Ir para conteúdo

Davi Leichsenring

Membros
  • Total de itens

    1.206
  • Registro em

  • Última visita

  • Dias Ganhos

    23

Davi Leichsenring venceu a última vez em Outubro 19

Davi Leichsenring tinha o conteúdo mais apreciado!

10 Seguidores

Últimos Visitantes

6.365 visualizações

Conquistas de Davi Leichsenring

Colaborador Mestre

Colaborador Mestre (10/14)

  • Incentivador
  • Muito Popular
  • Dedicado
  • Uma semana de Mochileiros.com
  •  Um ano de Mochileiros.com

Distintivos Recentes

388

Reputação

  1. Você não é português enquanto estiver no Brasil, o Gov. deve lhe tratar exclusivamente como brasileiro. Assim o contrário em Portugal (e na UE), você deve ser tratado exclusivamente como português. Ou seja, não tem como escolher a cidadania para sair do país, cidadania não é uma carteirinha de clube. Você pode até viajar sem o passaporte brasileiro, mas deve apresentar o RG no lugar + passaporte português. A PF não pede certificado de dispensa ou reservista para passar na imigração, só para fazer o passaporte.
  2. Nunca. Acho que são coisas que não fazem sentido discutir ou comentar, xenófobo existe em todo o mundo, do Brasil ao Japão, então sempre vai ter alguém com uma experiência ruim por ser tratado com preconceito por ser estrangeiro, que não faz diferença se é brasileiro, argentino ou tunisiano no fim.
  3. Você perde a passagem de volta se fizer isso, sem contar que sua mala só vai estar no aeroporto de Barcelona.
  4. O importante é não ficar acima do permitido do seu visto de turista, se sair de lá antes disso não tem nenhum problema.
  5. Aprendi que o Brasil é uma merda e 4 anos depois me mudei para Europa 😆
  6. Se fizer voo separado, não é garantido ter remarcação sem custo por atraso do anterior, isso só vale para compra com conexão (ela já comprou as passagens). A ideia é boa, mas só faz sentido quem consegue visitar a Europa uma vez ao ano, em que pode a cada viagem ir conhecendo pouco a pouco (quem pode ficar na Suíça por 2 meses? Muitas poucas pessoas). Eu aconselho para primeira viagem ir nos lugares em que sempre quis visitar, mas claro, respeitando o tempo mínimo de dias na cidade, pois não tem melhor satisfação de ver com os próprios olhos aquilo que sempre quis ver.
  7. Tudo a favor facilita, o ideal é mostrar com maior número de provas que tem a intensão de fazer apenas turismo.
  8. Ele é meio fora da casinha mesmo, já teve algumas discussões aqui por não fazer sentido ser a favor do comunismo em pleno séc. XXI, mas deixa para lá, só ignora
  9. Alguns consulados ou embaixadas americanas aceitam sem residência, mas vai precisar pesquisar consulado por consulado para saber se é possível, pois não tem uma lista, é uma prática interna que cada consulado aceita ou não.
  10. 9 cidades para 15 dias, dá cerca de 1,5 dias para cada uma, não acha que está muito corrido? Paris é uma cidade grande com muita coisa interessante fazer, recomenda-se normalmente 5 dias para visitá-la. Lisboa a Paris são uns 1.700 km e Paris a Praga 1.000 km. Vai gastar umas 2h de viagem de avião sem contar o tempo gasto para ir ao aeroporto com 1h de antecedência, pegar avião, descer e ir para a cidade. Isso tudo consome pelo menos 4h fácil, ou seja, se sair de Lisboa as 7h da manhã, chega em Paris as 14:00 pelo menos, pois o aeroporto é longe da cidade. Esses 15 dias contam o dia de chegada e saída? Pois se o dia 1 for sair do Brasil e dia 15 chegada no Brasil então significa chegar em Lisboa dia 2 e voltar dia 14, já são 13 dias. Sem contar que o dia de chegada e saída são meio perdido, pois imagina que seu voo chegue as 10:00 da manhã, mas até sair do avião e passar na imigração são mais 1:30 hora, pegar as malas, achar o ônibus e chegar na cidade outra 1 hora, achar o hostel, fazer check-in e se acomodar são mais 30min. Ou seja, mesmo que chegue as 10:00 só vai estar na cidade as 13:00 com fome e cansado, pois no voo não se dorme muito. A volta é a mesma coisa, normalmente os voos saem as 18:00 - 20:00, então precisa chegar 2h com antecedência, precisa se arrumar pra voltar, pegar ônibus para o aeroporto, então vai ter tempo só até as 14:00 mais ou menos. O que eu recomendaria é chegar em Lisboa e ficar no dia 1, 2 e 3 (2,5 dias), vai para Paris e fica no dia 4, 5, 6, 7 e 8 (4,5 dias), vai para Budapeste e fica no 9, 10 (1,5 dias), vai para Praga e fica no dia 11, 12 (1,5 dias), vai para Berlin e fica no dia 13, 14 e 15 (2 dias) e volta de Berlim para o Brasil. Mais que isso você não consegue ter tempo para apreciar a viagem, é como comprar um hambúrguer e ter 2min para comer. Possível é, mas vale a pena?
  11. Procura uma escola de intercâmbio
  12. São 3 coisas diferentes, não faz sentido querer escolher apenas um.
  13. Em euros dá cerca de 300. Esse valor é exorbitante mesmo para entrega em outro país. Espera-se pagar entre 25-75 euros a diário no máximo, porém o que vai encarecer é a entrega em outro país.
  14. Seguro e barato não existe no vocabulário de Paris 😆 Do 1 arr. ao 7 arr. é bem tranquilo, depois disso é só ficar longe de estação de trem, preferencialmente ao sul do rio.
  15. Moro em Frankfurt e meus irmãos em Berlin, nunca tivemos nenhum tipo de preconceito ao falar a nossa nacionalidade, muito pelo contrário.
×
×
  • Criar Novo...