Ir para conteúdo
  • Cadastre-se

br.olivei

Membros
  • Total de itens

    9
  • Registro em

  • Última visita

Tudo que br.olivei postou

  1. Salve Stanlley! Agradeço a imensa ajuda para o roteiro. Sua generosidade foi fundamental para que fizesse uma bela viagem com a minha família. Desculpe pela demora para responder ao seu comentário. Cheguei agora da viagem. Vou preparar um relato em breve. Vou me limitar, por enquanto, a fazer algumas breves considerações. 1) Manaus é incrível! Muitos museus e passeios para fazer. Se conseguir um hotel no centro histórico dá pra fazer muita coisa a pé. Entre idas e vindas na cidade passei uns 8 dias. Recomendo demais o hotel Farol da Barra. Fiquei atento aos horários e dias de funcionamento dos museus e se estão em funcionamento. Só não recomendo o Museu Casa Eduardo Ribeiro por conta da postura do guia sem noção que fica falando incessantemente "que os visitantes costumam deixar um dinheiro para o guia" durante a visita. A insistência é muito constrangedora. 2) A imersão na floresta é indispensável. Recomendo a Iguana Tour. Fiz o pacote Alligator com 4 dias e 3 noites, incluindo um pernoite na selva. Se pudesse voltar atrás faria mais dias. O guia foi incrível e o valor é baixo considerando a qualidade das experiências. Sem dúvida é o ponto alto da viagem! 3) As cachoeiras de Presidente Figueiredo são muito bonitas. Recomendo a do Mutum que tem acesso bem difícil. Tente alugar um carro por alguns dias e fugir dos fins de semana. São muitas atrações. Destaque negativo: o Hostel Figueiredo confirmou minha reserva de quarto antes da viagem, mas quando cheguei lá com minha família, a noite, o quarto estava ocupado. Uma grande palhaçada que precisa ser denunciada!!! 3) Novo Airão só tem Caixa Econômica (lotérica) e Bradesco. Até a agência do Correio foi encerrada. Era época do pagamento do defeso e bolsa família e por isso não consegui sacar pelo meu banco. Passei alguns perrengues mas pude contornar por lá mesmo. O Flutuante dos botos é imperdível e Anavilhanas é linda demais! A estrutura turística é absurdamente precária e os passeios são caros. Consegui barqueiro mas não posso dizer que tive um guia de qualidade. Por essa razão me limitei a fazer o passeio básico por Anavilhanas. Acessar o Parque do Jaú é muuuuuito caro!!! Se pudesse voltar no tempo, teria organizado a viagem para o período de seca em que aparecem mais praias. 4) Incluí Maués por sua sugestão. A esticada valeu pela viagem de barco de recreio e pelas boas conversas no "Barão do Guaraná". A cidade está completamente em obras (tudo quebrado, literalmente), tem menos estrutura que Novo Airão (fui duas vezes ao Centro de Atendimento ao Turista e não havia funcionário, quando dá 12h muitos estabelecimentos comerciais fecham) e todos os moradores que conversei perguntavam pq fui parar lá...rs. Tive a impressão de que é uma cidade que muda de cara somente nas festas (Guaraná, Reis etc). No dia que ia curtir uma praia o tempo fechou. Em síntese, pude experimentar o cotidiano dos moradores, sem qualquer verniz para agradar aos olhos do turista. Justamente o que eu prefiro. Posso dizer tranquilamente que tive a experiência que sonhava propiciar para minha família. Voltamos para casa com uma compreensão muito melhor do que representa a Amazônia, como a população brasileira é diversa e como a cultura amazonense é fantástica. Inesquecível! Muito obrigado pela ajuda. Saudações!
  2. Oi gente. Desculpe a demora. Cheguei agora da viagem. Vou preparar um relato em breve. Vou me limitar, por enquanto, a fazer algumas breves considerações. 1) Manaus é incrível! Muitos museus e passeios para fazer. Se conseguir um hotel no centro histórico dá pra fazer muita coisa a pé. Entre idas e vindas na cidade passei uns 8 dias. Recomendo demais o hotel Farol da Barra. Fiquei atento aos horários e dias de funcionamento dos museus e se estão em funcionamento. Só não recomendo o Museu Casa Eduardo Ribeiro por conta da postura do guia sem noção que fica falando incessantemente "que os visitantes costumam deixar um dinheiro para o guia" durante a visita. A insistência é muito constrangedora. 2) A imersão na floresta é indispensável. Recomendo a Iguana Tour. Fiz o pacote Alligator com 4 dias e 3 noites, incluindo um pernoite na selva. Se pudesse voltar atrás faria mais dias. O guia foi incrível e o valor é baixo considerando a qualidade das experiências. Sem dúvida é o ponto alto da viagem! 3) As cachoeiras de Presidente Figueiredo são muito bonitas. Recomendo a do Mutum que tem acesso bem difícil. Tente alugar um carro por alguns dias e fugir dos fins de semana. São muitas atrações. Destaque negativo: o Hostel Figueiredo confirmou minha reserva de quarto antes da viagem, mas quando cheguei lá com minha família, a noite, o quarto estava ocupado. Uma grande palhaçada que precisa ser denunciada!!! 3) Novo Airão só tem Caixa Econômica (lotérica) e Bradesco. Até a agência do Correio foi encerrada. Era época do pagamento do defeso e bolsa família e por isso não consegui sacar pelo Banco do Brasil. Passei alguns perrengues mas pude contornar por lá mesmo. O Flutuante dos botos é imperdível e Anavilhanas é linda demais! A estrutura turística é absurdamente precária e os passeios são caros. Consegui barqueiro mas não posso dizer que tive um guia de qualidade. Por essa razão me limitei a fazer o passeio básico por Anavilhanas. Acessar o Parque do Jaú é muuuuuito caro!!! Se pudesse voltar no tempo, teria organizado a viagem para o período de seca em que aparecem mais praias. 4) Incluí Maués por sugestão de outro Mochileiro daqui. A esticada valeu pela viagem de barco de recreio e pelas boas conversas no "Barão do Guaraná". A cidade está completamente em obras (tudo quebrado, literalmente), tem menos estrutura que Novo Airão (fui duas vezes ao Centro de Atendimento ao Turista e não havia funcionário, quando dá 12h muitos estabelecimentos comerciais fecham) e todos os moradores que conversei perguntavam pq fui parar lá. Tive a impressão de que é uma cidade que muda de cara somente nas festas (Guaraná, Reis etc). No dia que ia curtir uma praia o tempo fechou. Saudações!
  3. Olá, Estou procurando ajuda para montar um roteiro de 20 dias pelo Amazonas. Viajo com minha esposa e filho de 5 anos, ambos bastante dispostos para a aventura...rs. Não posso decepcioná-los!!! Nossa chegada será dia 4 de janeiro em Manaus, onde permaneceremos até o dia 08. Daí em diante começam as dúvidas. Não tenho ideia de como distribuir as datas e locais. Ficamos interessados em conhecer as cachoeiras de Presidente Peixoto, Novo Airão, Anavilhanas, Parque Nacional do Jaú e alguns dias na floresta (tenho considerado 4 dias pela Iguana Turismo mas não sei se seria a melhor opção). A volta será no dia 24 por Manaus. Aguardo contribuições. Muito obrigado Bruno
  4. Olá, Estou procurando ajuda para montar um roteiro de 20 dias pelo Amazonas. Viajo com minha esposa e filho de 5 anos, ambos bastante dispostos para a aventura...rs. Não posso decepcioná-los!!! Nossa chegada será dia 4 de janeiro em Manaus, onde permaneceremos até o dia 08. Daí em diante começam as dúvidas. Não tenho ideia de como distribuir as datas e locais. Ficamos interessados em conhecer as cachoeiras de Presidente Peixoto, Novo Airão, Anavilhanas, Parque Nacional do Jaú e alguns dias na floresta (tenho considerado 4 dias pela Iguana Turismo mas não sei se seria a melhor opção). A volta será no dia 24 por Manaus. Aguardo as contribuições. Muito obrigado Bruno
  5. Boa noite. Fiquei bastante interessado nesse esquema. Vou em janeiro. Vc pode me passar mais detalhes, por favor? Devo encarar o roteiro a partir do dia 08. Alguém afim? Vou com a família, incluindo meu filho de 5 anos.
  6. Obrigado pelo relato. Você tem o link para o contato com o André do AirBNB? Não encontrei pelo celular. Obrigado.
  7. Bom dia, Vou passar 20 dias pela Bahia com minha esposa durante o natal e o Revellion. Saio de SP no dia 19/12/12. Destes, 5 dias vou andar por Ibicui (casa de alguns parentes), que fica entre Itabuna e Ilhéus (eu acho). Dos outros 15 dias, a maior parte pretendo passar em Diamantina. Como meu voô de ida e volta é do Aeroporto de Salvador, pretendo passar rapidamente por algumas praias próximas (talvez Morro de SP/Praia do Forte). Preciso da ajuda de vcs pra afinar esse roteiro. Não conheço o transporte rodoviário da Bahia e por isso não sei qual a melhor ordem para o roteiro. Vcs podem me ajudar com a ordem do roteiro? Quanto devo gastar com transporte entre as cidades? Quantos dias devo dedicar a Diamantina e o que é imprescindivel conhecer? Conto com a ajuda de vcs! Bruno
  8. Gente, mto obrigado pelas respostas até agora! A partir destas contribuições tenho reorganizado o roteiro. Espero ouvir ainda outras opiniões, mas o post do Paulo me obrigou a dar mais tempo do que vinha imaginando para Diamantina e região. Paulo, vc tem alguma idéia de preços de transporte, hospedagem e alimentação?
  9. Bom dia, Preciso mto da ajuda de mochileiros que conhecem bem a Bahia. Vou encarar com minha esposa um mochilão de 20 dias pela Bahia, do dia 20/12 ao dia 10/01. Li mtos tópicos no Mochileiros.com além de alguns guias e chegamos ao roteiro abaixo. Gostaria que vcs me ajudassem pensando a melhor ordem para as cidades, pensando baixos custos, transporte, distâncias etc. ROTEIRO 1 - São Paulo - Salvador (avião) 2 - Arembepe 3 - Praia do Forte 4 - Morro de SP 5 - Ilha de Boipeba 6 - Peninsula de Marau 7 - Taipus de Fora 8 - Ilheus 9 - Itacaré 10 - Pto Seguro 11 - Trancoso e Espelho 12 - Chapada Diamantina 13 - Algum local que vale muito conhecer do sertão (ainda não sei o que...) 14 - Juazeiro? 15 - Feira de Santana? 16 - Salvador - São Paulo (avião) Caso tenha algum local que não vale a pena manter ou deva substituir, me avisem. Aguardo as contribuições. Obrigado!
×
×
  • Criar Novo...