Ir para conteúdo

the.alien

Membros
  • Total de itens

    101
  • Registro em

  • Última visita

Reputação

0 Neutra

Últimos Visitantes

O bloco dos últimos visitantes está desativado e não está sendo visualizado por outros usuários.

  1. Navfree e mapdroid. Pode-se baixar mapas para usar offline. E os epub do LP. Super facil de ler.
  2. Eu tenho android e uso os gratuitos mapdroid e navfree, pois pode descer os mapas e os utilizar offline. Cuidado com os mapas guardados do google maps, pois ouvi dizer que se apagam automaticamente depois de um tempo.
  3. Oi Mauricio, sumi, mesmo! Tive que ser operada em janeiro (por isso, tive que desistir da vaigem que faria ao Sri Lanka). Estarei de alta do repouso em mais duas semanas, mas já pude voltar ao trabalho (de leve, autorisada pela médica). Você pergunta sobre países que não visitei (Uruguai, Colombia... tantos!). Não é que eu não queira, não, mas ainda não tive tempo. Eventualmente, vou para todo canto. Isso dito, tem países que tenho muita vontade de visitar, mas que não visitei por causa da situação por lá (Paquistão, Afeganistão, Iraque, por exemplo). O mapinha é dos países que vi
  4. Bom guia, Luiz. Acrescentaria que achar restaurante em país do oriente médio não é fácil (exceção para as grandes cidades) e que na época do Ramadan tem restaurante que não abre, mesmo, inclusive depois do por do sol, pois tem as orações e os banquetes em família (tipo com os cristãos, que preferem passar o Natal com a família). Eu não aconselho viagens em países do oriente médio na época do Ramadan.
  5. Desculpa, não sei como te chamar...não sei se é menino ou menina...hahah Sou uma alienígena do sexo feminino. Pode me chamar de A (como em "alien"). Eu não dou meu nome na internet, por medo. Já fui vítima de "stalker" e de difamação (pessoa escrevendo mentiras sobre você na internet). Então...de qualquer forma, obrigada pelas dicas... Disponha. Na verdade...estou pretendendo sair daqui (salvador) no dia 22 de junho precisamente. Quero muito ver as plantações de lavanda...e com um pouco de sorte ver alguns girassóis na Toscana!! Salvador é terra de gente muito simpática. Adoro a cid
  6. Olá, o difícil é achar comida. Lugar para ficar, acha. Eu adoro a parte atrás do Atlas (o deserto): as gorges, a estrada para Tata... prepare-se para muito frio se for no inverno.
  7. Olá, as visitas de Sintra, etc, pode fazer de trem. Pode fazer em um dia, sim. Para o Algarve, poderia alugar um carro. Em Madrid, eu ficaria um dia, mas isso é questão de gosto. Eu não gosto de Barcelona (de novo: questão de gosto) e nunca consegui ficar muito tempo por lá. Ficaria um dia. Veneza->Florença->Pisa, pode fazer de trem. Sobre o eurailpass, cuidado. Informe-se bem antes de comprar, pois a última pessoa que conheci que veio por aqui com o tal passe teve que pagar tantos extras que acabou saindo caríssimo. Voar está mais barato (se comprar passagens low co
  8. Oi Cecília, que viagem bonita. Se puder escolher, não venha no inverno, pois o frio é pesado na França e no Reino Unido. Na sul da Itália é menos frio, mas também é frio. Se o inverno for tão terrível quanto o inverno passado, pode nevar muito, e isso significa um monte de engarrafamentos, passes nas montanhas fechados, etc. É um saco. Agora, sobre aluguel de carro, claro, pode alugar em todo lugar na europa. Saiba que se devolver o carro num lugar diferente do qual o alugou, paga extra. Tem companhias pequenas que alugam mais barato. Não sei te indicar nomes, pois não moro nos
  9. Olá, muito obridaga pelas fotos, lindíssimas. Adorei ler e ver tudo. Super! Obrigada de novo! Estarei em JP em abril. Já comprei a passagem. YUPEEEEEEEEEEEEEEE!!!! Vou comer acarajé, doce de cajú, tapioca, tomar sorvete, comer arrumadinho... vou tomar banho de mar... agora é só esperar que não chova muito, pois abril é época de chuva...
  10. Oi Mauricio, eu queria ir para o Kiribati, porque é o "fim do mundo". Não digo isso de uma forma negativa, não, mas no sentido de ser tão longe, tão desconhecido, tão isolado, etc, etc. A tal da simpatia gratuita da qual falas, acho. Se vale à pena? Bom, para mim, valeu muito. Sou curiosa. Mas se a pessoa está começando a viajar, não diria que deveria começar por lá, não. Mas se estiver em Fiji, e se tiver interesse em conhecer, então vá, pois se não for, terá que voltar à Fiji para visitar o Kiribati. Vôos para estas ilhas do Pacífico são super complicados, difíceis. Fiji é o hub para
  11. Gostaria de explicar que você pediu opiniões e dei a minha. Repito que ninguém precisa concordar. Gosto não se discute, não é? Eu, por exemplo, não gosto de futebol, não bebo álcool (nada à ver com religião, pois sou atéia)... e tem tanta gente que gosta. Cada um deve procurar sua própria felicidade e descobrir seus próprios gostos. Mesmo se miséria não existe só na Índia (somos brasileiros...), lá a miséria é mais triste ainda pela cultura das castas (sistema proibido por lei, mas que ainda é muito presente na sociedade), pela religião hindu, etc. Eu sou muito empática e conviver com essa
  12. Olá, se estiver falando de um guia "livro", tipo o Lonely Planet, sim. Se estiver falando de uma pessoa: não.
  13. Olá, minha sugestão seria não perder tempo no Laos e no Vietnam. Já que tem três meses e que três dias é suficiente para visitar os templos da região de Siam Reap, procuraria outros países para não passar três meses menos três dias na Tailândia. Sugiro a Indonésia e meu país fetiche, as Filipinas (para mergulhar). Outra opção seria um vôo barato para a India, ou um pulinho na Malásia (Sabah, em Bórneo, com vôo barato da AirAsia, para mergulhar e para outras coisas). Eu faria: India 3 semanas, Indonésia 1 mês, Tailândia 2 semanas (talvez 3), Malásia 2-3 semanas (Perhentian e a Bórneo).
  14. Olá, ninguém fala português em Goa. Sendo brasileiro, provavelmente vai se decepcionar, pois é menos "India" do que o resto do país e as praias são legais pela temperatura da água (peguei mais de 30 graus de água), mas as paisagens, para nós, brasileiros, não são esta coisa toda. Achei legal as vacas tomando banho de sol. Recomendo um passeio por lugares do Rajastão (Jaipur, Udaipur, etc), e uma visita de alguns dias à Varanasi. Adorei Varanasi e a "loucura" que é o Gangis. Agra é jóia, para o Taj Mahal, mas um dia é mais do que suficiente (visite o forte, também). Do outro lado do
  15. Gostei muito de Sumatra, e, principalmente, de uma side trip que fiz saindo de Kalianda: viagem em barquinho minúsculo de 30 kilômetros para passar a noite no vulcão Krakatau, assistindo o Anak Krakatau (filho de Krakatau) em plena erupção. Muito, muito fantástico. Muito sensacional. Na ilha de Java, recomendo Jogjakarta. De lá pode visitar Merapi, mas também os templos muito fantásticos de Prambanam (hindu) e de Borobodur (budista). Gigantes e muito bacana. De Jogja, viaje para Bromo. Fique de noite para ver o nascer do sol e fazer a caminhada no mist até uma das crateras. Muito bacan
×
×
  • Criar Novo...