Ir para conteúdo

deageo

Membros
  • Total de itens

    23
  • Registro em

  • Última visita

Reputação

0 Neutra

Sobre deageo

  • Data de Nascimento Maio 9

Últimos Visitantes

O bloco dos últimos visitantes está desativado e não está sendo visualizado por outros usuários.

  1. Pessoal Estarei em Budapeste de 18 a 21 de novembro. Alguém vai estar por lá? QQ coisa me chamem no whats 71 99145-5722.. Seria bom ter uma companhia de viagem.
  2. Olá, Estarei em Budapeste de 18 a 21/novembro. Vai passar por lá?? fica a 2 horas de Viena... qq coisa avisa no zap 71 99145-5722
  3. Olá Rita, Td bem? Quando vc pretende fazer esssa viagem??
  4. Olaá, td bem? Tua viagem ainda está de pé?? EStou indo pra Am Central em dezembro e procuro dicas e cia também. Se quiser me add no face e vamos conversando: andrea.santana.1441 Abs,
  5. Paola, Tambem estou indo sozinha agora em dezembro... Ainda não fechei o roteiro, mas não farei a Colômbia pq estive lá ano passado. Se quiser cia a gente vai organizando... Vou te add no face, Andréa
  6. O dólar custava 1.800 em relação ao peso e o real em torno de 750. A diferença de uma cidade para outra não variava tanto. Com o dólar em alta aconselho não levar... melhor levar real e trocar lá, é fácil e praticamente todos os lugares aceitam. Abs,
  7. Em Bogotá fiquei no Alegria´s, fica no bairro da Candelaria, bem localizado.. é muito barato, mas bem simples. Em Medellin fiquei no Geo´s hostel... excelente e com boa localização, mas é bem desanimado, acabei trocando pra o Pit stop que é o mais famoso de lá. Recomendo o último. Abs,
  8. Minha trip pela Colômbia durou 20 dias e deu pra conhecer bastante do país. Me encantou a generosidade dos colombianos e a segurança do país. Bogotá: 3 dias, e foram suficientes. Fiquei hospedada no bairro Candelaria e acho q é a melhor opção pra ficar porque é bem no centro histórico. A cidade é interessante, mas uma metrópole. O clima é bem frio durante todo o ano e tem que levar agasalhos. O desagradável é o desconforto com a altitude, então é bom comprar remédio para isso. Lugares interessante pra visitar: Cerro Monteserrat (dá pra ter uma visão geral da cidade, tem a opção de subir de trem ou funicular). Mercado das pulgas (todo domingo, mas de pulgas não tem nada. Há muitas coisas legais sendo vendidas, além de comida da boa). Bairro rosa (lugar para badalar, cheio de bares e pubs, mas é bem requintado). Bairro da Candelaria (lá está o museu do Oro, Plaza Bolivar e o museu Botero). Para curtir a noite a balada mais famosa é Andrés Carne de Rés, muito bom mas é bem longe. Perto de Bogotá (1 hora) está a cidade de Zipaquirá onde muitos turistas vão pra conhecer a Catedral do Sal... acho que vale à pena. Medellin: Fiquei 3 dias. É uma cidade que gera controvérsias porque muitos amam outros não. Pra mim foram suficientes os 3 dias. O forte da cidade é a noite, são muitas opções de bares e discos. Fiquei hospedada no bairro Poblado, onde há grande concentração deles. Visitar: Pueblito Paisa (uma réplica de uma vila antiga - não vale tanto a visita). Metrocable (o mesmo teleférico do morro do alemão, no Rio, só que os colombianos que venderam essa tecnologia pra nós... muitos turistas vão visitar). Jardim Botânico (pra quem conhece o de Curitiba e o do Rio não vai ver tanta novidade). Plaza Botero (lá estão as obras do famoso artista, bem no meio da rua e de graça... gostei muito!!!). Parque de los deseos e Plaza de la luz (duas praças, sem nada de especial). O metrô é bem fácil de usar e custa em média 2 reais. O aeroporto de Medellin fica a 1 hora da cidade, então nada de táxi... o ideal é pegar um ônibus de aeroporto e descer em um terminal na entrada da cidade e de lá tomar um táxi. Isla de San andrés: Pra mim o ponto alto da viagem. Peguei um voo de Medellin até lá. A ilha tem o mar mais lindo que já vi. Lá tem opções de mergulho, snorkell, passeio de barco... amei a ilha!!! Pode-se alugar um carro de golf ou moto; no meu caso pegava ônibus e percorria a ilha (2 horas e já se percorre toda a ilha). Lugares: El Acuario (o melhor... dá pra mergulahr com os peixes, arraias...), Rocky Cay, Jhonny Cay, Hojo soplador, Carverna de Morgan... Dispensam comentários!!! A ilha é um encanto!!! Fiquei no hostel El Viajero e recomendo. Pra curtir a noite o Coco Loco (disco) ou Extasis (ouvir salsa, rumba e ritmos caribenhos) Cartagena das ìndias: Dispensa comentários porque é uma cidade cenário. Fiquei hospedada no famoso hostel Media Luna; toda quarta tem festa lá e lota de turistas e nativos. As praias de Cartagena não são bonitas, e há um agravante porque tinha acabado de chegar de San Andrés e depois de lá nenhuma praia vai me convencer de sua beleza, . A excessão é Playa Blanca, mas para ir lá tem que pegar um barco no porto... é bonita, mas a presença exagerada de vendedores causam um desconforto. Não fui a Isla Rosário, mas ouvi dizer que é bem bonita. De resto é só visitar os fortes e a cidade amuralhada. Opções de balada é o que não faltam... dá pra ouvir de rock (Bourbon, Hard rock café) até música cubana (Café HAvana). O hostel informa qual a melhor balada da noite. Ah, e não pode deixar de pegar uma Chiva (ônibus) que percorre toda a cidade por 2 horas com muita música e bebida... bem divertido!!! Santa Marta: 4 horas de Cartagena de ônibus. De lá tem a opção de ficar em Taganga (uma praia que está a 10 minutos e tem um ar alternativo). De Santa Martam partem os ônibus pra o famoso parque Tayrona... dentro do parque (que cobra em média 40 reais pra entrar) tem que caminhar por 2:30h até chegar a Cabo San Juan, que tem a praia mais linda da região.. tem praias mais perto e outras mais longe, mas essa é a mais bonita de todas. Como a caminhada é longa quase todos dormem por lá; tem opção de alugar cabanas, camping ou redes para dormir, mas vou avisando que é bem caro; há um restaurante também que cobra preços mais altos que na cidade... mas se me perguntarem se vale a caminhada e os preços, digo que sim!!! Para badalar indico La Puerta em Santa Marta ou El Mirador em Taganga. Visitei ainda a Playa Blanca de Taganga e El acuário de Rodadero (esse último tem um show com golfinhos... quem nunca viu vale à pena). A cidade de Santa Marta em si não tem grandes atrativos e não há muitas opções de diversão, mas me senti muito bem lá. Barranquila: Passei por lá porque estava no caminho entre Santa Marta e Cartagena, mas não recomendo. Todos dizem que o carnaval é muito famoso, mas não era época. Fiquei 1 única noite e foi o suficiente. A Colômbia é um país seguro e a presença ostensiva de policiais nas ruas faz com que o turista sinta essa segurança. A comida não é das boas. Tudo com muita gordura e fritura. Gostei do patacón, arroz com coco e obleas (uma espécie de waffles com doce de leite) e só. A limonada feita com coco é bem saborosa. Viajei quase sempre pela Cia aérea Viva colômbia. São voos mais baratos porque são low cost, porém o excesso de bagagem e o check in no aeroporto são cobrados por fora. Mas quase sempre compensa, tem que pesquisar. Esperava que fosse um país mais barato, mas não é. As coisas são relativamente caras, especialmente em Cartagena. Porém os táxis e transportes de modo geral são bem baratos. De um modo geral adorei o país, o povo e a heterogeneidade geográfica. Uma grata surpresa!!!! Espero ter ajudado.. bjs a todos
  9. Cancun realmente foi incrível, mas os amigos que conheci por lá fez dessa uma viagem muito especial. Saudades....
  10. pessoal, Fiz o litoral do Uruguai e indico sempre Cabo Polônio, um dos lugares mais enigmáticos que já conheci. É um pouco longe de Montevideo e a chegada meio precária, já que é adentrando o Uruguai, mas aproveita e vai até Águas Dulces, e se passar por Punta (meio normal lá) vai até o museu Casa Pueblo... muito lindo!! Não vai se arrepender...
×
×
  • Criar Novo...