Ir para conteúdo

Dani M.

Membros
  • Total de itens

    45
  • Registro em

  • Última visita

Reputação

0 Neutra

Sobre Dani M.

  • Data de Nascimento 12-11-1986

Bio

  • Ocupação
    Professora

Últimos Visitantes

O bloco dos últimos visitantes está desativado e não está sendo visualizado por outros usuários.

  1. Oi Lore, Não precisa fazer agendamento não, é só chegar uns minutinhos antes no ponto de encontro e procurar pelo guia que estará com uma camiseta vermelha. Muito bom esse free tour...segue o site! http://www.neweuropetours.eu/
  2. Oi Karis, Não tem elevador não e se não me engano, são uns 386 degraus até o topo. É bem cansativo e se vc tem algum problema de saúde, melhor optar pela visita ao Arco mesmo, é linda tbm e vc pode usar o elevador.Bjks
  3. Oi Karis, fico feliz que vc tenha gostado! Então, vou ser sincera, o lugar é mesmo bem fechado e como é uma escada no estilo meio caracol, pode dar umas tonturas sim. Mas apesar de cansativo, a vista é um deslumbre!
  4. Dublin 25° dia: Cheguei em Dublin por volta das 8h da manhã e do porto mesmo peguei um ônibus que me deixou na esquina do hostel e que custou baratíssimo. O hostel, por sua vez, ficava a poucos minutos do Trinity College. Como era cedo, deixei minha mochila novamente na recepçãol, tomei café por lá mesmo e depois aproveitei a proximidade e fui visitar o Trinity. Já gostei logo da entrada, imponente e com vários monumentos erguidos em homenagem a grandes personalidades que estudaram ali. Só para que vcs tenham noção, já passaram por ali: Oscar Wilde, Bram Stoker, Edmund Burke, Jonathan Swif
  5. Glasgow 23° dia: Cheguei em Glasgow por volta das 13h, mas o check in só seria a partir da 14h. Decidi deixar minhas coisas,sai para almoçar para em seguida rodar um pouco pela cidade, sem nada muito programado, pois já sabia que Glasgow não teria a mesma quantidade de "encantos" das outras cidades escocesas. De qualquer forma, segui meu mapa e encontrei a mais famosa praça da cidade, a George Square, onde aproveitei para tirar algumas fotos do Glasgow City Council e de alguns monumentos erguidos em homenagem, entre outros, a Robert Burns e Sir Walter Scott. Neste dia enquanto tirava as
  6. Oi Fabricio, A viagem foi tranquila sim, o Megabus não é tão confortável, mas não é ruim tbm, teve trechos dentro da Escócia que paguei 1 pound. A de Paris a Londres comprei com uns 40 dias de antecedência que é o que o prórpio site permite e paguei só 5 pounds, mas deve ter sido uma baita promoção mesmo, pq a faixa é esse valor que vc falou.A diferença de 20 euros do ônibus e do trem vc consegue comprar mais um ou dois trechos de ônibus, acho q vale a pena se vc não tiver frescura de fazer longas viagens de ônibus, eu não tive e economizei muito. Já a imigração foi tranquila, quando vc chega
  7. 21° dia: Neste dia, fiz o 1° de dois day tour que contratei com a empresa Scottish Tours, ainda quando estava no Brasil. Contratei, pois não estava com carro e os lugares que queria visitar eram mais afastados da cidade. Esse 1° day tour foi operado pela parceira da empresa, a Jacobite tours e era um mini cruzeiro pelo Lago Ness com parada no Loch Ness Centre and Exhibition, uma espécie de museu dedicada a famosa e querida Nessie e visita ao belissímo Urquhart Castle que fica as margens do lago ness e merece uma visita de todos os que visitam essa região das Highlands. O tour foi ótimo, sem in
  8. Inverness 19° dia: Nesse dia meus amigos decidiram me levar de carro a Inverness, pois de lá iriam a Skye para uma semana de férias. Acabei perdendo os 6.50 pounds da passagem de ônibus, porém ganhei fazendo um dos trajetos mais lindos da viagem, pois fizemos o Tourist Route to Inverness, uma rota por qual o ônibus não passaria. Paisagens belíssimas! Chegamos em Inverness, a “capital” das Highlands, por volta do 12h, me despedi dos meus amigos e segui até os hostel que era ao lado da rodoviária, só para guardar minhas coisas e sair para bater perna pela cidade. Nesse dia conheci dois irmã
  9. Aberdeen 17° dia: Sai cedo de Edimburgo e cheguei em Aberdeen por volta das 11h30 com meu amigo já me esperando na estação de ônibus. Confesso que Aberdeen entrou no roteiro pq além de ser um belo caminho para as Highlands, era onde encontraria esse casal de amigos escoceses que me convidaram para passar o final de semana em sua casa. Meus amigos moram em uma região de Aberdeenshire chamada Banchory, uns 25 minutos do centro de Aberdeen, ou seja, não parei no centro da cidade e não poderei dar muitas dicas de lá, somente que me pareceu bacana pela janela do carro! Neste dia, fiquei somente co
  10. Escócia Antes de iniciar o relato desta parte da viagem, gostaria de explicar o porquê da escolha das cidades e de alguns passeios. Na verdade, como disse, adoro literatura e a cerca de sete anos acompanho uma serie de livros chamado Outlander, sendo que esses livros retratam um pouco da história da Escócia e descrevem vários lugares das Highlands que eu tentei meio que “segui-los” foi por isso dediquei 4 dias para Inverness que é uma cidade pequena e numa viagem “normal”, dois dias já seriam suficientes. Já Aberdeen entrou na lista devido a amigos que vivem lá e acabou sendo uma grata su
  11. Obrigada,Claúdia! Acho que está ficando gigante este relato, mas acabei editando um pouco e colocando alguns dos principais gastos que tive. Espero que seja útil!
  12. Liverpool 12° dia (cont.): Cheguei a Liverpool, a terra dos Beatles, à tarde. A viagem foi bem tranquila e os ônibus da National Express, apesar de mais caros, são bem mais confortáveis que os do Megabus. Aproveitei esse dia para dar só uma volta pelos arredores do hostel sem nada muito programado. O hostel que fiquei (Hatters Hostel, muito bom) era enorme e tinha um bar bem legal onde acabei ficando e assistindo alguns jogos da Copa, conversando com um pessoal que conheci. 13° dia: Nesse dia fiz o free tour da mesma empresa que comentei antes, foi umas 4 horas de caminhada por diversos l
×
×
  • Criar Novo...