Ir para conteúdo

Mariah Frighetto

Membros
  • Total de itens

    52
  • Registro em

  • Última visita

Reputação

0 Neutra

Sobre Mariah Frighetto

  • Data de Nascimento 14-12-1984
  1. Isa! Desculpa a demora pra te responder, não estava entrando mto aqui... Então... eu não lembro o nome da empresa, comprei la na rodoviária mesmo... Lá da pra se informar certinho nas diferentes empresas (não são mtas) sobre horário e preços Mas tenta ir com um pouco de antecedência, porque lota... eu coisa de algumas, o ônibus que eu queria pegar pra voltar, que tinha uns 5 lugares, lotou e eu tive que pegar um que me fez perder meio dia em Budapeste
  2. Opa Hohlenwerger! Obrigada!! Só pra completar o relato, a conta do cartão de crédito, que usei pra viver nas últimas 2 semanas, deu R$ 2.600 Com os R$ 8.600 que já tinha gastado antes de sair, deu R$ 11.200 no total (quase caí pra trás qdo me dei conta) Mais uma dica: Cada saque feito com o cartão de crédito (menos o primeiro) me custou U$ 20 QUASE MORRI! Então, se possível, não faça saques pelo cartão de crédito!
  3. Daniel, eu fiquei 10 dias e ficaria mais fácil! faltou ver muita coisa, e os lagos foram uma das coisas que não deu pra fazer... na verdade a gente até tinha tempo, mas acabamos cancelando por cansaço, e pra ficar mais tempo em Hvar, que tava muito legal. passei 3 noites em Dubrovnik, 2 em Split e 5 em Hvar.
  4. Dia 26 - Budapeste/Praga Acordei cedo, fiz check-out do hostel. Quando fui pagar, o Andrew (que cuida do hostel) me cobrou 2 diárias. Na hora achei mais caro do que tinha calculado (o preço foi combinado em euro, e estava pagando em forint), mas não tinha percebido o tanto. Depois que saí pra rua que fui perceber que estava pagando o dobro. Quando voltei pra pegar minha mala, falei com o Andrew, que falou que tinha se confundido, achando que eu tinha ficado 2 noites. Mas como só consegui falar com ele pouco tempo antes de ir embora, fiquei com HUF 4000 sobrando, que tentei gastar na rod
  5. Dia 20 - Praga Pegamos o metrô e descemos na estação Náměstí Republiky na linha amarela, que fica em Wenseslas Square. É aqui que tudo acontece! É a avenida Paulista com todos os escritórios. É onde os grandes protestos acontecem, como a invasão dos russos na Primavera de Praga. Lá em cima, no começo tem o Museu Nacional Checo, e um outro museu mais moderno do lado, que parece o MASP. Tomamos um café da manhã no Starbucks e começamos a andança. Nessa época estava rolando um festival de colheita de uva, então tinha feirinhas em tudo quanto é praça na cidade. Compramos uns souvenirs
  6. Dia 14 - Hvar Acordei super tarde, com a garganta inflamada, então só encontrei as meninas umas 17h. Elas ficaram a tarde numa praia de pedras ali perto do centrinho. Eu fui direto pro Hula Hula ver o por do sol. Depois de lá, tomamos um banho e fomos pro Carpe Diem... mas não ficamos muito tempo Gastos kn 100 - Hula-Hula kn 177 - Carpe Diem Dia 15 - Hvar Ainda estava com a garganta ruim, então sai de casa super tarde de novo. Almocei num restaurante italiano bem no meio do square, chamado Pizza Kogo. A comida é bem boa, os pratos são ENORMES, e o preço é
  7. Dia 13 - Hvar - Mlini Beach Acordamos cedo e decidimos ir pra alguma praia nas ilhas Pakleni. Fomos pro porto, ali no centro, demos uma olhada nos barcos e decidimos ir pra Mlini Beach. A "carona" custou kn35 ida e volta. É tudo lindo. Vc chega em uma prainha que já é linda... Dali, segue por uma trilha de uns 200m de pedras pra outra praia que é DEMAIS! Essa praia é de pedra, mas não precisa de deck pra chegar na água. A temperatura da água é bem mais legal do que na Grécia. Mas é tão salgada quanto Comemos num barzinho chamado Waka-waka, bem na frente de onde vc d
  8. Assim como prometido, meu relato: leste-europeu-34-dias-grecia-croacia-praga-budapeste-berlim-t61432.html
  9. Dia 12 - Hvar O catamaran para Hvar saía as 11h30, e tínhamos que comprar o ticket no dia. Fomos pro porto as 10h, compramos o ticket e fomos comer numa praça de alimentaçao cheio de fast food por ali... Repito! Cuidado com a comida! O sanduiche que eu peguei estava com o queijo seco e velho. O pão que minha amiga pegou tinha um fio de cabelo enoooorme =S Enfim, pegamos o catamaran, que são os barcos menores, que ficam num canto no porto. A viagem não dura nem 1h30, e faz uma parada no meio. Chegamos em Hvar, e assim como em Split, o porto é bem no centro. Fomos procurar nossa
  10. Dia 11 - Split Acordamos cedo, tomamos café da manhã no hostel, e saímos correndo pra rodoviária. Pegamos o onibus pra Split as 9h e chegamos as 13h30. O percurso é lindo. o tempo com penhascos e morros beirando o mar azul, verde e transparente, com ilhas na frente... vale a pena fazer a viagem de onibus. Pra ver a paisagem é bom escolher um lugar do lado esquerdo, atrás do motorista. Ah! tem que pagar kn7 (ou €1) por mala pra despachar bagagem (y) No meio da viagem a gente passa por uns 10km de Bósnia. Tem que passar pela alfândega dos dois lados: pra entrar na Bósnia e pra r
  11. Dia 10 - Dubrovnik Como estávamos muito cansadas, dormimos até tarde... Minha perna continuava tremendo =S Fomos na rodoviária comprar passagem pra Split pro dia seguinte. O ponto de onibus é alguns metros pra frente do Pile Gate. Compramos o ticket no guichê na frente por kn10. Vale por 1h ou 4 viagens (se não me engano). Vc valida o ticket na máquina do lado do motorista na hora que entra no onibus. Dá pra pegar o onibus 1A, 1B ou 3. A viagem dura uns 10 minutos. É bem fácil de ver a rodoviária. É bem do lado do porto. A rua faz uma curva pra direita depois que passa o porto, e é logo
  12. Dia 09 - Dubrovnik Não tínhamos programado nada específico pra esse dia, então saímos pra andar pela Old Town. Decidimos fazer a caminhada pelo muro primeiro, mas como a fila estava muito grande, desistimos e deixamos pra depois. Melhor coisa, pq naquela hora (11h) o sol estava muito forte, e depois ficamos sabendo que a hora que a gente acabou indo (17h) é a melhor hora mesmo, por causa do por do sol. Fomos no museu etnográfico, e a mulher foi super simpática (mas claro, sem sorrir!) e fez preço de estudante pra gente = kn20. kn40 o normal. Depois de subir e descer várias escadas, visi
  13. Dia 08 - Atenas / Dubrovnik Acordamos cedo pra tomar café da manhã incluso na diária do hostel. Como era domingo, fomos pra Syntagma Square pra ver a troca da Guarda Nacional, que começa as 11h, e só rola domingo. Depois demos uma volta no Jardim Nacional, que não tem absolutamente nada de mais... Demos uma volta por ali, que tem mais alguns monumentos antigos. Em qualquer caminhadinha que vc dá em Atenas, vc tromba com alguma coisa antiga... principalmente do lado das linhas de metrô, onde muita coisa foi achada durante a construção O Museu da Acrópole, inclusive, é
×
×
  • Criar Novo...