Ir para conteúdo

VitorFTM

Membros
  • Total de itens

    43
  • Registro em

  • Última visita

  • Dias Ganhos

    1

Posts postados por VitorFTM

  1. Em 29/11/2017 em 22:42, edvar.junior disse:

    Oi Heineken,

    Sabe me dizer se rola de ir para o Grey em um dia, dormir no alojamento igual vc fez e no outro dia ir para o outro lado lá na trilha das torres?

     

    Abraço.

    Não sou o Heineken, mas fiz o Circuito O há alguns dias atrás. Tentarei te ajudar, rs.

    Não entendi muito bem a pergunta, mas se você quis dizer que chegará no parque (suponho que pelo Catamaran) por Paine Grande e então subir para o Camp Grey e pernoitar, é bem tranquilo.

    Agora, ir DIRETO do Camp Grey para o Camp Las torres, vai ser um pouco puxado se tiver com uma cargueira RAZOAVELMENTE pesada. Se estiver só se baseando em refugios ou campings e não estiver levando praticamente nada (tudo alugado já no local), aí é até que "fazível", mas vai ser "chutado".

    Já para sair do Grey e subir até o mirador da base das torres, vai ficar MUITO cansativo.

    Só pegar qualquer mapa disponível no google e ver as distâncias e tempo para fazer a trilha (são bem fidedignas as estimadas de tempo), vai ver que fica pesado.

     

    Espero ter ajudado! :)

  2. Pessoaaaaaaaaal, boa noite!

     

    Vim aqui pedir uma opinião dos mochileiros sobre, basicamente, a quantidade de dias para se ficar nos lugares.

    Nada amarrado. Quero sugestões para ter uma ideia de como lidar com o tempo que vou ter. Como quero algo mais livre até devido a alguma coisa que possar surgir no caminho, então não comprei passagem de ferry e nem fechei hostel.

     

    Inicialmente, o meu planejamento foi mais ou menos assim:

     

    08/12: Bs As (chegada umas 15h local)

    09/12: Bs As

    10/12: Bs As

    11/12: Bs As

    12/12: Bs As (ida para Colonia no último horário possível do ferry)

    13/12: Colonia Del Sacramento (Acordar bem cedinho pra aproveitar o dia todo e, no final, pegar último ônibus disponível para MVD para fazer conexão pra outro já direto pra P. del Diablo, dormindo no ônibus pra de manhã já ver o nascer do sol em P del Diablo)

    14/12: P. del Diablo

    15/12: P. del Diablo

    16/12: Cabo Polonio

    17/12: Cabo Polonio ou P. del Este (o que acham? li em vários lugares que 1 dia é o suficiente pra Cabo Polonio, mas como é algo mais charmoso, mais roots e menos "Cidade Grande" como P del Este, considerei passar 2 dias)

    18/12: P del Este (acham que vale mais que um dia?)

    19/12: MVD

    20/12: MVD

    21/12: MVD (avião de volta às 13h local)

     

    Algumas considerações:

     

    2 dias e algumas horinhas em MVD são o suficiente?

    tenho intenções de ficar num Couch, mas ainda não fiz contato com nenhum host :S

    Penso em uns US$40 por dia, podendo ser esticado pra uns US$70 alguns dias.

    Por ser período de elevada procura, acham que posso ficar sem vaga em algum hostel, caso apareça do nada e sem reserva? hahahaha

    Será que são muitos dias em Bs As?

    Pensei em ir direto de Colonia pra Punta del Diablo porque caso aconteça algum imprevisto, eu volto cortando cidades como Punta del Este e MVD (que sei la, tem coisas legais pra ver mas prefiro um contato maior com a natureza, digamos assim) e não perco o voo de volta de MVD hehehehe.

     

    Essas são algumas questões que me surgiram pois quero sair de casa tendo uma noção mas, como já disse, sem nada amarrado.

     

    Desde já obrigado pessoal!

    Ah, caso alguém que leia e vá nessa época pra algum lugar desses, dá um toque aí! :D Sempre é bom uma companhia! hehehehe

     

     

    abraços a todos e que nossa mochilada nunca acabe! ::otemo::

  3. Alguém poderia me atualizar de como está o Complexo do Claro e do Paraíso por esses dias? Vi alguns videos no youtube e pelo que vi parece beeeeem seco.

     

    Irei para esses dois lugares e tentarei dar uma esticada até Capitólio. Haveria alguma informação de alguém da região aí desse local também?

     

     

    Obrigadoooo desde já!

  4. Pessoal, estou com uma dúvida olhando no site das empresas agora ...

    Na verdade, é mais para ter uma noção, pois não pretendo comprar pela internet e ter meu roteiro amarrado devido à passagem.

    Olhando os preços para Dezembro, no site, estão +- o seguinte:

    Buquebus: $1065

    Colonia: $98

    Seacat: $257,25

     

    Todos esses preços estão em pesos argentinos já? Achei a diferença muito grande :S

    E caso alguém tenha ido por esses tempos, saberia me dizer se na hora chega a ser MUITO mais caro ?

  5. Milton, Vicente. Muito obrigado, mas me confundi:

     

    Eu queria saber como ir ao terminal de Calama, saindo do aeroporto.

    Será que vale a pena, já que vou chegar a noite?

     

    Abraços

     

     

     

    Leandro, o Aeroporto está a uns 6km da cidade e você pode ir de Taxi (uns 15min +/-), tendo em vista que vai chegar a noite.

    Dependendo do horário que você chegar, compensa passar a noite em Calama e ir logo cedo para SPA.

     

    Abraços

     

     

    O ponto positivo de pegar o transfer direto do aeroporto para SPA é a facilidade, mas você pagará por ela, como já foi dito.

    De onibus você pagará menos, mas dependendo do seu planejameto do tempo que ficará em SPA, pode te atapalhar. Se nao for problema o tempo lá, dai eu acho que vale a pena ir de onibus que vc gastará bem menos :D

  6. Se pensar no hostel apenas para dormir, indico o La cima. Próxima à rodoviária e bem básico. Chuveiro quente e quartos compartilhados ou double. Mas a dona é chata. Dá a impressão que estamos lá de favor :?

     

    Pagamos AR$70 por pessoa SEM café da manhã. Com café seria 20 pesos a mais.

    Não compensava, tendo em vista que o café era muito básico.

     

    Tomamos café toda manhã na Panaderia La Nieve. Ficava por volta de 50 pesos nós dois, com um chocolate quente para cada, o que deixava esse preço relativamente alto, mas mesmo assim comíamos bastante e saíamos satisfeitos!

  7. Fui a El Chaltén por volta do dia 3 de janeiro deste ano e fazendo um adendo ao comentário do macrjunior, O VENTO NÃO PÁRA. :)

     

    Tenha um bom material corta vento, pois ele vai ser seu melhor amigo contra o frio quando estiver desabrigado!

     

    Fui com a minha namorada num dia com chuva e vento até a Laguna Capri. Corta vento por cima, polar na parte de cima, calça térmica e bota impermeável. Creio que se não fosse isso, nesse dia estaríamos ferrados!

     

    Quando chegamos à laguna capri o vento era insano! Lembro-me de tirar as mãos do bolso para tirar fotos e apenas 2 minutos com a mão para fora já não sentia a ponta dos dedos e não conseguia tirar fotos hehehehehe ...

  8. Beta, para pessoas de nacionalidade de países do Mercosul são AR$70 o ingresso no parque.

     

    Há também a possibilidade de ser chegar lá nas passarelas por meios próprios e então lá pegar a excursão para os 'trekkings' no gelo.

    Lembro-me que saía mais barato, mas não lembro quanto...

     

    os AR$640 são com transfer da porta do hostel até o glaciar e a volta até o hostel.

     

    O cara da van que nos pegou era muito gente boa e conversamos pra caramba sobre futebol hahaha

     

    Fiz o minitrekking e vale a pena!

  9. Olá pessoal

     

    Eu e minha namorada fizemos um um mochilão pela Argentina, Chile e Bolívia no começo deste ano e passamos por Punta Arenas por volta do dia 08/01/13.

     

    Quanto a hospedagem, não temos NADA do que reclamar.

     

    Ficamos no Hostal-Albergue El Conventillo (segue na imagem a localização). Logo ao chegar fomos muito bem atendidos pelos proprietários (um casal). Nos disseram que havia dormitórios compartilhados (o que não foi tão fácil de achar em P. Arenas, porque pelo que percebemos, alugam-se os quartos e não por pessoa), mas apenas entre homens ou mulheres; mesmo assim decidimos ficar. Assim que estávamos levando nossas coisas para o quarto, o dono nos disse que um quarto havia vagado e, abrindo uma exceção, nos deixou dormir no mesmo quarto. :)

    Bom, até aí tudo bem, não faria uma diferença enorme dormirmos em quartos diferentes. Mas o melhor vem depois ... fomos na recepção saber a hora do check-out e já acertar as contas: 9000 pesos chilenos por pessoa com café da manhã (aceitavam cartão), um preço muito bom tendo em vista que o mais barato que achamos anteriormente fora 25 mil pesos por um quarto double e sem café da manhã.

     

    Continua melhorando! O café da manhã excelente! Pães, café, geleia, fruta, sucrilhos, chá, doce de leite, leite em pó.

    O banheiro era SUPER limpo. A água era quente e uma ducha muito boa ...

     

    No Hostal há também duas salas de TV à cabo, Wi-Fi, uma cozinha com muitas coisas para se utilizar, um computador com internet e que nos salvou para passar as fotos da câmera para o pen-drive! :D ... Dormimos apenas uma noite e no dia seguinte conhecemos a zona franca e o centro da cidade. Acabamos não indo à pinguinzera porque julgamos muito caro (cerca de 140 mil pesos). Fizemos o check-out e fomos conhecer a cidade. Os donos ainda fizeram o favor de permitir que deixássemos as mochilas lá e nos ofereceram a possibilidade de chamar um táxi para nos levar para o aeroporto à noite ...

     

     

    Enfim, indico MUITO este hostel. Foi um dos melhores da nossa viagem!

    • Gostei! 1
×
×
  • Criar Novo...