Ir para conteúdo

Fernando Alonso

Membros
  • Total de itens

    58
  • Registro em

  • Última visita

Tudo que Fernando Alonso postou

  1. Fala galera mochileira!!! Em Julho/2018 eu e minha esposa estaremos de férias e nosso destino será o Rio Grande do Sul, ficaremos de 07/07 até dia 16/07 (a data de retorno é flexível) Nossa intenção é de visitar: Canela, Gramado, Farroupilha, Bento Gonçalves, e entorno. Mas não sabemos ainda onde nos hospedarmos, qual ou quais cidades recomendam? Abraço Fernando
  2. Fala Galera.. Eu e minha esposa vamos para o Chile em Julho/2017, 2/3 de nossa viagem já está comprada e reservada, nosso roteiro está quase proto seria o seguinte: 09/07 a 13/07 - Santiago 14/07 a 19/07 - Atacama 20/07 a 24/07 - ????? Temos a intenção de ir para o sul, região dos lagos mas não conseguimos definir nada ainda. O que poderiam sugerir? Abraços Fernando e Beth
  3. Belém - 05/07/2015 Desembarcamos no aeroporto de Belém por volta das 14:00, ficamos hospedados no Senador Pousada Hotel que está situado no bairro do Reduto, sua localização é de fácil acesso para Estação das docas, Mercado Ver o Peso, terminal hidroviário e para quem não liga de andar um pouco também é possível ir e voltar a pé ao parque Mangal das Garças e Casa das 11 janelas. Apesar de ter poucas opções de canais na TV e a cama com um colchão de molas não muito agradável, o chuveiro é quente e servem um bom café da manhã, sem contar que os funcionários são super atenciosos, e a sua boa localização facilita muito. Fizemos nosso check in, trocamos de roupas e fomos dar uma voltar para fazer o reconhecimento da área,seguimos até a estação das docas e no mercado ver o peso. Por ser domingo e já final de tarde a maioria das barracas no mercado já estavam fechadas, acabamos almoçando em um restaurante na estação das docas mesmo. Gastos: -Táxi aeroporto até hotel – R$ 45,00 -Almoço na Estação das Docas – R$ 88,30 -Torta Marajoara – R$ 10,00 -Sorvete de Taperebá – R$ 7,50 -2 águas – R$ 6,00 -Farmácia – R$ 9,43 -Barzinho a noite – R$ 53,00 Belém – 06/07/2015 Na segunda feira voltamos ao famoso mercado Ver o Peso, e nos surpreendeu a quantidade e diversidade de produtos lá oferecidos (frutas, temperos, alimentos, artesanatos). Fomos provar um pouco da culinária maravilhosa. Gastos: -Sucos de Taperebá e de Bacurí (copo grande) – R$ 6,00 -Porção de Peixe DOURADA – R$ 10,00 -Porção de Camarão com legumes e refrigerante – R$ 10,00 -2 Cervejas e refrigerante – R$ 18,00 -Doce de Cupuaçu – R$ 3,00 Saímos do Ver o Peso e andando pela redondeza entramos no mercado municipal para conhecer seu comércio, lá perguntamos onde poderíamos provar o famoso Tacacá e nos indicaram na esquina da Travessa Ocidental com a Rua 15 de Novembro, na barraca das “2 Irmãs”.Pedimos 2 tacacás para as proprietárias, dona Helena e dona Elvira, e enquanto aguardávamos ficamos conversando com dona Helena que nos contou que estava ali a mais de 20 anos e que no início era ela e a irmã que já faleceu e agora trabalhava ela e a sobrinha. Ela contou que aprendeu com a mãe as receitas e técnicas no preparo de diversos pratos como o Tacacá e a maniçoba, e que foi com o suor diário no preparo dos alimentos que conseguiu criar seus filhos. Orgulhosa por ter vencido todas as dificuldades porém, um pouco triste pois a cultura da sua família estava terminando, seus filhos cursando o ensino superior não tinham o interesse naquele tipo de negócio. É uma pena, pois a sua dedicação e satisfação no trabalho eram visíveis. Um detalhe importantíssimo foi o estado em que estavam suas panelas “SIMPLESMENTE BRILHANDO!!!” todas personalizadas com a gravação “2 irmãs”, confesso que acho que nunca tinha visto uma panela tão bem areada. Recomendo a todos que por ali estiverem que procurem a barraca das “2 Irmãs” vale a pena. Gastos: -2 Tacacás – R$ 20,00 -Mercadinho água e cerveja – R$ 16,30 Belém – 07/07/2015 Fomos até a rodoviária para comprar nossas passagens para Marudá, é de lá que saem os barcos para Ilha do Algodoal. O acesso até Marudá pode ser de Ônibus ou de Van, fomos nos dois guichês perguntar os preços das passagens e o tempo de viagem: no guichê das Vans nos informaram que o tempo de viagem seria de 3 ½ a 4 horas a um valor de R$ 30,00 no guichê do Ônibus 3 horas e a um valor de R$ 23,10 e optamos pela passagem de ônibus mesmo. Saindo da rodoviária e não muito distante, pode-se visitar: o Parque da Residência (antiga residência dos governadores do estado e atual sede da Secretaria Estadual de Cultura), o Museu Emílio Goeldi, a Basílica Santuário de Nazaré. É possível fazer todo esse trecho sem precisar de condução. De lá pegamos um ônibus até as proximidades do parque Mangal das Garças, depois visitamos a Casa das Onze Janelas e de lá voltamos para o Ver o Peso, tudo a pé. Gastos: -Ônibus até rodoviária – R$ 5,00 -Passagem para Marudá – R$ 46,20 -Entrada Museu Emilio Goeldi – R$ 4,00 -Lanche no Mangal das Garças- R$ 13,50 -Entrada para Borboletário (Mangal) – R$ 10,00 -Lembranças no Ver o Peso – R$ 30,00 -Sucos Taperebá e Graviola – R$ 6,00 -Porção de peixe frito (Dourada) e cervejas – R$ 29,00 -AlmoJanta no Rei do Bacalhau – R$ 56,00 -Mercado – R$ 26,00 . Algodoal - 08/07/2015 Fizemos o check out e pegamos um táxi para a rodoviária, nosso ônibus sairia às 06:20. É bom levar algo para comer e beber durante a longa viagem, que foi muito além do que nos disseram, chegamos em Marudá as 11:05 ou seja 04:45 de viagem, detalhe fui me informar da distância entre Belém e Marudá e descobri que é somente 165 km. Todo esse tempo foi devido ao trânsito e ao sobe e desce de passageiros, então paciência é tudo, mas a beleza a ser contemplada no destino final irá valer a pena. Já próximo do nosso destino um dos passageiros nos perguntou se estávamos indo para Algodoal, como disse que sim ele nos disse para descermos com ele, pois que o ônibus nos levaria até o cais de onde saem os barcos para Algodoal, o bagageiro do ônibus havia muitos mantimentos para a barraca na praia que é de sua propriedade “Point do Kite” (deve ter dado uma gorjeta para o motorista e tudo certo). Pegamos o barco que levou cerca de 40 minutos até Algodoal, como na ilha não é permitido motor a combustível, um dos meios de transporte é a charrete, pegamos uma até nossa pousada. Ficamos na SALMO 23, pousada extremamente simples, nosso quarto só tinha ventilador, o banheiro além de minúsculo (minúsculo mesmo!) tem seus utensílio (pia, torneiras) de plástico, péssimo para o manuseio e água fria. Apesar da simpatia os donos da pousada no quesito indicação de passeios ou locais a se conhecer a nota é “0”, tirando a praia praticamente na frente da pousada só nos indicaram a praia da Princesa ou Praia Grande. Gastos: -Almoço no Restaurante da Iza – R$ 51,00 -À noite cerveja e água – R$ 10,00 Algodoal - 09/07/2015 Depois do café (desorganizado) servido na pousada fomos à Praia da Princesa, procuramos a barraquinha Point do Kite Surf e ficamos por lá tomando umas cervejas e depois o almoço. À noite saímos um pouco para dar umas voltas. Gastos: -01 garrafa de água 1,5 l – R$ 4,00 -Almoço + cervejas Point do Kite – R$ 81,00 -Travessia de canoa – R$ 4,00 -Jantar + cervejas – R$ 47,00 Algodoal - 10/07/2015 Tomamos café e fomos novamente para a Praia da Princesa Gastos: -Almoço + cervejas – R$ 90,00 -Travessia de canoa – R$ 4,00 -Jantar (lanches + sucos) – R$ 33,00 -Sorvete – R$ 5,50 Belém - 11/07/2015 Data da nossa saída de Algodoal, a impressão que tivemos é que ficou faltando alguma coisa a mais para ser feita, ou algo a mais para ser explorado, é um local simples, mas que ainda preserva bem as suas belezas naturais, e esse sentimento nos deixa a vontade de voltar novamente. Nosso destino saindo de Algodoal era Belém, lá passaríamos a noite e no dia seguinte seguir em direção a Ilha de Marajó, então nada de especial nesse dia apenas comprar algumas lembranças e nos preparar para o dia seguinte. Assim que deixamos nossas malas no hotel seguimos em direção ao terminal hidroviário para comprar as passagens para Marajó, porém não sei qual o motivo, mas não vendem passagens antecipadas, somente compra na hora. Fiquei com certo receio de não conseguir então me informei que as vendas das passagens começavam a partir das 07:00. Gastos: -Charrete – R$ 10,00 -Barco para Marudá – R$ 15,00 -Táxi para rodoviária – R$ 10,00 (não é longe se estiver com pique e poucas malas, dá para seguir caminhando) -Van para Belém – R$ 50,00 (saída às 09:25 e chegada às 12:50) -Ônibus até Hotel – R$ 5,40 -3 sucos – R$ 9,00 -2 Almoços – R$ 32,00 -2 cervejas Litrão – R$ 12,00 -1 sorvete – R$ 6,50 -Castanha do Pará 2,5 kg – R$ 70,00 -Castanha de Caju 1 kg – R$ 45,00 -Pizza – R$ 32,00 Belém - Dia 12/07/2015 Acordei mais cedo e antes de tomar o café fui para o terminal hidroviário, não demorou nem 20 minutos o trajeto a pé, cheguei um pouco antes das 07:00 e já tinha umas 8 pessoas na minha frente, pensei então que foi bom ter ido cedo, comprei as passagens voltei para o hotel, tomamos café e pé na estrada novamente. Em Marajó, escolhemos a Pousada Canto do Francês que fica no município de Soure, super recomendo, ótimas instalações e bem localizada, só o café da manhã que achei que poderia ser um pouco melhor, mas vale a pena. Quando fechamos com essa pousada já nos informaram sobre o translado do Sr. Edgar e já contratamos. O tempo de viagem de barco é de + ou – 3 horas, recomendo a área VIP que custa R$ 35,00, local reservado com poltronas confortáveis e com ar condicionado. O preço da área normal éR$ 20,00 com as cadeiras de fibra de vidro, um calor e o barulho que não são fáceis de suportar. Após o desembarque nos informamos sobre o transporte do Sr. Edgar e disseram que ele estava chegando o que nos deixou um pouco mais tranquilo, demorou um pouco mas chegou. Gastos: -Táxi para terminal hidroviário – R$ 12,00 -Passagem para Porto Camará – R$ 70,00 -Jornal – R$ 2,00 -Translado para Soure – R$ 26,00 -Almoço (Filés de Búfalo + cervejas) – R$ 52,00 -Água – R$ 4,00 -2 sorvetes - R$ 4,00 Marajó - Dia 13/07/2015 Tomamos nosso café e fomos em direção a praia da Barra Velha, a distância da pousada até a praia é + ou - 3 km, como ainda era cedo e o sol não estava forte fomos andando mesmo. O acesso até a praia é livre porém temos que passar por uma propriedade particular e na entrada (na porteira) fica uma senhor que quer cobrar dos turistas a quantia de R$ 10,00 para quem quiser fotografar. Não caiam nessa, mesmo porque não vimos nada de interessante para fotografar até chegarmos na praia. O lugar é lindo, uma beleza sem igual. Escolhemos um quiosque e nos instalamos, eu estava ansioso para provar o tão famoso Turú, para quem não conhece é um bicho que dá em madeira podre no mangue, também conhecido como cupim do mar. Não ficamos muito no quiosque e logo trocamos pois as cervejas não estavam bem geladas como gostamos. No segundo sim, estava perfeita e tinham caldo de turú, porem eu queria experimentá-lo in-natura. Pedi um pouco, não demorou muito e a atendente me trouxe alguns e uma tigela com tempero. Confesso que não se pode dizer que é um manjar dos Deuses, mas também não é tão ruim assim. Valeu pela experiência. Para voltar pegamos 2 moto-táxi afinal depois de algumas cervejas o caminho seria muuuito mais longo. Em vez de irmos para a pousada voltamos ao restaurante Patu Anu para almoçarmos. Gastos: -Água – R$ 3,00 -Petiscos (Cervejas, turu, porção de macaxeira) – R$ 52,00 -Moto Táxi – R$ 12,00 -Almoço (Filhote, filé de búfalo e 4 sucos) – R$ 66,00 -2 sorvetes – R$ 4,00 Marajó - Dia 14/07/2015 Reservamos o passeio na Fazenda São Jerônimo, sua atração maior é a possibilidade de se andar de búfalo, para ir à São Jerônimo é necessário veículo, então contratamos 2 moto táxis para fazer o percurso: -da pousada para São Jerônimo, -da São Jerônimo para a praia do Pesqueiro, -da praiado Pesqueiro para o centro. O passeio é fantástico, eandar de búfalo para nós foi uma experiência incrível, é impressionante a força que ele tem, tanto que é utilizado pela polícia de Marajó, pois é um animal que se necessário consegue atravessar atoleiros sem problemas. Após o passeio anda-se por uma passarela pelo mangue enquanto o guia nos conta algumas histórias do folclore local, e em seguida um passeio de barco pelo igarapé. Lindo. No fim pode-se tomar um belo suco de taperebá ou cajarana e comer algumas bolachinhas. Gastos: -Passeio São Jerônimo – R$ 140,00 -Comes e bebes na praia do Pesqueiro – R$ 83,00 -Moto táxi – R$ 70,00 -Jantar – R$ 107,00 Belém - Dia 15/07/2015 Fizemos o checkout no Canto do Francês e aguardamos nosso transporte até o porto de Camará onde embarcamos para Belém. Na manhã seguinte tínhamos que pegar o avião com destino a Santarém, como nosso vôo era super cedo então procuramos na internet um hotel que fosse próximo ao aeroporto para facilitar. Achamos um que não nos agradou em nada,o Hotel esquisito, acho que só nós estávamos hospedados lá, mas como seria apenas por algumas poucas horas de sono encaramos esse desafio mesmo kkkk. Acordamos super cedo e fomos direto para o aeroporto, lá poderíamos tomar um café tranqüilo. Gastos: -Passagem para Camará – R$ 26,00 -Passagem para Belém – R$ 70,00 -Táxi para o Hotel – R$ 30,00 -Pizza e cervejas - R$ 46,00 -Táxi para o aeroporto – R$ 13,00 Ponta de Pedra - Dia 16/07/2015 Chegamos em Santarém por volta das 10:30, os táxis que ficam logo na área de desembarque cobram + ou – R$ 120,00 para levar até Ponta de Pedras mas conseguimos ou outro taxista mais em conta. Ficamos na pousada Ponta de Pedra, quartos com ar condicionado, frigobar TV e chuveiro quente, e um café da manhã muito bom. Os donos são super atenciosos e fazem de tudo para agradar, principalmente porque o local ainda está pouco desenvolvido e não há comércios por perto. O rio Tapajós ainda estava bem cheio, a visão daquela imensidão de água é maravilhosa. Segundo o dono na pousada a largura do rio naquele trecho é de 16 km. Após nos instalarmos fomos ao restaurante Panela de Barro que fica praticamente em frente da pousada, já com a indicação fomos experimentar o bolinho de Piracuí e o famoso Charutinho (peixe) eles fazem inclusive o Festival do Charutinho, acho que em setembro. No restaurante conhecemos o Milanês morador na região que tem um quiosque um pouco mais a frente, porém com o rio ainda cheio, todos que têm quiosque na beira do rio fazem um rodízio, e a cada semana só uma barraca abre, as outras se possível (porque ficam totalmente alagadas) só no final de semana. Esse senhor tem um barquinho e se propôs a fazer um passeio pela redondeza. Finalizarmos nossos petiscos enquanto ele buscava nosso meio de transporte. Saímos a navegar pela redondeza, ele nos levou a um local chamado Lago Preto, Naquele trecho a temperatura da água é mais quente que em outros locais, o que nos proporcionou um banho delicioso.Suas águas são cristalinas possibilitando visualizar o fundo do rio e vários peixinhos, inclusive peixes que tive quando criança no aquário. Gastos: -Táxi para Ponta de Pedra – R$ 80,00 -Bolinho de Piracuí, Charutinho e cervejas- R$ 83,00 -Passeio com o Milanês – R$ 10,00 -Jantar Pirarucu e cervejas - R$ 109,00 Ponte de Pedra - Dia 17/07/2015 Combinamos com o Milanês para nos levar de barco até Alter de Chão e conhecermos a praia de Pindobal, o percurso durou + ou - 1 hora. Em Alter você encontra várias pousadas e Hotéis, bares, restaurantes, lojas de artesanatos. Demos uma volta e já aproveitamos para procurar alguma pousada que também nos agradasse, pesquisamos algumas pousadas e escolhemos o Hostel Pousada dos Tapajós, lá mesmo já contratamos o transfer para nos apanhar em Ponta de Pedras. Com pousada reservada seguimos para a praia do Pindobal para curtir o resto do tempo. Gastos: -Petisco, almoço e cervejas - R$ 105,00 -Passeio até Pindobal – R$ 150,00 -Jantar (2 files de pirarucu + cervejas – sucos) – R$ 79,00 Alter do Chão – dia 19/07/2015 O dia amanheceu fechado e com uma garoa forte, nós tínhamos planejado um passeio muito recomendado para a Floresta Encantada, depois banho e almoço em uma praia que não lembro o nome e no final da tarde apreciar o por do sol do alto do morro do Cururu, infelizmente não foi possível, assim que a garoa que se alternava em chuva fraca cessou, aproveitamos para comprar algumas lembrancinhas. Para almoçar nos foi recomendado o Restaurante Tribal, pedimos um Tucunaré com molho de camarão, simplesmente maravilhoso, recomendo. No cardápio tinha também o Pato no Tucupi e como nossas férias estavam terminando não podia ir embora do Pará sem provar esse prato tão famoso, encomendei ½ porção para o jantar. O tempo permaneceu fechado o dia todo, por isso não foi possível fazer algum passeio. À noite voltamos para o Tribal para provar o Pato no Tucupi, foi melhor do que eu esperava, muito bom. Gastos: -Lembrancinhas – R$ 52,00 -Tucunaré + cervejas – R$ 87,00 -Pato no Tucupi + cervejas – R$ 51,00 -Sorvete – R$ 8,00 Alter do Chão – dia 20/07/2015 Infelizmente nossas férias chegaram ao fim, passarem-se 16 dias desde a chegada no Pará, visitando: Belém, Ilha do Algodoal, Ilha de Marajó, Ponta de Pedras e Alter do Chão, foram dias em locais maravilhosos cada um com sua beleza, peculiaridade, seu charme e seu encanto, era o dia do retorno a São Paulo, a correria e agitação da cidade grande, a loucura e o estresse. Mas ficando com o gostinho de quero mais, com a vontade enorme de planejar a próxima viagem, o próximo destino e com ela a expectativa do que nos reserva. A experiência que se adquire e vive com as conversas ou simples bate papo durante o café na pousada, durante as cervejas no bar, na sorveteria, e com as pessoas que encontramos pelo caminho é simplesmente “ESPETACULAR”. Conhecer pessoas com outras culturas onde há a troca de informações é sem palavras... Gastos: -Almoço no Tribal (Tambaqui assado + cervejas) – R$ 80,00 -Transfer até aeroporto – R$ 70,00 Esperamos que tenham gostado, e que de alguma forma possa ajudar aqueles que desejam conhecer um pouco mais da região norte desse Brasil “MARAVILHOSO”! Abraços Fernando e Beth
  4. Parabéns pelo relato, estive na Colômbia em 07/2014 mas visitei somente Cartagena. Agora já estou planejando um retorno mas incluindo novos destinos. Abraço Fernando
  5. Ola Varlene tudo bem? Dia 05/07 minha esposa e eu embarcaremos para Belém, nosso roteiro será: -Belém, -Ilha do Algodoal, -Ilha de Marajó, -Alter do Chão, Estamos com todas as pousadas já reservadas porem estamos com uma dúvida, em Marajó você acha melhor alugar uma carro para não ficar na dependência dos horários e do transporte público? Abraço Fernando e Beth
  6. Fala Trota, É a mais pura verdade, eu e minha esposa não renovamos nossa carteirinha do Albergue por conta dos preços, estão um absurdo! Nós temos optados por outras acomodações.. Abraço Fernando e Beth
  7. Fala galera! Eu e minha esposa chegaremos em Vitória dia 28/12/2015 vido de B.H. de trem, poderemos ficar somente até dia 31/12/2015 quando retornaremos para SP. Nossa intenção é conhecer alguns pontos turísticos e apreciar a boa gastronomia. Onde nos indicam a ficar? Abraço Fernando
  8. Acompanhando a trip !!! Em Julho será nossa vez de conhecer um pouco da região norte.... Parabéns. Fernando
  9. Bom dia Paula, tudo bem? Minha esposa e eu fizemos esse mesmo roteiro em 07/2013, dê uma olhada em nosso relato pode lhe ser útil. rota-das-emocoes-julho-2013-t86971.html Ótima viagem. Fernando e Beth
  10. Fala Eduardo tudo bem? Cara são muitas as opções, isso vai depender do tipo e estilo que viagem que querem fazer... Se gostarem de trilhas, cachoeiras, cavernas, vá para a CHAPADA DIAMANTINA, Tem também a ROTA DAS EMOÇÕES: LENÇÓIS MARANHENSES, DELTA DO PARNAÍBA E JERICOACOARA, Fortaleza é MARAVILHOSA......... NATAL........ MACEIÓ....... São locais que minha esposa e eu estivemos e que nos deixou com um gostinho de ""QUERO MAIS""". Abraços Fernando e Beth
  11. Bom dia Audria tudo bem? Minha esposa e eu vamos para o Pará em 07/2015, já estamos com as passagens compradas para 05/07/2015 e retornaremos dia 21/07/2015. Nosso roteiro será: -Belém, -Ilha do Algodoal, -Ilha de Marajó, -Alter do Chão, Caso interessa se juntar a nós será bem vinda. Abraços Fernando e Beth
  12. Bom dia Emerson, Muito obrigado pelas informações. Abraço Fernando
  13. Olá Vivicet, Que bom que tenha gostado, espero que consiga convencer sua amiga a ir com você e que sua experiência supere as suas expectativas assim como foi para nós. Se precisar de alguma informação fique a vontade. Abraço Fernando e Beth
  14. Galera é o seguinte, eu e minha esposa já estamos nos programando para nossas férias de 07/2015. Nosso destino será o Estado do Pará porem estamos com dúvidas quanto ao roteiro que seria + ou - assim: 06/07/15 - Saída de SP com chegada prevista em Belém as 14:00; 07/07/15 - Belém; 08/07/15 - Belém; 09/07/15 - Belém 10/07/15 - Rumo a Ilha do Algodoal, chegada prevista as 11:00; 11/07/15 - Ilha do Algodoal; 12/07/15 - Ilha do Algodoal; 13/07/15 - Retorno a Belém com chegada prevista as 10:00 e saída as 14:30 para Ilha de Marajó com chegada as 17:30; 14/07/15 - Ilha de Marajó; 15/07/15 - Ilha de Marajó; 16/07/15 - Retorno a Belém com chegada prevista as 19:00 e saída as 01:50 (avião) com destino a Satarém; 17/07/15 - Santarém destino a Alter do Chão; 18/07/15 - Alter do Chão; 19/07/15 - Alter do Chão; 20 ou 21/07/15 - Retorno para Santarém, embarque aeroporto as 10:25 para São Paulo; Como há poucas informações, gostaria da ajudas de vocês com o roteiro para a nossa nova trip. Abraços Fernando
  15. Olá Marcelo, Sim o valor foi 80.000 para o casal, negociamos com o ALFONSO PAYARES, seu telefone celular é: 310 703-2272 - 312 663-5729. Se precisar de algo mais é só avisar. Abraço Fernando
  16. Fala Frank tudo bem? Obrigado pelas informações atualizadas, já estamos nos programando para nossa próxima viagem. Abraço Fernando
  17. Fala Adriano tudo bom? Muito obrigado, e que bom que tenha gostado. Nossas férias realmente foram maravilhosas. Abraço Fernando
  18. Bom pessoal para todos aqueles que gostam de trocar experiências e relatar suas viagens aí vai mais um relato das nossas férias em 07/2014 e será divido em 3 partes: 1ª parte – Cartagena: de 08/07/2014 a 12/07/2014 - cartagena-julho-2014-com-fotos-e-informacoes-t102022.html 2ª parte – Cruzeiro pelo Caribe: de 12/07/2014 a 19/07/2014 3ª parte – Cartagena: de 19/07/2014 a 22/07/2014 2ª Parte: DIA 12/07/14 - INÍCIO CRUZEIRO Tínhamos vontade de fazer um cruzeiro já há alguns anos, como só podemos tirar férias no mês de julho ainda não havia sido possível realizarmos esse desejo, afinal em pleno inverno não temos cruzeiro aqui no Brasil, foi então que em Outubro de 2013 fazendo minhas pesquisas para decidirmos onde seria nossa próxima viagem, descobri um cruzeiro pelo caribe e All Inclusive. Ah não pensamos duas vezes é esse mesmo, iremos para Cartagena passamos alguns dias por lá e depois faremos o cruzeiro pelo caribe, perfeito! Finalmente chegou a grande dia, no voucher que recebemos o chek in poderia ser feito a partir das 14:30, como já havia lido um relato dizendo que o porto de Cartagena é pequeno, ficamos na recepção do Hotel até as 17:00 pois já havíamos feito o ckeck out. Chegamos ao porto por volta das 17:30 preenchemos os formulários de embarque, carimbamos os passaportes e seguimos para despacharmos nossas malas, o que foi super tranqüilo e sossegado. Durante o embarque vieram falar conosco dois casais também brasileiros, (Chico, Juliana, Rodrigo e a Fernanda) nos perguntaram se éramos nós mesmo que estávamos na foto em alguma parte no site dos mochileiros, rsrsrsrs. (sim éramos nós). Combinamos de nos encontrarmos mais tarde para combinarmos algo. Já dentro do navio, seguimos em direção a nossa cabine, ambos estávamos extasiados com tamanha beleza e grandiosidade, literalmente marinheiros de primeira viagem, kkkkkkkkkkkkkkk Guardamos nossa bagagem de mão e fomos explorar e conhecer tudo, em cada deck existe um layout do navio, de imediato já identificamos o bar que ficava na área externa e ao lado da piscina, ótimo é esse mesmo, fomos nos refrescar tomando algumas cervejas, que estavam ótimas extremamente geladas. A noite jantamos no restaurante self service, neste restaurante pode-se ir com roupa informal, diferente do restaurante a La Carte. DIA 13/07/2014 – NAVEGAÇÃO Acordamos, tomamos café e fomos curtir tudo o que nos era oferecido, o dia estava lindo com o sol maravilhoso, enfim tudo perfeito. Encontramos nossos amigos e combinamos de assistirmos o final da copa. Acertamos também que contrataríamos uma agencia diretamente em Aruba para fazer os passeios. A noite fomos conhecer o restaurante a La Carte, serviço excelente e com um cardápio espetacular. GASTOS: -Nenhum está tudo incluso, rsrsrsrs DIA 14/07/2014 - ARUBA Tomamos um belo café como de costume e nos preparamos para a nossa primeira parada no Caribe, em Aruba contratamos a empresa ABC TOUR. Nosso guia foi o “RAMBO” cara gente fina, muito divertido, fomos a Natural Bridge, Natural Pool, Na volta pedimos para o Rambo nos deixar em uma praia para aproveitarmos mais, ficamos em frente ao Marriot Resort que fica em Palm Beach, a praia é simplesmente maravilhosa. Almoçamos por ali, a comida era muito boa porem cara. Depois conseguimos uma promoção para andarmos de Jet Sky, confesso que a principio não estava muito animado em andar de Jet, mas depois.........me surpreendi, é simplesmente maravilhoso. Quando retornamos do passeio, na praia existe um quiosque com banheiros e um chuveiro onde pode-se retirar o sal do corpo, e o melhor de tudo limpinho. Educação é outra coisa. GASTOS: Passeio: U$ 163.00 (o casal) Almoço no Aruba Marriot Resort: U$ 50.00 por pessoa Jet Sky: U$ 70.00 por 30 min. Ônibus: U$ 3,20 para Oranjestad Compras: U$ 50.00 DIA 15/07/2014 – LA GUAIRA Desembarcamos e fomos caminhar a pé, fomos abordados por um taxista que nos ofereceu passeio privado. Fechamos com ele para nos levar até o teleférico, no caminho para Caracas ficamos parados em uma ponte devido a um acidente, minha surpresa foi que vários motoristas estavam simplesmente voltando pela contra mão como se fosse a coisa mais natural. Decidimos então desistir e ir conhecer ao redor de La Guaira mesmo, fomos a um mercado para comprar cosméticos, paramos em uma praia para tomar cerveja. Um passeio que para nós não valeu a pena, se tivéssemos ficado no navio teria sido melhor. A noite um jantar maravilhoso no restaurante a La carte. GASTO: Compras, Cervejas e Taxi: U$ 72.00 DIA 16/07/2014 – CURAÇAO Tomamos nosso café bem cedo e fomos observar o navio atracar no porto de Curaçao, sua beleza já se fez presente. Contratamos uma agencia de turismo ao lado do porto com a programação de city tour + praia. Neste tour paramos para conhecer a fabrica do licor de Curaçao, alguns pontos turísticos e com parada para compras de souvenir, em uma dessas paradas não deixei de experimentar a famosa e exótica sopa de Iguana, é isso mesmo aquele lagarto, (existem em excesso e informaram que a caça não é proibida), eu gostei, embora bem que poderia ter mais pedaços na sopa. Rsrsrsrs. Um fato muito interessante relatado pela nossa guia foi que todas nas crianças de Curaçau sabem nadar. O governo incentiva essa prática em decorrência de viverem em uma ilha. Outra informação foi que as crianças podem fazer a opção para o aprendizado das outras línguas da ilha; holandês, o inglês, o espanhol, e o papiamento uma mistura de; espanhol, português, holandês, francês e o Índio arawak. Em seguida nos dirigimos para a praia de Mambo Beach, simplesmente maravilhosa, linda, um azul que até então jamais tínhamos visto. O único inconveniente foi o preço da cerveja, estavam cobrando nada mais nada menos que U$ 5.00 por uma long neck. Achamos melhor nos contermos e bebermos no retorno ao navio, que além da cerveja poderia escolher qualquer outra bebida e já estava paga, rsrsrsrs. Voltamos cedo para o navio e fomos direto para o bar, (claro, afinal com o calor que passamos merecíamos nos refrescar tomando algumas cervejas). GASTOS: Tour e praia: U$ 30.00 (o casal) Entrada praia Mambo Beach: U$ 7.00 (o casal) – praia particular Silla: U$ 3.00 (cadeira de praia) línguas. Lembranças: U$ 5.00 DIA 17/07/2014 – NAVEGAÇÃO Nesse dia foi anunciado uma exposição culinária no deck 4 do navio, como seria só navegação fomos conferir os trabalhos realizados por alguns Chef´s de diversas partes no mundo que trabalham no navio. Ficamos impressionados com beleza dos pratos por eles preparados. Após a demonstração ficamos aproveitando nossa viagem. DIA 18/07/2014 – PANAMÁ Nosso roteiro para esse dia era conhecer a Eclusa de Gatum, e posteriormente fazermos compras. Chegamos ao porto de Cólom e não pudemos desembarcar logo. Tivemos que aguardar a autorização, pois segundo as poucas informações que nos eram passadas eram que as autoridades do Panamá estavam verificando documento por documento para autorizarem o desembarque. Essa espera nos custou acho que umas duas horas a mais, quando finalmente conseguimos sair fomos em direção a alguma agência para fazermos o passeio eis que começou chover forte, mas forte mesmo com rajadas de vento e tudo mais. Ficamos aguardando quase 1 hora até que a chuva diminuísse um pouco, como já estava ficando tarde resolvemos ir a zona livre e se desse tempo iríamos conhecer a eclusa. Empolgamos-nos com tantas lojas e tantos produtos que acabamos não arriscando em fazer o passeio tendo em vista que o navio tem hora certa para zarpar e eles não esperam ninguém, então terminamos nossas compras e voltamos. GASTOS: Perfumes: U$ 255.00 Tênis: U$ 50.00 Relógios: U$ 152.00 Bolsa: U$ 69.00 Translado: U$ 10.00 (o casal) DIA 19/07/2014 – CHEGADA A CARTAGENA A nossa chegada em Cartagena estava prevista por volta das 12:00, tomamos café cedo e depois ficamos aproveitando o fim a viagem. CONSIDERAÇÕES GERAIS: Avaliação sobre o Cruzeiro; embora tenha sido o nosso primeiro cruzeiro achamos tudo perfeito e vamos comentar cada item: Percurso: Maravilhoso, é claro que é só uma pequena amostra, não se pode ir com a ilusão que com esse cruzeiro pode-se dizer que se conhece o caribe, você vai ficar com um gostinho de “quero mais”. Ótima desculpa para voltar com mais calma. A única parada que nós deixaríamos de lado seria La Guaira. Passeios oferecidos: Não fizemos nenhum passeio oferecido dentro no navio por acharmos os preços altos. Mas deve-se levar em consideração a facilidade do serviço. Navio: O MONARCH não é um navio novo, porem pesquisando li que ele fora todo reformado então não presenciamos nenhum problema com as instalações. Entretenimento: Alem da equipe de animação que fica na piscina, todas as noites tem um Show diferente proporcionado. Alimentação: Com abundancia e uma farta variedade, isso serve para os restaurantes Self service e o a La Carte. Bebidas: Para quem gosta está perfeito, uma grande variedade de bebidas, drink´s, sucos, refrigerantes e tudo mais. Atendimento: Todas as pessoas com quem conversamos e mesmo o que só nos atenderam estão de parabéns a cordialidade e simpatia se fez presente em todas as partes e com todos os funcionários. Quero destacar aqui em especial o camareiro do nosso DECK o PUTRA GEDE, ele é natural de Ilha de Bali, e cara e gente finíssima super educado e cordial. Passageiros: Tinham de todas as faixas etárias, não tivemos problemas e não vimos nada que nos desagradasse. Indicação: Com todos que conversamos e nos perguntam sobre a nossa viagem NÓS INDICAMOS ESSE CRUZEIRO SEM A MENOR DÚVIDA. Repetiria: Com certeza. Preço do Cruzeiro: Para quem gosta de beber o sistema All Inclusive vale super apena, é muito mais vantajoso, com ele não se tem a preocupação com o valor da bebida escolhida. Espero que tenham gostado. Fernando e Beth.
  19. Bom pessoal para todos aqueles que gostam de trocar experiências e relatar suas viagens aí vai mais um relato das nossas férias em 07/2014 e será divido em 3 partes: 1ª parte – Cartagena: de 08/07/2014 a 12/07/2014 2ª parte – Cruzeiro pelo Caribe: de 12/07/2014 a 19/07/2014 - cruzeiro-julho-2014-t102136.html#p1005491 3ª parte – Cartagena: de 19/07/2014 a 22/07/2014 1ª Parte: DIA 08/07/14 - JUNDIAÍ – GUARULHOS - CARTAGENA Saímos de Jundiaí por volta da 01:00 da manhã em direção ao aeroporto internacional de Guarulhos, lá deixamos o carro no estacionamento http://www.park222.com.br com diárias a R$ 8,00 descoberto + R$ 7,00 (ida e volta, esse valor é por carro) de translado até o aeroporto. As 05:25 decolamos com destino a Cartagena, chegando por volta das 12:35 horário local. Trocamos U$ 25.00 no aeroporto a taxa de 1.800 COP par o taxi e nos dirigimos ao HOTEL SAN ROQUE, ele está situado na Calle Media Luna. O Hotel é simples, mas confortável e conta com um atendimento 100% e ficando apenas a 10 minutos da cidade amuralhada. Após o Check In nos indicaram o restaurante SAN VALENTIN para almoçarmos e assistir ao jogo BRASIL X ALEMANHA (valeu só pelo almoço) terminamos nosso almoço, terminou o primeiro tempo; e foi melhor sair para passear e conhecer a cidade. GASTOS: Taxi: 10.000 cop Almoço no San Valentin + 2 cervejas: 38.000 cop Compras diversas no mercadinho: 21.350 cop Sorvetes no San Lorenzo Gelateria: 8.000 cop Cervejas no La Mantilla: 14.000 cop Pedaço de Pizza: 7.000 cop DIA 09/07/14 – PLAYA BLANCA Reservamos o passeio p/ Playa Blanca de lancha rápida, no local de embarque você escreve seu nome e depois eles te chamam na hora para embarcar. A lancha apresentou problemas e tivemos que fazer uma parada na metade do caminho para a troca o que resultou em mais de 1 hora de atraso, quando finalmente chegamos à Playa Blanca ficamos deslumbrados com tamanha beleza, as águas do caribe são realmente maravilhosas com uma coloração espetacular. O nosso retorno foi por volta das 16:45, o mar estava agitado o que causou um certo pânico em algumas pessoas, porem para nós foi super divertido, adoramos aquela adrenalina. A noite fomos para a cidade amuralhada onde jantamos no TOTOPO, pedimos Lomo de cerdo com salsa de maracujá (lombo de porco com molho de maracujá) maravilhoso e com direito a doble drink a 15.000 cop. GASTOS: Passeio Playa Blanca: 80.000 cop (o casal, com o almoço incluso) Taxa portuária: 27.000 cop (o casal) 3 cervejas na troca de lancha: 6.000 cop Barraca e cadeiras em Playa Blanca: 25.000 cop (acho que poderia ter negociado melhor) Jantar: 49.000 cop DIA 10/07/14 – VOLCAN DEL TOTUMO / RUMBA EN CHIVA O dia hoje seria intenso, acordamos cedo e fomos para a entrada da cidade amuralhada para seguirmos em direção do Volcan de Totumo, ele está localizado a 40 km. de Barranquilla e Cartagena, no município de Galerazamba, Bolívar. É um grande atrativo turístico, considerado como uma maravilha exótica e natural que tem aproximadamente 20 metros de altura. O acesso se da através de uma rústica escada de madeira. Existe época do ano que a lama fica até a borda, e o mais interessante é que pode-se entrar sem medo pois suas propriedades não permitem que afundemos. Dentro do Vulcão ficam nativos que auxiliam na entrada e lhe proporcionam uma massagem bem agradável. Antes de entrarmos você pode deixar sua câmera ou celular sem preocupação que um rapaz se encarrega de tirar as fotos te entregando posteriormente. Após sair do vulcão você vai até uma lagoa para retirar a lama, lá se encontram algumas mulheres que lhe auxiliam nessa tarefa. Tem também um rapaz que lava os chinelos, tudo cobrado é claro, mas não reclamei afinal o valor é tão pouco que vale a pena contribuir para manter esse atrativo. GASTOS: Passeio Volcan: 80.000 cop (casal, com almoço incluso) Fotos: 4.000 cop Massagem: 6.000 cop (o casal) Banho: 6.000 cop (o casal) Chinelos: 2.000 cop 4 cervejas: 13.000 cop A noite voltamos na cidade amuralhada para fazer o passeio na RUMBA EN CHIVA, consiste em um passeio a bordo de um caminhão antigo com bancos de madeira e músicos tocando Rumba o tempo todo, para tornar o passeio mais alegre ainda recebemos um balde com gelo, uma garrafa de coca e outra de rum. Paramos em alguns pontos específicos, mas finaliza mesmo em uma boate, onde aquele que não desejar ficar até amanhecer pode ir embora com a Rumba que deixa cada passageiro em seu hotel. GASTOS: Rumba: 50.000 cop(o casal) Propina: 3.000 cop Mercado: 10.980 cop DIA 11/07/14 – VISITA AO MUSEU CASA RAPAEL NUÑEZ / CITY TOUR Acordamos cedo tomamos café no hotel (com um delicioso suco de lilo). Saímos, passamos no Juan Valdez Café para provar o café colombiano (muito bom) e nos dirigimos ao Museu Casa Rafael Nuñez. Esse museu foi sua a residência oficial, uma casa construída no século XIX que está muito bem conservada, que além de poeta, foi 4 vezes presidente da Colômbia, e também Juiz no Panamá, (isto por que antigamente pertenciam a Colômbia uma parte do Peru, parte sul da Costa Rica, e uma pequena parte do Amazonas e era conhecida na época como Grã-Colômbia), Secretário de Estado, Governador de Cartagena, Representante do Congresso, Vice-presidente do Congresso, Secretário do Governo, Deputado, Senador, Secretário do Tesouro Público entre outros. Uma visita imperdível com uma aula de história maravilhosa proporcionada pela guia. É um passeio que recomendo a todos. Passamos no Hard Rock para conhecer e achamos que não valeu a pena é extremamente caro tomamos 2 cervejas e uma porção de Papas Fritas (batatas) que deveria ter uma dúzia de batatas . Resolvemos então ir tomar umas cervejas no Donde Fidel, um bar muito bem decorado com vários instrumentos fixados no teto, tiramos algumas fotos mas o dono nos advertiu que era proibido, não entendemos as razões mas obecemos. Por voltas das 14:00 demos início ao City Tour onde destacamos: Convento de La Popa, Zapatos Viejos, Castillo San Felipe de Barajas. Adoramos o passeio, pena que achamos nosso guia muito fraquinho, não explicava muito bem, esse passeio termina na cidade amuralhada em um local para a compra de artesanatos, vimos algumas lojas, mas não nos interessou nada comemos 2 arepas e fomos embora a pé mesmo. À noite jantamos no La Central Antilhanas que fica na própria Calle Media Luna, um restaurante simples, mas com uma comida deliciosa, lá provamos a yuca (um tipo de mandioca) e ficamos conversando com Yubmiriam (a caixa) e Andrés (garçom), pessoas fantásticas, sem contar que fora um dos poucos lugares onde realmente a cerveja era gelada, na maioria das vezes nos diziam “Sí a cerveza esta helada” para nós brasileiros faltava muito para dizer que aquilo era uma cerveja gelada, rsrsrsrsr. Finalizamos com cervejas no hotel, alias diga-se que passagem que essa prática era diária afinal lá também a cerveja sempre estava bem gelada. GASTOS: Juan Valdez: 6.500 cop City Tour: 80.000 cop (o casal) Propina no Museu (já que a entrada é gratuita): 6.000 cop Cerveja: 4.000 cop Hard Rock: 26.000 cop Donde Fidel: 16.000 cop Cocadas: 1.200 cop Limonada: 700 cop Arepas: 4.000 cop Jantar: 84.000 cop DIA 12/07/14 - Museu Naval e início do Cruzeiro Neste dia acordamos ansiosos, a tarde daríamos início ao nosso cruzeiro pelo Caribe (mas este relado será postado em relatos pelo caribe). O museu naval fica dentro da cidade amuralhada é um museu fantástico e muito bem detalhado com vídeos e maquetes que contam a história naval do país. Uma visita que vale muito a pena. GASTOS: Museu: 16.000 cop (o casal) Água: 2.800 cop Fechamento no hotel: 30.000 + 80.000 (reserva para volta) Táxi até o porto: 12.000 cop 2ª Parte – Cruzeiro Caribe a Antilhas Sul Como se trata de uma viagem a mais de um país o relato encontra-se em: (EM CONSTRUÇÃO) 3ª Parte, DIA 19/07/14 – Chegada do Cruzeiro Desembarcamos no porto de Cartagena por volta das 13:00 e até pegar as malas e conseguir um taxi chegamos no Hotel San Roque já bem de tardezinha. Nós optamos por voltar ao San Roque, pois o atendimento foi de forma espetacular com um Staff 100%. A noite saímos para jantar, eu procurava um local especial afinal alem de ser o aniversário da minha esposa eu estava prestes a lhe fazer uma surpresa. Nossa escolha foi o restaurante Porton de San Sebastian, um restaurante pequeno e super aconchegante pedimos um prato com frutos do mar, que por sinal estava divino. Após um jantar maravilhoso, e depois de 8 anos de união estava mais que na hora de casarmos, mesmo já morando juntos eu queria dar-lhe uma prova de o quanto especial essa mulher é na minha vida foi então que oficializamos mesmo que simbolicamente com a troca de alianças. Momento único!!! com muuuuito romance! Divino!! GASTOS: Táxi do porto até o hotel: 15.000 cop Jantar: 105.600 cop Mercadinho: 12.000 cop DIA 20/07/14 – Museu del Oro Museu inaugurado em 1982 pelo Banco de La República. Sua coleção consiste em diversas peças em ouro, cerâmica, osso e conchas. São manifestações sociais e culturais da população indígena Zenu. Após a visita tomamos sorvete de depois fomos almoçar no Fogon Costeño. GASTOS: Museu: 15.000 cop (pelas informações do guia) Sorvete: 10.000 cop Almoço: 73.700 cop (o casal) Café e souvenires: 68.400 cop Almoço: 35.000 cop (o casal) Taxi: 10.000 cop Água: 2.800 cop Jantar: 30.000 cop + US$ 23.00 DIA 22/07/14 – Retorno Desta vez sem fazer confusão chegamos no horário sem o risco de perder o vôo. Saímos de Cartagena no horário com uma parada no Panamá, enquanto aguardávamos nosso vôo para São Paulo vi uma cena que não resisti, tive e registrar. O piloto do avião sentado na janela lavando o para brisa, e um lado e depois do outro. GASTOS: Fechamento no hotel: 171.000 cop Taxi: 10.000 cop Café lanche no aeroporto: 9.000 cop Espero que tenham gostado. Abraço
  20. Fala Luiz tudo bem? Cara fico feliz que vocês tenham gostado, mas principalmente porque a viagem deve ter sido tão boa para vocês assim como foi para nós. Que bom que as dicas foram úteis também. Abraço Fernando
  21. Oi Solange, Não fiz planilha, mas gastamos algo em tordo de R$ 4.100,00 o casal, lembrando que não ficamos economizando principalmente na comida e bebida. Abraço Fernando
  22. Fala Lico blz? Cara, parabéns pelo relato show de bola, agora cá entre nós, o seu relato de: """Apesar do quarto lotado com 8 ZUMBIGRINGOS FEDORENTOS""", eu rachei o bico de tanto rir, muito engraçado. Mas faz parte, isso tudo se torna mero detalhe quando estamos prestes a voltar, quando já estamos no fim a viagem e já começamos e sentir saudades. É um ânimo a mais para as próximas. E que venham muitas delas.... Eu e minha esposas iremos agora em julho, e estamos contando os dias. Abraço Fernando
  23. Oi Silvana, Muito obrigado pelas informações, só me desculpe pela demora em agradecer, essa correria que nos deixa malucos. Mas as férias chegam em ótima hora. rsrsrsrs Abraço Fernando
  24. Nós ficaremos no HOTEL SAN ROQUE em Cartagena. Não infelizmente não conseguirei ir para lá, Cartagena tem muitas opções de passeios que lugares a conhecer e como teremos somente do dia 08 a 12/07 e 19 e 20/07 quando voltaremos do cruzeiro deixaremos para uma próxima visita. Abraço Fernando
  25. Adalberto, Pelos relatos que vi aqui no site mochileiros.com Cartagena a maravilhosa o ano todo. Minha esposa e eu vamos dia 08/07/2014 para Cartagena e ficaremos até dia 12/07 quando daremos inicio ao nosso cruzeiro pelo caribe. Vamos nessa? Abraço Fernando
×
×
  • Criar Novo...