Ir para conteúdo

ricardo vendramini

Membros
  • Total de itens

    31
  • Registro em

  • Última visita

Reputação

0 Neutra

Últimos Visitantes

O bloco dos últimos visitantes está desativado e não está sendo visualizado por outros usuários.

  1. Olá mochileiros venho aqui dar a minha contribuição de mais um relato de viagem , antes de ir pesquisei muito por aqui e ler os relatos foi fundamental para que eu pudesse ir mais seguro conhecer esse belo país. Pra começar quero dizer que só tenho coisas boas a falar desse país, povo muito acolhedor gostam muito de brasileiros quebrou todos os paradigmas que eu poderia ter sobre a imagem da Colômbia, sempre andei muito tranquilo e momento nenhum me senti inseguro lembrando que eu fui sozinho, então de 0 a 10 minha noa pra Colômbia é 9 super indico que conheçam o país. Mas vamos lá vou tentar ser prático no meu relato, viajei para Colômbia no mes de maio de 2017 dividi minha viagem assim 1º dia Rio de Janeiro / Bogotá 2º dia Bogotá 3º dia Bogotá/ Medellin 4º dia Medellin 5º dia Medellin / Santa Marta 6º dia Santa Marta 7º dia Santa Marta 8º dia Santa Marta/ Cartagena 9º dia Cartagena 10º dia Cartagena / San Andres 11º dia San Andres 12º dia San Andres 13º dia San Andres / Rio de Janeiro Achei o roteiro o ideal e os dias que eu fiquei em cada cidade para mim ficaram de bom tamanho consegui fazer tudo o queria fazer em cada uma 1º dia Rio de Janeiro / Bogotá Meu mochilão começou muito ansioso, aquela ansiedade básica que bate sempre que a gente inicia qualquer mochilão lá vou eu com destino ao Galeão comprei o voo pela Latam com antecedência de 2 meses meu voo fazia escala em Guarulhos sai do rio as 10hs fazendo uma conexão de 2hs em São Paulo o voo de São Paulo saiu as 14:30 chegando na fria Bogotá ás 19:20 hs horário de Bogotá, chegando em Bogotá veio o primeiro choque jamais imaginaria que estaria tão frio em Bogotá 10 graus fui colocando logo o casaco e partindo para fazer os tramites de imigração foi super tranquilo, perguntas básicas como quanto tempo iria ficar na Colômbia e onde eu iria me hospedar fiz a primeira troca de dólar no aeroporto mesmo, lembrando que tem varias casas de cambio no aeroporto e com cotações diferentes não troquem na primeira casa de cambio que encontrarem sai do aeroporto peguei um táxi até a região de La Candelária onde eu fiquei hospedado me hospedei no hostel Masaya fica muito bem localizado numa região central um pouco estranha a noite, lembra muito a Lapa e toma lhe frio chegando lá fiz o check in no hostel já era por volta das 9:30 hs da noite não iria me arriscar sair sozinho a noite num lugar desconhecido tomei o meu banho e fiquei na área de convivência do hostel lá já conheci uma francesa e uma alemã valeu a pena conversamos bastante durante a noite, o detalhe era que eu era o único brasileiro do hostel e fora os funcionários do hostel o único que falava espanhol, tive que me virar no meu inglês more lass isso se eu quisesse conhecer alguém tomei umas club colombias com as gringas e combinamos de sair juntos para conhecer a cidade no outro dia 2º dia Bogotá No segundo dia acordei pela manhã já sentindo um pouco dos efeitos da altitude na noite anterior eu senti um pouco mas nesse dia pela manhã veio forte lembrando que Bogotá está a 2.800 mts de altitude para quem vem do nivel do mar como eu costuma senti um pouco dar um pouco de falta de ar os funcionários do hostel me deram o famoso chá que lembrando que na Colômbia é comercializado normalmente como qualquer chá, me encontrei com as meninas e tomamos um desayuno no hostel lembrando que no masaya é pago, lá apareceu uma menina nos convidando para fazermos o free walking tour super indico alem de ser gratuito no final você só da uma contribuiçao para a guia e ela te leva para conhecer varios lugares próximo a região de La Candelária te conta a história do local mas lembrando como a maioria ou a totalidade fora eu eram europeus as explicações são todas em ingles mas uma vez tenho que exercitar o meu ingles more lass logo achando que eu iria para a Colômbia e só usaria o espanhol ela nos levou para conhecer o museu do café, comemos frutas tipicas do país, bebidas tipicas do país nos levou na praça principal da cidade contou a historia da colonização da Colômbia e outras explicações do pais vale muito a pena no final você contribui com quanto achar que valeu o passeio. Saindo dali voltei para o hostel com minha amiga alemã, conhecemos no free walking tour um sueco e um inglês e saímos para almoçar juntos já eram 3 horas da tarde a guia nos indicou um restaurante onde a comida era boa e por um preço bem barato para mochileiros mesmos rsrs comemos a famosa bandeja paisa que é a comida tipica da Colômbia é um prato com arroz, feijão, ovo, banana frita, batata e abacate eu acho que devo ter me esquecido de alguma coisa rsrs muito bom o prato depois eles foram comigo até área de La Candelária onde tem muitas casas de cambio aonde eu fiz mas umas trocas de dolar por peso, lembrando que tem muitas casas de cambio nessa região e a cotação varia de uma pra outra não troquem na primeira que entrar, o preço pode ser diferente na seguinte, e combinamos de sair para tomarmos uma cerveja a noite, voltamos para o hostel e a noite fomos num barzinho num bairro chamado de el chapinero tomamos umas cervejas conversamos muito e a noite voltamos eu e a alemã para o hostel o dia foi bastante proveitoso muitas trocas de experiencias download/file.php?mode=view&id=131345 download/file.php?mode=view&id=131344 download/file.php?mode=view&id=131343 download/file.php?mode=view&id=131346 Continua
  2. Olá Angelica ainda não sei ao certo mais devo fechar meu mochilão pelo Uruguai lá pro dia 17 ou 18 de dezembro. Vc vai estar por lá tbm. Eu tbm fiz um topico de procurando cia para o mochilão se estiver por lá tbm
  3. Valor bem em conta michelle, e quanto ao roteiro é mais ou menos igual ao meu, estou fechando os ultimos ajustes
  4. Ainda não por enquanto só comecei a montar o roteiro depois eu vou ver o quanto posso gastar
  5. Ola pessoal estou montando o roteiro do meu próximo mochilão. Vou fazer em 20 dias esses tres paises e gostaria de dicas e sugestões de vcs, por enquanto tenho em mente começar por santiago e ir pra pucón voltar a santiago e depois seguir para mendoza, buenos aires, sacramento e terminar em montevideo. Gostaria que vc me dessem sugestões de quantos dias ficar em cada lugar e outras dicas. Um abraço a todos
  6. Parabens alexandre confesso que viajei literalmente nos seus relatos, muito bom e cheio de detalhes, chegou ao fim, me valerá como experiencia pro meu próximo mochilão que pretendo fazer que será por Bolivia, Peru mas tambem incluirei o Chile. Parabens
  7. Belo relato zé me deu até vontade de conhecer Cuba quem sabe eu tbm não me programe para ir lá
  8. Olá jack na verdade eu sai do rio de janeiro e voltei por são Paulo, exatamente bom de gastos exatamente eu não te dizer mas deve ter girado em torno de 2 mil a 2.500 reais Bom quanto aos dias eu fiquei 4 dias em Curitiba 3 dias em Blumenau 4 dias em balneario camboriu 3 dias em floripa 3 dias em gramado 3 dias em porto alegre Beijos
  9. Olá pessoal dos mochileiros eu resolvi colaborar com o pessoal com o relato do meu ultimo mochilão que eu fiz pelo sul do Brasil ano passado, sempre tive vontade de conhecer o sul então resolvi tirar férias em outubro e colocar a mochila nas costas e sair meio sem rumo não se aconselha muito fazer o que eu fiz pois eu só comprei a passagem do rio pra Curitiba e do resto fui deixando a vida me levar rsrs mas essa sensação de liberdade realmente não tem preço. CURITIBA Bom pra começar eu cheguei em Curitiba uma cidade totalmente nova e desconhecida pra mim mas que surpreendeu muito um povo muito civilizado e ordeiro que é muito normal entre os habitantes do sul, quem sai do rio e de são Paulo se surpreende bastante quando chega lá. Cheguei lá numa sexta feira desembarquei na rodoviária de Curitiba e de lá me hospedei no Roma hostel, que é um hostel que tem os seus prós e contra de pró eu coloco que é um lugar que esta lotado de mochileiros o que da para fazer muitos amigos mochileiros e conseguir companhia para sair pois todos estão no mesmo barco rsrs e de ruim eu coloco as acomodações que não são as melhores acomodações de albergues em Curitiba se vc pesquisar encontra hostel muito melhores em termos de acomodações, mas não arrependo de ter ficado lá não fiz muitas amizades por lá. Durante o dia passeiozinho pelo centro da cidade de Curitiba isso é uma característica minha querer conhecer logo a cidade para tentar me situar e não me sentir tão perdido num lugar que é diferente pra mim, achei a cidade muito calma e tranquila um passeio pelo centro histórico da cidade e uma parada pela famosa praça xv para tomar um chopp e bater um papo com as pessoas que são de lá e conhecer um pouco dos costumes locais dai voltei para o hostel e a noite sai com os amigos mochileiros para beber um chopp pela famosa rua das flores lá serve uma cerveja muito boa. No outro dia fui fazer o passeio de ônibus turístico que passa por todos os pontos turísticos da cidade, lá vc só paga se eu não me engano 25 reais e conhece 25 pontos turísticos da cidade com direito a ter quatro descidas achei muito interessante e bem econômico pois em um único dia conheci a cidade toda por um preço bem bacana, a noite fui conhecer a noite curitibana fui para o famoso bairro do batel que é famoso pela noite pois reuni vários barzinhos eu recomendo muito bom lá no domingo acordei meio tarde não deu pra visitar muita coisa e então resolvi ir ao shopping lá de Curitiba e fiquei lá durante o dia e noite toda , na segunda fui visitar outros lugares que eu não tinha visitado ainda e a tarde resolvi fazer um cooper no parque birigui muito legal para essa pratica, na terça resolvi seguir caminho e continuar meu mochilão rumo a um novo destino resolvi ir para balneário camboriu em sc então peguei um ônibus de Curitiba pra lá BALNEARIO CAMBORIU Cheguei em balneário Camboriú e me hospedei no Rezende hostel que é o único hostel da cidade, no dia em que eu cheguei me hospedei num quarto junto com um paulista e um carioca e um peruano, sai para conhecer a cidade junto com esse amigo e conterrâneo mas fomos surpreendido pela chuva que caia na cidade e como é uma cidade praieira não se tem muito o que fazer com chuva lá no outro dia como estava chovendo bastante ainda seria um dia perdido lá então esse paulista falou que era melhor nós irmos pra Blumenau pois estava rolando a famosa oktoberfest eu até tinha planejado da uma passada por lá mas iria ficar mas um tempo em balneário mas então resolvi antecipar minha ida para lá então embarquei de ônibus para Blumenau BLUMENAU Chegando em Blumenau me hospedei na casa de uma senhora não qual paguei uma dia pra ficar em um quarto dentro da casa dela, sai logo após para conhecer a cidade junto com esse amigo conterrâneo, conhecemos o famoso centro histórico de Blumenau com uma arquitetura bem alemã, parece que vc esta na Alemanha os prédios são todos do mesmo formato, e eu recomendo visitar os monumentos lá tem um circuito que vc faz por lá com direito a uma visita ao museu da cerveja, onde se conhece a historia da cerveja, quem se interessar pode pagar para visitar uma das fabricas de cerveja da cidade e conhecer a fabricação de chopp e cerveja com direito a tomar um chope feito na hora. A noite fomos a famosa festa da oktoberfest que pra mim ficou sendo a melhor festa do pais eu super recomendo e penso em voltar lá de novo além de um chopp muito gostoso as mulheres de lá são as mais bonitas do pais Fiquei em Blumenau por mais dois dias conhecendo mais a cidade e claro indo na oktoberfest, conheci outros mochileiros por lá tbm então resolvi voltar a balneário pois não tinha conhecida o quase nada de lá tinha que voltar BALNEARIO CAMBORIU Voltando a balneário Camboriú agora sim sem chuva deu para conhecer mais essa bela cidade que é cheia de argentinos e uruguaios e conhecer as famosas praias de lá voltei para o Rezende hostel dessa vez me colocaram em um quarto junto com outros mochileiros um lugar onde o banheiro era super. pequeno para tomar banho quase que tínhamos que subir em cima do vaso, além do quarto não ter janelas, nós o apelidamos de cativeirão pois tinham quartos vazios e melhores mas como viram que nós éramos mochileiros acharam que nós não gostávamos de conforto, então se vc for a Balneário muito cuidado ao se hospedar no Rezende hostel o atendimento é péssimo tbm, mas isso fica pra depois saímos para fazer uma trilha pelas praias de balneário Camboriú até chegar ao morro do careca de onde pulam de parapente lá de cima e se tem uma visão linda da cidade No outro já que estávamos por lá mesmo resolvemos ir conhecer o famoso parque do beto Carrero world muito bom vale a pena mesmo nos divertimos muito lá é muito grande quase que vc não consegue conhecer tudo em um dia só A noite conhecemos a noite da cidade muito cara por sinal, não é noite pra mochileiro rsrs é muito voltado pra turista mesmo, então ficamos em um barzinho baratinho mesmo, no outro dia fomos conhecer o famoso parque interpraias que tem um teleférico muito legal de onde vc pode chegar a praia de laranjeiras que é muito boa pro banho, além de lá de cima da pra vc descer de um trenó em alta velocidade e descer de tirolesa até o mar muito bom, a noite fomos ao monumento do cristo luz de onde se tem um a vista linda da cidade, para nossa surpresa estava rolando uma festa onde só tinha argentinos e uruguaios parece que só tinha nós de brasileiros fizemos a festa, além de varias provocações aos Hermanos rsrs logo de manha resolvi tocar meu barco e fui pra floripa capital do estado FLORIANOPOLIS Chegando em Florianópolis fui me hospedar no lagoa hostel que fica no bairro da lagoa da conceição que é muito conhecida pela sua noite por ter vários barzinhos e boates e por ficar numa posição bem central na ilha pois de lá vc pega ônibus pra qualquer lugar da ilha, minha impressão da famosa ilha da magia foi as melhores possíveis povo bem hospitaleiro além de ser muito parecido em algumas coisas com o rio se pudesse eu moraria lá, bom voltando ao assunto cheguei ao lagoa hostel bom o atendimento é excelente mas parece ser um pouco abandonado, há muito o que se fazer lá mas parece ser meio sujo que me desculpe o pessoal da direção que é supergente boa mas é apenas uma opinião, mas quanto a companhia conhecia muita gente boa por lá fiz amizades com muita gente chegando lá fui curtir a noite bom na lagoa da conceição como eu disse lá se tem muitas opções então resolvi ir a uma salsa nunca tinha ido a uma antes e gostei muito recomendo a quem for lá um lugar chamado casa de noca pra não fugir do padrão de sc o lugar estava cheio de argentinos rsrs mas uma noite muito agradável no outro dia de manhã fui conhecer um pouco das praias de floripa então resolvi ir na famosa praia mole que é mole por causa da areia rsrs muito fofa mas uma agua muito gelada característica das praias do sul só tinha surfista dentro da agua então ficamos mais na areia mesmo conversando foi eu e um casal de paulista que eu conheci no hostel, de lá fomos almoçar no restaurante do cahorrão que fica na beira da praia mesmo é mais um restaurante de surfista mesmo e fica um clima de surf mesmo bem bacana, de lá seguimos pro hostel eu estava exausto de cansado No outro dia fiquei mas no hostel mesmo descansando pois essa historia de mochilão cansa muito rsrs lá conheci um mochileiro americano muito gente boa que estava na ilha pra praticar kitesurf fui com ele treinar na lagoa só que pra mim não deu muito não só vivia caindo de prancha rsrs tem que ter muita pratica preferi alugar um pranchão e praticar o standup aquele que vc fica remando em cima da prancha muito legal tbm, no outro dia conheci as outras praias de floripa que eu não conhecia como praia dos ingleses, barra da lagoa, matadeiros e Canavieiras e um pouco do centro histórico da cidade, ufa foi muito cansativo rsrs voltei pro hostel tomei um banho fiz meu mochilão e parti pra rodoviária pra pegar ônibus e parti para gramado no rio grande do sul fui dormindo dentro do ônibus GRAMADO Chegando em Gramado de manha cheguei por volta de 6 da manha tive que dar um enrolada pela cidade ate pode entrar no hostel que só começaria a valer minha diária meio dia então só fui lá no hostel pra deixar minha mochila fiquei hospedado no gramado hostel onde em questão de conforto foi o melhor hostel que eu fiquei muito limpo, atendimento excelente e um bom café da manha só faltou companhia rsrs no primeiro dia tive que sair para conhecer a cidade sozinho mesmo uma bela cidade parece que vc esta na Europa, não parece que é brasil, o que me surpreendeu muito é quando vc chega próximo a faixa de pedestre os carros param é o povo mais civilizado que eu já vi rsrs, bom conheci o centro da cidade os vários monumentos, suas belas ruas que dão a cidade um clima europeu principalmente pelo clima que é muito frio a noite pra minha sorte que não sabia estava rolando ensaio pro natal luz, então por apenas 1 kg de alimentos eu pude assistir o que as pessoas pagam 80 reais para assistir perto do Natal, no outro dia tomei um belo café e fui conhecer os passeios que tem pela cidade são muitos a maioria muito caro, detalhe gramado é uma cidade muito cara e é uma cidade pra vc ir acompanhado não tem muito o espirito mochileiros a gente fica meio deslocado lá, Bom no outro dia fui conhecer a cidade de Nova Petrópolis de colonização alemã e italiana famosa pelo seu labirinto verde onde vc entra literalmente dentro de um labirinto e tenta achar o meio de labirinto cidade bem legal mas é só de lá segui para cidade de Canela bem parecida com gramado mas que tbm não se tem muita coisa pra fazer a não ser que vc queira visitar o alpen Park no parque do caracol que dizem que é muito legal mas eu não fui pois no outro dia já tinha ate comprado a passagem para porto alegre. PORRO ALEGRE Pois bem no outro dia fui logo de manha pra porto alegre capital gaúcha, bom depois de vc ficar rodando por varias cidades limpas e civilizadas e uma cidade que volta dar clima de rio e são Paulo novamente lá já não se da para andar tão tranquilo além de ser muito movimentada, chegando lá fui direto para o ecohostel bom minha impressão do hostel foi a seguinte em termos de limpeza e atendimento muito bom o que deixou a desejar para mim foi o café da manha e o banheiro que é praticamente um para todo mundo do hostel, mas vou dar uma nota 7, chegando lá pela rodoviária fui pro hostel que fica no bairro chamado cidade baixa que é um famoso bairro boêmio de poa Chegando em poa fui fazer o reconhecimento da cidade fazendo uma caminhada até o centro que é como o centro de qualquer cidade grande muito cheio e sujo, a noite conheci duas amigas mochileiras baianas e fomos para uma baladinha sertaneja super. boa chamada café segredo eu recomendo, no outro dia de manha fui conhecer os lugares que são muito visitados na cidade como o tal gasômetro que não vi nada demais e olhar o rio Guaíba, além de visitar o estádio beira rio do internacional que infelizmente estava fechado para obras da copa Voltei para o hostel e a noite fui ao estádio olímpico assistir um jogo de grêmio que foi algo que me fez valer a pena ter ido a poa, No outro dia de manha fiquei só na expectativa de ir embora pois iria de ônibus até são Paulo então estava mais me despedindo do mochilão mesmo estava supercansado e cheio e olheiras pois busquei aproveitar cada minuto e tudo valeu muito a pena e ter deixado e se relato é só para agradecer e poder ajudar a todas as pessoas que pensam em um dia fazer um mochilão pelo sul do brasil UM GRANDE ABRAÇO A TODOS
  10. Muito bom o seu relato me deu umas dicas boas para o meu mochilão no mes de maio que inclui esses tres lugares, esta de parabens belo relato
  11. Oi Lullis vou fazer o mesmo mochilão que vc fez agora em maio, só que em vez de fazer bahia, vou para maceió e o meu durara 20 dias tem alguma coisa que vc faria de diferente nesse seu mochilão.... UM ABRÇ
×
×
  • Criar Novo...