (áreas que eu ainda não conhecia do Egito, como a região de Siwa) e depois desci para o Sudão, que era um sonho antigo... e foi FENOMENAL!!! Do Sudão, continuei a viagem para a Eritrea, que foi bem interessante também pelo isolamento (a Coreia do Norte Africana, dizem alguns) e também viajei pelo Caribe, incluindo mais sete países independentes para a lista... Quero o update de vocês também, estou curioso... fazia um tempo que nao passava por aqui. Continuo no Instagram #incomundus Abração, Mike Weiss
  7. 1 ponto
    Nesse preço eu pegaria uma Forclaz EasyFit ou uma Escape, ambas da Quechua. Mas como o Taciano disse, acho 70l um tamanho exagerado para mulher, a não ser que vc tenha uma preparação física boa pra conseguir carregar a carga total de uma mochila dessa cheia (eu não tenho, haha). Lembre que quanto maior a mochila mais espaço para levar coisas desnecessárias, e isso num trekking longo pode ser desastroso. Eu por exemplo tenho a Forclaz 50 a quase 4 anos e me viro com ela super bem. Já fiz viagem de verão, frio, nacional e internacional e ainda consegui passar com ela como bagagem de mão em aeroportos. Mas eu não faço trekking propriamente, apenas deslocamentos.
  8. 1 ponto
  9. 1 ponto
  10. 1 ponto
    Oi pessoal, também to indo para Jeri passar o carnaval, acho que vou só, bora se reunir, não to a fim de curtir o carnaval sozinha kkkk, meu instagram: andrea_c.m
  11. 1 ponto
    Juliana, muito bacana sua viagem. Vou fazer mais ou menos o mesmo roteiro, a diferença que vou dormir 2 noites em valladolid para aproveitar outros cenotes . Me tira uma duvida, vc aconselha comprar as pasagens com a ADO pela internet ? To com medo de comprar com antecedencia e chegar la no dia e nao dar certo.. Essa empresa é seria mesmo ? Ou vc me aconselha comprar diretamente nos terminais deles ?
  12. 1 ponto
    Passando para agradecer pelo ótimo relato! Depois de tanto tempo ainda está sendo útil hehe... Fechei uma trip para a Costa Rica de última hora e embarco em 8 dias...certeza que seu relato já me ajudou a organizar as prioridades de visita!
  13. 1 ponto
    Deve passar por Arequipa, Lima e Cusco... é o básico, mas tudo depende do orçamento, se gosta de trekking... enfim necessito de mais detalhes para falar algo; mas é o país mais incrível que já visitei!
  14. 1 ponto
    Muito obrigado, @JanainaB. Fico feliz em ter ajudado. Já corre com essa trip pra Ásia porque você vai gostar demais!!!
  15. 1 ponto
    OI Pessoal Estou querendo ir para Jeri no dia 07/03 a 11/03, provavelmente sozinha, alguém por lá nesse periodo?
  16. 1 ponto
    Atualmente eu só viajo sozinha. Custa mais caro, mas essa é a única pequena dor de cabeça. Entre os meus amigos sou a única que tem emprego estável, ganha uma grana legal e que gosta de se enfiar nos fins de mundo da vida, total sem frescura. Eu não deixo de ir ou fazer qualquer coisa por falta de companhia, porque vc SEMPRE acaba conhecendo muita gente no caminho. Mesmo em lugares inóspitos vc encontra outros viajantes. Mas realmente não é pra qualquer um. Tem que GOSTAR de ficar sozinho, porque em muitos momentos, principalmente nos lugares menos visitados por outros viajentes, é como se existisse só vc e o planeta. E pra quem sabe aproveitar isso é maravilhoso!!
  17. 1 ponto
    @fernanda-mariza.mainka Olá tudo bem! Estou também indo pra jeri, até o momento estou indo sozinha. Add no instagram para a gte trocar ideia @byapimenta
  18. 1 ponto
    Então, depois de tirar muitas informações do Mochileiros, achei que era hora de contribuir um pouco. Percebi que há poucas informações sobre Israel/Jordânia aqui e muitas encontram-se desatualizadas. O objetivo do post é passar informações que eu não achei na internet (e descobri lá) e dar um ideia dos valores gastos e mostrar que, apesar de muitas pessoas acharem esta uma viagem complicada de ser feita, na verdade foi tudo bem tranquilo. Câmbio para outubro/2017 US$1 = NIS 3,50 (shekel) e US$ 1 = 0,70 JOD (dinar jordaniano), sim, a Jordânia usa uma moeda louca que vale mais que libra (não me pergunte como ) Passagem aérea: conseguimos emitir o trecho BR-Frankfurt com milhas pela Latam, que eu achei boa para vôos internacionais. O aperto na classe econômica é o de sempre, mas o serviço de um modo geral é bom. Só tem um porém: o vôo GRU-Frankfurt dura 12 horas e só são servidas duas refeições um jantar após uma hora de vôo aproximadamente e o café da manhã umas duas horas antes de chegar ao destino, então se você não consegue dormir no avião (como eu), é bom se precaver e levar água e lanche ou vai morrer de fome na madrugada. De Frankfurt para Tel Aviv, fomos de Turkish Airlines com escala em Istambul. Aqui tem outro problema: no Aeroporto de Istambul (Ataturk), para acessar o wi-fi, é necessário fazer um cadastro e receber um SMS com um código de autorização que estou esperando até agora. Então, caso aconteça o mesmo e vc não receba o SMS, como aconteceu comigo (normal), é bom ter um plano B para passar um tempo, um livro, músicas baixadas offline, etc. Achei a Turkish muito boa, boas refeições (mesmo em vôos de 2 ou 3 horas), bom espaço para as pernas (peguei um avião com 2, 3 e 2 lugares), sistema de entretenimento em todos os trechos (exceto TLV-IST na volta). Roteiro e hospedagem: 4 noites em Tel Aviv (Abraham Hostel), 2 noites em Eilat (HI Hostel), 2 noites em Petra (Peace Way Hotel), 1 noite no deserto Wadi Rum e 5 noites em Jerusalém (Abraham Hostel). A hospedagem, como quase tudo em Israel, é bem cara, beira R$ 100/cama/dia em Tel Aviv e Eilat e R$ 90 em Jerusalém, mas todos os hostels são muito bons, quartos espaçosos, camas confortáveis, bom café da manhã e boa localização. Tem uma questão positiva e, de certo modo, surpreendente, em todos tem água de graça. Apesar de ser tranquilo beber água da torneira em Israel, os hostels tinham bebedouro com água filtrada e gelada, o que dá um boa economia depois de alguns dias. Em Petra, duas noites de hospedagem em quarto saíram por JOD44 (JOD11 por pessoa por dia). O hotel era razoável, no centro de Wasi Musa (cidade base de Petra) e tinha bom café da manhã, mas a internet era ruim, fica caindo toda hora, mas, tirando isso, era bem justo pelo preço. Visto/imigração/certificado de vacinação: Para Israel, não é necessário certificado de vacinação nem visto para brasileiros e a permanência máxima autorizada é de 90 dias. A imigração foi surpreendentemente fácil, não me perguntaram NADA, absolutamente nada. Suspeito que foi pelo fato do último carimbo no passaporte ser de Frankfurt. Foi muito mais difícil entrar na Alemanha do que em Israel, me perguntaram onde eu ia, o que eu ia fazer, e o agente tava com uma cara de poucos amigos pro meu passaporte em branco (renovei no meio do ano para essa viagem). Minha vida só melhorou quando mostrei o passaporte antigo com carimbo de entrada na Europa, então, caso o passaporte seja recente, recomendo levar o antigo (imigração em Lisboa não é referência pro resto da Europa). Em Israel, o passaporte não é carimbado para evitar problemas em viagens futuras para países árabes, eles emitem um tíquete à parte com o nome, número do passaporte e sua foto. Sugiro colocar o tíquete com um clipe dentro do passaporte, ESSE TÍQUETE É SUA VIDA EM ISRAEL .. Meu amigo teve que fazer imigração na Turquia e eles fizeram as perguntas de praxe para ele, nada demais. Surpresa boa. O problema é, por incrível que pareça, é sair de Israel. Antes de fazer o check-in no aeroporto, você tem que passar por uma "checagem de segurança" dependendo do destino. Eles perguntam onde vc esteve, o que foi fazer em Israel e na Jordânia, se tem parentes ou conhecidos na Jordânia, quem estava com vc, se era possível confirmar essas informações, nome e dados do meu amigo (falei que estava com ele na viagem)...Aprovado na checagem de segurança, você segue para despachar a bagagem, mas não pode trancar a mala, caso alguém suspeite de alguma coisa e necessite abrir sua mala . Ok, aceitar, despachar a mala destrancada e rezar para tudo aparecer intacto no destino. Em seguida, passa-se pelos procedimentos de segurança, onde há mais perguntas, tirar casaco, cinto, sapato, ... abrir mochila, mostrar o que tem lá dentro, etc... É tensa a coisa toda, mas é mais cansativo que tenso, pq demora muito para fazer todo o procedimento e, depois de tudo, fui "autorizado" a deixar Israel, momento em que devolvem o passaporte ( o passaporte fica com os agentes enquanto vc, suas roupas e pertences passam pelo procedimento de segurança). Continua...
  19. 1 ponto
    Estou muito perto de começar a viver meu sonho. Não seria "viver mochileiro" pois me considero um "viajante". Não sou de jogar a mochila nas costas (embora o faça às vezes), sou mais de carregar minha mala... já fui de camping, hoje sou de hotel (e como curto isso!), mas tudo isso são apenas rótulos. O importante é o "espírito" de ir em frente (e de voltar às vezes) e descobrir o novo, viver o novo, nunca esquecendo de onde já passou. Um resumo da minha história é que sou formado em Eng. Elétrica a 9 anos e cheguei a trabalhar na maior construtora do país, era feliz, ou achava que era. Depois passei por outros empregos mas fui ficando desmotivado... neste meio tempo fiz inúmeras viagens, são 10 países visitados, morei 3 anos na África, voltei ao Brasil a 6 anos e pronto ! Simplesmente não consigo me adaptar por aqui! Juro que tentei... o bom da volta foi conhecer minha namorada e futura esposa... este ano, tudo dando certo, cairemos no mundo. Não para ficar pulando de país em país, pois ela irá para estudar, porém pretendemos conhecer algum lugar novo sempre que possível. A novidade é que agora sou "trader", trabalho com mercado financeiro, ou seja, hoje já me considero um Nômade Digital, pois, posso trabalhar literalmente de qualquer lugar do mundo que tenha uma boa conexão com internet. Incentivo a todos a buscarem seus sonhos... obstáculos serão muitos, planos terão que ser mudados, novos caminhos explorados mas tenham certeza que com perseverança, honestidade e se puderem, com alguém que sonhe junto tudo dará certo. Termino por aqui pedindo a todos "irmãos" mochileiros que me desejem sorte pois desejo muito mais que isso a todos vocês! Que a prosperidade (em todos os sentidos) entre na vida de cada um de forma surpreendente!
Líderes está configurado para São Paulo/GMT-03:00


×
×
  • Criar Novo...