Ir para conteúdo

Igor Maia

Membros
  • Total de itens

    56
  • Registro em

  • Última visita

Reputação

1 Neutra

Sobre Igor Maia

  • Data de Nascimento 03-03-1988

Últimos Visitantes

O bloco dos últimos visitantes está desativado e não está sendo visualizado por outros usuários.

  1. Grande Zervelis, mais um relato show de bola (o da Tailândia me ajudou bagarai quando fui em 2016). Agora recuperado do acidente de moto em Chiang Mai (joelho zero bala) estarei de mudança para a Europa (estudar em Portugal), porém farei alguns trabalhos voluntários na Holanda e em Atenas (1 mês em Atenas) antes dos inícios das aulas em Lisboa. Como estarei por Atenas justamente na altíssima temporada, estou visando conhecer muito mais o continente do que as ilhas. Sugere algo? (Terei 3 dias de folga por semana e cogitei visitar Corintos, Thelassoniki e Meteora. Entre Ilhas Mykono
  2. Você sabe qual o motivo para perguntarem se iria visitar uma cidade muçulmana? Até pq Jerusalém possui as 3 religiões.
  3. sntrafael, sim, é. Muito louco e vale muito a pena. Cuidado com o mar, uhauhauhauhhua. #nojento
  4. Igor Maia

    Cuba

    Boa Tarde Fernando, seguem respostas. 1 - Se rolar um portunhol rola sim. Eu fui com um amigo que não falava de espanhol e inglês e pelo que lembre, ele conseguia trocar uma ideia. Porém muitas vezes eu intervinha. Mas é aquele esquema ... vc fala pausado e peçam para que eles também "hable despacio" falar devagar. 2 - Por nome não sei lhe dizer, mas ficam próximos da Plaza de la Revolución. Já terminal Viasul fica mais distante. Fica próximo a Ciudad de Desportos. Sobre os taxis (almedrón) costumam ter uma plaquinha de taxi no painel e geralmente circulam pelas avenidas principais da
  5. KOH PHAGNAN OBS: De Chiang Mai retornei para Bangkok. No dia seguinte que fui para Koh Phagnan. COMO EU FUI: Comprei um ticket em uma agência na própria Khao San Road por 850 Baht. Neste ticket inclui o busão e o barco que vai até Koh Phagnan (via Koh Samui). Fiquem tranquilos que são várias agências que vendem o passeio e são vários os onibus também. Porém é importante chegar no horário combinado na agência. Busão é tranquilo e a viagem é looonga. Tem uma parada no meio do caminho, para que o pessoal jante e quando se der conta, já estará no pier de Surat Thani. TRANSPORTE
  6. Oi Glaucia, pois é, um mega susto. Então, eu fiz e não adiantou de muita coisa. Inglês do pessoal do hospital era sofrível e tava com o joelho doendo. Também estava preocupado com o passeio do elefante que tinha perdido (não tinha feito o pagamento ainda, uffa). Apresentei no celular a apólice, mas eles queriam um documento impresso e talz. Me irritei e passei meu cartão mesmo. Deu 220 reais e também nem corri atrás de reembolso. OBS: Eles queriam que eu LIGASSE. Sinceramente ... tô do outro lado do país, com o joelho arrebentado, mando um e-mail e eles querem CONVERSAR? Enfim
  7. Apenas para divulgação. Criei um Airbnb para o meu amigo cubano, o dono da casa de Havana. Caso queiram algumas infomações da casa, estão lá. Também tem o link do site cubano onde eu encontrei a casa e o próprio e-mail do Sr Alberto / Dario. E-MAIL DO DONO DA CASA Contato: [email protected] AIRBNB (Eu Igor que administro no Brasil) https://www.airbnb.com.br/rooms/8146992?preview SITE CUBANO DE PESQUISA http://www.casaparticular.com/search?searchText=lety&searchButton=Search
  8. CHIANG MAI - Cidade do acidente com a moto Pois é people ... logo no quarto dia da minha viagem, sofri um acidente de moto. Mas antes de mencionar o acidente, vamos falar da cidade. Na minha opinião, eu achei a cidade mais acolhedora e cativante. Chiang Mai é a segunda maior cidade da Tailândia, mas não é tão caótica como Bangkok. Muito fácil de se andar por lá. Os meios são à pé, bike (no centro da cidade), moto e um caminhãozinho vermelho. Ele te leva a qualquer canto da cidade, por 30 Baht. Mas atenção, este caminhãozinho é coletivo. Caso haja alguém, ele manterá o iti
  9. Pois é galera, mais uma viagem. Vi muitas dicas aqui e me ajudaram muito. Os principais relatos foram do Zervelis e do Mendigo Macho Pooooooorém, sempre ocorre um imprevisto né, mas nada que não possa ser superado. BANGKOK XONEI É uma cidade maravilhosa. Eu fiz a cidade em vários momentos, mas vou resumir. Pra mim, a melhor forma de se locomover por lá é via barco, junto com a população local. Barato e super atende. Via barco vc pode fazer os extremos da cidade. (Asiatique, os Templos e até uma ilha ao final do rio - dica de uma tailandesa) O skytrain é bem
  10. uhuahuahuhauhuhauhauhuahuhaua Então, saiu o resultado. Terei de operar o joelho, kkkkk. Pelo menos deu pra curtir muito lá, só perdi o passeio do elefante. Cara, pra mim os destaques foram Bangkok e PhiPhi. Bangkok é uma São Paulo (sou de Volta Redonda, mas moro 20 anos em Sampa, quase paulista). Pirei naquela cidade. Queria ter ficado mais uns 2 dias pra realmente ver tudo. Fiquei apenas 4 dias. (1 dia praticamente gasto no Wat Bang Phra, pra fazer a tattoo com o monge) E a vibe de PhiPhi é insana. A vila é uma delícia. Pessoas são ainda mais queridas do que o resto da Tailândia.
  11. Natali S, é tranquilaço. Lógico, ao sair do aeroporto vc toma aquele impacto, pq vc está naquela loucura de cidade grande e um mega trânsito. Porém náo achei perigoso. O ponto de ônibus é bem ao lado da saída, perto da passarela. No ônibus vc vai precisar de no máximo 2,50 soles, então troque o mínimo possível no aeroporto. Melhor mesmo pe trocar nas casas de câmbio lá em Miraflores.
  12. Zervelis, Fera ... acabei de voltar e me baseei algumas das suas dicas. PQP ... TAILÂNDIA TESÃO demais. E fiquei na fissura de tomar o tal shake de Dragon Fruit. Bom hein :'> , porém o meu preferido foi o de Banana. Valeu mesmo pelas dicas. OBS: Eu ia fazer o mesmo passeio no Patara, como o seu. Mas quando eu tava voltando pro hostel, faltando uns 700m, um motorista abriu a porta do carro e me derrubou da moto. Quando foram me buscar no hostel para o passeio, eu tava fazendo o Raio X no hospital. uhauhauhauhuaa
  13. Rodrigo, agora eu não me recordo. Precisaria ver no ticket. Mas acho que tá no relato. É um ônibus azul novo. Acho que é I-18, não tem erro. Ele passa na saída do aeroporto e te deixa lá na praça de Miraflores, na Av. Larco. Mas você também pode pegar um micro-ônibus caindo aos pedaços, que também passe pela Larco. É um mega experiência, uahuahauhua.
  14. Igor Maia

    Cuba

    Visto de Cuba, compra-se no momento do check-in em Lima, no balcão da Avianca. Custou 20 dólares. E eu sei que quem voa de Copa, compra no balcão tbm, porém no Panamá.
  15. Eae Brunonz, então cara, média ... acho que dá pra arriscar uns 20 CUC. (este seria o valor cheio do dormitório, como compartilhei os quartos, peguei sempre a metade ) Os preços variam entre as cidades. Em Havana paguei 20 CUCs a diária. Já em Cienfuegos paguei 25 CUC. Santa Clara paguei menos, por volta de 18CUC. Caso queira os contatos das casas de Havana e Cienfuegos, eu lhe mando. (Havana o cara hj é meu amigo e Cienfuegos a "mamá" é uma querida. Uma vez voltando a Cuba, tenho como obrigação pessoal visitá-la).
×
×
  • Criar Novo...