Ir para conteúdo

rodfduarte

Membros
  • Total de itens

    27
  • Registro em

  • Última visita

Reputação

0 Neutra
  1. Infelizmente hoje já não estou mais casado. Mas na época, de fato, minha esposa gastava muito com essas tranqueiras. Depois dessa viagem eu fiz mais uma viagem pra Europa e 2 pros Estados Unidos, realmente estou precisando compartilhar elas. E agora em Janeiro estou indo à Argentina.
  2. Olha na verdade eu fiz duas viagens pra Itália né, esta foi a primeira e a segunda eu fiz no ano seguinte, em 2011. Então na primeira viagem, eu pedi para o carro ser a Diesel. Na segunda eu também pedi, mas só tinha à gasolina. Você reserva o seu carro normal e na hora você pede. Sobre transitar nas ZTL, sim tive dificuldades, principalmente em Firenze aquele centro é cheio delas, em Milão é mais sossegado. Em Roma tem muitas também, no resto das cidades é mais tranquilo. Na verdade, tem que ficar atento às placas tem os horários e etc. E normalmente essas zonas ficam mais perto dos cent
  3. Pode ir que você vai adorar a Itália e a Suíça é maravilhosa também, to devendo um relato aqui mas fiz Itália, França e Suíça em 2011. O ruim de viajar é que vicia e sempre que você volta, fica um gostinho de quero mais. Boa sorte e tenho certeza que você vai gostar. Mendoza não conheço, mas deve ser maravilhosa também.
  4. Não é muito diferente daqui na verdade. Se a cidade é pequena, você estaciona tranquilo muitas vezes na rua mesmo. Em grandes centros urbanos fica difícil, é melhor estacionar na rua mas quando não dá, você é obrigado a estacionar num estacionamento mesmo. Muitas vezes, você pode estacionar em um local e depois ir passeando de metrô em Milão, depois retornar pegar o carro e voltar pro Hotel. Se o seu hotel for próximo à uma estação, recomendo andar de metrô mesmo, o metrô em Milão e Roma são muito bons. Sobre valer a pena, é aquela coisa, é confortável né? Mas com certeza é mais caro do que
  5. Cara, o porta malas é pequeno. Cabe uma mala grande ou duas médias, é mais ou menos do tamanho do porta malas do novo Uno, aliás os dois carros são bem parecidos. Na verdade, se puder escolher, prefira o carro à diesel que é mais barato que Gasolina.
  6. Não é como no Brasil, as tomadas lá tem 3 pinos, todos os pinos são paralelos em uma linha reta. Mas é fácil encontrar adaptadores para vender. Se for ficar no Ibis por exemplo, o próprio hotel vende.
  7. Acho que o mais importante é ficar perto de uma estação de metrô. Como em qualquer uma dessas regiões você vai ficar perto de alguma estação, acho que qualquer uma dessas escolhas são válidas. Só uma observação, perto da estação Termini, à noite, é bom tomar um certo cuidado, fica um ambiente um tanto quanto pesado. Nada assustador, mas é bom tomar um pouco mais de cuidado só isso. Eu andei lá de noite, não aconteceu nada, o restaurante Pastorito é ótimo e barato. Só dando uma dica mesmo. Claro que vale muito a pena andar a pé, mas como em Roma você já vai caminhar muito, não economize dinhei
  8. Parabens pelo relato....vou fazer uma viagem bem parecida lua de mel em novembro...se vc puder me ajudar com restaurantes, passeios, gastos....tambem vou estar com carro alugado.....obrigadoo..abraco... Olá..estarei fazendo este percurso em julho de 2011...me dá dicas de como ir de trem...vou de Milão até Roma.. bjos e obrigada Não sei se sou a pessoa mais indicada para te ajudar nas viagens de trem pela Itália, afinal eu não peguei trem. Mas acredito que seja bem tranquilo, como em Milão tem metrô, de metrô mesmo você já consegue ir para uma estação central de Milão, onde você pode
  9. Rapaz, tem toda razão. E por mim, levaria muito menos, culpa da minha mulher. Mas essa foi nossa primeira viagem à Europa, quem sabe da próxima vez ela leva menos hehehe Abraços.
  10. No dia seguinte, passamos mal eu e minha mulher, muita coincidência. Acredito que foi um jantar que fizemos em um restaurante perto da Fontana di Trevi, quando estávamos nos despedindo da Fontana, que adoramos, e de Roma. Mesmo assim, gripados e passando mal, fomos para Napole, ou Nápoles. Ficamos em um hotel na cidade de Caserta, pois estava mais em conta. Aconteceu algo inusitado, resolvemos dar uma cochiladinha após chegarmos, pois não estávamos muito bem de saúde, e estávamos ao mesmo tempo muito cansados. Dormimos das 17 horas até ãs 09 horas da manhã do dia seguinte, ou seja, esse foi um
  11. No dia seguinte (Já me perdi em que dia estou hehehe) fomos ao Vaticano. Para mim, de tudo que Roma oferece, essa é a melhor parte. Apesar de no Vaticano não aproveitarmos a CIDADE DE ROMA, mas o Vaticano é muito legal, foi muito legal para mim. Gosto é gosto. Não importa se as pessoas são católicas, espíritas, umbandistas, candonblistas, budistas. A visita ao Vaticano deveria ser obrigatória na vida de todos, vale cada centavo gasto para se chegar até lá. Fomos de carro, mas tem metrô que chega até lá. Chegando lá, incrível, não encontrei vaga nem em estacionamentos pagos, muito menos na rua.
  12. Marcia, eu sei como é difícil programar uma viagem, às vezes temos que abrir mão de certas coisas. Infelizmente, o mundo nos oferece muitos lugares, mas não podemos abraçar o mundo. O que posso te falar é: Em Roma, o Vaticano é imperdível, tem que ir de qualquer jeito, mesmo para quem não é cristão. Recomendo que se chegue bem cedo ao Vaticano, vá primeiro nos museus do Vaticano, depois vá pra Basílica de São Pedro. A Basílica fecha umas 18 horas eu acho, então pense antes se vai querer subir na cúpula ou não, é muito cansativo subir lá, e perde-se muito tempo, mas a vista é linda. Tem que ver
  13. Roma 3º dia Continuando de onde parei, neste dia já estávamos um pouco cansados de Museu Museu Museu, Igreja Igreja Igreja. Resolvemos ficar passeando em Roma. Pegamos o carro e fomos até um estacionamento perto da Fontana di Trevi. Ficamos passenado por ali, pela Fontana, por várias lojinhas ali perto. Aproveitamos para comprar uma mala nova (compramos tanta coisa que não estava cabendo nas malas), tomamos sorvete numa sorveteria legal ali perto. Aliás, o sorvete italiano é impressionante, não importa onde você tomar sorvete, você sempre vai achar muito gostoso, muito saboroso. Enfim, tir
  14. Cadu, não tenho tudo anotado, porque às vezes você está andando, ve um lugar e para pra comer. Mas muitas coisas ainda estão frescas na minha memória. Como eu estava com uma boa grana, não economizei muito nesta viagem, mas dá pra passear com menos do que gastei, então vamos lá. Eu gastei em média uns 200, 200 e poucos euros por dia. Entre 200 e 250 euros por dia. Se gastava mais, tentava economizar no dia seguinte, de forma a tentar manter a média, e consegui fazer isso bem. Dá pra se gastar menos com certeza, mas nós comprávamos muitas tranqueiras, souveniers, cachecol, algumas roupas, ócul
×
×
  • Criar Novo...