Ir para conteúdo

Ana Paula Sinueh

Membros
  • Total de itens

    14
  • Registro em

  • Última visita

Reputação

0 Neutra

Sobre Ana Paula Sinueh

  • Data de Nascimento 08-01-1987

Bio

  • Ocupação
    Técnica em Segurança do Trabalho
  1. Ah.... as comidas bolivianas... acabei de almoçar e já fiquei com água na boca!! heheeh.. Parabéns pelo relato, Alexandre! Está ficando ótimo!! Bjinhusss...
  2. Na verdade eu não tenho uma planília de custos... e meu roteiro eu parei de fazer muito tempo antes de viajar... Mas se tu tiver alguma dúvida sobre valores ou trajetos pode perguntar, viu... Aproveite enquanto está fresquinho na minha memória! Heheheheh.... Sds.
  3. Ah, esqueci de dizer uma coisa! Em La Paz existem muitas lojas da The North Face com roupas bem baratas. Claro que são imitações, mas de uma qualidade muito boa e com o objetivo da marca preservado - tecidos quebra-vento. Além disso, andando pela Av. Illampo, bem la no final, tem um monte de vendedores de casacos e roupas de frio para turistas. Andando mais um pouco você acaba em umas ruazinhas paralelas que são um tipo de comércio local, não se vê turistas lá, só bolivianos e o preço muda bastante! Meu conselho a você é começar por Sucre, Potosí e Uyuni, assim a volta fica mais tranquil
  4. Olá Helderzito Que bom que tu gostou do relato, escrevi de coração! Precisava eternizar essas lembranças antes que o Alzheimer tomasse conta de mim e eu nem lembrasse que um dia saí do país... Agradeço a paciência, eu sei que ficou ENORME!!! hehehehh... Vou fazer o possível para esclarecer suas dúvidas! 1) Se tu pretendes ir ao Salar, acho que não compensa comprar nada em La Paz. O preço lá é bom, mas no Salar é bem melhor. Se você for a Potosí melhor ainda, pois lá existe um mercadão de rua com muitos artigos de frio (Potosí é uma das cidades mais altas do mundo e consequentement
  5. Estas são as minhas fotos preferidas do meu mochilão: Chegada ao Glacial (perto de La Paz/Bolívia) É muito bom conhecer pessoas numa viagem assim, principalmente os nativos.
  6. Oi Rafa Olha, na minha opinião dá sim... Existem restaurantes vegetarianos na Bolívia e os normais oferecem comida vegetariana no menu. Na maioria dos passeios, quando você contrata o serviço na agência, eles te dão um voucher para preencher, onde você escolhe se come comida normal ou vegetariana. Quanto à trilha não sei informar porque eu não fui, mas tenho quase certeza que terá opções também.
  7. Ana, Não concordo plenamente com sua opinião, acho que no mínimo, devemos chegar no local (cidade/país) conhecendo o que tem de interessante no mesmo e os preços praticados. Assim podemos escolher onde ficar e o que visitar, pois isso é o básico de uma viagem, com essas informações podemos, como você mesmo cita, passar o dia em um banco de praça observando a população local, eu particularmente, adoro fazer isso e um de meus locais favoritos é La Paz. Mais, esse é meu ponto de vista. :'> :'> Maria Emilia Maria Emilia, concordo com você quanto ao conhecimento prá
  8. Segunda parte: relato Começamos nossa viagem saindo de Porto Alegre às 18h31min num vôo para Campo Grande. Compramos as passagens com mais ou menos um mês de antecedência, o que custou R$ 190,00 já com as taxas, cada uma. Campo Grande Chegamos a Campo Grande às 23h00min (00h00min em POA) e logo encontramos um clima bem diferente do sul... Estava bem calor apesar da hora e começamos a provar o efeito “cebola”, pois tínhamos saído de POA com muitas blusas de lã. Descendo do aeroporto descobrimos que a estação rodoviária tinha mudado de lugar e precisávamos pegar um táxi até lá,
  9. Olá galera da estrada! Este é o relato da viagem que fiz pela Bolívia, Peru e Chile, realizada entre os dias 18/05/2011 e 15/06/2011 com meu amigo Everton e, posteriormente, minha nova amiga Lorena. Ao todo foram 28 dias de muitas experiências, desastres, confusões e diversão! Dividi o meu relato em duas partes: a primeira somente com as dicas, organizadas de forma bem objetiva; a segunda parte é o relato detalhado da viagem, que será postado em outro tópico. De todas as dicas que temos para compartilhar com vocês vou começar com a mais importante que, na verdade, não é bem uma dica,
  10. Ola Galera! Só para tranquilizar um pouco os mochileiros em viagem ao Perú: a fronteira está aberta agora, passei por ela ontem. Domingo será dia de eleicoes, entao algumas pessoas dizem que na segunda é possível que a fronteira volte a fechar. Estou bem pensando em pedir um socorro para a embaixada brasileira ne na hora de voltar a fronteira estiver fechada de novo. Alguem sabe se isso é possível?
  11. Olá! Gostei do roteiro, é parecido com o meu, porém bem mais completo. Na verdade planejei meu roteiro contando em decidir certos passeios na hora, porque pelas dicas aqui dos mochileiros não vale a pena acertar nada antes! Julho é a única data disponível de vocês? É bem no início da alta temporada, algumas coisas podem ser mais concorridas e caras... Pretendo ir em Maio com mais dois amigos, seria legal se desse certo de fazermos a trip juntos, pois é bem melhor de barganhar preços de albergues, taxi e passeios de galera... Me adicione no msn pra trocarmos uma ideia, também te
  12. Olá Mochileiros! Acabei de montar uma parte do meu roteiro para Machu Picchu e gostaria de algumas dicas. Antes de qualquer dúvida vou descrever meu roteiro a vocês: - Porto Algre - Campo Grande: pretendo ir de avião, encontrei passagem de ida e volta por R$ 368,00, mas também tem a opção da carona, pois tenho um amigo que é caminhoneiro e tá me dando uma força; - Campo Grande - Corumbá: a passagem de ônibus custa R$ 71,90, achei bem em conta; - Corumbá - Santa Cruz de La Sierra: via Trem da Morte; - Santa Cruz de La Sierra - Cochabamba: ônibus, pelas pesquisas descobri que a passag
  13. Olá pessoal! Estou planejando uma mochilada até Machu Picchu em maio ou junho de 2011, fazendo este roteiro: Porto Alegre - Campo Grande - Corumbá - Santa Cruz de La Sierra - Cochabamba - La Paz - Copacabana - Puno - Cuzco - Machu Picchu. Sou mochileira de primeira viagem e ainda não tenho companhia, então provavelmente eu vá sozinha! Claro que fiz algum planejamento, mas de qualquer forma ainda não sei o que posso encontrar pela frente... Minha pergunta aos mochileiros mais experientes: consigo fazer toda essa rota, incluindo a volta, com R$ 2.000,00? Foi mais ou menos o que calc
×
×
  • Criar Novo...