Ir para conteúdo
  • Cadastre-se

anaalyson

Membros
  • Total de itens

    53
  • Registro em

  • Última visita

Reputação

0 Neutra

Sobre anaalyson

  • Data de Nascimento 31-03-1986

Outras informações

  • Lugares que já visitei
    Valparaíso, Santiago do Chile, Viña del mar, Lujan, Buenos Aires, Rio de Janeiro, Minas Gerais, Santa Catarina
  • Meus Relatos de viagem
    http://www.mochileiros.com/cajon-del-maipo-embalse-el-yeso-e-banos-colina-t88851.html
  • Ocupação
    Vendas
  • Meu Blog
  1. Valesca, o contato do Cara da Mitour é pelo facebook: https://www.facebook.com/guiabrachileno?fref=ts https://www.facebook.com/afrotavio?fref=ts Boa sorte! Faz seu relato pra gente depois!
  2. Shooowww Simone!! Faz seu relato pra gente curtir também.... Nós fomos até a parte baixa do Embalse, foi mega necessário 4x4 pois senão tinhamos ficados atolados ahahhaa.... mas é só nao ir lá pra baixo que isso não acontece. rs.
  3. Bruno, desculpa, cara. Não tinha visto sua msg O contato do Cara da Mitour é pelo facebook: https://www.facebook.com/guiabrachileno?fref=ts https://www.facebook.com/afrotavio?fref=ts Desculpa a demora e espero que isso ajude. Se não a vc, outros. Depois vc me conta
  4. Oi Natácia!! Que bom que gostou. O Jorge parece bem correto mesmo, pena que ele não tinha as datas que eu precisava! Faça seu relato também, vai ser legal!
  5. anaalyson

    Cajón del Maipo

    Acredito que deve ser o mesmo preço de Baños Colina. Paguei 8.000CLP. Não fiz reserva, o parque também não estava cheio.
  6. Olá Suelih, tudo bem? A estrada pro Embalse é bastante ingreme, pra ser honesta não sei como carros comuns conseguem passar por lá, pois não há asfalto. Deve destruir os carros! rsrs Na foto onde se vê o lago e umas pedras é na parte debaixo da estrada, mais próximo da fronteira com a Argentina. Naquele lugar só 4x4 pra passar. O chão é de pedrinhas umidas, imagina o estrago! Vá sim, você vai amar o passeio!!! E me conte quando voltar, por favor!!
  7. Olá André. tudo bem? O cara que deu pras trás é o da Turismontaña. Mas no fim foi melhor assim. Obrigada, vou ler o seu da Bolivia!
  8. anaalyson

    Cajón del Maipo

    Para ajudar e informar, também fiz meu relato sobre tudo o que encontrei em Cajon del Maipo: cajon-del-maipo-embalse-el-yeso-e-banos-colina-t88851.html
  9. Vi poucos relatos sobre Embalse el Yeso. Pra ser sincera, acho que muita gente não conhece. Essa foi minha segunda ida ao Chile. E eu decidi justamente conhecer o Embalse, que sempre achei maravilhoso! Havia fechado com uma empresa de Turismo Chilena que vai pra El Morado antes de chegar em Santiago. O que aconteceu foi que ele deu pra trás comigo um dia antes da ida. Acabei conhecendo uma agência de um Brasileiro que me ajudou muito a realizar esse sonho. Fechei com o Otavio, da Agência Mitour minha ida (até então sozinha) para Embalse el Yeso. Na noite anterior á ida á Embalse, conheci uma Brasileira, a Ilana. Ela topou de imediato fazer essa trip e então nos preparamos para a diversão. Sabendo que iríamos por Cajon del Maipo, ele (Brasileiro Otavio) incrementou o passeio e colocou Termas Valle de Colina (famoso baños colina) e outros lugares que veremos no relato: Bem cedinho, acredito eu que pelas 7 da manhã do dia 20/02/2013, chega uma L200 vermelha 4x4, carro que o Otavio já tinha me dito que levaria. Seguimos em direção á Rancágua (sei por causa das placas) pela autopista. Na foto de cima pode-se avistar uma mineradora em plena atividade. Já mais á frente vimos a Casa Bosque, uma espécie de hospedaria. Conhecemos o El Tinoco, um túnel de trem desativado. Passamos por várias trilhas, cachoeiras, quedas d'água. Paramos num acampamento militar abandonado. Encontramos carros de Chilenos que estavam acampando por lá. Depois de algumas horas, finalmente o destino por mim mais esperado: Embalse el Yeso. Pra quem não sabe, o Embalse é a represa que abastece toda Santiago, fica junto uma estação de tratamento de água. É próximo da fronteira Chile x Argentina. É um lago gigantesco que já esteve vazio nesse ano. Ele é abastecido pelas nascentes nas montanhas, por isso o esverdeado das águas. Lindo! Olha só o presente que a volta do Embalse nos trouxe: El morado! Mais um kms á frente e finalmente pegamos uma estradinha de terra bastante simples e chegamos nas termas. A água é azulzinha e as piscinas debaixo são mais frias pois recebem a água da primeira, que deve chegar perto dos 40 graus. No caminho de volta pudemos ver muitas casas rústicas, vales como o da foto e até uma Igreja com carinha bem medieval. O que eu achei bacana foi que o Otavio levou lanche, água, salgadinhos. Tudo pra gente não passar fome e nem sede! Além de incrementar o passeio com paradas em locais diferentes, no final comemos uma deliciosa empanada chilena num vilarejo de San Jose. Eu adorei! E vocês, gostaram?
  10. anaalyson

    Cajón del Maipo

    Galera, obrigada pelas dicas. Estou em Santiago já e devo ir amanha cedo na Plaza tentar o tour. Infelizmente o cara que fechei para ir a Cajon deu pra trás e agora vou ter que conseguir um outro. Se alguém estiver em Santiago ou tiver informacoes de outras empresas, por favor, falem comigo. Obrigada!
  11. anaalyson

    Cajón del Maipo

    Galera, pensei em ir a Cajon em 16/02. Alguém sabe se ainda existe o tour que sai da Plaza Itália? Se alguém estiver no Chile nessa data, bora ir tb.
  12. anaalyson

    Santiago

    Olá Ulyx. Vou pra lá depois do dia 14/02. você vai pra pro Chile tb? Obrigada pela dica!
  13. anaalyson

    Santiago

    Galera, estou fazendo meu roteiro e precisava de uma ajuda... para ir até Viña, pensei em pegar metrô e procurar um fretado/ onibus que levasse pra lá. Alguém sabe de qual estação pego ele? Obrigada!!
  14. anaalyson

    Dicas: O que fazer em Santiago, Valparaíso e Viña del Mar

    O lemarins tem razão. Me escreveram essa semana falando que o dia do jogo, da Universidade do Chile e não sei mais quem, foram todos assaltados. Roubaram anéis, carteira, documentos e até (pasmem) a roupa! O mês de Julho e o de Dezembro são os piores pra isso no Chile. Vale a pena andar como se estivesse no Centro de São Paulo: cuidado com bolsas, dinheiro, pochetes, carteiras.
×