Ir para conteúdo
  • Cadastre-se

Álbano1502427476

Membros
  • Total de itens

    17
  • Registro em

  • Última visita

Reputação

0 Neutra

Outras informações

  1. Salve, salve mochileiros! Dawisson, sou Paraibano aqui da gema (kkkkkkkkk) e como bem elencou nossa amiga Samy, temos excelentes pontos turísticos em nossa Capital e em nosso Estado. caso tenha alguma dúvida, ou questionamento quanto à possíveis roteiros, estarei à disposição. Atualmente todo o nordeste está passando por um período crítico de estiagem, com o peculiar calor desta nossa região. O período tido como chuvoso é o compreendido entre os meses de maio e início de agosto, porém - por praxe - chuvas esporádicas podem ocorrer ao longo do primeiro trimestre. Mas não se preocupe, acredito vocês terão um belo passeio, sem "inconvenientes climáticos". Sugiro, entre passeios pela orla e pelo centro histórico, um dia inteiro para conhecer nosso litoral Sul (Gramame, Jacumã, Carapibus, Tabatinga, Coqueirinho e Tambaba - esta última é de uma extrema beleza), e um outro dia reservado para o passeio completo de catamarã, visitando nossas ilhas de corais (picãozinho) e areia vermelha. Ao fim, pode-se mesmo apreciar o por do sol na Praia do Jacaré, um local charmoso e bem aconchegante, que dispõe de barzinhos, restaurantes suspensos às margens do mangue e comércio de artesanato local. A vantagem é que tudo isso está compreendido num raio máximo de 40Km a partir de João Pessoa. A cidade os receberá de braços abertos... MAS CUIDADO: depois da visita, muitos turistas só sossegam quando conseguem vir morar aqui de vez. Abração!
  2. De acordo com o segmento, foi uma boa escolha "rbarizza"! Espero que aproveite a estada em nosso querido Estado. Abração!
  3. Pois é galera, a coisa tá ficando difícil. Também verifiquei hospedagens no valor de R$500... realmente caro! As pensões e meios alternativos são a saída para os que desejarem uma estada simples e barata. Só não deixem de vir conhecer o nosso São João!
  4. Pronto, pronto - ninguém mais ficará com dúvidas quando a questão se referir ao turismo em João Pessoa(PB). Estou disposto a ajudar no quer for possível. Para quem acredita que imagens valem mais que palavras, segue o link do vídeo de divulgação da PBtur: Abração!
  5. Olá Heldciney, Será bem-vindo com toda sua família à Paraíba! As opções são muitas. A Paraíba, nos meses de junho e julho, revela toda sua cultura através das festividades juninas. Artesanato, culinária típica (comidas de milho, como pamonha, canjica e bolos), forró pé-de-serra e quadrilhas (dança característica). Campina Grande concentra todas estas (e outras) atrações no maior São João do mundo; muitos shows, arte e restaurantes de comida típica, tudo em um só lugar. Um mega evento! Se preferir um universo mais tranquilo e aconchegante, com festividade junina em clima familiar, é só optar por alguma das várias pequenas cidades do interior paraibano; Patos (sertão), Solânea (brejo), ou mesmo Galante, de onde parte o trem do forró. Seja qual for o destino, em menor ou maior intensidade, haverá demonstrações de como o povo deste Estado é fiel às suas raízes. Mas, se o interesse não for as festividades juninas (ou não apenas elas), vai existir todo o litoral e pontos turísticos e históricos do Estado e sua Capital, João Pessoa, uma das mais antigas do Brasil. Nela o São João não é tão avolumado, mas é aqui que estarão belas praias urbanas - preservadas e com excelente infra-estrutura. O centro histórico de João Pessoa é um convite a voltar no tempo, com possibilidade de se pegar um trem urbano e ir do centro, passando por áreas estuárias,até a cidade vizinha de Cabedelo, onde fica a zona portuária e também a secular Fortaleza de Santa Catarina. Outras atrações a menos de 40km de João Pessoa, de fácil acesso: Litoral Sul (Jacumã-Conde) - um complexo de lindas praias paradisíacas, falésias e pequenos quênias, cenário de instalação de excelentes pousadas. Dentre as praias: Praia do Amor, Carapibus, Coquirinho e Tambaba. Tambaba é cartão postal, de cenário inigualável, que possui, em uma área específica e naturalmente isolada, faixa litorânea destinada ao naturismo; Praia do Jacaré (Cabedelo) - Zona estuária de exuberante vegetação, onde o turista encontrará bares e restaurantes com comidas típicas, num ambiente bem aconchegante, com stands de artesanato regional. Mas a principal atração da Praia-do-Jacaré é o pôr-do-sol ao som do "Bolero de Ravel" tocado por um saxofonista em uma canoa. Uma atração ímpar; Litoral Norte (Lucena) - Município litorâneo localizado do outro lado da margem da Foz do Rio Paraíba. Em Cabedelo, é só dirigir-se até o Ferry Boat (balsa), e aproveitar a viagem, cuja navegação demora 30 minutos. Lucena tem mar calmo, vários vilarejos e abriga a Igreja de Nossa Senhora da Guia, um monumento histórico que possui vestígios únicos do "barroco tropical" em suas faixadas. Possui também o pequeno museu da Baleia. Pronto. Acho que já vai ter boas opções depasseio. Apenas sou obrigado a comentar sobre o clima; a Paraíba é quente na maior parte do ano, mas de maio até julho, as chuvas se intensificam, o que poderá comprometer (em parte) um passeio - por exemplo - até a praia. Mas nada que não se possa conciliar com outro destino. Estaremos à disposição: E-mail: [email protected] Twitter: www.twitter.com/paraibando Para quem acredita que imagens valem mais que palavras, segue o link do vídeo de divulgação da PBtur: Espero ter ajudado! Abração e aproveite.
  6. Saudações amigos mochileiros! Estarei pronto para colaborar com informações e viabilizar sua visita aqui em nosso estado. Visitem-nos; a Paraíba é simples, mas isto é o que vai conquistar você! Abração à todos.
  7. Saudações amigos mochileiros! Sou louco por minha querida Paraíba. Moro na capital, João Pessoa, mas já residí em outras regiões - e sempre acabo viajando muito por essa terrinha, do litoral ao sertão. Ví que surgiram algumas dúvidas simples nas postagens anteriores... pena que não pude respondê-las em tempo. Contudo, a partir de agora, estarei pronto para colaborar com informações e viabilizar sua visita aqui em nosso estado. Visitem-nos; a Paraíba é simples, mas este detalhe é o que vai conquistar você! Para quem acredita que imagens valem mais que palavras, segue o link do vídeo de divulgação da PBtur: Abraço à todos! Abração.
  8. Grande Clebson! Obrigado pela dica. Já ouvi bons relatos sobre o Eco Camping. Gostaria de saber também sobre o Camping Mãe Natureza (Grupo Caju). Tem um site de compra coletiva que ofertou a diária bem em conta... daí o interesse! Obrigado pela colaboração!
  9. Saudações Galera! Gostaria de saber quais seriam as melhores opções de camping em Pipa-RN. Considero as instalações, a proximidade com centro da cidade e a segurança (por mínima que seja). Aguardo instruções dos mochileiros veteranos! E agradeço desde já. Abração!
  10. Clima vs Bota (modelo), eis a questão Guilherme! Ainda aguardo contato com Fábio (Nômade), talvez ele também possa auxiliar com precisão. No "Arco e Flecha" tem a X-Pro (cinza) e a Titã (verde) na minha numeração (40), resta saber qual a que menos me castigará numa caminhada sob o solzão daqui.
  11. Olá Guilherme, Que bom que gostou da sua bota! Parabéns! Só me responde uma coisa; Apesar de ter lido várias postagens a respeito, você comprou na mesma numeração que normalmente usa, ou foi um número maior? E quanto a temperatura - é um calçado quente? Cai bem aqui no Nordeste?
  12. Cara manda um e-mail pro Fabio das Botas Nomade. Tenho certeza que ele te fala de algum revendedor que tenha o produto na sua região. Agora se for comprar pela net recomendo a Arco e Flexa ou a Territorio on Line Abs Valeu RED! Já enviei o e-mail para Fábio, mas acho que houve algum erro, porque não tive resposta até agora. O site do "arcoeflecha" é muito interessante, mas falta numeração 40 em boa parte das botas. Já no "territorioonline", vou dar uma conferida. Assim que receber sua X-Pro, posta o comentário aqui, certo Guilherme? Fábio, X-Pro ou Titã?
  13. Pois é Renan, obigado pela dica, mas a indecisão continua! Pra mim fica mais difícil ainda - comprar algo sem poder testar. A revenda Nômade aqui na Paraíba é bastante limitada, então como saberei se escolho a Titã ou a X-Pro? Calço 40, mas não seria uma 41? Alguém tem uma sugestão segura de site para se fazer a compra?
  14. Olá amigos, Pretendo adquirir uma bota para trekking moderado, sem difíceis escaladas nem muitos dias a pé, e que também me sirva para o dia-a-dia. A questão é que sou paraibano e viajo bastante - principalmente aqui pelo Nordeste, onde a temperatura é relativamente alta. Pesquisando alguns modelos, me interessei pela Titã (aparenta mais leveza e "ventilação"), e por outros três que se asemelham no excelente desing; a Finisterre, a X-pro e a tática GS3000 (gostei muito desta) - todas da marca Nômade. Sendo assim,acho que preciso de ajuda - qual a mais adequada para minha realidade? Enquanto aguardo respostas, sigo com o bom e velho tênis!
  15. Grande Marcio, Olha, sei que você vai estar a pé, mas tem uma praia em Jacumã que é muito linda (dentre tantas); Carapibus - que deve ficar a uns 1500 metros da própria praia "centro" de Jacumã. Carapibus é aconchegante, e se é tranquilidade o que quer, aquele é o lugar. Além do mais, lá existem muitas pousadas bem estruturadas, como por exemplo a Corais de Carapibus, e a Aruanã - é só pesquisar. Desejo um excelente passeio!
×
×
  • Criar Novo...