Ir para conteúdo

khumbu_

Membros
  • Total de itens

    109
  • Registro em

  • Última visita

Tudo que khumbu_ postou

  1. Alguém sabe me informar se existe alguma estrutura de camping na região do Vale do Catimbáu? Pretendo passar um final de semana, alguma sugestão de roteiro para se conhecer por lá? Estou em Garanhuns, + ou - 1h de Buíque agradeço desde já as dicas
  2. Excelente realto, me fez relembrar as duas vezes que fiz esta travessia, uma por cima da Fumaça, 4dias; e a outra por baixo, 7 dias, muito bom, parabéns pela riqueza de detalhes e informações!
  3. khumbu_

    Maragogi

    Quando começa a baixa temporada na região? Mês de maio/junho é uma época boa para conhecer Maragogi?
  4. khumbu_

    Tamandaré

    Andei procurano no fórum e por minha supresa não vi nada a respeito de Tamandaré no tópico de Pernambuco. Pesquisando em outros lugares encontrei o site http://www.guiatamandare.com.br/ que trás algumas informações valiosas, mas acredito que as informações trocadas aqui no mochileiros que são o diferencial para quem planeja uma viagem. Quem tiver dicas da região e puder contribuir postando neste tópico agradeço desde já!
  5. A trilha é de facil acesso e não dá pra se perder, atentar para o período de chuvas no DF e com as trombas d'agua, a melhor época para ser visitada é a da seca, entre Maio e Setembro.
  6. ainda sou mais as boas e velhas pilhas, dependendo do lugar onde estiver, não a bateria que resolva, por exemplo, estive na Chapada Diamantina e fiz a travessia Lençóis-Andaraí, 7 dias de trilha, queria ver sustentar a marra!
  7. Ok Augusto, valeu mais uma vez pelas informações, amanhã eu pretendo fazer um reconhecimento lá no sítio do Pierre, mesmo porque não tiver retorno do email que enviei. E pra não perder a viagem vamos subir o pico das agulha negras, no parque naciocal de itatiaia amanhã também, falow!
  8. Augusto, não sei ao certo quanto ao temp de deslocamento cara, sairemos de Resende no mesmo dia q iniciaremos a travessia. Pretendo começar a subir no máximo as 9hs. Pra isso acho q saindo com umas 2hs de antecedencia dão , certo?
  9. Carlos pow meu chapa, vou querer sim o arquivo que possui meu email é o seguinte: [email protected] falou cara!
  10. Augusto, valeu novamente brother! Vou procurar ainda hoje fazer contato com o dono do sítio, creio que não terei grandes dificuldades quanto a isso. Eu estava com dúvidas no 3° pernoite, vou seguir sua dica, acampar no Pico dos 3 estados mesmo. Existe algum lugar que eu possa usar como referencia para alguém que nunca estave lá , para fazer o resgate na garganta do registro? Vou aguardar os telefones que possui. Vai ser de grande valia. Valeu Agsts!
  11. Gostaria também, se fosse possível, que disponibilizassem waypoints ou sites onde eu posso obte-los para a utilização de GPS. Flw!
  12. Valeu Augusto Agora só mudei meus planos, pretendo fazer a travessia em 3 dias em meio, a iniciar no dia 28 de abril e concluí-la em 01 de maio. Ainda me restam dúvidas, gostaria de saber se é necessário algum tipo de aviso prévio ou autorização para entrar na Faz. Toca do Lobo, seja para passar por lá ou até mesmo pernoitar. O itinerário que estou prevendo fazer é o seguinte: 1° dia- deslocamento Resende-Faz Toca do Lobo ínício da travessia, Toca do Lobo- Alto do Capim Amarelo 2ª dia-Alto do Capim Amarelo- Pedra da Mina ou Ruah 3° dia- Ruah- Base do Alto dos Ivos 4° dia- Alto dos Ivos- Garganta do Registro. Gostaria de saber um tempo estimado que acreditem que possa ser feito estes percussos, levando em conta que todos que o farão possuem um bom preparo físico e noção de orientação (militares). E se é facil arrumar um transporte que leve de volta a Passa Quatro ou a parte baixa do Parque. Valeu!
  13. Confiram o site da Agencia NAcional de Transportes Terrestres; http://www.antt.gov.br, lá terá todas as informações sobre preços de passagens, horários de ônibus e empresas que fazem os itinerários.
  14. Será que saindo do Vale do Paraíba (Resende-RJ) em um feriado desses que terá em Abril , de 3 dias, eu consigo ir numa boa ao Pico da Bandeira?
  15. khumbu_

    Visconde de Mauá e Região

    Qual a melhor época do ano para visitar Maromba? Tanto a época de agitos quanto a de nostalgia, gostaria de saber..... Essa época do ano, como fica Maromba!?!
  16. Quantos dias leva para chegar até a Pedra da Mina partindo da Garganta do Registro?
  17. É real, existem trilhas que são tranquilas de fazer sem guias, tipo Lençóis-Capão passando pelo Morrão ou até mesmo Gerais do Vieira-Vale do Paty, mas algumas como a Fumaça por baixo, as vezes é melhor pagar um guia na 1ª viagem como o_TITO_ falou e não ficar quebrando a cabeça com preocupações em seguir a trilha correta. Também prefiro fazê-las sem guias, a curtição é outra, mas temos que usar o bom senso. É isso aí...
  18. Aí , Vale do Paty dá pra fazer na moral sem guia, basta pegar informações com os moradores da região que é o suficiente, estive lá mês passado, passei 10 dias.
  19. Genial , mas só estando lá para compreender realmente a grandiosidade de seu relato!
  20. Esta pequena cidade histórica, incrustada aos pés da Serra dos Pireneus, no interior de Goiás, é cercada de morros, com dezenas de cachoeiras. Tombada como Patrimônio Histórico e Cultural Brasileiro, mantém seu aspecto antigo e bucólico - retrato vivo da história goiana, onde um povo hospitaleiro, alegre e festivo, convive com um ambiente de extrema beleza natural. SUGESTÕES AOS VIAJANTES *Traga calçados confortáveis - Pirenópolis é uma cidade pequena, calçada com pedras e cercada de montanhas. Portanto caminhar aqui, em pedras, subindo e descendo, é praticamente obrigatório. *Traga boné ou chapéu e filtro solar - O sol é forte quando aparece. *Traga quarda-chuva ou capa - se for tempo de chuva (outubro a março). *Venha de roupas apropriadas - cachoeiras tem mosquitos, trilhas tem capins que riscam as pernas e o sol queima os ombros. Lembre, cachoeira não é piscina e nem praia. *Venha de carro apropriado - nossos melhores atrativos são rurais e as estradas nem sempre estão boas. * Não vacile nos feriadões - apesar da criminalidade aqui ser baixa, em feriadões malandros podem visitar nossa cidade. * Venha com tempo - para conhecer bem Pirenópolis são necessários vários dias. * Procure contratar um guia - é mais seguro e confortável, você perde menos tempo e conhece bem melhor. Vá ao CAT-Centro de Atendimento ao Turista. Abraço a todos, Rogério Félix
  21. Esse é o ptempo que tenho disponível, presciso saber se alguém já fez assim para pegar informações, caso contrario vou ter que abortar e tentar outro idéia, falow!
  22. Sem contar que se você levar seu próprio material de camping, os preços podem ser negociados facilmente, pra ter uma idéia, o guia que levou meu grupo até a Fumaça por baixo, cobrava R$50 a diária por pessoa, conseguimos fazer por R$150 os 3 dias de trekking ,com 5 pessoas no grupo, ou seja, baixamos para R$10 a diária por pessoa, vale a pena negociar....
×
×
  • Criar Novo...