Ir para conteúdo

ErichSan

Membros
  • Total de itens

    6
  • Registro em

  • Última visita

Reputação

2 Neutra

Sobre ErichSan

  • Data de Nascimento 26-02-1993

Últimos Visitantes

O bloco dos últimos visitantes está desativado e não está sendo visualizado por outros usuários.

  1. Adriana, boa tarde! Após anos retorno ao fórum após algumas notificações suas - obrigado! Eu cito uma viagem à Chapada Diamantina no 1o post... choveu muuuuuito e eu abriguei o pessoal que estava na travessia do Pati na minha Katmandu à época. São amigos até hoje, lindas memórias! A Katmandu 3/4 nunca decepcionou e após anos de utilização, em 2014 dei ela pois peguei uma importada. Ela tem selante nas costuras superiores sim, mas selante seca rápido dependendo de onde usa e é sempre bom renovar pelo menos 1x a cada 2 anos. Por fim Adriana, a Katmandu 3/4 infelizmente até onde me lembre precisa passar o cadeado nessa cordinha, o zíper não tem furação p/ cadeado. Mas saiba que a barraca nova tampouco têm, sendo um item controverso... se estiverem na maldade de cortar uma cordinha, por que não cortariam a lateral da barraca, se dificilmente levam ela quando existem roubos em camping? Se por outros aspectos ela se adequa a sua necessidade, eu não trocaria por esse motivo, colocaria cordinhas / puxadores de aço e/ou um cadeado como esse: Abraços!
  2. Meu bom Jah, Mas que lugar fantástico! Ótimo relato, parabéns!!
  3. Caros mochileiros, Havia escrito isto como resposta as consecutivas dúvidas a respeito da Katmandu 3/4 no tópico de barracas da Aztec e resolvi postar também como tópico pois acredito que fica, além de mais bem localizado, mais simples de ser encontrado. Quaisquer dúvidas após a leitura postem que tento responde-las Bem, após bom tempo de pesquisa e, no fim, ficar naquela que parece-me ser a dúvida de se não todos a grande maioria que procura uma barraca que comporte mais que três pessoas mas não seja uma barraca tão 'simples', comprei uma Katmandu 3/4 ao invés da SE 4 (Trilhas e Rumos Super Esquilo 4), exatamente por que sou dessas de experimentar marcas que inspiram confiança porém ficam na incógnita e devo dizer que estou satisfeitíssimo com a compra. E fiz isso após ler o tópico de barracas Aztec onde ficava na dúvida... Por fim, decidi pela Katmandu 3/4 devido ao seu peso, que é 1,6KG inferior que o da T&R SE 4. Já usei a mesma por quatro vezes, sendo que duas delas peguei chuvas MUITO fortes (relato no final do post). Por coincidência, ambas as vezes em que choveu estive em Minas Gerais. Uma delas próximo ao bairro de Sobradinho, e outra em São Thomé das Letras. Montagem: Graças ao sistema 'Flex-Max' - sistema de presilhas que se encaixam na vareta de sustentação, posso afirmar que a montagem da barraca é bem, mas bem mais rápida que passando pelo tecido - digo isso pois numa das vezes que acampei, chegamos com um grupo que tinha uma T&R 4, e nós terminamos de montar nossa barraca num tempo consideravelmente menor. Apesar disso, vale lembrar que a vareta utilizada para a porta do sobreteto é passada pelo tecido do sobreteto, aliás, esta é parte mais dolorosa da montagem da barraca, principalmente se estiver sozinho. É interessante mencionar, porém, que este fator sempre dependerá da experiência dos montadores. Vale notar, também, que a capacidade autoportante da barraca é de grande valia especialmente quando estamos com uma barraca grande, afinal, é mais difícil agradar a quatro que a um ou dois. Qualidade do Material: Não quero parecer saudosista, porém devo dizer que a mesma tem materiais de boa qualidade, levando em conta a barraca e sobreteto. As pregas do sistema FlexMax são resistentes, e inspiram confiança. As varetas são leves porém bem resistentes, na primeira montagem da barraca acidentalmente a vareta foi torcida mais do que devia mas não apresentou qualquer dano após envergar a mesma indevidamente. A barraca em si devo dizer que é muito boa, o material utilizado no piso da mesma nunca deixou uma gota d'agua entrar nem mesmo sob tempestade. A ventilação é moderada: Se mal montada (sobreteto próximo a barraca) a mesma vira um forno. Além disso, é imprescindível fixar a 'janela' também para que fique aberta, caso contrário, vira um forno industrial ... Dentro da mesma tem um bolsinho, e as portas são duplas: Uma tela anti-mosquitos e uma para realmente fechar a mesma. Muito bom em dias quentes. Ah, sim, a parte superior da mesma também é 'aberta' para ventilação, e é onde a noite é engraçado ver os bichos passando e tentando entrar... Só tentando Já a respeito Sobreteto, o mesmo cumpre seu papel: Protege muito bem, SE bem montado e esticado. Ponto positivo pois ele é muito bonito, ponto negativo pois as pessoas ficam curiosas e olhando 'demais'. Os demais componentes, como as estacas e cordeletes, bem... os cordeletes são, bem, cordeletes bons, e que secam rápido devo dizer. Resistentes. Porém as estacas poderiam ser de maior qualidade, apesar de sempre terem cumprido seu papel, após as chuvas e dias de acampamento (provavelmente devido ao chute de alguém nelas) as mesmas envergaram um pouco (02 de 12 se não me engano). Mas cumprem seu papel. Não recomendo usá-las após entortadas! Deixa a desejar a empunhadura do saco de transporte, essa alça é um tanto quanto incômoda para carregar na mão por grandes distâncias (4-5km), mas para transporte breve é tranquilo. Já o saco em si me parece bom, bem apertado para colocar a barraca se mal comprimida - o que é um problema para quem está acabado no último dia de camping/trekking - mas que apesar disso se bem compactada a barraca ainda tem fitas compressoras para diminuir o volume da mesma, o que é muito bom para transporte na mochila. Espaço Interno/Externo: Bem, Katmandu 3/4... Um tanto quanto sugestivo o nome. Diria o seguinte: Comporta até quatro pessoas médias (1,80m, 70kg) com conforto e algum equipamento dentro, caso estas não sejam frescas ou levaram a casa para o camping. Três pessoas com muita folga e todo o equipamento dentro. Sentados, já entraram até oito pessoas na barraca em círculo. Experiência com a barraca: Peguei uma chuva muito, mas muito forte em Sobradinho (MG). Forte o bastante para (infelizmente, que Deus o tenha) matar um dos acampantes naquele local, devido a um raio. Durante 30 minutos caiu uma tempestade, caindo granizo por quase 10 minutos incessantemente, e a barraca aguentou sem danos aparentes. Os ventos, devido a altitude do local em que estávamos, também eram excessivamente fortes, o que fazia a barraca envergar, porém mesmo assim a mesma resistiu, e a única água que entrou foi a que vinha de um 'sopro' devido ao vento fortíssimo na JANELA do sobreteto da mesma, daí a importância de fixar com cautela este ponto de modo que o sobreteto não toque a janela. Mesmo assim, o sopro não molhou nada do que estava dentro da barraca, era como uma daquelas borrifadas de um borrifador de produto de limpeza, porém ainda mais leve. Culpa do montador da barraca (eu) que não fixou a janela com o cordelete ! Em Abril deste mesmo ano, em São Thomé das Letras, foi uma das cinco barracas (de outras 15) a sobreviver em um acampamento. Todas as outras inundaram devido a forte chuva que caiu -> Vale mencionar que três dessas barracas que sobreviveram eram Trilhas & Rumos Super Esquilos 2 e 4. Forte o bastante para assustar os quatro ocupantes da barraca no momento que começou a cair, que acordaram gritando achando que tudo ia desabar... hahahaha Uma outra vez que acampei, bem mais tranquila, o único porém foi o calor durante o dia (32C), mas que a noite rapidamente passava (20C) e não incomodava. Por fim eu diria o seguinte... No fim, entre T&R SE 4 e AZTEQ Katmandu 3/4, dependem os seguintes fatores... Vai a pé? Transporte por longas distâncias? Precisa mesmo de uma barraca para até quatro pessoas se as últimas duas forem 'sim'? AZTEQ Katmandu 3/4. Tem carro? É um brutamontes fortão? Acampa perto de onde fica? T&R SE 4. Se nenhum dos itens acima são de grande importância, eu iria pelo melhor preço + frete. Se não há concorrência e a dúvida é a qualidade, EU compraria novamente. Agora, vale mencionar as boas práticas né... Sempre montar a barraca com cautela, de modo atencioso, ninguém gosta de passar perrengue à toa, dormir desconfortavelmente... Sempre tomar cuidado onde montar a barraca, tomar os cuidados mínimos com a mesma, viajou? Lave, ou pelo menos tire a sujeira. Fica aí o pequeno relato, posteriormente acrescentando fotos. Mas... para isso vou passar pelo teste final, dez dias na Chapada Diamantina com ela. Ah, e vai ficar estilo mansão, pois vão apenas duas pessoas - acredite, é grande assim. Até a próxima! Paz.
  4. ErichSan

    Barracas AZTEQ

    Olá Tamim! E aí, algum retorno sobre o ocorrido com a barraca? Tem como falar um pouco mais ou até postar alguma foto deste incidente? Já usou a Kathmandu em algum acampamento? Ninguém por aqui ainda deu um testemunho sobre estas barracas, tu é o único que soube ter comprado uma... Abraço! Então vamos lá, pois é o seguinte... Comprei uma Katmandu 3/4 ao invés da SE 4, exatamente por que sou dessas de experimentar marcas que inspiram confiança porém ficam na incógnita e devo dizer que estou satisfeitíssimo com a compra. E fiz isso após ler este mesmo tópico onde ficava na dúvida... Decidi pela Katmandu 3/4 devido ao seu peso, que é 1,6KG inferior que o da T&R SE 4. Já usei a mesma por três vezes, sendo que duas delas peguei chuvas MUITO fortes (relato no final do post). Por coincidência, ambas estive em Minas Gerais. Uma delas próximo ao bairro de Sobradinho, e outra em São Thomé das Letras. Bem, pequeno review da mesma... Montagem: Graças ao sistema 'Flex-Max', posso afirmar que a montagem da barraca é bem, mas bem mais rápida que passando pelo tecido - digo isso pois numa das vezes que acampei, chegamos com um grupo que tinha uma T&R 4, e nós terminamos de montar nossa barraca num tempo consideravelmente menor. Apesar disso, vale lembrar que a vareta utilizada para a porta do sobreteto é passada pelo tecido do sobreteto, aliás, esta é parte mais dolorosa da montagem da barraca, principalmente se estiver sozinho. Agora, é claro, este fator sempre dependerá da experiência dos montadores. Qualidade do Material: Não quero parecer saudosista, porém devo dizer que a mesma tem materiais de boa qualidade, levando em conta a barraca e sobreteto. As pregas do sistema FlexMax são resistentes, e inspiram confiança. As varetas são leves porém bem resistentes, na primeira montagem da barraca acidentalmente a vareta foi torcida mais do que devia mas não apresentou qualquer dano após envergar a mesma indevidamente. A barraca em si devo dizer que é muito boa, o material utilizado no piso da mesma nunca deixou uma gota d'agua entrar nem mesmo sob tempestade. A ventilação é moderada: Se mal montada (sobreteto próximo a barraca) a mesma vira um forno. Além disso, é imprescindível fixar a 'janela' também para que fique aberta, caso contrário, vira um forno industrial ... Dentro da mesma tem um bolsinho, e as portas são duplas: Uma tela anti-mosquitos e uma para realmente fechar a mesma. Muito bom em dias quentes. Ah, sim, a parte superior da mesma também é 'aberta' para ventilação, e é onde a noite é engraçado ver os bichos passando e tentando entrar... Só tentando Já a respeito Sobreteto, o mesmo cumpre seu papel: Protege muito bem, SE bem montado. Ponto positivo pois ele é muito bonito, ponto negativo pois as pessoas ficam curiosas e olhando 'demais'. Os demais componentes, como as estacas e cordeletes, bem... os cordeletes são, bem, cordeletes bons, e que secam rápido devo dizer. Resistentes. Porém as estacas poderiam ser de maior qualidade, apesar de sempre terem cumprido seu papel, após as chuvas e dias de acampamento (provavelmente devido ao chute de alguém nelas) as mesmas envergaram um pouco (02 de 12 se não me engano). Mas cumprem seu papel. Deixa a desejar a empunhadura do saco de transporte, essa alça é um tanto quanto incômoda para carregar na mão por grandes distâncias (4-5km), mas para transporte breve é tranquilo. Já o saco em si me parece bom, bem apertado para colocar a barraca se mal comprimida - o que é um problema para quem está acabado no último dia de camping/trekking - mas que apesar disso se bem compactada a barraca ainda tem fitas compressoras para diminuir o volume da mesma, o que é muito bom para transporte na mochila. Espaço Interno/Externo: Bem, Katmandu 3/4... Um tanto quanto sugestivo o nome. Diria o seguinte: Comporta até quatro pessoas médias (1,80m, 70kg) com conforto e algum equipamento dentro, caso estas não sejam frescas ou levaram a casa para o camping. Três pessoas com muita folga e todo o equipamento dentro. Sentados, já entraram até oito pessoas na barraca em círculo. Experiência com a barraca: Peguei uma chuva muito, mas muito forte em Sobradinho (MG). Forte o bastante para (infelizmente, que Deus o tenha) matar um dos acampantes naquele local, devido a um raio. Durante 30 minutos caiu uma tempestade, caindo granizo por quase 10 minutos incessantemente, e o mesmo aguentou sem danos aparentes. Os ventos, devido a altitude do local em que estávamos, também eram excessivamente fortes, o que fazia a barraca envergar, porém mesmo assim a mesma resistiu, e a única água que entrou foi a que vinha de um 'sopro' devido ao vento fortíssimo na JANELA do sobreteto da mesma, daí a importância de fixar com cautela este ponto de modo que o sobreteto não toque a janela. Mesmo assim, o sopro não molhou nada do que estava dentro da barraca, era como uma daquelas borrifadas de um borrifador de produto de limpeza, porém ainda mais leve. Culpa do montador da barraca (eu) que não fixou a janela com o cordelete ! Em Abril deste mesmo ano, em São Thomé das Letras, foi uma das cinco barracas (de outras 15) a sobreviver em um acampamento. Todas as outras inundaram devido a forte chuva que caiu -> Vale mencionar que três dessas barracas que sobreviveram eram Trilhas & Rumos Super Esquilos 2 e 4. Forte o bastante para assustar os quatro ocupantes da barraca no momento que começou a cair, que acordaram gritando achando que tudo ia desabar... hahahaha Uma outra vez que acampei, bem mais tranquila, o único porém foi o calor durante o dia (32C), mas que a noite rapidamente passava (20C) e não incomodava. Por fim eu diria o seguinte... No fim, entre T&R SE 4 e AZTEQ Katmandu 3/4, dependem os seguintes fatores... Vai a pé? Transporte por longas distâncias? Precisa mesmo de uma barraca para até quatro pessoas se as últimas duas forem 'sim'? AZTEQ Katmandu 3/4. Tem carro? É um brutamontes fortão? Acampa perto de onde fica? T&R SE 4. Se nenhum dos itens acima são de grande importância, eu iria pelo melhor preço + frete. Se não há concorrência e a dúvida é a qualidade, EU compraria novamente. Agora, vale mencionar as boas práticas né... Sempre montar a barraca com cautela, de modo atencioso, ninguém gosta de passar perrengue à toa, dormir desconfortavelmente... Sempre tomar cuidado onde montar a barraca, tomar os cuidados mínimos com a mesma, viajou? Lave, ou pelo menos tire a sujeira. Fica aí o pequeno relato, posteriormente posso até fazer um review um pouco mais elaborado. Mas... para isso vou passar pelo teste final, dez dias na Chapada Diamantina com ela. Ah, e vai ficar estilo mansão, pois vão apenas duas pessoas. Até a próxima, Paz!
  5. Felipe saberia dizer o valor do aluguel dos quads? Vou agora no feriado do dia do trabalho e com certeza estarei alugando dois. Apenas questão de planejamento mesmo Muito obrigado!!
×
×
  • Criar Novo...