Ir para conteúdo
  • Cadastre-se

ajlmoraes

Membros
  • Total de itens

    75
  • Registro em

  • Última visita

Reputação

1 Neutra

Sobre ajlmoraes

  • Data de Nascimento 22-03-1980

Outras informações

  • Lugares que já visitei
    Além do Brasil, EUA, México, Peru e Bolívia.
  • Próximo Destino
    Roma; Nápolis; Pompeia; Veneza; Lisboa; Porto.
  1. ajlmoraes

    Parque Nacional da Serra dos Órgãos

    Moçada, Gostaria de fazer a trilha em fevereiro/março. Alguém conhece uma agência que junte uma turma + guia para a travessia? Além disso, há no site do parque a informação de que o incêndio fechou parte da trilha, restando livre a trilha do açu e a trilha do sino. Há caminho alternativo para completar a travessia?
  2. ajlmoraes

    Roma

    Ô, Vinicius. Dá para comprar na hora, seja no guichê, seja na fila, e lá você poderá escolher qualquer empresa de ônibus. É melhor assim, tendo mais opções. A única vantagem de comprar antecipado é o preço, mas eu acho que não vale a pena.
  3. ajlmoraes

    Parque Estadual do Itacolomi em Minas Gerais

    Obrigado! Vejo que, para quem não tem medo de acordar cedo, dá para fazer bate-e-volta a partir de BH.
  4. Belo relato! Vale a pena sair de BH, chegar ao Parque, subir o Pico e voltar para BH num mesmo dia?
  5. ajlmoraes

    Tickets de Trem na Itália - Perguntas e Respostas

    Minhas mochilas não couberam na prateleira sobre o assento, que seria mais seguro. Atente a isso. Se não for possível colocá-las lá, terá que de colocá-las sobre um assento vago, o que não será possível, obviamente, se ele estiver ocupado. O que te sobra: colocar nos espaços entre bancos, que não são muitos, ou nas prateleiras nas entradas dos vagões. Para isso lhe seriam úteis correntes como aquelas de prender bicicletas. Outra coisa em que pensei depois: passar cadeado prendendo as duas mochilas uma na outra, de modo a dificultar o trabalho do ladrão e a evidenciar que há algo de errado se ele insistir no furto.
  6. ajlmoraes

    Tickets de Trem na Itália - Perguntas e Respostas

    Moçada, Finalmente, no dia 28/6, recebi o valor de 860 reais, deduzidos quase 50 reais de taxas do BB, a título de indenização da Trenitalia. Custou quase quatro meses. Ao final, não recuperei todo o valor das coisas que me foram furtadas, mas com certeza é um alento. REPITO: olho na bagagem nos trens italianos!
  7. ajlmoraes

    Tickets de Trem na Itália - Perguntas e Respostas

    A diferença, pelo que me parece, é que, ao contrário daqui, o crime lá não é pela violência, mas pelo "poder da mente" Um dia vi um documentário sobre batedores de carteira em Barcelona. São mágicos! Reflexo da impessoalidade europeia, meus caros. Levaram meus pertences e eu nem tenho um rosto para me zangar. Aos que andarem de trem na Itália, recomendo manter a bagagem no assento ao lado, a menos que apareça alguém para usá-lo.
  8. ajlmoraes

    Tickets de Trem na Itália - Perguntas e Respostas

    Moçada, Minha mochila foi FURTADA num trem da Trenitalia. Parti de Roma Termini em direção a Veneza Santa Lúcia. Tive de deixar as duas mochilas na estante de bagagens que fica em frente ao banheiro, na entrada do vagão, pois o bagageiro de cima do assento é pequeno. Na primeira parada, em Florença, depois do sobe e desce de gente, fui lá conferir e nada. No início, achei que a mochila teria caído e alguém teria colocado em outro lugar. Passei por todos os vagões e nada! Então, falei com uma agente de trem que não encontrava minha mochila. Ela chamou outro agente que, por coincidência, falava português -- foi a única coisa boa da experiência: como é bom falar sua língua nativa na hora do aperto! Depois de mais uma olhada pelos vagões, ele apostou em furto mesmo. Disse que conhece alguns dos "malandros" (essa foi a palavra dele, bem abrasileirada) que fazem isso, viu alguns em Florença, mas nenhum tinha bagagem consigo. Disse também que a companhia tinha um seguro e me recomendou os primeiros passos da burocracia. Chegando em Veneza Santa Lúcia, num domingo, o posto policial não pôde nos atender e nos mandou para a delegacia que fica na Praça São Marcos! Quem conhece, sabe que é muito longe, mas nós tivemos de ir até lá para depois voltar ao escritório da Trenitália, na estação, para pedir o seguro. Depois de muita pernada, chegamos à delegacia, fizemos a ocorrência e voltamos à estação. Ficamos muito tempo preenchendo a papelada -- todo o procedimento e a caminhada levou nossa primeira manhã em Veneza. A moça do escritório pediu desculpas, disse que isso acontece duas ou três vezes por ano (o que não parece estar de acordo com o agente do trem, que disse até conhecer os bandidos), recolheu os papéis e ainda nos recomendou enviar os originais pelo correio, pois eles não poderiam nos dar nenhum comprovante de recebimento (essa foi a parte mais absurda -- ninguém na Trenitália te dá documentos sobre o ocorrido, não gostam nem de fornecer o nome). Como esperado, o Correio só abriu na segunda -- e só neste dia completamos o procedimento. Agora me resta esperar um contato deles -- ou mandar e-mails me queixando! Fiquei com a roupa do corpo e tive de ir comprando roupas novas durante a viagem. Sorte que só havia roupa e ainda era a mochila velha -- a outra eu havia acabado de comprar. O único item "do coração" era um par de botas de caminhada (uma Azimut Nômade).
  9. E eu que, há meses, programei minha visita ao Vaticano em 1/3 -- PRIMEIRO DIA DE SEDE VACANTE (sem Papa). Será que vão fechar a Capela Sistina para o Conclave?
  10. Por que você acha que seria melhor fazer o contrário? Estou na mesma situação que você: Necrópolis às 14h30. Considerando o compromisso à tarde (agora pergunto a todos), qual seria o melhor horário para o Museu do Vaticano? 9h00, 9h30? E onde se pode almoçar na região para, depois, finalmente, descer à Necrópolis?
  11. ajlmoraes

    relato Cidade do México (DF) -- Yucatán -- Quintana Roo

    Jeshika, Eu não me hospedei lá, só fiz os passeios com eles. Fui a Teotihuacan e a Xochimilco. Recomendo os passeios. Foi tudo muito bom com o transporte e principalmente com os guias. O preço foi justo e paguei com cartão na recepção do hostel.
  12. ajlmoraes

    Tickets de Trem na Itália - Perguntas e Respostas

    A página indicada pelo paulorco (obrigado!) me envia de volta à área do cliente, onde eu já estive. Descobri agora que a opção para mudança está disponível somente para o trecho que comprei até Veneza: Mas não está disponível para os techos que comprei até Nápolis (o que eu queria mudar): Infelizmente, é uma falha de planejamento que eu não poderei alterar...
  13. ajlmoraes

    Tickets de Trem na Itália - Perguntas e Respostas

    Mas como alterar a data, paulorco. Não encontrei opção no site. Será que tem que entrar em contado com eles?
  14. ajlmoraes

    Tickets de Trem na Itália - Perguntas e Respostas

    Comprei Roma-Veneza e Roma-Nápolis com facilidade pelo site da Trenitalia, pagando com Paypal. Da parte deles, só lamento não vir tudo em inglês, apesar de existir a opção para a língua. Da minha parte, lamento ter comprado Roma-Nápolis numa data no meio da estadia em Roma. Acontece que, se eu tivesse comprado para o último dia, ficaria com três dias de Roma Pass em Roma, andando para lá e para cá com metrô liberado. Do jeito que fiz, o bate-e-volta a Pompeia ficou no meio dos dias de Roma Pass e isso pode significar um pequeno prejuízo. Logo, pergunto: dá para mudar as datas da viagem na Trenitalia? Aproveitando: dá para mudar os assentos?
  15. ottaviano, Obrigado pela resposta! Acho mesmo que vai ser difícil achar alguém especializado em turismo histórico, pois o perfil do turista brasileiro não se importa muito com isso. Suspeito que seja exatamente por isso que Minas Gerais não recebe tanta gente. A gente tem muita história para contar, mas não tem praia. Já ouvi falar sobre a demolição da Perimetral, aquele absurdo. Tomara que façam logo. Tomara também que as descobertas arqueológicas façam crescer no Rio o mercado do turismo histórico. Outro dia li sobre um casal que, ao fazer uma reforma, descobriu que sua casa estava sobre um antigo mercado de escravos.
×