Ir para conteúdo

Líderes

Conteúdo Popular

Exibindo conteúdo com a maior reputação em 28-04-2021 em todas áreas

  1. Fala galera, tudo bem? Primeiro tópico aqui. Seguinte sempre faço mochilão solo pelo Brasil. Irei para chapada dos veadeiros dia 02 de Junho (voo das 8h25) saindo de Guarulhos-SP e volto dia 06 de Junho (voo das 20h55), caso alguém queira compartilhar toda essa aventura, bora!!!! Irei fazer locação de carro e tudo mais (gosto de ficar bem independente). Meu estilo de viagens é bem roots sem frescuras mas ao mesmo tempo gosto de um mínimo de conforte e qualidade (principalmente em comida kkkk) Quem tiver afim de conversar e trocar uma ideia, só chamar no whatsapp - 11
    2 pontos
  2. Após alguns meses de programação e busca por recursos, lá estava eu novamente na estrada, dessa vez SOZINHO e para a MAIOR VIAGEM QUE JÁ FIZ ATÉ HOJE… Eram muitos os objetivos dessa aventura e alguns deles eram o encontro com amigos e parentes por boa parte do trajeto. Saí da capital paulista no fim de outubro de 2019, sentido Belo Horizonte. Quando as pessoas veem o mapa acham que foi preconceito com o Rio de Janeiro, mas o “desvio” foi para visitar meus pais –eles moram a 630 km e, infelizmente, não posso vê-los com a frequência que gostaria. Dito e feito. Cheguei na casa deles já no in
    1 ponto
  3. Alguém na chapada por esses dias ou querendo ir?
    1 ponto
  4. Olá a todos! Vim aqui relatar a viagem que fiz sozinho neste incrível país que é o Equador. Ao total foram 11 dias, entre 19 e 30/01/2020. Eu foquei em conhecer a região do país conhecida como Avenida dos Vulcões, indo de Quito até Cuenca. Gostei muito dos lugares que fui, e recomendo para todo mundo! ROTEIRO Dia 0: (19/01/20) – Voo noturno SP – Quito Dia 1: (20/01/20) – Quito – Mitad del Mundo e centro histórico Dia 2: (21/01/20) – Quito – Centro histórico Dia 3: (22/01/20) – Quilotoa (desde Quito) Dia 4: (23/01/20) – Cotopaxi – noite em Latacun
    1 ponto
  5. Compreensível. Bom, eu vou seguir o plano inicial, os demais parques já estão abertos ou parcialmente abertos. Serra da Canastra (aberto), Serra do Cipó (parcial). Então as travessias mencionadas na primeira mensagem estão de pé. Pesquisei e vi que o parque nacional de Itatiaia está aberto, então vou substituir Serra Fina Por Serra Negra. Se topar estamos aí, no mais desejo uma boa aventura para você.
    1 ponto
  6. Assino embaixo do que o colega acima disse. No Facebook você encontra grupos se programando e normalmente são grupos de amigos que já conhecem o local, sem interesses financeiros. Vou postar o link de um vídeo que eu fiz da travessia completa, desde Paranapiacaba até Cubatão. Abração brother!
    1 ponto
  7. Entrando na conta dos outros né????
    1 ponto
  8. Via de regra é proibido, pois se trata de uma propriedade particular. Sei que está acontecendo algumas fiscalizações nas trilhas em geral de Paranapiacaba.. acarretando em multa! Então fica ligeiro. Por ser proibido, dificilmente vai encontrar um "guia" autorizado.. O que se pode fazer é procurar alguém para guiar nos grupos de trilhas de são paulo no facebook. Afinal, a boa parte das trilhas que o pessoal faz é pra lá.. Na barra de busca do fórum, procura por funicular.. vai encontrar bastante informação.
    1 ponto
  9. Oi Rafael! Muito obrigada pelas orientações e pelos links! Fiz algumas mudanças no artigo e adicionei algumas das suas dicas. Agradeço pelo comentário!
    1 ponto
  10. Oie eu tenho interesse e disponibilidade nessa data me chama no watts 66996159550
    1 ponto
  11. Toda vez que entrava, estava "logado " com um nome diferente. Até assustei!
    1 ponto
  12. Olá carol, tudo bem? Espero que sim! Muito obrigado por compartilhar as belíssimas fotos. Deu muita saudade de viajar. Espero que as coisas melhorem logo para que isso aconteça. Abraços, Gustavo Woltmann
    1 ponto
  13. Boa noite! Seja bem vinda à nossa cidade! Se você não tem muito dinheiro eu sugiro que dê uma volta pelos nossos parques que são gratuitos: temos o parque do ibirapuera, o parque villa lobos, o horto florestal, o parque da água branca Se você gosta de ler temos diversas bibliotecas públicas e temos também o centro cultural próximo à Estação Vergueiro do metrô Temos a trilha do Pico do Jaraguá que tem uma visão incrível Se você gosta de esportes temos os Centros Esportivos da Prefeitura, que são como clubes, tem quadras para jogar
    1 ponto
  14. O Fitz Roy é uma trilha auto-guiada, e bem fácil de seguir (não quer dizer que a trilha é fácil. É razoavelmente puxada, durando umas boas 10 horas). Não precisa pagar para entrar. Basta, se optar por esta opção, ir até o fim da avenida principal de El Chalten e começar a subir. Muito bem sinalizada. A variante que vc pode fazer, e eu recomendo (eu fiz) é pegar um transfer (uma van, contrata lá mesmo) e ir até a Hosteria Pilar, e começar a trilha por lá. As vantagens: 1 - vc faz 2 trilhas em 01: uma que vai da hosteria até o Fitz Roy e outra que vai do Fitz Roy até El Chalten (a volta a E
    1 ponto
  15. 27/12/2019 - DE PUERTO NATALES PARA EL CALAFATE O meu próximo dia foi com a saída do Chile e chegada em El Calafate, na Argentina. A viagem levou 7h, pegamos bastante fila na imigração novamente, mas aproveitei para dormir e descansar o máximo possível. Fui com a BusSur e custou CLP 17.000 (com a minha cotação que eu fiz a moeda ficou cerca de R$ 92,00). Me hospedei no FOLK HOSTEL e foi um dos meus preferidos da viagem. Cama bem espaçosa, limpo, preço bom, café da manhã simples mas com frutas, pão e geleia. Em El Calafate eu encontrei a @carla_red, que conheci aqui no fórum! A g
    1 ponto
  16. 26/12/2019 - TORRES DEL PAINE - BASE DAS TORRES O dia tão esperado por mim chegou. Confesso que eu estava num mix de nervosismo e animação. Eu escolhi essa viagem só por causa das Torres, o cartão postal daqui. O resto do que fiz foi só encaixe e conveniências, o que vem sendo igualmente incrível. Sai cedinho de Puerto Natales (7:15 com a Bus Sur - ARS 15.000 ida e volta) e no caminho uma surpresa: da janela do ônibus vimos uma Puma!!! Assim, do ladinho da estrada!! O ônibus freiou na hora e TODO mundo ficou chocado e admirando. Não consegui bater foto porque foi tudo muito rápido e
    1 ponto
  17. Dando um pitaco na pergunta da Taissa, eu estive na patagônia em novembro/dezembro de 2018. Além de TDP, onde fiz o W, fui a El Calafate, one fiz o big ice, além de El Chalten e Ushuaia. Acho que investir numa bota boa e confortável é um excelente escolha. E mais: é realmente necessário vc amaciar a bota antes de fazer trekking com ela, ou pode ter problemas de bolhas e calos. A meia correta também ajuda muito, pois se vc usar meias comuns de algodão pode ter alguma dor de cabeça em trilhas mais longas, porque as meias de algodão absorvem o suor e deixam os pés úmidos, o que propicia a formaçã
    1 ponto
  18. Olá aventureiros! Nesse post estou colocando o roteiro e os custos! Eu contei um pouco sobre a minha aventura pela Patagônia, falei sobre os lugares que visitei, a experiências que vivi, as pessoas que encontrei e abri o coração pra falar de toda a transformação que uma viagem solo pode trazer. Mas para fazer uma viagem dessas, é importante ter planejamento. Então vou falar um pouco sobre o roteiro, transporte e custos da viagem. Chegando em Buenos Aires. Eu já havia comentado d
    1 ponto
  19. Alô pessoal!! Demorei, mas voltei com meu relato pela Patagônia!! Depois de caminhar por pouco mais de 20 km no dia anterior, partir do Camping Francés rumo ao Camping Los Cuernos seria como ir ali comprar pão na padaria. Confesso que saber que teria o dia todo para descansar, me encheu de alegria. Eu precisava descansar, mesmo. Do Camping Francés até Los Cuernos são 3 km, mas o caminho é puxado. Tem bastante descida e subida, alguns pontos bem íngremes e com aquela terra solta que só contribui para você levar um escorregão. Por isso, mais uma vez, os bastões
    1 ponto
  20. @hs22 Eu utilizei uma Sony DSC e a câmera do celular, um Motorola G4 (que foi roubado quando voltei ). A paisagem lá faz todo o serviço! hahaha Abração e obrigada por ler!
    1 ponto
  21. Depois de ter passado a noite - ou desmaiado, como preferir - no Refugio Grey, era hora de partir e continuar meu caminho pelo circuito W inverso. Minha próxima parada era o Camping Francés. A primeira parte do percurso, que se iniciou às 7 hs da manhã, era na verdade o caminho de volta do Refugio Grey até Paine Grande. Bom, além de ver aquela paisagem maravilhosa mais uma vez, eu precisei subir todo aquele "penhascão" que eu havia descido. Nesse ponto, eu ainda não tinha conseguido ajustar o mochilão corretamente. Os meus ombros estavam bem doloridos do dia anterior e o calcanhar - m
    1 ponto
  22. @Carol Maya Oi Carol! Desculpe a demora para responder, eu não havia visto sua mensagem! Então, você precisa obrigatoriamente fazer as reservas antes de ir. Qual circuito você vai fazer? Se você fizer o circuito W (ou W inverso) você pode alugar tudo lá. Se você for fazer o Circuito O, você vai ter que levar suas coisas, por parte do circuito é em camping selvagem e a travessia é mais puxada. Eu fiz o W inverso e levei meu saco de dormir, aluguei a barraca com plataforma lá. Mas sinceramente? Quanto menos peso você puder carregar, melhor! Acho que vale a pena alug
    1 ponto
  23. Como eu disse no último post, no meu primeiro dia de Torres del Paine, meu objetivo era chegar até o Refugio Grey. De Paine Grande - onde eu desci do catamarã e iniciei minha caminhada - até o Refugio Grey são 11 km. Que eu deveria ter feito em 3,5 hs. Deveria. D-E-V-E-R-I-A. Mas, como eu gosto de emoção, eu levei 7 horas. Eu não chamaria aquilo de caminhada, eu diria mais é que eu me arrastei até lá. Um à zero para o sedentarismo. No início da caminhada, a trilha passa por uma grande área que sofreu com um incêndio causado por um turista descuidado, anos atrás. É triste.
    1 ponto
Líderes está configurado para São Paulo/GMT-03:00
×
×
  • Criar Novo...