Ir para conteúdo
  • Cadastre-se

sergiomota_bb

Membros
  • Total de itens

    28
  • Registro em

  • Última visita

Reputação

0 Neutra
  1. sergiomota_bb

    Botas SNAKE

    Raffa, que bota com caracteristicas parecidas com a Snake Zodiac II você sugere?
  2. Alguns mapas que me ajudaram bastante:
  3. Show Joemir. Sua trip vai ser massa! Muita vida!!! Qualquer coisa é so perguntar...
  4. Galeeeera! Cheguei ha exatamente 1 mês dessa super trip. Vou ser bem objetivo e dar muitas dicas. Vamos lá. Meu objetivo era sair do Brasil para um lugar com muita natureza e altas ondas. Não deu outra: Costa Rica. Pesquisando as passagens, o mais barato foi ir para o Panamá, e de lá pegar um transporte para Costa Rica. No caso, peguei outro avião. Desse jeito, pude planejar passar muitos dias na Costa Rica e no fim da trip, alguns na cidade do Panamá. E assim lá fui eu... Algumas infos do câmbio: 1 Dolar = 3,60 reais = 540 colones (Costa Rica) = 1 balboa (Panamá) Na Costa Rica aceita-se muito bem o dolar, mas aconselho trocar logo por colones pra não perder no câmbio. Já no Panamá, não precisa trocar, pois está 1 pra 1. Use dolar. Sou de Fortaleza, mas meu vôo saiu de Brasilia. Durou 6 horas até o Panamá. Custou R$1.668,00 ida e volta (com as taxas). Chegando lá, na imigração passei tranquilo e já fui direto pra embarcar pra CR. O vôo cidade do Panamá <-> San Jose custou R$916,00 com as taxas e durou 1h, contra 16h de onibus. Se você quiser ir de bus, a principal companhia é a Tica Bus: www.ticabus.com ou www.expressopanama.com. O trecho custa cerca de 45 dolares. Todos os vôos que peguei foram pela COPA. Muito boa companhia aérea!!! Tem até lanche... aheuaheuae.... Cheguei na Costa Rica, aeroporto internacional Juan Santamaria. Bem, este aeroporto está em outra cidade, Alajuela (18km) e não na capital San Jose. Como pesquisei e vi que não tinha muita coisa a se fazer na capital, fui direto ao meu primeiro destino: La Fortuna. Para ir para La Fortuna, existem várias maneiras. Dá pra ir de bus público (2.600 colones ou cerca de 5 dolares). Dá pra ir de shuttle (uma espécie de van compartilhada que te pega e deixa em locais específicos). Dá pra ir de transporte privado (uma van exclusiva, mas bem caro). E até de avião! Bem, a minha ideia era pegar um shuttle saindo do aeroporto direto pra La Fortuna. Perguntei lá para algumas pessoas e o shuttle só saia umas 15h, e eram 9h. Resolvi pegar um transporte até o terminal 710 (de onde saem bus público em San Jose) e de lá o bus. O cara cobrou 15 dolares pra me deixar lá, e a passagem custou cerca de 5 dolares. Total de 20 dolares, e cerca de 4h de viagem de pára e anda, pára e anda. Percebi depois que não precisava ir para esse terminal 710, pq o bus que sai do terminal passa bem perto do aeroporto. Mas enfim, eu tava só e nao me ligava disso. Para pegar o shuttle, eu deveria ter reservado na internet. Algumas companhias que fazem: Interbus, Shuttlebus, Ride Costa Rica. Cheguei em La Fortuna muuuuito cansado. Eu fiquei no Hostel Backpackers La Fortuna. 12 dolares quarto misto, banheiro limpo, camas boas, wi fi e cozinha e bar. Esse preço é a média de lá. www.hostelbackpackerslafortuna.com La Fortuna de San Carlos é bem pequena, voltada ao ecoturismo. Muitos hostels, restaurantes e agências de turismo. Curiosidade: seu nome é esse porque em 1969 teve uma erupção do Vulcão Arenal, que destruiu 2 das 3 vilas. A que sobrou foi "a sortuda", tradução de La Fortuna, San Carlos. Nessa noite eu capotei e dormi. 1º dia: Parque Nacional Vulcão Arenal - a atração mais visitada de lá. O vulcão está inativo e muitas pessoas querem chegar o mais próximo possível desta maravilha da natureza. O mais próximo é o Parque (legalmente falando). Fica cerca de 15km do centro de La Fortuna e conta com trilhas leves, que dá para toda a família. O parque não tem infraestrutura de restaurante, banheiro, lojas, etc. Então leve sua água e lanche. Para chegar lá, tem bus saindo 08h da rodoviária (que é bem central) e custa 1.100 colones. Se você perguntar no hostel ou agência, claro que vão dizer que pra chegar no parque é preciso contratar o tour com guias ou um transporte. Nada disso. Não precisa de guia, é tranquilo. A única coisa é que se vc for de bus, ele te deixa na estrada. Vc ainda terá que andar uns 20 min. até a entrada do Parque. Mas vale a caminhada. A entrada custa 15 dolares. É um passeio de um turno inteiro, ou seja, dá pra juntar com outro no mesmo dia (as agências juntam com o passeio das águas termais(hot springs), que ficam em propriedades privadas.). Eu vi muitos bichos por lá, além da visão sensacional do vulcão. Voltei de carona umas 14h e depois vaguei pela cidade. Fique atento na hora do bus de volta! Acho que é 13h. Verificar. http://parquenacionalvolcanarenal.blogspot.com.br/ 2º dia: Cascata La Fortuna - que cachoeira sensacional!!!!!! Fui de táxii bem cedinho (6 dolares). A entrada custa 14 dolares ou 7.490 colones e tem toda estrutura turística: restaurante, banheiro, lojas, etc. Abre de 08am às 5pm. O onico inconveniente (pra mim não foi) é a descida de cerca de 500 degraus (e a subida na volta). Mas eu fui preparado. A cachoeira tem a zona de banho quase debaixo dela e outra com um riacho, bom pra família. Muita energia, verde e tranquilidade! Mas muitos turistas, bom ir cedo. É muito massa esse pico! Ah!!! Não deixem de fazer a trilha que tem lá. Aparentemente é so uma trilha no meio do mato, mas você encontrará a famosa PONTE SUSPENSA!!! Muita adrenalina galera! Não precisa pagar um passeio especifico para as pontes, já tem lá. A menos que você queira uma sequência de 10 pontes (tem parques que têm isso, mas são beeeem caros). Na volta, pra não perder o costume, peguei uma carona, hehehe. Aliás, o caminho de carro pra cachoeira é único, ou seja, quem está nessa estrada está indo ou voltando: é carona certa! Não esqueçam o snorquel e a GO PRO para filmar tudo! Esse passeio dura um turno de boa, e as agências costumam juntar com outros passeios. Ex: Cascata La Fortuna+ Cerro Chato (um vulcão desativado, ao lado do Arenal, com direito a banho num lago que era uma cratera, é uma trilha média a pesada) + águas termais. Como eu ia para o meu próximo destino naquela tarde, curti só a cachu de manhã e de tarde (15h) fui para a região de Monte Verde. Comprei numa agência o shuttle (que nesse caso é chamado de JEEP-BOAT-JEEP), no qual vc pega uma van até o Lago Arenal, atravessa-o de barco, e depois te pegam do outro lado com outra van). Custou 20 dolares e demorou cerca de 3:30h. Vale muuuuito a pena esse shuttle, senão eu teria que ir para a cidade de Tillaran e depois Monte Verde, um dia inteiro de viagem. Chegando lá, fiquei no hostel SAVEGRE IN, 10 dolares com café da manhã. Muito bom o hostel, bem simples, mas bem caseiro e bem localizado. Além do proprietario e morador Alejandro, que é gente boa demais, filósofo e amante da naturaleza) http://www.savegreinnmonteverde.net/ OBS: aqui cabe uma explicação sobre Monte Verde e Santa Elena. Quando eu pesquisei, fiquei doido, sem entender o quê era o quê? Eram duas cidades? Um distrito da outra? Enfim, só descobri isso lá. Há tempos, o primeiro povoado da região a chamou de Monte Verde. Com o crescimento do centro urbano, virou Santa Elena. Então é assim: a cidade se chama Santa Elena, e uma outra área mais rural/florestal se chama Monte Verde. Se vc disser que quer ir pra Monte Verde ou pra Santa Elena, da;rá no mesmo, todos te entenderão. Você irá para Santa Elena. A menos que vc queira ficar nos resorts entocados na floresta (mais afastados do centro. Isso é Monte Verde, é o entorno, a região). Mas turistas em geral vão para Santa Elena, o centro. 3º dia:[/b Parque 100% Aventura - No primeiro dia em Monte Verde (ou Santa Elena!kkkkkkkk!), eu fui num parque de aventuras. Esse tipo de parque é muito conhecido em toda a Costa Rica e existem muitos em todo o país. Eles oferecem atividades de CANOPY (arvorismo, tirolesa, pontes, bunggie jump, etc.). Os principais se encontram na região de La Fortuna e na região de Monte Verde. Eu fui no 100% Aventura, por 45 dolares com o transporte, fechado no hostel mesmo. A média de preço é 50 dolares, mas tem parque de quase 100 dolares (Sky Adventures. Esse é o mais conhecido e tem em La Fortuna e em Moteverde). Lá foi muito massa, pois finalmente consegui realizar meu sonho de voar. Este parque tem 7 cabos de tirolesa, 2 superman, 1 rappel e 1 tarzan swing. Se quiser, tem pontes, mas tem que pagar por fora. É tudo muito seguro. É uma passeio de um turno, tem loja, banheiro. Leve a sua GO PRO com o suporte pra capacete! No final, dá pra comprar um cd com as fotos por 20 dolares. Dá pra rachar com a galera. Como o passeio foi rápido, resolvi fazer um dia completo. Olhando no mapa, esses parques de aventura ficam bem próximos a um dos Bosques Nubosos da região, o Bosque Nuboso de Santa Elena. Sites: 100% Aventura - www.aventuramonteverdecr.com Sky Adventures - http://skyadventures.travel/ Selvatura - www.selvatura.com/ Bosque Nuboso de Santa Elena - PURA VIDA!!! QUE FLORESTA!!! Apesar de ir na parte da tarde, consegui ver e ouvir muitos bichos, principalmente aves. Se vc for amante de aves, vá beeeem cedinho de manhã. Bem, eu desci do transporte do parque de aventura bem num entrocamento na pista principal, andei e esperei carona. E ela veio, hehehe... e fui até a entrada do Bosque. A entrada custou 14 dolares e não precisa de guia, apesar de ter esse serviço em todos os parques. Dá pra família. Durante a tarde inteira eu andei sozinho pela floresta. Que imensidão verde, que energia, que sinfonia! Foi muito massa galera esse dia. Voltei de transporte do próprio parque (2 dólares) até o centro de Santa Elena. Então fica a dica: se for para um parque de aventura, dá pra ir de tarde no Bosque Nuboso de Santa Elena. E tem bus público que vai e volta, não precisa de táxi ou agência. http://www.reservasantaelena.org/ 4º dia: Bosque Nuboso de Monte Verde - se tinha um lugar que eu queria conhecer mesmo antes de sair do Brasil, era esse Bosque. Peguei o bus bem cedo (6:15am - 600 colones) e em 15 min estava na entrada do bosque. E aqui já fica a primeira dica: antes de entrar no parque, conheça o café que fica bem ao lado. Você simplesmente vai ser rodeado por dezenas de beija-flores!!!! Muuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuitos!!! É impressionante!!! Dá pra ficar horas ali! Quando consegui sair desse lugar, fui para o bosque. Entrada custa 20 dolares. Dá pra passar um dia inteiro nesse paraíso. Que lugar abençoado. Como no outro bosque, lá tem muitas trilhas e mirantes e dá pra fazer de boa com a família, sem guia, sem agencia, apesar de os guias conseguirem avistar melhor os animais por sua experiência e com suas mega câmeras, pois as árvores são imensas, alem de explicar tudo sobre eles e sua importância para a natureza. Voltei de carona de novo. À noite dei um último rolé. http://www.reservamonteverde.com/ 5º dia: Shuttle Monte Verde – Playa Hermosa: Acordei bem cedo para pegar o shuttle para o próximo destino: Playa Hermosa, próximo à Jacó, região de Puntarenas. Custou 50 dolares e demorou umas 4h. Ao chegar lá, encontrei um casal de amigos brasileiros que estão descendo desde o México, onde ficamos num hostel, Cabina Las Olas por 12 dias num quarto triplo. O dia saiu por 25 dolares o quarto. Nesse hostel praticamente só dá a galera do surfe. Aliás nessa playa toda, tudo é voltado pro surfe. Existem alguns restaruantes, umas pousadas, pouco movimento. Se quiser movimento vá para Jacó. Fica tudo na beira da estrada, que têm bus pra todo lado da praia. *Aqui vale um comentário do surfe: eu surfo de bodyboard, e as melhores ondas são as mais buraco, ou seja, as mais pesadas, e Playa Hermosa é referência na América Central. Para os mais iniciantes eu não recomendo esta praia. Existem muitas outras opções. Em Hermosa existem basicamente 3 picos: La Terraza, uma direita na ponta da praia com muitos locais. Backyards, que é onde ficam a maior parte das casas, restaurantes. E EL Almendro, uma árvore solitária na praia que tem mais pra baixo. Ali foi onde surfei mais. Então, fiquei nessa playa por 14 dias como base para o surfe e alguns dias surfei em outras praias, como Jacó e Esterillos. Alugamos um carro e conhecemos também vários picos por lá. Entre eles: -Cachoeira Secreta de Quepos: em direção à cidade de Quepos, segue na estrada em direção ao Parque Manoel Antônio. Pegamos carona na estrada com um cara que ia fazer um shuttle, hehehe. Ou seja, fomos de shuttle free. Total de 1:30h até lá. Na subida pro parque, descer em frente ao Monos Residence entra na estradinha e segue a trilha. É grátis e tem uma trilha muito massa, baixa dificuldade, linda. Na cachu dá pra saltar e tomar banho! Lá tem duas opções pra descer e subir: ou numa corda ou numa trilha, que está meio escondida. Na volta pra Hermosa pegamos o bus (305 colones) até o centro de Quepos, e de lá pegamos na rodoviária outro bus pra Hermosa (1145 colones). Quepos é uma cidade maior, com porto e conhecida pela pesca esportiva. -Cachoeira Uvita: de carro fomos parando rapidamente em várias praias em direção à cidade de Uvita, depois de Quepos. A primeira para mesmo seria a praia de Uvita, mas lá descubrimos que tem que pagar, porque está dentro do Parque Nacional Punta Ballena. Acho que a entrada era 6 dolares, mas fomos direto pra cachu. Uns 20 minutos chegamos. A entrada é 2 dólares e tem um restô e banheiro. Praticamente não tem trilha. Excelente banho, saltos bem altos e vários poços. Dá pra família também. -Mirante do Hotel abandono: depois da Cachoeira de Uvita, fomos a um mirante não muito divulgado e visitado: fica num hotel abandonado. A entrada é na estrada, na frente de um posto de gasolina, entre Hermosa e Jacó. Tem gente que vai de carro, outros de bike, outros a pé. É uma beeeela subida! É grátis. E vale muito a pena o visual, com vários mirantes. -Parque Nacional Manoel Antônio: umas dos parques mais visitados da Costa Rica. Imagine o porquê: bicho preguiça, macacos, quatis, tucanos, araras, peixes, rãs, água cristalina, altas ondas, muitas trilhas… é muuuuuuuuuito massa! Não deixem de conhecer. Tem serviço de guias, banheiros. Eles revistam as bolsas em busca de comidas(industrializadas) e bebidas (só pode água e suco). Dá pra ficar o dia inteiro no parque e na praia ao lado (SURFE!). A entrada custa 15 dólares e fica um pouco depois de Quepos (1:30h). http://www.anywherecostarica.com/attractions/national-park/manuel-antonio Sobre o aluguel do carro. Alugamos em Jacó o mais simples (Jimmy) por 2 dias = 101 dolares na Budget com calção de 1000 dolares no cartão. Passaporte e CNH. Devolvemos em Hermosa mesmo. 2 últimos dias - Cidade do Panamá: Para ir ao aeroporto, comprei minha passagem de bus em Jacó 4 dias antes. No dia, sai bem cedo de bus em frente ao hostel para Jacó e de lá, direto ao aeroporto. Então em Jacó tem bus pra muitos locais. Esse que vai para o aeroporto é o mesmo que vai depois para San José. Custou cerca de 5 dólares e demora 1:30h. Peguei o vôo e cheguei à Cidade do Panamá. Lá peguei um taxi (20 dolares) para o hostel Luna's Castle. Eu li que tinha muito barulho e era muito movimentado aos fds. Como era no meio da semana, resolvi arriscar. Bom, lá é um grande hostel, estilo típico do Casco Viejo (Centro Antigo). Fiquei num quarto misto por 14 dolares a noite, com café da manhã (panqueca e banana) incluso, café e água gelada free o dia todo, cerva de 1 dolar, sinuca, wi fi, staff bem informado e muitos banheiros, sempre limpos. O que me incomodou foi o calor, pois os quartos só tem um ventiladorzinho em cada cama, que não dá conta, porque tava muuuuito quente. Cidade do Panamá: No único dia inteiro eu resolvi preenche-lo: Parque Metropolitano – Mercado de Mariscos – Avenida Balboa – Casco Viejo, onde fica o hostel. Galera, apesar de a Cidade do Panamá ser conhecida pelos megalomaníacos arranhas-céus, o Parque Metropolitano é refúgio e início de um corredor ecológico que interliga os dois oceanos. Muuuuuito massa galera, não deixem de conhecer. A dica é ir beeeeem cedo (abre 06 am). Do Casco Viejo dá pra ir andando até o Metro 5 de Mayo, metrô até o Albrook Mall. Lá vai andando (15min) ou de bus pro Parque. Entrada é 4 dolares, mas não tem cerca, então dá pra conhecer free. Algumas trilhas e muito bichos: bicho preguiça, tucano, tartaruga, macacos, muitas aves, roedores, etc… Tem um viveiro de bonsai e árvores imensas. Passei a manhã inteira e fiz o mesmo caminho da volta. Na volta da estação 5 mayo para o Casco Viejo, temos o Mercado de Mariscos. Com muito chevices (U$2,50) e cervezas (1,50 dolar) e tudo de marisco, lá foi meu almoço. De lá caminhei por toda a Avenida Balboa (uns 9km ida e volta). De um lado o mar e do outro muitos edificios, um paraíso para os arquitetos. Por fim, fui da um rolé no Casco Viejo, onde está o Lunas Castle. Muuuuuuuito massa!!! Vale um belo rolé por todas as ruas, com lojas de artesanato, restaurantes, igrejas, ruinas, praças. No segundo dia, como meu vôo saia de tarde, então fui ao Canal do Panamá. De taxi, 8 dólares ida + volta. A entrada custa 15 dólares. Lá você vê bem de perto os navios passando pelas eclusas. Lá é a eclusa de Miraflores. Você também pode assistir um video num cineminha e depois ir num museu. É uma passeio legal, de um turno, melhor pela manhã para ver os navios. Dica: existe outra eclusa, Pedro Miguel. Dá pra ver os navios sem precisar pagar. É só se informar. www.visitcanaldepanama.com A tarde peguei o táxi e regressei ao Brasil. OUTRAS INFOS/DICAS: -Fui na época de chuvas (Jun-Dez) então praticamente todos os dias de tarde chovia. A maioria não era chuva pesada, mas era chuva. Então sempre levar na mochila uma capa de chuva, usar tênis ou botas, meias secas, cuidar bem dos pés, seus melhores amigos. Roupas leves para as praias, um agasalho para as montanhas (de noite é frio em Monteverde). -Levar Go PRO, câmera com um bom zoom, snorquel/óculos de natação, repelente e protetor solar. -Não paguei a taxa de 30 dólares para deixar a Costa Rica. Não pediram, acho que não tem mais isso. -Certificado de Vacina contra Febre-Amarela é obrigatório! -Comida popular é nas chamadas Sodas, onde servem o casado (PF). -Alguns sites que me ajudaram, fora o Mochileiros: www.tripadvisor.com Muitas infos: www.anywherecostarica.com http://mochilabrasil.uol.com.br/destinos/costa-rica Tempo entre as cidades: www.govisitcostarica.com/travelInfo/travelTime.asp Surfe: aburguetesurf.blogspot.com/2012/08/costa-rica-surf-guide-completo.html www.surfguide.com.br/viagens/america-ce ... -rica.html Vulcões da Costa Rica (pra treinar o espanhol): http://audiovisuales.uned.ac.cr/mediateca/videos/205/volc%C3%A1n-po%C3%A1s.-misterios-en-las-profundidades Galera, essa foi uma viagem de muita natureza e aventuras. Apaixonado pela Costa Rica. Muitas energias e muitos novos amigos! Espero ajudar com o relato. Um abraço aos mochileiros! Depois posto as fotos!
  5. sergiomota_bb

    Isolantes Térmicos

    Ae galera! Estou indo acampar na Costa Rica em uma surf trip. Ficarei cerca de 15 dias em algumas praias. Quero comprar um colchão autoinflavel, e minha dúvida é qual o melhor em relação ao conforto, já que tenho problemas na lombar. Pesquisei o QUECHUA A300, que tem 6cm de espessura, porém me parece pesado. Acho que pesa 2,6kg. Já o A200 tem 2,5 cm e 800g. Alguem ja dormiu nos dois? Tem outra melhor opção? Este colçhão pretendo utilizar em outras viagens, com trekking e pouco frio (Monte Roraima). Me ajudem! ãã2::'> Sergio.
  6. E ai Fabio. Cara, no Capão é muito tranquilo achar vagas nos campings. Qnd eu fui, acho q tinham 3: Dai, Sempre Viva e outro q não lembro o nome. São bem próximos (A vila é muito pequena). A média de preço é 10 reais por pessoa/dia. Tem muita gente q fica semanas por lá. O custo sai muito barato comprando comida nos mercados e fazendo na cozinha. Abraço e boa viagem!
  7. Ah Fernanda, lembrei que na trilha para a Cachoeira da Purificação tem muita mata fechada, o que pode causar uns arranhões. Mas é uma das trilhas mais legais!
  8. DSS, depende da época. Como nós fomos em julho, tinha muito turista. Na própria pousada eu falava com o pessoal da recepção que tinha alugado um carro e queria dividir pra ir para um determinado local. E lá na locadora vc tb avisa que ta procurando gente pra dividir. Vai da tudo certo! Fernanda, eu tb pensei que tinha muito mosquito, mas me surpreendi. Dá pra ir de bermuda, camiseta e tênis/bota tranquilo. Em julho eu suava muito nas trilhas, por causa do sol e do exercicio fisico. Entao eu recomendo ir com roupas leves. Pras mulheres, pode ser aquelas calças legs, de academia. Mas em alguns passeios, dependendo do horário ou perto da cachoeira faz frio, por exemplo na Cachoeira da Fumaça, no Mosquito e no Morro do Pai Inácio. Mas é so levar um agasalho numa mochilinha. Não esqueçam de levar água, lanches e protetor solar. Abraço a todos!
  9. Mais uma que lembrei agora: Para vc que tem smartphone, existe um app gratuito com TUDO sobre a Chapada Diamatina (mapas, dicas, distnacias, etc.) Baixe aqui: http://www.guiachapadadiamantina.com.br/baixe-agora-e-gratis
×