Ir para conteúdo

tabatajac

Membros
  • Total de itens

    29
  • Registro em

  • Última visita

Reputação

4 Neutra

Sobre tabatajac

  • Data de Nascimento 12-06-1987

Últimos Visitantes

O bloco dos últimos visitantes está desativado e não está sendo visualizado por outros usuários.

  1. Oi pessoal! Alguém que fez ou vai fazer a trilha em 2018 tem os valores atualizados? Não achei nenhum relato mais novo, e queria ter uma ideia de quanto as agências estão cobrando em Cusco. Quero ir ano que vem e ter os valores desse ano já ajuda. Aqui no Brasil, vi que as agências estão cobrando por volta de 340 dólares. Fiz as contas e, fazendo sozinho, sem guia, sairia uns 1.000 Reais (incluindo camping, comida, hostel em Aguas Calientes, entrada em Machu Picchu e trem de volta para Cusco, ou seja, tudo o que estaria incluso no pacote das agências) contra os 1.400 Reais do pacote.
  2. Conhecida como uma das travessias mais bonitas do país, a travessia Petrópolis x Teresópolis é feita dentro do Parque Nacional da Serra dos Órgãos e conta com aproximadamente 30 quilômetros de trilha, que podem ser feitos em um, dois ou três dias. Antes de mais nada, é preciso comprar os ingressos no site do Parnaso e, se for fazer a trilha em mais de um dia, pagar pela sua estadia, que pode ser em camas beliche ou bivaque dentro do abrigo, ou no camping. Vale lembrar que em feriados, principalmente no inverno, a travessia fica bem cheia e os abrigos esgotam rápido. Nós demos sorte e pega
  3. Valeu Marcio! Fechei a minha para o feriado de 7 de setembro. Agora é só torcer pro tempo ajudar! Boa travessia para você!
  4. Oi pessoal! Alguém por aqui tem ou sabe dizer se a linha militar da Macboot é boa? Estou de olho nessa bota: https://www.macboot.com.br/produto/bota-militar-cano-alto-macboot-papoula-04-mostarda/ Eu queria uma bota que desse para fazer trilhas, mas que também desse pra usar no dia a dia, e achei as outras linhas muito masculinas. Obrigada!
  5. Oi pessoal, tudo bom? Estou começando as pesquisas pra fazer a trilha agora em setembro ou outubro, e até agora vi poucas informações sobre água. Sei que no caminho tem alguns pontos que dá pra coletar, mas qual é um bom tamanho de garrafa pra levar? 1 litro é tranquilo? Outra dúvida, sobre os abrigos... Pretendo ficar acampada e levar fogareiro e panelinha. Tem como lavar a panela por lá? Sei que eles tem tipo uma cozinha, mas tinha entendido que era só pra quem estava hospedado no abrigo. Obrigada desde já!
  6. Oi Igor, tudo bem? Então, esse trecho é um pouquinho complicado, já que é área de reserva biológica e é proibida a visitação. Mesmo assim, já vi relatos de pessoas que fizeram esse trecho a pé sem muitos problemas, é só saber que se você for entrar lá, não está fazendo uma coisa exatamente permitida. Um dos lugares que você pode pegar informação sobre o trecho é no livro do J. Bernardo sobre a ilha, ele descreve o trecho direitinho. Tem também trilhas já marcadas que você pode baixar no site Wikiloc para usar no GPS ou no próprio aplicativo deles para celular. Espero que ajude!
  7. Quando começamos a pesquisar Ilha Grande para o ano novo, queríamos uma praia que não fosse Abraão para ficarmos um pouco mais longe da muvuca do feriado. Decidimos por Palmas por vários motivos, mas acho que a proximidade à Caxadaço foi um dos maiores, além do camping que parecia confortável e limpinho. Como chegar: Comecei a pesquisar as muitas maneiras de se chegar à ilha saindo do Rio, e como ficaríamos em Palmas, me concentrei na ida para Abraão, que era a praia mais próxima que eu sabia ser movimentada. Entre elas, destaco as seguintes: Ônibus Costa Verde Rio > Mangaratiba +
  8. Oi pessoal! Estou planejando o ano novo e a Ilha Grande está parecendo uma ótima possibilidade! Já descartamos Abraão de cara por ser muita muvuca (e também mais caro), mas fizemos uma listinha de campings, que ainda não está completa, mas pode ajudar quem está precisando de informações atualizadas. Claro que não tem todos, e muitos (principalmente do Aventureiro) são muito difíceis de conseguir falar, mas aqui vai: AVENTUREIRO Camping do Luís - (24) 99815-3404 Camping do Neneca - (24) 99849-6403 Camping Verti - (24) 99829-3837 Camping do Ruben - (24) 99942.6566 Camping d
  9. Já que não tínhamos viajado no carnaval, queríamos muito acampar na Semana Santa, só não sabíamos onde. Começamos pensando em serra, Teresópolis ou Guapimirim mas acabamos, como todo mundo, decidindo ir à praia. No começo estávamos pensando na Praia do Sono, mas achamos um camping mais barato em Trindade e acabamos indo para lá mesmo. Sobre o camping: Pesquisamos alguns campings entre os mais conhecidos, como Guaiamum, Cabeça do Índio e Menina Flor, mas as diárias estavam um pouco caras por causa do feriado além de alguns cobrarem estacionamento. Fechamos então com o camping Ponta
  10. Que legal Amaury, se precisar de ajuda estamos aqui. Depois conta como foi!
  11. Olá pessoal! Estou começando a organizar o reveillon e estou pensando em acampar em Trindade. Já comecei a pesquisar os campings mas indicações são sempre bem vindas! O que já vi ate agora foi o seguinte: - Ponta da Trindade - http://www.paraty.com.br/trindade/ponta.asp Está muito bem cotado no Trip Advisor, mas acho que deve ficar bem lotado, já que tem capacidade para 60 barracas. - Camping Tarumã - http://www.pousadacabecadoindio.com.br/campingtaruma.asp Fica por trás da Pousada Cabeça de Indio, não fica exatamente na praia mas parece que fica só a 100m de lá. - Nascer do
  12. Oi Debora, tudo bom? A princípio, acho que 15 dias são suficientes sim mas, como não conheço New England, não sei exatamente quanto tempo precisaria por lá. Fiquei 7 dias exclusivamente em Manhattan e consegui fazer bastante coisa mas, claro, tudo depende do ritmo de cada um. Em relação ao frio, eu acho que vai ser uma friaca mesmo, mas dá pra suportar (se o povo lá suporta, a gente também consegue! rs) É um pouco incômodo de andar pelas ruas, que é um dos atrativos da viagem, mas sempre dá pra ir aos lugares de metrô ou táxi. Com criança a coisa muda um pouco, pois imagino que ele sentir
  13. Oi! Obrigada pelo comentário nas fotos, a câmera faz quase todo o trabalho! rs Sobre compras, não comentei muito porque fui com o orçamento bem apertado e tentei fugir dos outlets. Mas, como ninguém é de ferro, acabei passando por alguns, só não comprei muita coisa porque o dólar estava bem tenso (oscilando pelos R$ 3,30). Os que eu fui foram os seguintes: TJ Maxx e Marshalls: 620 Ave of Americas (W19th quase com a 6th ave) A vantagem dessas duas lojas é que elas ficam no mesmo prédio, uma em cima da outra, então você já aproveita a viagem pra ir nas duas. Eu acho que a Marshalls tem
  14. Realmente, o frio lá não é brincadeira! A noite passamos um bom frio também, as cobertas na barraca foram mais que necessárias! Mas vale uma segunda visita no verão, as cachoeiras são maravilhosas!
  15. Olá André! Foi tranquila sim, realmente nos EUA o AirBnB não é exatamente legal, já que as pessoas acabam sublocando os apartamentos, mas quem perguntasse sempre dizíamos que estávamos na casa de uma amiga que estaja viajando. Ficamos neste apartamento. Achei a localização muito boa, no UES, e fizemos praticamente tudo andando, mas se precisar tem uma estação de metrô à umas 5 quadras de distância. A gente resolveu escolher algo bem localizado mesmo que um pouco mais caro para não precisar pegar metrô pra tudo, mas em outros bairros você acha coisas mais baratas. Ah! Última coisa, se
×
×
  • Criar Novo...