Ir para conteúdo

fcofabioviana

Membros
  • Total de itens

    22
  • Registro em

  • Última visita

Sobre fcofabioviana

  • Data de Nascimento 17-04-1979

Conquistas de fcofabioviana

Novo Membro

Novo Membro (1/14)

0

Reputação

  1. Não acreditei que sairia tão rápido, mas aconteceu. E o valor não chegou a dobrar, o que pode até ser considerada uma boa notícia, visto que a validade teve o tempo dobrado. http://g1.globo.com/turismo-e-viagem/noticia/2015/07/passaporte-comum-passa-valer-por-dez-anos-e-tem-reajuste-de-648.html
  2. Segue uma notícia mais atualizada sobre a questão do novo passaporte. Diante do que li, e sendo bem otimista, acredito que não teremos nada novo nos próximos 2 anos. E mais, quando eles mudarem, não se surpreendam se o valor para emissão dobrar. Isso é que podemos esperar desse DESgoverno. http://www1.folha.uol.com.br/cotidiano/2015/05/1630790-ajuste-fiscal-trava-promessa-para-novo-passaporte.shtml
  3. Excelentes informações bloomis. Dicas imprescindíveis para quem pretende conhecer esse paraíso, ainda mais com esses problemas todos que estão ocorrendo na Venezuela. Bom, gostaria de lhe fazer mais uma pergunta. Pelo que viu por lá, quanto tempo você acha ideal pra ficar em Los Roques? Abraço.
  4. Ae Guilherme, blz?! Parabéns pela trip! Muito irada!! O relato ficou fantástico. Passei por alguns desses lugares no meio do ano passado e revivi muitas coisas lendo suas aventuras. São muitas paisagens espetaculares e inesquecíveis. Durante sua viagem estive acompanhando algumas das suas postagens no face e, apesar de sempre ver você sozinho, não imaginei que tivesse feito a viagem toda só. Esse fato deixa o feito ainda mais incrível. Mas como você mesmo citou, se ficarmos sempre esperando companhia pras nossas aventuras será difícil sair do lugar. Eu sempre fico fascinado quando vejo relatos de trips de carro, moto ou até bike, mas não me vejo fazendo isso sozinho. Talvez se eu tivesse tomado conhecimento da sua trip antes, da sua procura por companhia, tivesse ficado pilhado pra ir junto. Bom meu camarada, tenho certeza que as aventuras não irão parar, principalmente depois do sucesso desta. Boa sorte nas próximas. Abraço.
  5. Olá mcl.perez, Parabéns pela ascensão e pelo ótimo relato. Eu já estive em Pucon e tentei o cume, mas infelizmente devido a uma mudança no clima quando passávamos de 2000mts não pudemos continuar. Começou a ventar muito forte e tivemos que retornar. Pretendo voltar um dia e curtir mais a cidade que é ótima e seus atrativos que são muitos. Pretendo tentar novamente atingir o cume do Villarica. Não cheguei no topo mas deu pra sentir muitas sensações que você descreve no relato e realmente é uma experiência incrível. Realmente ouvi falar da fama dos brasileiros por lá e presenciei muitas desistências, não só de brasileiros, mas tenho que admitir que eram maioria. E realmente pelas minhas andanças por aí tenho visto que os gringos quando se metem nesse tipo de aventura geralmente são muito mais preparados que nós. A dica a quem pretende subir é realmente não ser sedentário, conhecer o seu limite e manter um ritmo. Além disso, a determinação de chegar lá ajuda muito. Na minha opinião, ir só por ir é um empecilho com proporção igual ao mau preparo físico. Mais uma vez parabéns pela subida e um abraço.
  6. Olá lalachila, blz?! Primeiramente parabéns pela superação. Que bom que você fez essa escolha! Bom, queria saber alguns detalhes da subida. Primeiro, lembra por qual agencia você foi? A outra coisa é, quando estavam quase chegando ao topo, como estava a neve? Dura como uma pedra ou ainda fofa? E como estava o vento? Forte com rajadas que quase levavam você embora ou nem perto disso?
  7. Ae Erick, blz?! Eu também era um dos que estavam aguardando a continuação do seu relato. Estive fazendo mochilão nessa mesma época e na sua ultima postagem pude perceber q fiz o downhill apenas 2 dias antes de vc. Inclusive um dos caras que esta na foto da sua turma (um israelense cabeludo) desceu na mesma turma que eu com outras israelenses. E esse israelense começou meio imprudente, fazendo graça na bike... dai levou um cagaço do guia e se comportou no resto da descida (ainda bem). Ainda bem também que não presenciamos nada grave durante o percurso, nem uma quedinha sequer . Olha cara, de fato a descida é perigosa mesmo, risco de morte sim, mas como vc comentou, se for feita de boa e seguindo todas as orientações dadas pelos guias a chance de ocorrer algum acidente diminui bastante. Minha viagem durou 28 dias, entrando pelo Peru (Lima) e descendo por Bolívia e Chile (de onde eu retornei para o Brasil) e não ocorreu nenhum problema, mas conheci uma menina durante a viagem que também foi roubada na Bolívia. Creio que esse tipo de ocorrência pode acontecer em qualquer lugar, claro que em alguns estamos mais sujeitos que em outros, mas não devemos deixar de viajar pensando nisso. Penso que procurando saber um pouco sobre o país antes de sairmos do nosso e tomando certos cuidados conseguimos fugir de alguns perrengues. Bom, melhoras aí e pé na estrada assim que possível. Abraço.
  8. Ok Bruna, valeu mesmo! Realmente fiquei muito interessado. Vou tentar organizar meu roteiro pra fazer essa travessia. Nem que seja a mais curta, como vc sugeriu.
  9. Olá brufavaro! Parabéns pelo relato e por ter completado a travessia. Bem difícil. Farei uma viagem passando por Peru, Bolívia e Chile em Junho próximo e passarei por La Paz. Você me inspirou e já estou considerando fazer essa travessia que, ate então, não tinha ouvido falar. Que lugar incrível!!! Fiquei com algumas dúvidas. A medicação que você estava tomando (Diamox), adquiriu aqui no Brasil mesmo ou foi recomendação do pessoal da agencia por lá? Que tipo de recomendação eles fazem antes do inicio da travessia (tipo o que levar). A outra duvida eh com relação a água. Vcs levaram água pra todos os dias? A água que vc bebia era de sua responsabilidade ou estava incluso no pacote? Bom, acho que perguntei demais... rsrsrs
  10. Ola Katia, blzinha? Então, pretendo passar por esses lugares em Junho e estou começando a procurar informações e ver as dicas da galera aqui no site. Suas observações já estão ajudando a começar meu planejamento. Aproveitando o contato, queria saber sobre a moeda. Como estava a cotação quando trocou? Melhor levar dólares aqui do BR? É fácil fazer cambio no Peru? Eu vou chegar por Lima e pretendo descer pela Bolívia e entrar no Chile. Abraço e desde já obrigado!
  11. Grande Alex, mais um excelente relato. Tenho certeza que ajudará a muitos que procuram dicas desse belíssimo local. Vou aproveitar a oportunidade para deixar minha dica de hospedagem à quem interessar. Viajei em Out/13 e fiquei na Pousada São Silmares e o custo benefício, assim como nas opções mencionadas no relato, foi muito bom. A pousada é muito bem localizada (bairro Floresta Nova próximo a praça Flamboyant) e a diária para casal com café saiu por aproximadamente 150 dilmas (R$ 75 p/pessoa). O local é simples como a maioria das opções de Noronha porém é bem aconchegante e o casal que toma conta da pousada é gente da melhor qualidade. Vale ressaltar que o valor da diária nessa pousada normalmente não é esse, consegui na base da negociação. Bom, é isso. Um abraço meu amigo.
  12. Parabéns pela viagem e pelo relato! Ficou longe de ser um relato superficial. Tenho muita vontade de conhecer o MR e as dicas e detalhes citados me tiraram muitas duvidas, porém ficou uma. O pessoal que veio de fora foi de Boa Vista para Pacaraima de ônibus e depois de táxi para o hotel. Esses hotéis que vocês ficaram já são dentro do território venezuelano, em Santa Elena de Uairén, é isso? Se realmente for isso desmistificou muita coisa pra mim, pois achava que pra se chegar ao inicio do roteiro fechado com o guia era muito mais difícil e dispendioso ($$$). Lembrei de uma outra duvida que não sei se você vai saber me responder mas vou perguntar assim mesmo... rsrs. Existe uma melhor época do ano pra se chegar ao MR?
  13. Olá Carlos! Primeiramente parabéns pelo relato e pelas fotos que estão excelentes. A viagem deve ter sido incrível pois essa região é espetacular. Gostaria de tirar algumas dúvidas com você sobre a ascensão ao Vulcão Villarica. 1) Vocês conseguiram chegar ao cume? 2) Lembra o nome da agência e quanto vocês pagaram por pessoa? Percebi que o tempo estava aberto, mas havia muito vento? Desde já agradeço a atenção.
  14. Poxa, que saudades mesmo!!! Tanto do trekking como das resenhas da galera... O lugar é fantástico e valeu todo o esforço. Também espero retornar várias vezes a Chapada pois é um lugar incrível. Excelente relato Alex. Com certeza vai ajudar muito quem pretende visitar a Chapada e principalmente a quem ainda tem duvidas sobre o trekking do Vale do Paty.
  15. Ola Emerson, Estarei viajando em Out/13 e gostaria de algumas dicas sim. Ficarei 4 dias na ilha e ainda não tenho uma programação definida. Tenho duvidas sobre alguns passeios e atracões que o pessoal fala que deve ser agendado com antecipação. O que vc me indica e o que precisa ser agendado com antecedência? Desde já agradeço.
×
×
  • Criar Novo...