Ir para conteúdo

Rezzende

Colaboradores
  • Total de itens

    441
  • Registro em

  • Última visita

  • Dias Ganhos

    15

Tudo que Rezzende postou

  1. Caro é...mas é por aí mesmo...fui em fevereiro/2017 e paguei perto disso, acho que até mais...
  2. Olá!! Espero que outra pessoa que tenha feito esse trajeto possa te ajudar melhor, mas eu fui de San Cristobal pra Palenque e de lá pra Yucatan, porém um alemão que estava no tour comigo ia de Palenque pra Guatemala e ia direto pra Flores, sem passar em Belize. Não sei ao certo como ele ia mas me parece que ele já tinha fechado um transfer em San Cristóbal. Repetindo, espero que alguém possa te ajudar melhor, mas por alto sei que dá pra ir direto sim. Qualquer coisa vc pode se informar em San Cristóbal se seu roteiro passar por lá
  3. e ae @filiperocha blz!! Onibus de El Calafate a El Chalten e vice-versa quando eu fui em fevereiro de 2017 tinham 3 empresas que faziam a linha (Chalten Travel, Caltur e Taqsa) mas os preços e horários são muito parecidos. Resumindo eram 3 horários no dia, por volta de 8 da manhã, 13h e 18h. Existem transfers também mas como não usei não posso te dar detalhes, o mais conhecido era o Las Lengas Mas acho que onibus te atende bem Vou deixar aqui o link do relato da minha viagem caso vc queira dar uma olhada, passei em Ushuaia, El Calafate e El Chalten. Na parte chilena eu não
  4. Realmente Tiradentes é caro... Não sei se vc vai estar de carro ou qual será seu meio de locomoção mas as vezes pode ser interessante ficar em algum lugar vizinho a Tiradentes. Destaco Bichinho, Prados ou até São João del Rei
  5. Vc vai quando @caio.acquesta? Eu fui nesse último abril e fiz um roteiro muito parecido com 22 dias O vulcão Popo tava em erupção nos dias que eu fui, não vi nada dele Os preços dos sítios arqueológicos hoje estão em 75 pesos Pensou na possibilidade de ir em Bacalar? É lindo!!
  6. @Thaís_Ferreira eu fiquei 7 dias no Uruguai em 2016 e fiz esse relato que vc pode ler se quiser alguma dica e lá tem qual onibus pegar e onde, essas coisas... Fui nesses lugares que vc quer ir e também em Piriápolis que é mto bacana. Por conta própria é melhor e companhia vc encontra pelo caminho hehe Só acho que Punta vai estar beeeem vazia no final de junho e isso tem suas vantagens e desvantagens...
  7. Olá @BenS tua história lembra um pouco a minha...também adoro Geografia, tanto que fiz faculdade e me formei geógrafo. Também tenho minha lista de lugares pra conhecer Na sua idade eu gostava de conhecer as cidades próximas aqui em Minas que eu não conhecia. E eu comecei assim, viajando por Minas mesmo e com 25 anos que comecei a viajar sozinho pra outros estados e aos 30 pro exterior. Eu parto da ideia que precisamos primeiro conhecer primeiro nosso quintal pra depois conhecer a rua, o bairro...Acabei saindo um pouco da linha pois não conheci o Brasil inteiro antes de partir pros países v
  8. Verdade @michradu, talvez nos encontramos naquele centro lotado Assim como o Brasil o México é um país enorme, impossível de ser conhecido em apenas uma viagem...Com certeza quero voltar
  9. Mais um relato bacana surgindo hein... Realmente as pessoas que nos acompanham nesse tour fazem toda a diferença, afinal vamos ficar quase 3 dias somente com eles..No meu não tive nenhuma gata apaixonante, só tinha uma colombiana que tava com o marido, dois franceses e outro brasileiro, mas a sintonia da gente foi mto bacana Meu tour tive o prazer de ver o por do sol, o mais lindo que já vi...a gente deixou as coisas no hotel de sal e fomos numa parte do salar bem próxima do hotel e depois ficamos pra ver as estrelas mas aí já numa parte de estrada de terra pois o guia disse que real
  10. nao sei teu estilo mas...eu dormi uma noite no Tayrona e deu vontade de ter ficado mais...é um lugar simples e mto bonito, vale demais a pena, eu adorei a experiencia de acordar de madrugada numa rede e ouvir as ondas ali do lado...
  11. Não conheço Ibiza, mas acho que ia combinar comigoe olha que já passei dos 30 também esse negócio de idade é relativo demais, tudo mto psicológico, o que importa é seu estado de espírito...eu por exemplo vou ser o tiozão da balada, certeza Dificil pensar em lugar pra esportes na Europa...Barcelona parece interessante, parece ter um pouco de tudo...
  12. Amsterdam cura qualquer depressão amorosa
  13. @luizh91 obrigado por curtir o relato!! Espero que vc possa ir logo. Realmente um país que tem de tudo e uma cultura riquíssima!! @JoseEduardoAmaral fique a vontade pra qq pergunta!! Sempre que pude viajei à noite. Os riscos estão aí em qq lugar do mundo né...Comigo foi tranquilo e recomendo, só dei uma volta desnecessária indo de Palenque pra Valladolid quando poderia ter ido pra Bacalar, mas se esse for seu roteiro já ajusta essa parte. Boa viagem e deixa seu relato pra gente depois @D FABIANOrealmente assustei um pouco com o tanto que o mexicano tem que trabalhar. Já sabia que um
  14. Então, foram umas duas horas com um curativo improvisado até eu conseguir os pontos Eu fiz o seguro da Travel Ace e tentei ligar pro telefone deles mas dava como numero inexistente, então parti pro plano B de pagar e pedir reembolso. Com um mês me pagaram. Agora na minha última viagem pro México eu fiz o seguro do cartão de crédito pq o Nubank me mandou um platinum aí dá direito ao seguro mas lá deu tudo certinho Então vc já conhece meus relatos Longe de serem divertidos como os seus mas acabei de terminar hoje o relato do México, dá uma conferida lá depois
  15. Quinta, 18 de abril de 2019 – Ciudad de México O dia já tava pensado pra compras há muito tempo...Adoro comprar quinquilharias e durante a viagem não tinha comprado nada, primeiro pra não ter que carregar por aí de uma cidade pra outra, segundo que no final da viagem já saberia o que tava sobrando de dinheiro e o que dava pra gastar. Queria comprar mezcal em Oaxaca mas como ia ser uma logística meio complicada pra carregar essas garrafas pelo México afora, perguntei em Oaxaca onde seria bom e barato comprar mezcal na Cidade do México e me indicaram ir na região que apelidei de 25 de março
  16. Já passei por alguns perrengues, o pior foi em Santiago quando caí no banheiro do hostel e tive que dar pontos, saí numa via crucis pela cidade pra conseguir atendimento, fui num posto de saúde pública que não deu a mínima, numa clinica particular que pediu caução e não me atendeu e só na terceira consegui e tive que pagar pelo atendimento pro seguro reembolsar depois, o limite do cartão de crédito não aprovou o pagamento, tive que pedir limite emergencial, enfim...foi uma novela Ainda tenho as cicatrizes no pé pra lembrar daquele dia Escrevo todos meus relatos de viagem, tento usar uma l
  17. Segunda, 15 de abril de 2019 – Playa del Carmen/Isla Mujeres Acordei animado pra ir embora de Playa Nem cogitei a possibilidade de ir pra Cozumel pois li que era um lugar mais pra quem curte mergulho e eu não sei nadar e tenho fobia de ficar embaixo dágua então não ia rolar, mas quem curte mergulho Cozumel parece ser bacana. Também descartei ficar em Cancun pois já pensava que a cidade não era meu estilo e pelo que provei em Playa (que dizem ser uma mini Cancun) percebi que não ia curtir Cancun também. Mas tava com ótimas expectativas pra Isla Mujeres. Tomei café e fui pegar uma va
  18. Sexta, 13 de abril de 2019 – Bacalar/Tulum O dia amanheceu nublado. Assim o lago já não ficava tão bonito mas mesmo assim pela primeira vez na viagem sentia que deveria ficar mais ali, apesar que isso ia me comprometer outros lugares. Se soubesse o que me esperava em Playa del Carmen eu tinha ficado mais em Bacalar… Me despedi daquela laguna inesquecível, fui a pé pro terminal e comprei passagem pra Tulum às 10:15 por 274 pesos. Cheguei em Tulum 1 da tarde e fui pro hostel que era próximo do terminal, umas 2 quadras. Fiquei no Weary Traveler, um hostel bem bom, wifi ok, bar com happy
  19. Quarta, 10 de abril de 2019 – Chichen Itza/Bacalar Levantei 7 horas, fiz checkout, deixei a mochila na recepção e 7:30 já estava com a Åsa esperando o hostel liberar o café. Saímos às 8h e fomos pro ponto de onde saem as vans pra Chichen Itza, de uma garagem ao lado do terminal da ADO em Valladolid. Elas esperam encher pra sair mas encheu rápido. Cobram 35 pesos e levam 35 minutos até lá. Chegamos lá umas 9 horas, dentro do recomendado que é antes das 11 da manhã mas já tinha bastante gente na fila da entrada. Ficamos uns 10 minutos esperando pra comprar o ingresso. Essa é a entrada mais
  20. Terça, 09 de abril de 2019 - Valladolid Cheguei no terminal de Mérida às 5:30 da manhã. Fui no guichê da ADO e comprei a próxima passagem pra Valladolid que seria às 6:10. Custou 246 pesos e eu achei caro em comparação com outros trechos já que seriam só 2 horas de viagem. Tem muitos horários de Mérida pra Valladolid, não precisa comprar com antecedência. Tomei um café ali no terminal e segui pra Valladolid. Até alguns dias antes ainda tinha dúvidas se ficava um dia em Mérida pra ir em Uxmal ou seguia reto pra Valladolid. 22 dias parecem ser muita coisa, mas com tanta coisa pra ver a
  21. Segunda, 08 de abril de 2019 – San Cristóbal/Palenque A noite no hostel foi meio conturbada O Misha era muito surtado. O espanhol pediu pra ele apagar a luz do banheiro pra gente dormir e ele disse que precisava de claridade e não podia… Lá pela meia-noite chegou uma loira no quarto com aquela cara típica das nórdicas e o velhinho levantou da cama dele e foi perguntar o nome dela, de onde era, coisas que qualquer um de nós faria se não fosse no meio da madrugada quando tudo parecia tranquilo ele salta da cama e começa a andar pelo quarto falando it’s cold!! It’s cold!!! aaarrrggg it’s
  22. Domingo, 07 de abril de 2019 – Cañon del Sumidero O dia começou com horário diferente. O México entrou no horário de verão e o fuso horário com o Brasil passou de -3 pra -2 horas. Como fiquei meio confuso sem saber se o horário do meu telefone tinha mudado sozinho e tinha passeio marcado pra 9 horas, levantei 7 e alguma coisa e perguntei logo uma das funcionárias do hostel que horas eram. Ela me disse que eram 7 e pouco mesmo então meu telefone tinha mudado sozinho Como já estava de pé mesmo (e na cozinha) já tomei café e fiquei de bobeira esperando me buscarem pro passeio. Passaram às
  23. Sexta, 05 de abril de 2019 – Oaxaca/Monte Albán Depois do café fiz checkout e deixei a mochila no quarto de bagagem. Poderia ainda frequentar o hostel, o bar e tomar banho até a noite. Saí pra dar uma volta na cidade e como Oaxaca tem forte tradição de dia de muertos resolvi ir atrás de um cemitério Vi no mapa que tinha um a 7 quadras do hostel e fui pra lá, no sentido contrário do centro por uma região com alguns comércios e sem turistas, nitidamente Oaxaca raiz... Claro que não tinha nada interessante no cemitério, mas consegui captar essa simpática imagem de Feliz Dia de Muertos. Se
  24. Quarta, 03 de abril de 2019 - Puebla/Oaxaca Saí cedo do hostel assombrado, antes de 7 da manhã. Cedinho em Puebla faz um friozinho gostoso, tava por volta de 12 graus. E a cidade bem vazia, afinal no México em geral só vi as coisas funcionando pra valer depois de 10 horas. Não tinha comprado passagem pra Oaxaca, apenas tava acompanhando no site da ADO e vi que ainda tinham algumas vagas pro horário de 08:25 e saí com a intenção de ir nesse. Fui pra estação do metrobus de Analco, a mesma onde cheguei, à 3 quadras do hostel e paguei os 8 pesos pro cara que fica lá na catraca já que eu
×
×
  • Criar Novo...