Ir para conteúdo

Reno Ferraz

Membros
  • Total de itens

    44
  • Registro em

  • Última visita

Reputação

2 Neutra

Sobre Reno Ferraz

  • Data de Nascimento 29-11-1978

Bio

  • Ocupação
    Educador Físico - Montanhista

Últimos Visitantes

O bloco dos últimos visitantes está desativado e não está sendo visualizado por outros usuários.

  1. Fiz a trilha até o Everest Base Camp. Também passei alguns dias na Índia. FIZ TOTALMENTE INDEPENDENTE. Qualquer duvida posta ai...
  2. Olá Deve sempre lembrar do equipamento, cada duas pessoas o equipo equivale ao espaço de uma pessoa. Mas se vai acampar perto do carro, por exemplo, isso não importa, pois pode guardar tudo dentro dele. para carregar uma boa é dividir a barraca, uma parte para cada um, assim fica muito leve individualmente Quando acampo em dupla costumo levar uma barraca para 2 lugares, de 1780g. mas levo um saco impermeável para cobrir e esconder as mochilas, pendurada no alto de uma arvore ou outro lugar. Senão dois, mais mochilas, fica muito apertado... Abraço
  3. Oi, estava vendo seu roteiro, 10 dias vai ser apertado para o que voce pretende fazer, o que pretende fazer, me diz o que gosta de ver e dou umas dicas, belezas naturais, arqueologia, turismo urbano?
  4. Olha o meu Brs-8 está otimo, ja fez 4 anos de uso, agora ele, veterano dos Andes, está se preparando para embarcar em um trekking de 25 dias no Hymalaia, ate o Everest.
  5. Estou planejando fazer o trekking de forma totalmente autônoma, acampando e cozinhando a própria comida. Gostaria de saber como é para acampar na trilha, se tem alguma restrição ou lugares predefinidos para camping? a comida é cara na triha? carregar ou comprar durante a trilha mesmo? comida pra preparar, arroz, e sei la o que tem la...rs
  6. Estou de passagem comprada para a Índia, dia 4 de outubro e irei até o Nepal fazer essa trilha também. da mesma forma que você, solitário. Você sim é mochileiro, quem viaja com agencia guia e essas frescuras é turista, quem critica não sabe do que esta falando. Tem alguma dica útil???poderia passar algum contato? abraço
  7. Ele tem uma peça chamada REATOR, que é aquela peça que passa por cima do queimador, la dentro tem um arame que quando abre o combustível ele faz um movimento abrindo a passagem do mesmo, e também retirando qualquer obstrução que tenha ficado do uso anterior, o suporte deste arame que une ele ao registro se solta e não há como remontar a peça, assim ele não funciona mais, pois o tubo fatalmente acaba entupindo, mesmo que voce desmonte o sistema ele volta a a entupir em minutos de uso. Tentei lear para vários profissionais para tentar reparar a peça, primeiro obvio técnicos em fogão e afins, dep
  8. Nilton esse modelo O DEFEITO NÃO É O INJETOR, na verdade o injetor nesse modelo é soldado a ponta do REATOR, que é aquele tubo que passa por cima do Queimador. O defeito está ai dentro do reator e não no Ejetor, ele entope porque o arame que tem la dentro se solta e não tem como fazer ele voltar pra posição original. vc desentope e ele volta a entupir. e o defeito não tem nada a ver com o combustível, pode usar benzina da melhor qualidade, que quando o reator quebra não funciona mais.
  9. Nilton, infelizmente quem importava estes modelos de fogareiro era anteriormente a empresa Massaferro, Agora a Nautica assumiu a importação da Coleman, quando enviei meu 533 para garantia eles me devolveram o dinheiro. Segundo a loja que me intermediou no processo de garantia, não há como solucionar o defeito destes fogareiros, pois foi uma falha do projeto. Por esse motivo não são mais vendidos no Brasil e não há peças de reposição.
  10. Não recomendo o Coleman 533, pelo contrário. já tive 3 e todos pararam de funcionar com o mesmo defeito!!! No Brasil o modelo Dual Fuel 533 e o Exponent 442 não é mais vendido. Quando enviei um dos meus Colemans pela 3º vez a garantia a loja me devolveu o dinheiro pois disse que o importador não vende mais, pois " o Coleman Dual Fuel 533 e o Exponent 442 todos os fogareiros desse modelo apresentaram defeito grave que o inutiliza"
  11. Gente não comprem adiantado entrada não, ja vi muita gente que fez isso e acabou perdendo o ingresso, pois as estradas cruzam uma região muito instável, e os desmoronamentos são constantes. Se voce vai de trem tem que pensar na volta tbm, se for voltar no mesmo dia da vizita não dá pra ver nada, pois o trem que volta é 12:30 . ou seja entrar em MP as 8 da manha pra sair 11:30 não compensa. è como a amiga falou MP é 3 dias no mínimo pra aproveitar...
  12. Na real a gente cozinhou só dentro dos abrigos, qua são umas casinhas. A temperatura tanto no abrigo de 4000 como no de 5130 ficava oscilando em torno de 1 e 5ºC (medidos com o termômetro/altímetro fora do pulso). o multifuel se saiu bem a 5000, mas o APOLO se passasse alguém rápido perto ele apagava até ... é isso ai... Abraço
  13. perto de quando eu vou, irei eu minha esposa e minha filhinha, vamos fazer isso também, ir de ônibus até Corumbá pegar o trem em Quijarro até Santa Cruz, depois bus pra La Paz e bus pra Cuzco novamente. Cuide pra comprar as passagens pra Corumbá que chegue bem cedinho, tipo 5:30 e corra pra fronteira, pois no lado boliviano demora no mínimo umas 5 horas na fila para fazer o registro de imigração, sábado a imigração fecha as 14h e domingo não abre. pode entrar com identidade ou passaporte, mas tem que fazer a "papeleta amarila" senão depois pra sair da Bolivia e entrar no Perú voce vai paga
  14. Poxa, provavelmente estarei cruzando a fronteira da Bolívia em Puerto Quijaro dia 27/12....pena pois vocês já teriam voltado...abração
×
×
  • Criar Novo...