Ir para conteúdo

Jacirene

Membros
  • Total de itens

    8
  • Registro em

  • Última visita

Reputação

1 Neutra
  1. Jacirene

    Salinópolis

    Você pode ir de onibus a partir da rodoviária de Belém.
  2. Olá! Fiz a reserva no Mar e Mata no Decolar.com para o periodo de 7/5 a 12/5/2015. Gostaria de dicas de passeios. Vou com meu marido, minha sogra e meus dois filhos de 22 e 5 anos (só faltou o cachorro) rs rs
  3. Aeee, xaliba. Seu relato me motivou a aprender inglês. Vou seguir suas dicas. Abração!!!!
  4. Jacirene

    Salinópolis

    Olá, sou nova por aqui e resolvi contribuir com este tópico. Estive Em Belém e em Salinópolis (apelidada carinhosamente de Salinas pelos paraenses) de 04 a 10/09/2011. Como o tópico é sobre Salinópolis, vou relatar minhas impressões sobre a minha estadia lá, que foi de três dias ( 7 a 10/09/2011): - O local é ótimo. A cidade é pequena, mas muito bonita, arrumadinha. O povo de lá é hospitaleiro e dão informações direitinho pra gente; - Saindo de Belém, fomos de taxi, eu, meu marido e meus 2 filhos (o menor tem 2 anos) e foi bem tranquilo. Contratei um taxista que o Hotel me indicou, o "Seu Fiel" - 91 8234 1597. Ele cobra 35,00 por pessoa, preço que aliás está muto em conta até mesmo pela comodidade. ele nos apanhou no Hotel Grão-Pará, no Centro de Belém e nos levou até a Praia do Atalaia em Salinópolis; - Ficamos hospedados no Hotel Guará (pagamos 130,00 a diária para apto triplo). O local é limpo, arrumado, porém não tem TV a cabo nem Internet. O que me salvou foi o modem da Claro que eu levei e conectei sem problemas; - O Hotel não possui serviço de quarto então fazíamos nossas refeições fora. Quase em frente ao Hotel (que fica a 100 metros da praia) tem umas barracas onde vendem café da manhã a preços bons. Para vocês terem uma idéia, gastávamos em média 15,00 reais de café para nós quatro; - Almoçávamos na praia. Tem pratos para todos os gostos e bolsos. As barracas aceitam cartões Visa e Master (somente no débito). Não notei a presença de muitos vendedores. No geral, eles não são insistentes. Jantávamos no restaurante Nordestino que fica ao lado do Hotel (este não aceita cartão, só dinheiro); - Como não fiquei lá no fim de semana, não sei dizer como é a vida noturna. Mas parece que é bem agitada nos fins de semana com shows de bandas locais. Um lugar muito bacana para ir a noite é a Orla do Maçarico. São 2 km calçadão, com muitos bares, restaurantes, pizzarias, sorveterias e parquinhos para as crianças. Achei que tinha pouca gente lá na sexta à noite. Mas em Julho que é alta temporada, o local deve bombar. Tem um restaurante lá, o Goaino que é onde se contratam excursões para as ilhas e praias próximas. Infelizmente não deu tempo pra gente conhecer, snif... ; - Quanto às praias, as principais são Salinas, Farol Velho e Atalaia, todas próximas umas das outras. A praia do Farol Velho é a mais calma, com poucas barracas e mais família também. Um fato curioso: o povo de lá e das cidades vizinhas entram de carro na praia e de vez em quando tem um carro que atola e é engolido pelo mar. Lá ocorre o fenômeno das marés e é impressionante como ela sobe rapidamente (sinistro); - Também visitamos as Dunas e o "Lago da Coca-Cola", que é um lago de águas escuras que parecem mesmo coca-cola. O lago é raso, excelente para as crianças. São lindíssimas as paisagens de lá. Enche os olhos e deixa muita saudade quando partimos; - Lá só tem Banco do Brasil e Banpará. Na praia do Atalaia, em frente o Hotel Privê, tem um quiosque do BB que está sempre abastecido. Também tem Banco 24 Horas, mas eu não sei informar ond estão localidados; - No sábado, 7 da manhã, lá estava o "Seu Fiel" em frente ao Hotel pronto para nos levar ao Aeroporto em Belém onde tomamos o vôo de volta pra casa. Tomamos café na estrada, no Município de Santa Maria (delicioso!). Beijos e até a próxima viagem!
×
×
  • Criar Novo...