Ir para conteúdo

Hernan Aldunate

Membros
  • Total de itens

    22
  • Registro em

  • Última visita

Reputação

2 Neutra

Sobre Hernan Aldunate

  • Data de Nascimento 28-05-1977

Bio

  • Ocupação
    Administrador de Sistemas SAP
  1. Santiago - Pucon PUCON - DIA 21, 21 E 22 (EXTENSÃO A VILLARICA) Seguindo com a nossa aventura, fomos até Pucon já no Sul do Chile. Na chegada bem cedinho já era possivel sentir o clima bem mais frio do que Santiago e fomos dar um role na cidade. Lá é possivel caminhar com o lindo vulcão sempre a vista, compramos uns souvenirs "mapuches", os indigenas chilenos e a os imigrantes alemães também maracaram sua presença por aquela região. Visitamos um dos centros termais da zona, as de Coñaripe mas o pico alto foi sem duvida o Parque Nacional Huerquehue, com esplêndidas maravilhas naturais c
  2. Continuando pelo Chile... ...chegamos em Valparaíso no Oceano Pacífico. É bem pertinho de Santiago (como São Paulo - Santos) e vale a pena pegar 1 ou dois dias de bate-volta por lá. Claro se o tempo estiver bom, caso contrário não vira. A cidade e bem típica de praia porém com um estilo diferente das nossas por aqui. Viña del Mar e Valparaíso são coladas uma na outra ou poderíamos até dizer que são quase duas cidades em uma. Boas praias mas bem longe das tropicais que temos por aqui no Brasil. Os preços por lá já sobem um pouco com relação a Santiago. Moderna e principalmente Viña é be
  3. Mendoza - Santiago Santiago - DIAS 16, 17, 18 E 19 (COM BATE-VOLTA PARA VIÑA DEL MAR/VALPAÍSO) Bem, a travessia pelas Cordilleras de los Andes é impagável!!!! Montanhas enormes, com gelo no topo (frio de rachar sim principalmente no inverno). O busão passa bem no meio delas e se der compre o busão com antecedência, pois são de dois andares e se vc pegar um dos 4 primeiros bancos do andar de cima certamente vai ser recompensado pelas fotos e paisagens privilegiadas que irá ver. Foi o que fizemos logo na chegada a Mendoza e segue aí a dica! Pode-se comprar nos sites das cias tambem pela
  4. Cordoba - Mendoza MENDOZA - DIA 16, 17 e 18 Bem conforme disse chegamos em finalmente em Mendoza. Situada aos pés do leste andino, Mendoza foi destruída por um terremoto há anos e anos atrás. Hoje extensamente reconstruída, tem praças ajardinadas, todos com nomes de países como Plaza España, Plaza Italia etc, e decoradas com ajulejos, murais, estátuas e fontes. É realmente lindo fazer o tour (por conta própria) por essas Plazas de Mendoza. E foi o que fizemos no primeiro dia por lá. Coração da indústria do vinho na Argentina, a cidade é a base ideal para explorar as excelentes "b
  5. Buenos Aires - Cordoba CORDOBA - DIAS 14 E 15 Viagem tranquila até Cordoba e aqui vai uma relato. O busões argentinos são n vezes melhores que os brasileiros a nivel de conforto e serviço. E mais baratos tambem diga-se de passagem. Portanto segue a dica, ao viajar pela Argentina, pode ir de onibus tranquilamente. Situada em um amplo vale das "sierras" centrais, a segunda maior cidade da Argentina é uma metropole moderna e um centro universitário. Possui a mais bela arquitetura colonial do país, que inclui o "Quarteirão Jesuita", muito bem preservado. Com uma população de descendent
  6. BUENOS AIRES - PARTE II Após uma noitada braba foi impossivel levantar cedo conforme planejado. Então começamos pelo Congresso indo de metrô (ou subte como dizem os argentinos). Belo lugar com belos cafés ao melhor estilo Paris e onde vc pode caminhar tranquilamente. Assim chegou a hora do rango pois já era tarde e não teve como recusar um belo bife de chorizo con papas. Retornamos a Puerto Madero para então dar uma explorada na região durante o dia. Puerto Madero é resultado de uma competição municipal para a criação de novas docas de Buenos Aires, a fim de armazenar grãos e outros produ
  7. Montevideo - Buenos Aires BUENOS AIRES - DIAS 10, 11,12 e 13 Chega o grande dia! Buenos Aires estava linda, romantica, boemia e esperando pro nós. Há um famoso tanto que diz "Buenos Aires tiene ese que sé yo" e de fato tem algo naquela cidade que me encanta. Talvez a paixão, demostrada claramente pelos torcidas (hinchadas) argentinas que vão aos estadios não para torcer, mas para dar um espetaculo de amor aos seus clubes nas aquibancadas. Talvez o tango com seus passos e suas melodias que atingem o fundo da alma e nos deixa apaixonados por um instante, talvez La Boca e Caminito num fim
  8. Porto Alegre - Montevideo MONTEVIDEO - SETIMO, OITAVO E NONO DIAS (EXTENSÃO PARA PUNTA DEL ESTE) Por volta das 8 hs da manhã do dia seguinte já estavamos no Terminal Tres Cruces de Montevideo. Uma rodoviaria não tão grande porem moderna se comparada as demais capitais sulamericanas. Tempo não tão agradavel, por la mesmo ja nos informamos sobre as opções para seguir rumo a Buenos Aires e percebemos que a melhor forma seria via Rio de la Plata, com saída do Porto de Montevideo. Para la seguimos então iniciando o role e deixando as mochilas la na Rodoviaria mesmo (um pouco mais cara do q
  9. Florianópolis - Porto Alegre PORTO ALEGRE - QUARTO, QUINTO E SEXTO DIAS (COM DIREITO A NOVA PETRÓPOLIS POR ACASO) Por fim estávamos no Rio Grande do Sul! Fundada na margem direita do rio Guaíba, Porto Alegre foi uma guarnição militar portuguesa destinada a defesa contra invasões dos espanhois no sul do Brasil. Hoje é a capital do Rio Grande do Sul e um importante porto comercial. A cidade tem vários edificios publicos importantes e uma vida bem dinamica. A maioria das suas atrações fica nas areas centrais da Cidade Baixa e da Cidade Alta, e os melhores restaurantes, bares etc ficam em
  10. Curitiba - Florianópolis FLORIANÓPOLIS - SEGUNDO E TERCEIRO DIA Chegando em Florianópolis naquela noite de Sabado nos informamos onde dois mochileiros poderiam encontrar uns bons bares e boa diversão também e nos recomendaram a região da Lagoa da Conceição (já na ilha) como um lugar de destaque noturno. Pra lá fomos tomando um onibus num terminal que fica bem ao lado da Rodoviária que após dar uma boa volta pela ilha nos deixou por lá. Enfim o lugar ferve realmente por lá e mais detalhes daquela noite fica em privacidade rs rs show de bola! No outro dia meio de ressaca começamos a
  11. São Paulo - Curitiba CURITIBA - PRIMEIRO DIA Segue mais um relato de viajem que resolvi regatar de um passado recente 2009. Posso considerar esse meu primeiro mochilão de verdade apesar de que eu ja tinha conhecido alguns dos lugares aqui relatados, porém sem viver é claro a emoção e o prazer de mochilar. Um roteiro idealizado durante anos por mim e meu melhor amigo desde a infância porem que nunca saia do papel e das inúmeras conversas de bar. Até que um dia por um acaso desses da vida que somente acontece uma vez, enfim, tudo se tornou realidade. Enfim, vamos ao relato que é o que s
  12. Finalizando essa pequena aventura de Lima parti em voo direto de aprox 1h rumo a Cusco. Gostaria de ter pegado um busão para sentir mais emoção, que demora em média 20 horas para para fazer o mesmo trajeto porém mais uma vez a questão tempo não permitiu. Chegando em Cusco, dor de cabeça imediata devido aos mais de 3.000m de altitude. Já havia ouvido vários relatos sobre isso e pude comprovar que a coisa é séria mesmo. No próprio aeroporto de Cusco temos os taxistas/tour guides oferecendo não só a corrida até o Hotel como também vários tipos de tours pela região. Na verdade eu tinha tudo e
  13. Bem, após algumas horas de voo (voo que alias eu odeio e não condiz com o espitiro mochileiro mas que era necessario devido ao curto tempo), finalmente cheguei em Lima, a capital do Peru. Lima é uma cidade de contrastes, cultura e agitação. Malabaristas, engolidores de fogo e ambulantes circulam nos engarrafamentos em ruas ladeadas por mansões da época dos espanhóis, ruinas incas, igrejas históricas e museus repletos de tesouros. Embora menosprezada como mera porta de entrada para o Peru e de la já vazar para Machu Picchu, eu achei que Lima merece sim seus pelo menos 2 a 3 dias de estadia, que
  14. OK, após algumas horas cheguei em Bogotá na Colômbia! Por volta das 6 da manhã, ao contrário do que eu haviao escutado foi bem tranquila e rápida a saída do aeroporto assim como o visto de transito para. Peguei um taxi amarelinho de dentro do aeroporto (mais caro porem sem stress), até porque não tinha tempo por causa da escala. Por volta de 7 hs da manhã ja estava tomando um famoso café colombiano. Dica, não faça como eu (o que todos fariam talvez) pedindo simplesmente um café. Os colombianos entendem que café é café com leite e quando recebi o meu reclamei e então me foi esclarecido. Enfim,
  15. Ok, seguimos para as ruinas Aztecas de Teotihuacan ao norte da Cidade do Mexico. Metro ate um tal de Terminal Norte e de la um onibus para Teotihucan direto (30 min aprox). Detalhe e que la na Cidade do Mexico nao existe so uma rodoviaria tipo Tiete mas sim Terminais Norte ou Sur etc, ou seja, mais de uma Rodoviaria. De acordo com o destino que vc vai tomar vc segue para o Terminal correspondente. La vi busoes para todas as localidades Mexicanas ao norte, como Guadalajara, Monterrey etc e inclusive busoes que vao para os EUA (Houston, Dallas e ate Chicago rs). Esse ultimo deve ser punk heim, u
×
×
  • Criar Novo...