Ir para conteúdo

bruno_vr

Membros
  • Total de itens

    23
  • Registro em

  • Última visita

Reputação

0 Neutra
  1. Olá Kakupper, achei a viagem um pouco cansativa sim, pois tenho dificuldade de dormir em meios de transporte. Eu diria até que a questão não é cansar e sim ficar de "saco cheio" vendo o tempo passar... Mas achei que vale a pena sim, a nãos er que vc consiga uma passagem aérea com um preço muito interessante. O trem é limpo e até confortável. Quem não tem dificuldade de dormir, consegue descansar numa boa. Existem cabines para 4 pessoas sim. abraços
  2. Olá!! Sobre a viagem de Milão a Paris, a viagem é longa e um pouco cansativa, mas quem tem facilidade de dormir não se cansa tanto. Se você conseguir um bom preço de passagem aérea entre Paris e Milão ou Paris e Roma, acho que valerá mais a pena.
  3. Obrigado vandreza, fiquei um bom tempo sem entrar aqui, mas essa semana posto o finalzinho da viagem. abraços
  4. Depois de algumas semanas sem visitar o site, voltei para terminar meu relato. Acho que até o final da semana eu consigo concluir! 14º dia – PARIS e VERSAILLES Acordamos, tomamos um banho e saímos do hotel. Fomos até o Carrefour mais próximo e compramos algumas guloseimas para o café da manhã. Seguimos caminhando até o Jardim de Plantes que fica praticamente ao lado do hotel em que estávamos. Dentro do Jardim, sentamos em um banquinho e fizemos nosso “café-da-manhã-pique-nique”. Aproveitamos pra relaxar um pouco e observar os parisienses que ali caminhavam. O Jardim de Plantes não é daq
  5. Oi gabidominicci, obrigado!! Estou planejando ir em janeiro a Portugal e Espanha e vou aguardar seu relato, pois será de grande valia. A minha maior preocupação é com o clima (frio e chuva) da época que pretendo ir. Qualquer duvida é só perguntar! Você vai adora a Itália e a França. abraços
  6. Oi Karla, td bem? Respondendo sua pergunta, eu diria que depende do perfil do viajante. 25 euros dá pra se alimentar sim, porém sem luxos. Evite os restaurantes e as guloseimas da rua..rs. Sugiro que vá ao supermercado e compre algo para o café da manhã e para o jantar/Lanche. Se for possível, poderá também preparar o almoço no albergue. Mas se não tiver como fazer isso, ou achar que vai perder muito tempo, almoce em um restaurante baratinho (na média uns 09 a 12 euros) e compre o restante das refeições no supermercado. Dessa forma, os 25 euros serão suficientes e ainda dá pra tomar um vinho
  7. Oi Flávia, muito bom seu relato! Estou planejando uma ida à Europa em Janeiro/2013, com um roteiro muito parecido com o que vocês fizeram. Seu relato me ajudou muito a ver a "cara" das cidades no inverno pois até então eu estava muito receoso de viajar pra lá no inverno. O frio até nem me incomoda tanto, mas tenho medo chover muito e aproveitarmos pouco. Vi que vcs aproveitaram bastante e fiquei bem animado, porém ainda tenho algumas duvidas sobre as roupas que devo levar... Ah! tb sou professor e vou com mais 3 amigos, também professores...rs Grande abraço!
  8. continuando... 12º dia – PARIS Acordamos por volta de 8 horas, tomamos banho e saímos. Sentamos em um café próximo ao hotel e pedimos um cappuccino e um croissant. Pegamos o metrô e fomos direto ao Musée d’Orsay. Com o museum pass não se paga a entrada. O museu se localiza em uma antiga estação de trem e abriga obras maravilhosas, de artistas como Van Gogh, Monet, Degas, entre outros. Vale, e muito, a pena visitá-lo. Ao sair do Orsay, seguimos passeando pelas ruas de Saint-Germain des Prés. Paramos em uma barraquinha e compramos um crepe de queijo com coca-cola e sentamos e
  9. Obrigado Diogo! Se bobear a gente se esbarrou por lá.. rsrs Sempre tem esses "malas" nos museus, né? Fico impressionado com a atitude dessas pessoas. Grande abraço!
  10. Oi Viviane, obrigado!! Ainda não conclui o relato. Faltam alguns dias de viagem a relatar. Estou escrevendo aos poucos pois meu tempo ta curto...rsrs Hoje escrevo mais um pouquinho! abraços
  11. Obrigado!!!! Eu até já tentei parar de fumar uma vez a algum tempo, mas desisti logo no primeiro dia. Espero conseguir um dia! rs...
  12. continuando... 10º DIA - PARIS Chegamos em Paris pela manhã, por volta das 10 horas. Desembarcamos na Gare de Lyon e tomamos nosso café da manha (Cookie e capuccino). Logo na chegada já notamos a diferença entre Itália e França. O povo italiano é mais eufórico, fala alto, ri alto, possui um maior “calor humano”. Já os franceses são mais na deles, mais frios. Ali mesmo pegamos a linha 1 do metrô (direção La Défense) e trocamos para linha 7 (direção Villejuif/Ivry) na estação Châtelet. Descemos na estação Place Monge, atravessamos a rua e estávamos em nosso hotel. Paris é muito bem
  13. Olá Andrezha e Marthinha! Obrigado pelos comentários. O tempo anda meio curto, por isso ainda não consegui terminar o relato, mas prometo que vou continuar. Hoje postarei mais dois dias de viagem. Qualquer dúvida perguntem, é um prazer ajudar. abração.
  14. Continuando... 8º DIA – VENEZA Acordamos cedinho para aproveitar bem o dia e tomamos o café da manhã no hotel, que por sinal era muito bom! Pegamos o trem na estação Veneza Mestre (em frente ao hotel) e em 10 minutos descemos na estação Veneza Santa Lucia, na ilha. Ao chegarmos, compramos um ticket para o Vaporetto (barco de transporte coletivo) por 18 euros, válido por 24 horas. Durante a validade do ticket você pode embarcar e desembarcar quantas vezes quiser e em qual estação quiser. Entramos no Vaporetto e saltamos na Piazza S. Marco. Lá visitamos a Catedral de San Marco e o Palácio
×
×
  • Criar Novo...