Ir para conteúdo
  • Cadastre-se

sprates

Membros
  • Total de itens

    28
  • Registro em

  • Última visita

Reputação

0 Neutra

Sobre sprates

  • Data de Nascimento 25-11-1991

Últimos Visitantes

O bloco dos últimos visitantes está desativado e não está sendo visualizado por outros usuários.

  1. To tentando me organizar pra outubro/novembro do ano que vem.. a ideia é pegar aurora. Não sei se o orçamento mais permitir ainda, mas to me esforçando neste sentido
  2. Que boiada! Qual companhia aérea!? Se já emitiram o Ticket etc acho difícil não honrar.. estou em LA agora mesmo e ratifico esse roteiro que mandaram aí pra cima, se bobear coloca até mais um dia em Los Angeles (opinião pessoal, não curto muito Las Vegas)
  3. Boa tarde cara.. Sou do Paraná, estou me programando pra passar o dia dos mortos no México (se possível, este ano, se não, em 2017). Queria a opinião de quem já foi.. É possível dar um giro pelos principais locais do México em 10 dias? Li tudo e bolei um itinerário, mas estou em dúvida quando ao tempo necessário em cada lugar e as distâncias e respectivos tempo de viagem. Pensei em otimizar viajando à noite, mas não sei se há essa possibilidade para os trajetos. Segue o esboço do meu itinerário: 27/10 - Foz do Iguaçu - Cidade do México 28/10 - Cidade do México 29/10 - Cidade do México 30/10 - Cidade do México 31/10 - Cidade do México - Oaxaca 01/11 - Oaxaca 02/11 - Oaxaca - San Cristobal de Las Casas 03/11 - San Cristobal de Las Casas 04/11 - San Cristobal de Las Casa - Valladolid 05/11 - Valladolid - Chichén Itzá 06/11 - Valladolid - Tulum 07/11 - Tulum - Playa del Carmen 08/11 - Playa del Carmen - Cidade do México - Foz do Iguaçu Toda ajuda é bem vinda!
  4. São perfeitas! Estive na patagônia agora em Janeiro, afundei minha GS3000 na neve e meu pé não molho.. Fiz muito trekking com ela por lá, tá inteira! Abraço!
  5. E aí cara.. Olha, mochila é muito difícil você achar coisa que preste. Eu procurei muito por lá e só achei mochila de baixa qualidade. Das marcas boas que conhecemos (como Deuter), não achei nada. Acredito que lá você vai encontrar mais coisas pra prática de esportes, tipo esqui, vareta de trekking, etc. Sobre o fogareiro, especificamente, não sei dizer, mas lembro de ter visto alguns por lá (mas não sei se são bons ou não, não estava atrás disso). A Coleman é uma marca muito presente no PY, sempre vejo sacos de dormir e barradas da marca por lá, pode ser que você encontre o fogareiro tbm.. Se você morar perto de Foz vale a pena dar uma procurada por lá.. Se morar longe, acho que é mais negócio comprar o que precisa no Brasil, pq a chance de você perder um dia caminhando em CDE e não achar nada que queria, como eu, é grande.. Att. Solano
  6. Bom.. Na Patagônia Sul, fiz e recomendo os seguintes locais: - El Chalten: A trilha nos entornos do Fitz Roy: sai da Hosteria El Pilar até o Centro da cidade. Dura o dia inteiro, não custa nada (fora o táxi até a hosteria, que sai barato, e a comida que você levar). São aproximadamente 15km de caminhada leve, e de lá você tem vistas incríveis tanto do Fitz Roy, quanto do resto da região. - El Calafate: Passeio de Catamarã: O que passa por todos os glaciares é muito bom. Te pegam cedo no hostel e te levam até Puerto Bandera, que fica há 50km de Calafate. Lá você embarca em um catamarã e sai pra um passeio que dura o dia inteiro, por todos os glaciares da região. Procure a empresa Solo Patagonia S/A, que é a que tem a concessão pra fazer o passeio, as outras só vendem os pacotes deles mais caros. Custa em média 750 pesos. Recomendo. Mini-trekking sobre o Perito Moreno: Te buscam no Hostel e te levam até o Parque Nacional Los Glaciares. De lá você fica um pouco nas passarelas que tem ao redor do Perito Moreno, e depois vai pra um porto pequeno, onde toma um barco até perto do glaciar, de onde sai a caminhada guiada de mais ou menos uma hora e meia sobre o gelo. A sensção é muito boa. Apesar de ser um passeio super clichê em Calafate, é uma experiência única. A empresa que tem a concessão é a Hielo y Aventura, as outras tbm só vendem, ou seja, compre direto com ela pra evitar pagar mais caro. Paguei 800 pesos diretamente com a Hielo y Aventura. - Puerto Natales: Só fiz o Full Day a Torres del Paine, o qual recomendo muito! Tem várias empresas que fazem. Você faz um percurso imenso dentro do Parque Nacional Torres del Paine de van, parando nos mirantes e fazendo uma pequena caminhada até um mirante do Glaciar Grey. Eu paguei 20.000 pesos chilenos pelo passeio mais 18.000 de entrada no parque (beem caro). - Punta Arenas: Só fiz o passeio a Colônia de Pinguins no Ceno Ottway, que fica nas redondezas da cidade. Não fiz o da Isla Magdalena pelo seguinte motivo: Como eu nunca tinha visto um pinguim, seria indiferente ver 200 ou 60.000. Por isso optei pelo Ceno Ottway, que é muito mais barato que a Isla Magdalena. Custa 10.000 chilenos. - Ushuaia: SUPER RECOMENDADO: Trilha no Cerro del Medio. Suba até o final da Rua Lassere, e continue subindo, você vai passar pelo Hotel Ushuaia e por uma estação de tratamento de água, um pouco pra frente à esquerda tem um portão aberto, passe por ele, e poucos metros a frente, à direita, começa a trilha para o topo do Cerro del Medio. Não custa nada e tem uma visão INCRÍVEL de Uhsuaia. A trilha é meio puxadinha e tem bastante barro, mas vale a pena. Quando você chega lá em cima mal da pra acreditar que você subiu tanto. Quando cheguei lá, começou nevar, foi muito legal.. Passeio de Barco pelo Canal Beagle: Recomendo tbm.. Você sai lá pelas 8 da manhã do porto turístico e da uma rodada de barco pelo Canal Beagle, passando pela ilha dos pinguins, pela ilha dos leões marinhos e pelo farol do fim do mundo. Depois, eles param em uma ilha e fazem uma caminhada de 40m. Atenção: tem duas opções de passeio: com ou sem descer na ilha dos pinguins. Não recomendo o que desce na ilha, é mais caro por pouco tempo no local e nem tem tantos pinguins lá. Observe tbm que tem passeios em grandes catamarãs e em barcos pequenos. Eu fiz em barco pequeno e acho que foi melhor, o pessoal foi muito atencioso, serviram até chopp beagle a bordo haahah.. Custou 500 pesos. Cerro Martial: Super recomendado tbm. Vá de táxi (ou a pé) até a estação do teleférico, que fica há 7 km do centro. Lá você pode subir de teleférico (90 pesos) ou a pé até a base do cerro. Ali neva bastante, da pra descer o glaciar sentado, é muito legal. Sem custo de entrada nem nada. Tem outra trilha que vai mais pra cima, onde dizem que tem uma vista muito boa, mas fui lá de tardezinha e não quis subir pra não descer a noite. Parque Nacional Tierra del Fuego: Uma caminhada light pelo parque, na trilha que costeia o lago. Recomendo, é bem bonito. Lá tem o carteiro do fim do mundo pra carimbar o passaporte. Fiz a trilha costeira, fui até a Bahia Lapataia (onde termina a ruta 3) e depois até o Lago Roca. Custa 150 pesos o transporte ida e volta ao parque, mais 90 pesos de entrada. Sobre o frio: Sim, pros meus padrões, estava frio. A partir de Puerto Natales o frio pegou valendo. Mas, nada que bons casacos não resolvam: Eu passei por todos estes lugares com uma segunda pele conquista e um 3x1 timberland. Se estivesse muito frio mesmo, colocava uma camisa de maga comprida grossa por cima da segunda pele e minha toca. Basicamente, é isso. Qualquer dúvida, estou a disposição.
  7. E aí Jorge.. Sobre dinheiro, leve tudo em dólar e vá trocando de acordo com sua necessidade. Com o aumento do IOF nos cartões de débito internacional e no pré-pago, passou a valer a pena levar dinheiro. Eu me preocupava com questões de segurança, por isso não levei em espécie, porém, depois de atravessar a Patagônia, descobri que pode levar sossegado, só com alguns cuidados básicos de segurança, como não deixar a grana exposta. No Chile tá tudo muito caro. Recomendo que pesquise preços de Hostel antes de ir. Enquanto na Argentina eu pagava mais ou menos 100 pesos por dia (mais ou menos 30 reais no câmbio oficial), no Chile os dois hostéis que fiquei custaram 10.000 pesos chilenos por dia (20 e poucos dólares no oficial). Da mesma forma, as entradas nos parques do chile são muito caras (18.000 chilenos em torres del paine, p. exemplo). Em Punta Arenas, recomendo o Hostel La Estancia, que fica bem no centro, perto de um mercado enorme chamado Uni Marc. Custa 10.000 chilenos, mas é bem confortável e sossegado, tudo muito limpo e tal. O staff arruma todos os passeios que você quiser. Em Puerto Natales, fiquei no Erratic Rock (tem dois, um de galera e outro pra casal). O Hostel é muito bom, o problema é que só tem gringo lá, nem os staffs falam espanhol, quem dirá português. Na esquina do Erratic Rock tem uma agência de turismo que você não dá um real, mas a mulher é bem gente fina e arruma tudo que você quiser. Em Ushuaia é aquela resenha de sempre: Parque Nacional Tierra del Fuego, Glaciar Martial, Passeio de Barco no Canal Beagle, Laguna Esmeralda, etc. Foi o que fiz, recomendo. Em Ushuaia fiquei em dois hosteis, no centro, chamado Cruz del Sur. O Hostel é muito bom, mas o dono toca o lugar como se fosse uma base militar, é cheio de regras e o cara é meio curto e grosso. Paguei 140 pesos por noite. Fiquei em outro que é um pouco mais afastado, mas bem bom, chamado Los Comoranes, fica mais pros fundos da cidade, custa 100 pesos. Recomendo que alugue uma caminhonete se for vir pela Ruta 40. A estrada tá muito ruim, durante o trajeto vi algum carro pequeno parado pelo caminho estragado ou com pneu furado. Qualquer coisa estou a disposição!
  8. Estou neste momento em Puerto Natales, no sul do Chile.. Para descer para a Patagônia, vim de ônibus. Os trechos que fiz foram os seguintes: Buenos Aires-Bariloche, pela Via Bariloche, ônibus leito, custando 1.078 pesos; Bariloche-El Bolson, ônibus convencional, custando 50 pesos; El Bolson-El Chalten, ônibus convencional, empresa Taqsa, por 1.000 pesos (não recomendo, o ônibus é muito ruim para a distância da viagem, recomendo vir direto de Bariloche a El Calafate, o custo é o mesmo e o ônibus infinitamente melhor, mas aí não vem pela Ruta 40); El Chalten-El Calafate, ônibus convencional, custando 200 pesos; El Calafate-Puerto Natales, ônibus convencional, 200 pesos. Na Argentina os preços estão ótimos, a moeda deles esta uma merda. No Uruguai está MUITO caro, quebrou com meu orçamento; Cheguei hoje no Chile, mas já vi que os preços estão meio salgados. Quanto ao deslocamento de Montevideo a Buenos Aires, todas as pessoas com quem conversei disseram que é mais vantajoso ir de buquebus, que foi o que fiz. É bem mais rápido e a passagem não é tão cara, cerca de 500 pesos, sendo que de quebra vc ja vai passar um dia em Colonia del Sacramento. Daqui, vou a Punta Arenas e de lá para Ushuaia, de ônibus. Me disseram aqui que a viagem entre Punta Arenas e Ushuaia é de cerca de 12 horas e os horários não são regulares. Quando chegar em Punta Arenas e me informar melhor passo alguma informação mais completa. E se vai descer, tragam casacos, esta frio pra caralho!!! Att, Solano
  9. Segue o link do mochilaao que estou fazendo com mais tres amigos, passando pelo uruguai, argentina e chile, entre 26-dez-2013 e 06-fev-2014,.. Acabei de mandar a primeira publicaçao.. http://demochilon.tumblr.com/
  10. Boa tarde Mari.. Estive no Paraguai (Ciudad del Este) há aproximadamente três semanas, atrás de uma mochila de qualidade, de uns 90 litros, uma jaqueta 3x1, segunda pele e uma bota impermeável, pro mochilão que vou fazer no final deste ano, rumo à Patagônia Argentina, e eis o resultado: NADA! Absolutamente nada. Rodei Ciudad del Este a manhã inteira, de cabo a rabo, passei por todas as lojas que poderiam vender estes equipos, fui em todas que me indicaram os vendedores de lá, e nada. Pra não mentir, achei uma mochila cargueira enorme por 40 reais (nem preciso falar da qualidade), e botas, só Cat e Land Rover. Pelo que lembro, passei pela Nave, Casa Americanas, Casa China, Sacks, Monalisa, Pirâmide, Bonita Kim, e mais umas 10 lojas pequenas, mas não achei nada. Todos justificaram que a demanda não é grande e que, por isso, não vale a pena para os lojistas estarem importando tais produtos. Se vc quiser equipamento pra esporte e tal, dependendo qual, vc encontra na Casa China e na Nave, mas no meu caso específico, de equipamento pra frio, não achei nada. Acho que no caso da escalada não vai ser diferente. Att. Solano
  11. É... o problema é o tal do câmbio oficial. Pensei seriamente em levar tudo em dólar, mas aí tem o problema da segurança. Sobre o Travel Money, pelo que o cara do banco me explicou, ele passa nos lugar em que aceita Amex, mas não entendi como funciona no caso de sacar dinheiro, pq até onde sei Amex é uma bandeira de cartão de crédito.. Vamos ver quando chegar mais perto do dia D.. Sobre as roupas, considerando que eu não pretendo acampar durante o trajeto, vc acha que é suficiente? Pelo que li no fórum fiquei seguro que sim, mas nada como alguém que já foi falando diretamente...
  12. Estou com mochilão marcado para a mesma época, com alguns destinos em comum.. Segue o link com meu roteiro: http://www.mochileiros.com/mochilao-40-dias-uruguai-argentina-chile-2013-2014-itinerario-e-duvidas-t88574.html Sobre passagens de ônibus e avião, segue minha planilha em anexo, lá tem informações sobre empresas e valores. Eu recomendaria vc voltar de Ushuaia diretamente para São Paulo na volta.. Provavelmente vc vai tá cansado e querendo ir pra casa, e de Ushuaia a Bariloche é muito chão. Mochilão.xls
  13. Pelo que minha amiga me passou, de ônibus, partindo de Foz, vc terá as seguintes opções: Empresa Nuestra Señora de La Asuncion, ônibus convencional, saindo as 18 horas, que ela não recomenda; Nuestra Senõra de La Asuncion, ônibus leito, saindo as 00:05: Destes dois, o valor da passagem não passa de 60 reais; Tem também a empresa Sol del Paraguai, que sai a 01:00 da manhã, segundo ela é muito bom e é um pouco mais barato.. Pra mais detalhes sobre tarifas, tenta dar uma procurada no site destas empresas.. Att. Solano
  14. Estou com um mochilão de 40 dias pelo Uruguai, Argentina e Chile marcado para o final deste ano.. Não sei detalhes sobre seu itinerário, mas pela localização dos países e as v'árias coisas que tem para conhecer em cada um, acho que seu tempo será curto, bem como o dinheiro.. Eu tinha planejado gastar 5 mil, mas comecei a comprar passagem aérea de volta e equipos e vi que vai passar disso.. Meu roteiro: http://www.mochileiros.com/mochilao-40-dias-uruguai-argentina-chile-2013-2014-itinerario-e-duvidas-t88574.html
×
×
  • Criar Novo...