Ir para conteúdo

Krishna_bh

Membros
  • Total de itens

    92
  • Registro em

  • Última visita

Reputação

0 Neutra

Sobre Krishna_bh

  • Data de Nascimento 13-03-1974

Últimos Visitantes

O bloco dos últimos visitantes está desativado e não está sendo visualizado por outros usuários.

  1. angescobar e Renisson, Parte do meu roteiro foi feita a partir das dicas desse link: http://www1.folha.uol.com.br/folha/turismo/europa/franca-paris-passeios.shtml Roteiro básico e turistão. Mas assino embaixo a dica do Marcos: google maps e colocar os locais já traçando rotas, aproveitando os pontos próximos. Dica para os museus, que sempre dou: uma tarde ou manhã no Louvre não é nada. Visita de metade do dia lá é só pra falar que foi, ou pra ver coisas específicas. E D'orsay no mínimo uma tarde inteira, pegando aí umas 4 horas. Ah!, ir descansado, rs. Sorte aí.
  2. Grande Fernando! Mais uma vez, sua delicadeza e generosidade pra narrar a vigem e pra ser tão cuidadoso no relato... Vai ajudar muita gente, com certeza. Ótimo relato. O meu tá todo esboçado aqui, mas o tempo vai passando e talz. Deveria ter feito como você, já chegar e escrever. Mas pode ter certeza que ainda posto o relato, com atraso a beça mas posto. Mas passei mesmo pra te mandar um abraço. Krishna. Ah!, e vendo seu relato deu uma vontade doida de viajar de novo. Mas acho que não irei tão cedo... Pena.
  3. Burrano é uma das ilhas próximas à Veneza. Além de Veneza, a ilhona, tem outras ilhas também que você pode visitar. Tipo um bairro mesmo. A história foi a seguinte. Como eu e Ana não nos dispunhamas a pagar uma gôndola (achei caro e meio brega, rs.), compramos o passe diário que dava direito a andar de barco a torto e a direito durante um dia. Algo em torno de 15 euros, se não me engano. Aí fomos à praia deles lá, num das outras ilhas e depois a Burano. Adianto que a viagem dura lá uma hora fácil. Mas é recompensadora. Tire uma tarde pra fazer isso (mas vá bem no iniciozinho da tarde, pra não fazer tudo correndo), andar de barco a toa e aproveite e vá a Burrano e no mais você quiser. Aproveite também para andar de barco pelo grande canal, é lindo. O custo, sem passagem, com tudo mesmo lá, foi de 8.400 reais aproximadamente, pro casal. Ainda preciso fazer os cálculos corretos. Já estou somando as compras antecipadas que fiz aqui do coliseu, louvre e vaticano. Só não somei o seguro, que esse eu dei de presente pra mim e pra Ana (vulgo, ficou por minha conta. rs). Fiz o seguro na Porto Seguro, deu por volta de 175 reais por pessoa, pra 25 dias de viagem. Quanto ao VTM eu pedi dois em meu nome e ativei apenas um. O outro, desativado, eu daixava com a Ana. Esse era para caso de perda, roubo, etc. Daí a gente compartilhava um só mesmo. Aliás, quase toda transação financeira era eu quem fazia, então eu andava com o ativado quase toda hora. Foi muito tranks assim. E a imigração em Portugal, apesar da fila, foi tranks demais. E pelo que li antes da viagem, se você tiver os comprovantes com os valores, isso já conta. Acho que você não precisa esquentar não. Leve extrato de conta-corrente, poupança, cartões, etc., mais as notinhas de depósito do VTM. Nao tem erro. Ainda mais que você entra por Lisboa, com nós entramos. Já adianto: eles não me pediram nada. Nem pra Ana. Fomos juntos, o cara olhou pra nós dois, deu um bom dia, e carimbou o passaporte. Foi assim com todo mundo que vi. Inté.
  4. Opa Luciano, beleza meu velho? Então, você tinha me perguntando, há uns dois meses (ichi, já tanto tempo assim?) sobre os lugares que eu ia fica na minha viagem. Respondi na época que ai ver (claro, né!, não tinha ido ainda!) e te falava. Vim aqui te falar mas vi que você já escolheu tudo. Bom, digo que me pareceu que os preços que você pagará ficaram bem em conta. Conseguiu tudo com banheiro como você queria? E ótimo o preço em Roma, heim? Roma, aliás, eu não recomendaria o lugar que fiquei... E se não posso te dizer mais se você deve ficar ou não, já que tá tudo escolhido mesmo, pelo menos posso te tranquilizar quanto ao Bastille. O lugar está em ótima localização. Tranquilo à noite. O pessoal que atende é muito massa. Outra coisa, pra quebrar o padrão "frances", rs., é bem limpo. Voltaria lá e recomendo. Aliás, custo benefício garantido. Depois me conte se teve a mesma impressão. Dica: o café da manhã é meio fraco. É um pãozinho e você coloca margarina ou geléia a volunté... Pro comer, só isso. Mas tem uma máquina de café e você bebe a volunté também. Aquelas máquinas expresso. Capuccino, leite com café, etc. Ihhh! eu enrolo demais pra escrever... Bom, a dica: compre frutas, bolachas, presunto, ou/e o que mais seu desejo decidir, pra incrementar o café. Fica perfeito e barato assim e ninguém te enche o saco de fazer isso. Vi algumas pessoas fazendo isso. Se calhar, peça mais um pãozinho, rs. Concordo com o Colormundi também. Dois dias inteiros em Veneza é ainda pouco. Se pudesse voltar atrás, ficaria mais dias lá fácil (aliás, acrescentei mais um dia por dica dele, do Colormundi). Cidade linda, alegre, muitos universitários. Segunda cidade mais bonita que visitei, depois de Praga. Dica lá: faça a visita ao Palácio Ducalle. Foi uma das atrações mais bacanas que visitei em toda minha viagem. Me conte depois também. E, se puder, faça uma coisa que não fiz por pão duragem e por desconhecimento (eu não sabia disso! E faça se você gostar de arte). Vá ao museu da Academia ver o Homem Vitruviano do Da Vinci. Eita vacilo!, achava que ele tava em Florença. E outra: o Colormundi tinha dado essa dica em outro lugar. Segui e não me arrependi. Visitar Burrano, a das casinhas coloridas. Minha dica especial se for lá: coma a fritada de frutos do mar (se você gostar) com batata. Tipo um pf deles. Uma delícia. Sei lá, acho que é só isso. Fiquei com culpa de não ter te respondido antes de você ter decidico os lugares... Abraço e sorte na viagem.
  5. Olá Roba.Beta! Olha só, to achando meio puxado os dias em cada cidade. Quer dizer, nem tanto isso. Mas você tá meio fazendo um zigue-zague e em outras vai-volta. A primeira dica é diminuir o vai-volta, fazendo um roteiro mais, digamos, "racional". Sem ofensa, ok? Mas como você já comprou passagem, o negócio é ajeitar. Outra coisa que posso te dizer: não conte o dia de deslocamento como um dia normal. Ainda mais se você estiver mudando de país. E se for de avião, pior ainda, né?, rs. Deslocamento pro aeroporto, check in, espera, ........ Tá, voltando a dica do vai-volta... Tende dispor as cidades fazendo um círculo e fechando. Tipo você estão entrando por Madri, dai acho que não devia ir a Roma, Grécia e depois voltar pra Florença e seguir viagem. A invés disso, você pode ir depois de Madri à Grécia e aí ir subindo: Roma, Florença e Veneza. Sacou? Aí vai para Paris e sobe depois pra Londres. Talvez assim ficasse melhor. Claro que há outras maneiras de ajeitar. Pense ai e ouça outras opiniões. Dê uma pesquisada em relatos de viagem da galera sobre albergues e hotéis. Ainda mais que cada um tem um tipo de exigência em relação aos alojamentos. Aí você tem que dizer que grana dispõe pra isso e quais são suas exigências. E vai pesquisando e perguntando. Por exemplo: algumas cidades que fui batem com as que você vai. Dê uma olhada aí na minha assinatura, tem um link e você pode dar uma conferida lá dos lugares que fiquei. Aindo estou pra fazer um relato e explicar melhor os alojamentos. Até lá pergunte que respondo, ok? E se você não alterar o roteiro, e manter do jeito que tá, depois vão dicas dos deslocamentos. De todo jeito acho que você vai precisar pegar alguns trechos de avião... Vamos ver. Inté.
  6. rlima, vamos começar então. Vou dar algumas dicas por experiência própria. Dá pra segurar tranquilo o orçamento com 150 euros dia para duas pessoas. Tudo depende da disposição. Quer dizer, ficar em lugares não tão bons e reservar certos dias pra alimentar a base de compras em supermercados e mcdonald. Mas nada demais. Também deu pra ir a restaurantes com a grana que a gente economizava num dia ou dois. Segura num ou nuns dias, e solta e aproveita no outro. Mas esse valor aí seu está em libra, certo? Ou seja, mais folga ainda. A propósito, porque em libra? E nos gastos estão incluídas também as atrações turísticas? Eu fiz minha viagem recente com um orçamento parecido com o seu. Tem os lugares que fiquei lá, os albergues e hoteis, aí na minha assinatura. Algumas cidades do roteiro seu e meu batem. Se precisar de dicas mais precisa dos lugares eu vou te ajudando. (Também meio que tinha exigência de banheiro...). Para a disposição dos dias para cada lugar, meu pareceu boa pedida a sua, pelo menos dentro do recomendado. Mas te adianto: uma coisa é o planejado aqui no Brasil, outra coisa é na prática. Ao final da viagem, quando estendemos ela pra mais de 20 dias, pela minha experiência, vi que a gente fica muito cansado e já não aproveita muito os lugares. Verdade!, fechei a viagem em Roma e meio que quase não aproveitei lá. Canssadaço, estressado, etc. rs. Nada assustador, tá? A gente aguenta e tudo... E é só minha opinião. Fiquei então pensando como eu poderia, se tivesse chance de voltar atrás, diminuir o cansaço e o estresse e aproveitar mais nas cidades do fim de viagem. Uma saída fácil é diminuir o número de check in e check out nos hotéis e menos deslocamento entre as cidades. Troca de lugar, mudança de clima, deslocamento de trêm, avião, onibus, mudança de língua, gera estresse, certo? Mas como fazer isso, não ter os contras e só os prós?, você pode perguntar... rs. Simples, menos cidades no roteiro e mais dias nas que sobrarem no roteiro. De novo, minha experiência, minha dica. Sei que a gente fica na maior fomiagem de ir pros lugares que a gente sempre quis ir. Daí na primeira viagem a gente quer ver tudo. Comigo foi assim. Pense ai.... Sorte aí.
  7. Pô lordello, Nem deu tempo de te desejar boa viagem antes da viagem. Acumulou tudo aqui. Mas fica decretado então meu desejo de que tudo corra bem, ok? Aproveite bastante. Na volta a gente conversa pra ver se a viagem atendeu as expectativas ou não, rs. Grande abraço.
  8. Já tá aí, Fernando? E eu aqui, rs. Boa sorte, amigo. E que tudo corra bem. Na volta trocamos figurinha. Abração.
  9. Fala mestre lordello! Cheguei e ainda estou chegando, rs. E você na reta final, heim? Tá a todas ai pelo que vi nas suas postagens. Sorte na viagem e agradeço as palavras no meu tópico pra que tudo corresse bem na viagem. Li lá. E correu. Foi muito massa. E bom que o toque da Porto tenha te ajudado. E o preço ficou pra lá de camarada, heim? Das suas arrumações ai, principalmente nas tralhas pra levar, tenho uma dica. Te garanto que, embora você não vá carregar sua mochila de uma lodo pro outro como num treking ou coisa parecida, quanto menos peso melhor. Ao final da viagem a gente fica cansado e quanto menos peso melhor. Você ficará dez dias a mais que eu e em temperaturas mais amenas. Portanto não precisa preocupar tanto com frio. Eu segurei os trancos em temperaturas bem baixas (as vezes com sensação de 0 graus) com uma camiseta, uma camisa tipo casaquinho e o casaco de couro, mais calça jeans e duas meias. Isso passando um pouco de frio as vezes, mas tranks. Frio mesmo a gente sente na rua. Mas como a gente sempre entra em algum lugar, tipo museu, bar, lanchonete, loja, etc., nesses lugares tem aquecimento. Se você é do tipo que não gosta de sentir frio, dê mais uma encrementada com a ceroula. Mas procure levar pouco coisa e siga a regra de lavar as roupas que você fala. Ou seja, procure levar menos coisa. Levei menos coisa que você e não usei tudo. A bota e o tênis acho que está em boa conta. De preferência, se não for precisar de fato da bota pra coisas que você irá fazer, leve um tenis, mais outro que você estará usando, pois é bom contar que um pode furar, estragar, molhar, etc, rs. Pode levar menos meias, menos camiseta, um casaco bom e outro pra dias mais quentes. Mas lembre-se que fui num período de temperaturas mais baixas. O que sugei de fato foram as camisetas, cuecas e meias. Essas levei uma vez (usando a técnica de lavar de vez em quando cuecas durante o banho, rs.). Veja aí sua necessidade e equilibre com o que disse. Se precisar, estamos aí. Abração.
  10. Opa pessoal! Ó nois de vorta! Depois de conhecer tantos lugares, gente bacana, sentir tantas alegrias, ter pequenos problemas, ver paisagens bonitas e não tão bonitas, visitar museus e igrejas, passar por tantas cidades, escutar milhares de línguas diferentes (e falar algumas rs), ficar em dois quartos de hospedagem fracos, viajar durante 15 horas e estando 6.000 reais mais pobre, eis me passando aqui pra deixar notícias. Pois é, depois de 25 dias de viagem, voltando a vida normal. Mas não muito normal, porque a gente volta um tanto mudado de qualquer viagem. É ou não é? Também a gente nunca nada duas vezes no mesmo rio, certo? Então, queria dizer que correu tudo bem durante toda a viagem, pouquíssimos contratempos e todos remediáveis. Tenho um tanto pra contar mas não queria adiantar o que não precisar pra deixar pro relato... Quanto às solicitações de ajuda para o Vaticano. Meninas: o ingresso "Admission Tickets" é que dá acesso aos museus do vaticano e à capela Sistina. Tudo em 1, ok? Eles pedem pra marcar hora da visita no ato da compra, mas parece que não ligam nada pra atrasos ou adiantamentos, rs. Nem olham isso. Atrasamos uma hora. O outro ("under") acho que é pra cidade subterrânea. E Déia, fiz a compra em cima da hora e tinha ingresso. Não sei isso de 60 dias, mas fique tranquila que lá, no Vaticano, ingresso é o que não falta, rs. Valeu gente. Abração.
  11. Pessoal, Passei aqui so pra dizer que a viagem esta sendo otima. Estou em Praga, lindo aqui. Vimos de Portugal e depois de Paris. Muita coisa pra contar na volta. Prometo fazer um relato. Eu a Ana ja estamos meio que anotando tudo que pode ajudar e coisas mais. Muito bonito tudo, muitas mancandas, risos e felicidades de estar aqui. Aguardem noticias, rs. Nao posso responder as perguntas ai do pessoal em cima porque estou num cybercafe e nao posso ficar muito tempo. Espero que o pessoal possa ajudar com mais presteza voces. Na volta dedico tempo pra ajudar no que for preciso, contando tudo e mais o que der. So mais uma coisa: fui a casa do Kafka hoje. Emocionante. Depois conto porque. Abracao em todos (sem acento que o computador eh tcheco, kkkkk). Krishna.
  12. lordello, se for mesmo fechar com a Porto, tenho uma dica. Liguei pra eles ontem, antes de fechar, pra ver qual país eu escolheria na pesquisa e que eu pensava que iria afetar o seguro e se eu escolhesse só um país se o seguro cobriria todo o resto (nao custa conferi, né?). É que o sistema deles de pesquisa não disponibiliza colocar "Europa", mas só um país de destino. No call center deles a menina me disse pra escolher, quando pesquisar, o país de entrada. Com vou entrar por Portugal, escolhi ele e imprimi em portugues (tam chance de imprimir em outas línguas). Bom, de todo jeito o plano que eles te colocam é o "Plano Europa", conferi no contrato. No caso, se você for entrar por Madri, escolha Espanha, certo? rs. E realmente, ele cobre muito mais coisas que a Axa, tinha reparado nisso. Das empresas que pesquisei as famosas (e olha que pesquisei, se não todas, quase todas), a única na faixa de preço era a Ômega, um pouquinho mais barato. Mas como disse em meu tópico, a Porto é também um pouco melhor na cobertura em relação à Omega. Alem de ser mais famosa no mercado. Propaganda é a alma do negócio, rsrs. Sorte ai.
  13. Caramba Fernando, nossos tópicos andam a passos largos. Daqui a pouco nem vai dar pra acampanhar de tanto post, rs. Bom que tem ajudado o pessoal. Sinto muito satisfeito por isso. E você sempre bacana com todo mundo. Talita, Eu ainda não posso ajudar muito, falta experiência. Mas na volta prometo contribuir mais. Depois posto lá no seu tópico.
  14. lordello, fechei com a Porto Seguro. Saiu, 26 dias, 176,88 reais. E você decidiu? Cara, quando para pra pensar na trip, dá até frio na barriga, rs. Abraço.
×
×
  • Criar Novo...