Ir para conteúdo

diegoalvesm

Colaboradores
  • Total de itens

    53
  • Registro em

  • Última visita

  • Dias Ganhos

    1

Tudo que diegoalvesm postou

  1. então!! esse relato é de 2014 talvez as coisas tenham melhorado mas acho que se você não for sozinha pode se virar bem e qualquer coisa contratrar guia.apesar de tudo acho que o Egito é imperdível não desanime não!!!
  2. foi 700 dolares que gastei lá e 2900 reais de passagem
  3. Então!!! já tinha ocorrido sim esse incidente com os turistas mexicanos mas no deserto eu me senti seguro sim e foi o melhro deserto que já fiz até hj(melhor até que sahara ),só não indico fazer do jeito que fiz com "qualquer um",é bom ver bem a agencia que vai te levar para não cair em furadas e correr riscos.
  4. Acho muito tempo 8 dias em seul...Você deveria deixar uns dias para Gyeongju porque a cidade vale muito a pena.Uma amiga minha foi recentemente com minhas dicas e Gyeongju foi a cidade que ela mais gostou
  5. A Coreia do sul não é um país tão desejado por brasileiros o que é uma pena pois o país oferece de tudo e com uma facilidade incrível para o turismo.Diferente do que muitos pensam o país não se resume a Seoul que é o que muitos fazem,ficam 3 a 4 dias em Seoul correndo e já partem para outro país.Tem praias paradisíacas,templos,arquitetura moderna,parques e muitas outras coisas. Eu fiquei 15 dias e achei muito bom.Meu roteiro foi 3 dias em Seoul na chegada + 3 dias em Gyeongju+ 4 dias em Busan + 3 dias na ilha de Jeju+ 1,5 dias em Seoul no retorno. A moeda é o won que na época da minha viagem(julho 2016) valia a cada dólar em média 1125 a 1165 wons.Não compensa trocar no aeroporto nem em bancos mas sim logo na chegada em Seoul no bairro Myeong Dong(inclusive lá é o melhor câmbio do país então para quem quiser já trocar tudo lá se já tiver previsão de gastos é melhor.Eu troquei U$1 a 1165 wons lá e no restante do país eu mal achava casa de cambio,somente bancos com cotação ruim). O clima em julho não é dos melhores e resume se a chuva e calor mas ainda assim com sorte dá para aproveitar. Em tudo quanto é lugar te oferecem água de graça e tem bebedouros em vários estabelecimentos.Esse costume de servir água talvez seja pelo fato da comida ser muito apimentada.Eu não gostei muito da comida coreana exceto Bulgogi(churrasco coreano de beef ou pork) Kimchi que é o repolho com especiarias não curti porque é muito apimentado e nem outro pratos como Bibim bap que é arroz camarão,ovo e muita pimenta. O transporte público é excelente e rápido no país inteiro e de todos os aeroportos partem ou trem ou ônibus para o centro.Eu não usei taxi nenhum momento mas não é um serviço muito caro também.O metrô em Seoul tem a tarifa mínima de 1350 wons e toda viagem que você compra na maquina tem um deposito de 500 wons que depois é só pegar de volta(em outra maquina sempre ao lado da maquina de compra de ticket).É fácil insere o cartão e a maquina te dá uma moeda de 500 wons. Os coreanos assim como japoneses são muito simpáticos e prestativos,se você está perdido eles te levam até o local mesmo sem falar inglês. Dia 1-Seoul Na chegada ao aeroporto peguei trem por 3200 wons mas tive que pagar mais depois porque na seoul station teria que ter trocado o ticket e não fiz isso daí não conseguir passar o cartão na saída.Cheguei na sadang station que era a mais próxima do meu hotel e com google maps consegui me localizar(lá tem wifi em todos os lugares praticamente então usar o google maps não é um problema).Na rua sempre tem um wifi público. O aeroporto Incheon onde cheguei é bem longe do centro da cidade e demorou quase 2 horas.Desci na Seoul station e de lá peguei outra linha. Não recomendo muito a guesthouse que fiquei.Chama Residence near Gwanak Mt.Só foi bom pelo preço mas o quarto era apertado e um pouco afastado da estação e além disso o senhor que me atendeu não falava inglês. Na Coreia todo hotel que você chega tem que pagar na hora,eu não sabia disso e como tinha trocado pouco no aeroporto devido ao câmbio ruim tive que deixar U$100 de depósito e sair correndo para Myeong Dong trocar dinheiro lá. Nesse dia aproveitei para rodar bem por Myeong dong que é um bairro bem legal lembra o Japão,tudo muito iluminado e muitas lojas. Dia 2-Seoul Fiz TUDO de metrô em Seoul.Acordei e peguei metrô para o bairro Bukchon Hanok village com casas tradicionais.É só descer na estação Anguk e andando pouco já chega. Para ter acesso ao mapa das estaçoes baixei no meu celular o app Subway Korea que é uma mão na roda e muito útil. Ali perto da Bukchon hanok Village já tem o gyeongbok palace que é a principal atração da cidade pelo tripadvisor.Fui de metrô e desci na Gyeongbokbung station mas essa é a estação seguinte a Anguk,ou seja daria para ter ido a pé.O local é bem bonito eu tive sorte e não paguei nada para entrar porque era dia da cultura mas o preço é 3000 wons. Na saída do palácio já tem outras atrações como a estátua de Buda e do rei sejong.Após tirar algumas fotos peguei metrô de novo para estação Myeong Dong porque queria visitar a seoul tower. Chegando lá eu sabia que tinha um ônibus para seoul tower mas eu muito perdido não achei o local que pegava então resolvi ir a pé mesmo, seguindo o google maps.Achei tranquilo e em 20 minutos após subir ladeira cheguei na entrada do Namsam Park.O problema é que depois ainda tem mais e mais escadas.Preparem se porque seoul é uma cidade cansativa,anda muito dentro das estações de metrô e tudo é muito longe. Para subir de teleférico paga se 8500 wons pela round trip.É bem bacana a visão de lá de cima.Se quiser pode pagar mais para subir na torre,eu não paguei porque achei que não mudaria muito a visão de lá de cima. Saí de lá e já fui novamente em Myeong Dong para almoçar por lá.Paguei 6000 wons em um buffet de comida coreana apimentada.Saí até enjoado de lá kkkkkkk.Normalmente um prato de comida gira em torno de 6000 wons a 10.000 wons. A noite aproveitei para ir no famoso bairro do psy o Gangnam. Dia 3-Seoul Acordei cedo por causa do fuso de 12hs estava com jet lag ainda.Novamente girei tudo de metrô.Aproveitei para conhecer o Cheonggycheon,o rio revitalizado deles que antes era tão poluído quanto o rio tietê e também girei um pouco mais por Myeong Dong e Gangnam. Em seul tem o passeio da zona desmilitarizada mas custa caro normalmente 100 dólares.Eu achei besteira e não fiz!!!Fora isso todas as outras atrações dá para fazer por conta facilmente. Dia 4-Seoul para Gyeongju Comprei o ticket antecipadamente 1 mês antes no site http://info.korail.com/mbs/english/index.jsp que está em inglês.Paguei 49.300 wons pelo trecho.Saí 12:15hs e 14:21hs chegou.O trem é bem pontual e sai da Seoul satation chegando na Syeongju station(atenção essa é a maior estação de lá,tem uma outra chamada Gyeongju station,não confundir). Chegando na estação foi fácil abrir google maps e ver a rota para o hotel.Peguei o ônibus 50 por 1300 wons e desci na parada bus terminal.Em gyeongju não tem metrô mas dá pra ir em tudo com ônibus.Prestar atenção porque a parada bus terminal não é dentro do terminal,essa é uma das únicas paradas que a gravação repete em inglês dentro do ônibus “This stop is for the bus terminal”. Achei excelente o hotel que fiquei.Chama APPLE MOTEL e recomendo muito.O dono foi bem atencioso,falava inglês e me ajudou.Tudo muito limpo e organizado!!!Além disso por ter como referência a estação de ônibus fica fácil se localizar. Gyeongju é uma cidade cheia de tumbas espalhadas.Tem templos e é bem interiorana.No mês de julho chove muito mas ainda assim deu para aproveitar. Dia 5-Gyeongju Tomei café no 7 eleven.Assim como na Tailândia e Japão a Coreia tem 7 eleven e GS25 em todos os lugares.É uma loja de conveniência um pouco mais cara que grandes supermercados mas tem a praticidade de ser perto sempre.Inclusive lá dá para comprar um passe dos ônibus e de metrô para algumas cidades na Coreia,chama T Money,aí fica mais fácil não precisa ficar com moedas e pegando dinheiro toda hora nos transportes.Com ele o metrô de Seul fica 100 wons mais barato.Eu acabei enrolando para comprar e no fim desisti. Peguei o ônibus 10 por 1700 wons para Bulguksha temple.Curti lá dentro.Em 1 hora dá para rodar tudo.Na saída fui abordado por uma coreana oferecendo almoço com cardápio em inglês e resolvi ir no restaurante dela.Acabei pedindo um prato que veio um monte de coisas estranhas e apimentadas como sempre hahahahaha.Saiu 10.000 wons. Após o almoço,peguei o ônibus 12 por 1700 wons lá mesmo em frente ao Bulguksha temple que sai de 1 em 1 hora para a gruta de Seokguran que não tem nada demais.Andei um pouco lá e voltei com o mesmo ônibus 12. A noite fui ver as tumbas. Dia 6-Gyeongju Nesse dia fui andando do meu hotel até Cheonmachong tomb que é perto.Paguei 3000 wons para entrar e não tinha ninguém lá dentro.o lugar é bem legal, muito verde!!! Depois peguei o ônibus 700 por 1800 wons e fui até Anapji temple. Dia 7- Gyeongju para Busan Peguei o trem da estação Syeongju para Busan as 12:35hs e cheguei as 13:05hs.É bem perto! A chegada em busan foi bem tranquila e meu hotel era do lado da estação Nampo.Fiquei no grand motel e foi muito bem localizado tinha um café da manhã simples com pão e manteiga mas o preço que paguei foi bom. Dia 8,9 e 10-Busan Busan é uma metrópole com muitas praias de areia escura e muitas lojas.Dá para fazer tudo de metrô. As praias são bonitas nada tão espetacular mas é bem diferente.Os coreanos alugam boias e ficam brincando na água.Quando estão na areia eles gostam de brincar de se enterrar hahahah enfim cada país com sua cultura.As praias principais são a gwangalli beach e a haeundae beach. Busan é a cidade que tem “o fenômeno da neblina”.mesmo com sol as nuvens ficam baixa e invadem a praia e qualquer local. Dia 11-Saída de Busan a Jeju island Comprei o ticket de avião pela asiana Airlines,paguei somente 27 dólares já com taxas no trecho do voo.Saída as 15:10 de busan e Chegada as 16hs. Para sair de Busan até o aeroporto é simples e dá para ir de metrô apesar que as vezes pode ser que esteja cheio dependendo do horário.Deve se ir até a estação sasang linha verde e depois trocar e pagar outro ticket até a estação airport. Na chegada a jeju paguei 1200 wons e peguei o ônibus 100 até meu hostel.Foi bem rápido e fiquei acompanhando o trajeto do ônibus com google maps para saber onde descer que era na Tamla Welfare center.É 15 minutos o trajeto. Dia 12-Jeju Island Jeju é um dos lugares mais fascinantes do planeta tanto que foi considerado umas das 7 maravilhas da natureza.é de fato um dos lugares mais bonitos do planeta.Tem cavernas,tem praias paradisíacas,montanhas e etc. A Ilha é enorme não dá para conhecer tudo mas eu consegui fazer tudo de ônibus mesmo.fiquei em um hostel excelente e muito bem localizado em jeju city(mais perto do aeroporto,porque tem outra cidade Seogwipo mais longe).o nome é hostel lyndon e tem parada de ônibus bem na porta. Nesse primeiro dia gastei 1300 wons e peguei o ônibus 701 para Hamdeok beach fiquei um pouco lá,pria espetacular e depois peguei o mesmo ônibus 701 por 1800 wons para a caverna.É longe!!!Do ponto até a entrada são 2,5 km mas fiz ida e volta a pé mesmo.Tem uns taxis que ficam por lá para quem está com pressa.Saí da caverna almocei por 10.00 wons lá mesmo porque não teria tempo nem tinha outros restaurantes perto.Fui depois a pé até a Gimmyeong beach.ë bem longe també ir a pé hahahahaha mas estava disposto a andar.Passei parte da tarde lá. Depois de praia foi a vez de conhecer um dos pontos principais da ilha que é o Seongsam Park.Muito foda!!!Paguei 2000 wons para subir no topo e depois de apreciar tudo voltei com o mesmo ônibus 701 por 3300 wons para meu hostel.Cheguei já quase a noite. Vale a pena fazer td por conta como eu fiz porque os tours em Jeju são 70 dólares em média.Eu gastei 22.000 wons só com todo esse trajeto. Dia 13-Jeju Island Nesse dia decidi ir ver as cachoeiras.Peguei o ônibus 781 e desci em Jeongang waterfall.Paguei 2000 wons a entrada.De lá fui a pé e em 15 minutos andei 1.5 km chegando na Chenniyeon waterfall .Paguei 2000 wons a entrada também. Dia 14-Jeju Island Decidi ir na Jeju loveland que é um museu erótico a céu aberto bem engraçado.Peguei o ônibus 70 mas ele me deixou em um ponto antes e tive que andar bastante para chegar lá.Na volta esperei muito tempo até passar um ônibus mas consegui voltar.A entrada é 8000 wons, carinha se comparada a todas as outras atraçoes que são 2000 wons. Dia 15-Seoul e Retorno Para chegar no aeroporto de jeju peguei o ônibus 70 e foi bem tranquilo.Fui em um vôo da jeju air por 21 dólares somente até Seoul.Saída as 9:35hs e chegada as 10:45 hs. quem tiver dúvida e quiser ver mais fotos só me add facebook https://www.facebook.com/diego.costa.79
  6. Eu fui para cuba em 2015 e segui todos os passos da carol.Deu tudo certo e fiquei também na casa da carmem conheci a Irina amiga da familia que me ajudou em tudo e reservou todas as outras casas para mim.Recomendo.Amei o país.
  7. 10 DIAS EM BALI A Indonésia é um belo país para ser visitado e além de boas praias e templos é barato tanto hospedagem quanto alimentação e passeios.Fiquei 10 dias e depois segui para as filipinas.Não fui em Jacarta nem em Lombok mas talvez compense ir, outro lugar que compensa também são as Gilli island. Dividi os 10 dias ficando 5 em kuta(que é muito legal diferente do que muitos falam não achei que é sujo nem tumultuado gostei bastante da localização que fiquei) e mais 5 dias em Ubud no interior. Dia 1-kuta Chegando já troquei dinheiro no aeroporto levei dólares americanos 1U$=12.800 rupias. ATENÇÃO:Em Kuta existe um golpe na rua principal em que é oferecido a troca de 1 U$ por 13.500 rupias porém na hora deles trocarem o dinheiro fazem uma malandragem e te roubam dinheiro.Portanto sempre troque em casas de cambio.Fizeram 2 vezes isso comigo mas percebi e fui lá reclamar me devolveram mas saí muito puto. O taxi do aeroporto até o hotel em Kuta custou 150.000 rupias que na verdade foi caro para os padrões lá. Dia 2-Kuta Em Bali é muito comum o aluguel de carro que já vem com motorista.Estávamos em 3 pessoas e para a gente compensava.saímos as 9hs e retornamos as 17hs.Não queria alugar scooter que é outra maneira de conhecer a ilha. Nesse primeiro dia contratamos no hotel mesmo(The Kuta Flora bali hotel bom e barato) e foi cobrado 450.000 rupias para levar em vários lugares incluindo pandawara beach Padang Padang beach blue point e monkey temple. A primeira praia Pantai Pandawa é muito bonita não é para surf ficamos umas 2hs e depois seguimos para Padang Padang beach.Tem uma descida de 15 minutos e a praia fica lá em baixo.Não é tão bonita e ficou famosa por causa do filme comer rezar amar. A praia blue point é muito bonita tem uma descida também e é boa para surf.Almoçamos lá mesmo.A comida balinesa é muito boa e com 6 U$ voc6e consegue comer bem e beber um suco por exemplo.Vários tipos de peixes e muito frango.Poucas opções de carne de vaca. Para terminar o dia já de tarde fomos ao monkey temple 10.000 rupias a entrada e vale muito a pena conhecer.Nos templos de bali é preciso usar o sarong que é essa "canga"por cima da roupa.Em alguns lugares eles dão,outros alugam por isso é melhor já comprar um e levar em todos os templos custa em média 30.000 rupias mas como tudo na Indonésia eles jogam primeiramente o preço lá em cima tipo 150.000 rupias para depois ir baixando.Tem que pechinchar!!! Dia 3-Kuta Nesse dia novamente decidimos alugar carro com motrorista pelo próprio hotel e o preço foi os mesmos 450.000 rupias para o dia inteiro.Dessa vez ele nos levou em diversas praias de surf e depois por último no Tanah Lot temple que é muito famoso e fica no mar. Dia 4-Kuta Nesse dia resolvemos pesquisar e descobrimos que a melhor praia de Bali é a karma beach que é uma praia reservada num resort desce de elevador e tudo paga 200.000 rupias bem carinho mas com direito a comida e bebida(mas eles muito esperto cobram 200.000 num prato de comida sendo que no restante do país um prato custa em torno de 40.000 rupias ) mas mesmo assim vale a pena conhecer o lugar. Fomos de taxi convencional(o próprio hotel ligou e pediu) pagamos 120.000 rupias a ida e a volta 160.000 rupias pegando um taxi por lá mesmo mas é melhor combinar com um taxista para te pegar pois na volta não tínhamos muitas opções de taxi e até que demos sorte de encontrarmos um que fez um preço razoável. Outra coisa que não falei foi em relação a vida noturna de kuta tem muitos bares e restaurantes e é tudo bem animado tem um shopping também para quem gosta. Dia 5-Kuta Esse dia caiu exatamente no Nyepi day(dia do silêncio) e a ilha toda de bali fica deserta ninguém sai na rua inclusive os turistas ficam presos nos hoteis sendo obrigados a comer dentro dele.O aeroporto de bali fica fechado esse dia(único aeroporto do mundo que fecha por um motivo que não seja con dição climática). esse dia vária conforme o ano.em 2016 caiu 09 de março.Como estávamos em um hotel bom com piscina não foi tão ruim ficar o dia inteiro sem fazer nada. A noite também não acendem as luzes.ë bem interessante essa religião bali hinduísta deles que é exclusiva de Bali(restante do país é maioria muçulmana).Você cruza com oferendas em tudo quanto é lugar. Dia 6-Kuta partindo para Ubud Nesse dia acordamos cedo porque estávamos muito descansados devido ao dia anterior relax,inclusive devido a fuso e jet leg(11hs a mais no horário de verão) a gente dormia cedo e acordava cedo demais.A cidade continuava deserta pois no dia seguinte do nyepi day o comércio só abria as 12hs.Fomos então nesse horário para Ubud que fica a 1 hora e 30 minutos de kuta e custou 350.000 a corrida de taxi reservado pelo próprio hotel(foi caro não era para pagarmos esse valor mas não tinha pesquisado antes) Chegando em Ubud após deixarmos as coisas na pousada fomos direto almoçar e girar pela cidade.Lá eles oferecem muitos passeios e as agencias costumam cobrar em média 160.000 rupias por tour.reservamos para o dia seguinte um tour de templos. Dia 7-Ubud Nosso tour começava pelo elephant temple.Saímos as 9hs numa van com 7 pessoas Depois foi a vez do Rocky temple e por fim o Holy spring temple que é onde você pode entrar na água se quiser se purificar.Depois passamos por campos de arroz e uma passada rápida no pura Ulan danu bratan temple.No fim pedi para o guia me deixar na casa do ketur Lyer o guru do filme comer rezar amar,mas infelizmente ele não está recebendo mais ninguém pela idade e agora quem fica é o filho dele. Dia 8-Ubud Nesse dia combinamos com o motorista do dia anterior sem a agência da qual ele é contratado saber,para conhecer outro templo e terminar em praia.o primeiro visitado foi o besakhi temple. Aí depois como estávamos um pouco cansado de templos pedimos para o motorista nos deixar em uma praia e ele nos levou para a praia Blue lagoon Dia 9-Ubud No nossa pousada combinamos por 500.000 rupias para conhecer o templo Pura ulan Danur que é um dos mais bonitos e depois a cachoeira Git Git. Dia 10-Ubud saída para Denpasar Esse dia acordamos cedo para irmos ao aeroporto de Denpasar e de lá pegar voo para Filipinas. Bom caso alguém queira tirar mais dúvidas e ver mais fotos meu facebook é https://www.facebook.com/diego.costa.79
  8. Caraca Luka vc foi rápido!!! mandei o relato ontem e ainda nem tinha editado...estava cheio de erros kkkkkk mas então!!! vai sim!!! pode ir sem medo que vale a pena principalmente Tobago pois Port of spain foi mais pra conhecer como eles vivem mesmo, pois atracões turísticas não tem tantas...
  9. Quando vi que a gol estava voando para Tobago resolvi comprar por 16.000 milhas mais 800 reais ida e volta...Não me arrependi! o país vale a pena pela beleza das praias e tive a sorte de ter uma hospitalidade boa na guesthouse que fiquei, apesar dos habitantes da ilha serem grossos principalmente as mulheres que costumam ser bem mal humoradas e chatas... A época da viagem foi setembro/outubro não é a mlhor época para ir mas eu peguei tempo bom todos os dias com muito calor e chuvas isoladas que não atrapalharam em nada A moeda é o TT dolar e cada dolar americano compra 6 TT dolares...Não fui em banco trocar pois praticamente todos davam troco em TT dolar e a conversão sempre essa de 1 para 6... A comida é excelente,é muito temperada então pessoas com estômago sensivel devem tomar cuidado...Há variedades de peixes e muito frango...o prato típico chama se palau crioulo(mistura de arroz,frango e muito tempero) que custa em media 8 dolares Dia 1-Tobago Primeiramente é necessário saber que Tobago não é uma ilha tão pequena assim e não é muito fácil a locomoção sendo que taxis não estão disponíveis a toda hora(há lugares que levam mais que 2 horas para chegar a partir de crown point (que é a região do aeroporto),então o melhor a fazer é alugar carro...Eu aluguei na Alamo pelo site no Brasil pagando 250 dolares por 5 diarias...A mão é inglesa no começo confunde um pouco mas depois acostuma...Logo no primeiro dia tive o azar de furar o pneu do carro e tive que andar o dia todo com step porque o dia seguinte era domingo e todas as borracharias estavam fechadas... Reservei pelo booking o sanctuary hotel e RECOMENDO MUITO...a hosptalidade do dono vish e sua esposa Patricia é fantastica,ele nos ajudou muito em tudo....Não tenho reclamação nenhuma...paguei 400 dolares em um apartamento com 2 quartos para 4 pessoas por 5 diarias...Encontrei brasileiros no aeroporto que ficaram em grandes resorts lá como o coco reef,Magdalena e Blue Divers e reclamaram muito do atendimento...já eu fiquei em um mais simples e mais barato e fui muito bem tratado...então a primeira grande dica é se hospedar nesse hotel que fica a 15 minutos do aeroporto de carro na região da bucco beach... Dia 2-Tobago Era domingo e como estava com step no carro alugado pela falta de borracharias abertas resolvi não ir muito longe...nesse dia já resolvi ir para pigeon point que é a melhor praia lá e coloracão mais clara...para entrar na praia paga se 20 TT dolares(3,5 US dolar) porém a praia tem muitas comodidades, restaurante,algumas mesas,aluguel de cadeira a 30 TT dolar e até música no domingo que é um dia festivo pra eles(inclusive é o dia da sunday school,uma festa que ocorre na bucco beach do lado do hotel que fiquei mas eu infelizmente não fui e me arrependo pois todos disseram que é legal) Passei o dia inteiro na pigeon point beach e lá eles oferecem muitos passeios de jet ski para quem quiser por U$40 dolares Dia 3-Tobago Esse dia decidimos ir fazer o passeio mais recomendado no tripadvisor que é o passeio de barco na Nylon pool...Ao acordarmos fomos na Alamo para resolver o problema do pneu do carro furado mas recebi a resposta que isso era um problema meu hahahah então com a ajuda do Vish novamente achei uma borracharia e por 25 TT dolares resolvi o problema... Às 11hs chegamos na praia Store bay para encontrar o rapaz que o vish tinha ligado e fez desconto pra gente,ficando 75 TT dolares por pessoa o passeio(normalmente é 100 TT dolares)... A praia store bay também é bonita tanto que depois do passeio ficamos por lá mesmo...o passeio foi das 11 as 14 hs e incluia algumas bebidas como água e refri...Primeiro ele para no bucco reef para vermos do barco mesmo os peixes lá em baixo pelo vidro( é um glass boat) depois quem quiser faz snorkel em outro ponto e por último a parada na nylon pool para nadar e relaxar...RECOMENDO MUITO esse passeio...muito lindo o lugar... Dia 4-Tobago Acordamos e já tínhamos decidido que iríamos conhecer a capital scarbourough e depois iríamos para as praias longe(Castara beach,Englishman's bay e Parlatuvier beach)... Em scarborough fomos no fort King estava vazio foi interessante a visita...giramos um pouco pela capital e depois já pegamos a estrada rumo a castara beach...a estrada é muito ruim,montanhosa e até um pouco perigosa....Muito estreita e é demoarado o percurso...Tanto a castara quanto a englishman's e a parlatuvier são prais bonitas porém SOMENTE PARA TIRAR FOTOS não são para relaxar, pelo menos na minha opinião...tanto que todas elas estavam vazias, dái almocamos por lá mesmo e voltamos A noite fomos na região mais agitada de Crown point perto do bar Jade monkey(as melhores praias e o agito está tudo cerca do aeroporto) Dia5-Tobago Tiramos o dia para voltar a pigeon point que é a melhor praia de lá mesmo... a noite fomos novamente para Crown point...Giramos muito de carro e para nossa surpresa a gasolina lá é baratissima pagamos U$15 dolares somente para encher o tanque e assim como os Eua não há frentistas... Dia 6-Ida a Trinidad Paguei somente U$24 dolares o trecho pela caribbean airlines para a outra ilha e como queria conhecer Port of spain fiquei hospedado na capital em um hotel simples chamado Melborne Inn muito bem localizado perto de todos os restaurantes e bares)...Ficou US215 dolares 2 diarias para 4 pessoas em um mesmo quarto Paguei US30 dolares do aeroporto para o hotel pois fica um pouco longe(o aeropoorto não é em Port of Spain) Esse dia fomos ao shopping Movie Towne e almoçamos por lá...a cidade é extremamente quente,mal aguentávamos andar então não dava pra fazer muita coisa apenas giramos por perto do hotel mas era feriado e estava tudo fechado Dia 7-Trinidad-Port of Spain Não tem muito o que fazer na cidade conhecemos o principal que é a red house o queen park e a independence square mas eu gostei do lugar,dizem que é pergigoso a ilha de Trinidad...bem mais que tobago...por isso nao fui a praia maracas bay que também é longe e caro para chegar até lá...além disso não é bonita comparada com as praias de tobago) Dia 8-Trinidad Esse dia saí de Port of spain e fui a santa lucia(outro relato) paguei US105 dolares o trecho pela caribbean airlines também...Depois volatmos para tobago e ficamos novamente no hotel sanctuary do vish porém sem carro e ele nos buscou e levou ao aeroporto e ainda nos levou na praia swallows que é do lado da pigeon point...cobrou US10 dolares por cada serviço muito barato(U$ 20 dolares para buscar e levar ao aeroporto e U$10 dolares para levar e buscar da praia e ainda fez um tour pelo resort magdalena) É um relato breve como todos os meus relatos... quem tiver outras dúvidas me add no facebook sem probelmas https://www.facebook.com/diego.costa.79
  10. Dia 1-Istanbul Comprei um vôo da Turkish Airlines paguei 2900 reais todos os trechos...o vôo foi tranquilo...a empresa é razoável...Paguei um pouco mais caro porque o vôo saiu de São Paulo em direção a Istanbul e depois fui de istanbul para o Cairo e de lá voltei para o Brasil...ou seja não comprei ida e volta via Istanbul...Normalmente pode se encontrar promoções por 2220 reais ida e volta...Fiz essa viagem com mais um amigo... Na chegada ao aeroporto procurei me informar a melhor forma de chegar ao hotel Meddusa hotel que se localiza bem na parte mais turística da cidade em Sultanahmet...perto da mesquita azul(que é cinza) e da Hagia Sophia...o hotel é velho mas pelo preço pago estava de bom tamanho(23 euros por pessoa por dia)...além disso fornecia café da manhã com as tradicionais frutas secas...ovos... pães e geleias... Como o país é desenvolvido fica fácil usar metrô e foi isso que fizemos...por 4 liras turcas compramos o ingresso saindo do aeroporto, fizemos uma baldiaçao e descemos na estação Sultanahmet e isso já era 23 hs da noite quando chegamos....Demoramos um pouco para conseguir informações de onde era o hotel mas por sorte achamos...Não tive muita dificuldade com idioma e apesar de ser turco a língua eu falava inglês na maior cara de pau e apenas me desculpava quando alguém não sabia falar e pedia informação para outra pessoa... A cidade estava lotada e tudo ficou aberto até 1:00hs...Nesse dia apenas comemos no Mc Donalds,giramos um pouco e já fomos dormir... Lá na Turquia eu não achei muitos albergues...eu até cheguei a ficar em um quando voltei para istambul depois, mas não era bom e nem se compara com esses que estamos acostumados com muitos jovens,pessoas animadas, festas e etc...Na verdade fiz mais turismo diurno que noturno no país...essa época que fui era de copa do mundo e no máximo encontrei barzinhos(que fechavam cedo)...Não cheguei a ir em baladas... Dia 2- Istanbul Istanbul é uma cidade bacana!!! Esse dia após o café decidimos apenas rodar pela cidade e como estávamos perto de todas as atrações fizemos quase tudo pela manhã a pé e deixamos a tarde para irmos de trem até o outro bairro turístico que é Beyoglu...Já fomos direto para a Blue mosque que não paga nada para entrar...apenas exige se que mulheres não deixem os cabelos soltos...A Arquitetura da mesquita é muito bonita...vale a pena!!!É um cartão postal da cidade...Eles deixam os turistas entrarem em horários diferentes das orações... Essa época que fomos(junho) era Ramadã...então as pessoas ficavam o dia inteiro sem comer, só podendo ingerir algo das 19hs as 03:00hs mas mesmo assim devido ao turismo restaurantes e tudo mais estavam abertos... Após girar bastante o centro, tiramos algumas fotos da Hagia Sophia por fora e vimos que tinha algumas atrações pagas por ali mas não entramos...decidimos entrar na Hagia Sophia apenas no dia seguinte... Depois decidimos ir comprar os tickets de ônibus para fazer os translados internos...Caminhamos um pouco e compramos pela empresa “turista”que fica na rua principal,o ticket para irmos a Bodrum por 85 liras turcas...Foi um pouco mais caro do que comprar diretamente na estaçao de trem mas pelo menos não precisamos gastar indo até a estaçao para comprar a passagem pela empresa de ônibus que chama metro(fizemos todos os trechos por essa empresa e ela é boa...serve até sorvete,bolachas,água e outras bebidas)...Dá até para pesquisar alguns valores de trechos internos pelo site http://www.metroturizm.com.tr/# mas eu não consegui comprar a passagem por ele...Não me arrependo!!! comprei lá sem problemas e sem Iof!!! tudo lá pessoalmente... A tarde após girarmos e comprarmos a passagem fomos almoçar em um restaurante perto do grand bazar que é onde fomos depois...A comida turca é boa...eles não usam carne de vaca...usam de carneiro...tem frangos e peixes...kebabs...koftas...esse dia já fomos enganados pelo garçom que foi nos oferecendo molhos e etc e depois cobrou tudo... O grand baazar é um bom lugar para comprar lembranças..e é bom trocar dinheiro lá dentro também já que o cambio é bom...Eu não tenho grandes atrações por compras mas para quem gosta lá é o local ideal... Depois do almoços decidimos então pegar o trem por 4 liras ida e 4 liras volta para beyoglu(não é barato o ticket...em média 5 reais o trecho...porém vc consegue fazer muita coisa de trem na cidade)...de Sultanahmet para Beyouglu não são muitas estaçoes...Lá apenas caminhamos bastante e chegamos até a praça Taksim depois já era tarde e voltamos para o hotel pois queríamos ver o jogo do Brasil em um bar... Dia 3-istanbul Esse dia reservamos para entrar na hagia sophia pela manhã...Pagamos 30 liras turcas a entrada e ficamos em média 1 hora e 30 minutos lá dentro...é um local interessante foi construído para ser a catedral de Constantinopla. Depois pegamos novamente o trem para Beyoglu e dessa vez descemos na estação da gálata tower...foi interessante que nos perdemos e encontramos um típico restaurante turco com comidas gostosas...almoçamos e pagamos 18 liras turcas para subrir a torre...é interessante a vista lá de cima mas não tem muito o que fazer só tirar fotos mesmo e pronto...após descermos da torre,caminhamos um pouco mais e chegamos na avenida Istikal que é muito famosa e movimentada...tem várias lojas,shoppings e muita coisa interessante....o final da rua é a praça Taksim...o trem passa bem perto das pessoas,não sei como não atropela ninguém porque na hora que ele vem é a maior correria e todos desviam causando tumulto... Andamos um pouco mais e tiramos algumas fotos no Bósforo mas como iríamos voltar a istanbul deixamos o passeio de barco e conhecer a parte asiática para depois... Esse mesmo dia pegamos o ônibus para Bodrum das 20:30hs que chegava as 08 hs...como falei compramos na empresa chamada turista o ticket e foi fácil achar a estação de ônibus de istanbul que chama se OTOGAR...pegamos dois trens(4 liras cada trecho...na Turquia para fazer baldiaçao paga se outro bilhete)...o ônibus da empresa metro é bem tranquilo dá para dormir(tirando o cheiro de alguns turcos que não tomam banho rs...No trem as vezes é foda aguentar, é um cheiro muito forte) Dia 4-Bodrum Logo cedo chegamos em Bodrum...a cidade é muito bacana,limpa,bonita mesmo...Reservei a kaya pension pelo booking e recomendo muito... paguei 23 euros por pessoa por dia...a pousada é bem localizada tem café da manhã...staff te ajuda em tudo... Nesse dia giramos bem a cidade fomos até a marina e já compramos o passeio do dia seguinte uma boat trip que passa por locais de mar azul(mar egeu)...Pagamos somente 25 liras turcas com almoço incluso(muito barato se levarmos em conta que na Turquia só um almoço já custa isso)... A tarde fomos descansar na praia porque a noite queríamos aproveitar já que Bodrum é uma cidade bem badalada...tem vários bares mas baladas mesmo só uma” a Halikarnas disco”... Dia 5-Bodrum Fomos as 9hs para a boat trip e foi muito legal...as fotos dizem tudo...tem várias paradas para fazer snorkel e nadar... é uma trip tranquila...servem almoço com bebidas a parte e caro por sinal...o tour vai até as 17hs e a noite ainda deu tempo de ir nos bares de Bodrum... Dia 6-Bodrum...indo para Pamukkale Esse dia levantamos bem cedo e fomos ver a tal das windmill...lá dá para ter uma visão bem bacana da cidade de Bodrum...fomos de ônibus até lá porque é muita subida mas voltamos a pé,o que foi bom porque paramos em um Carrefour para comprar algumas tranqueiras... Pegamos o ônibus pela mesma empresa metro que saiu 15:30 e chegou 21 hs em denizli paguei 35 liras turcas e tinha comprado uns dias antes na rodoviária de Bodrum que é ali no centro mesmo... Ao chegar em Denzili é fácil pegar ônibus para Pamukkale por apenas 3,50 liras turcas...Tem que descer uma escada rolante e pedimos informação para um policial de onde parava os micro ônibus para denizli ele nos apontou a plataforma 44 se não me engano...em 30 minutos chegamos em pamukkale e ao chegar já veio um homem querendo ajudar a gente perguntando se iríamos para capadócia e querendo vender passeio de balão...não comprei com ele óbvio mas ele fez o favor de ligar para nosso hotel nos pegar e esse é o hotel que eu mais recomendo...pode ficar sem medo!!! Chama Melrose Viewpoint hotel paguei apenas 21 euros por pessoapor uma diária somente...o hotel é novo as camas são super boas e o café é muito completo... http://www.melroseviewpoint.com/about.asp Nesse dia chegamos por volta das 22 hs e mesmo assim nos serviram jantar que foi pago a parte porem preço justo...já negociamos para no outro dia deixarmos as malas fora já que iríamos passar o dia inteiro no parque... Dia 7- Pamukkale Acordamos bem cedo para aproveitar o dia no parque...O café da manhã no hotel teve de tudo e foi diferente dos cafés turcos das outras hospedagens...uma pena que mal aproveitei o hotel... Paga se 20 liras turcas para entrar no parque que abre as 8hs e está incluso a entrada na cidade de hierapolis...Não pagamos nada mais lá dentro...Chegamos por volta das 9hs e fizemos tudo com bastante calma...mesmo assim um dia lá dentro é suficiente...Dá pra andar com bastante tranquilidade e ir tirando fotos lentamente...Eu e meu amigo fomos subindo e decidimos visitar hierapolis primeiro para depois mais tarde nadas nas piscinas...Por volta do meio dia o sol já estava insuportável visto que era junho a época... Por volta das 17hs já tínhamos visto tudo e então saímos do parque mas como não poderíamos mais ficar no hotel e nosso ônibus de denizli para goreme só sairia as 23 hs teríamos que enrolar mais um tanto então decidimos ficar em um clube lá mesmo na cidade de pamukkale pagamos um taxa para entrar e usufruir as piscinas... como não tínhamos comido nada aproveitamos e jantamos lá em frente vendo o jogo do Brasil(era copa do mundo) As 21:3o hs pegamos nossas malas no hotel e o próprio motorista do hotel nos levou de carona ao centro de pamukkale para pegarmos o ônibus para goreme pagamos 3.50 liras até a estacao rodoviária de denizli. De denizli eu já havia comprado pela mesma empresaq metro por 55 liras turcas o ônibus para goreme(capadócia) que chegaria no dia seguinte pela manhã Dia 8-Goreme Chegamos por volta das 8:30hs em goreme que é a cidade base da capadócia...é um vilarejo pequeno e eu já tinha reservado no booking 3 diarias no melek cave hotel por 13 euros por pessoa por dia um quarto com duas camas...esse hotel não é muito bom e também não tem café da manhã....a idéia era ficar num hotel caverna esse até que tentou imitar um pouco mas lógico que os típicos hotéis cavernas são bem mais caros...descobrimos dias depois ao encontrar brasileiros que tem hostel lá também em goreme e eles disseram que era um bom hostel...não lembro o nome... Descemos no centrinho de Goreme do ônibus vindo de Denizli e por ser uma cidade pequena nem precisamos de taxi para chegar no hotel apenas fomos perguntando as direções e após uma subida alcançamos o hotel por conta... Como não queríamos perder tempo nesse dia mesmo já saímos em busca dos passeios...no hotel o cara já queria nos vender o passeio de balão e com a mesma desculpa furada de segurança e tal, logico iria nos vender mais caro...se não me engano 130 euros...decidimos não comprar e fomos até uma empresa de turismo no centro mesmo... após chorar nos venderam o passeio pela anatolian por 110 euros em um balão pequeno(os balões pequenos são melhores pq vai menos pessoas e dizem que é mais seguro normalmente eles vendem balões pequenos mais caro mas demos sorte e por ter comprado o green tour e o red tour ele nos deu desconto... nos vendeu os 2 passeios por 200 liras turcas(mais os 110 euros do balão) Este primeiro dia decidimos andar por conta pela cidade já que não dava mais tempo de fazer nenhum passeio(aliás os passeios acabam sendo meio repetitivos por isso nem me arrependi de não ter feito o blue toour tb) No entardecer vale a pena subir a colina e ir ver o pôr do sol lá em cima...todos fazem isso porque a visão da capadócia de lá é espetacular... Dia 9-Goreme Nesse dia acordamos de madrugada pra ir voar de balão...o passeio dura pouco por isso dá pra fazer o balão e mais algum tour no mesmo dia...as 5hs e pouca já estávamos lá na sede e todos os balões saem o mesmo horário o tour dura 1 hora e nem preciso dizer que esse passeio é obrigatório...por volta das 7hs já estávamos de volta ao hotel e 9:30 saímos para o green tour(esse passeio tem umas enrolações inclusas como por exemplo andar em uma floresta levam para fabricas de tapetes e etc mas vale a pena para ter uma visão geral da capadócia o almoço é incluso...inclui uma cidade subterrânea que é bem legal também) Dia 10-Goreme Esse dia deixamos nossas coisas prontas porque meio dia terminaria a diária do hotel mas como nosso vôo de nevsheir de volta a Istambul só sairia as 22:10hs fizem os o red tour... Este tour inclui o goreme open air museum que é bem perto daria até para fazer por conta...leva também a um lugar onde se fabrica cerâmica e termina no pigeon valley que é uma visão bem típica da capadócia... Voltamos para o hotel porque compramos um translado para o aeroporto de nevsehir que nos pegaria diretamente lá(compramos no centro e não estou lembrando o valor mas sei que estava mais barato que comprar pelo hotel pra variar hahahahaha) O voo de nevsehir para Istambul comprei pela empresa http://www.pegasus.com que é muito boa por sinal paguei 37 dolares somente pelo voo e dependendo da classe da tarifa vem com refeição...não precisei nem fazer check in on line Dia11-Istambul Deixamos mais dois 2 dias para istanbul (reservamos no yeni hostel pelo booking achei que seria um hostel tradicional e encontraríamos mais jovens...que era um hostel festeiro e tal mas não é...por isso não recomendo)... para quem não tem tempo nem precisa ficar mais que 4 dias lá... Esse dia deixamos para ir do lado asiático pegamos uma balsa e descemos do outro lado que na verdade não tem muitas atrações como já tinha lido...tem um shopping e fomos só dar uma girada...mas não passamos muito tempo do outro lado...a tarde já estávamos de volta no lado europeu... Dia 12-istambul como no início já tínhamos feito o principal deixamos para conhecer a parte mais distante saindo de sultanahmet indo em direção aos bairros de bebek e ortakoy...o que fizemos foi pegar o metrô e depois um ônibus como eu e meu amigo não sabíamos ao certo o que faríamos aquele dia somente caminhamos pela orla e vimos a organização da cidade No dia seguinte peguei vôo logo cedo para cairo e o relato do egito está em outro tópico Bom é mais ou menos isso o resumo...nos meus relatos não falo de restaurantes nem vida noturna e etc para quem quiser tirar mais duvidas e ver fotos pode me add no facebook https://www.facebook.com/diego.costa.79
  11. Oi João...farol não fui não...mas deve valer a pena ir em Alexandria também...Vou te add no face...qualquer dúvida é só falar...
  12. Que bom Thiago....eu gostei bastante mesmo com todos os problemas o país é bonito...poste seu relato aqui depois para eu ver...
  13. Juliana Champi acho importante sim ter um guia lá ainda mais por causa da dificuldade da língua e para mulheres com certeza é bem mais difícil...eu dei a dica de uma pessoa que conheci e que foi bem honesto...até deixei o facebook dele aqui.Ele se comunica bem em inglês e cobrou um preço justo... Eu não vi muitos turistas lá mas as poucas vezes que vi excursões com certeza eles passam menos perrengues e não são tão atormentados(serão inomodados mais por vendedores mesmo)
  14. gbechara quanto a passagem gastei 2900 reais(foi mais caro porque foi São Paulo-Istanbul....Istanbul-Cairo...cairo Sao Paulo) mas normalmente uma passagem direta(com conexões mas idas e volta via cairo)pode ser encontrada até por 2200 reais dependendo da promoçao... Quanto aos gastos ineternos como eu mesmo citei hotel foi muito barato...o passeio mais caro foi o do deserto por 75 dolares...no total com alimentaçao e tudo gastei 550 dolares(maa considerando os golpes e algumas compras que fiz)
  15. Juliabm89 desrespeitoso foi o jeito que eu fui tratado no país!!! Uma pena que vc não leu até o fim,por isso não entendeu nada e me desculpe mas se vc não leu nem devia ter comentado... Em relação a sua comparação com o Brasil dizendo que turistas são tratados do mesmo modo e etc queria dizer que NÃO ESTOU FALANDO DO BRASIL e sim do Egito...Se eu estou saindo daqui é porque estou buscando algo que me agrade mais... o relato é pessoal e retrata o que eu vivi e o que eu senti...e eu tenho direito a dizer que achei os egipcios chatos porque foi a primeira vez que fui tratado assim...Se foi eu quem escrevi o relato me senti a vontade de escrever tudo que penso... Do mesmo modo que eu julguei as pessoas chatas vc julgou meu relato pueril...do mesmo modo que eu julguei os egipcios, VOCÊ ME JULGOU...então favor olhar para si própria antes de sair fazendo críticas... Eu fiz o relato para alertar e acrescentar... para ajudar as pessoas que desejam conhecer o país...Se voce conhece ou pretende conhecer o Egito pode retornar ao fórum e acrescentar algo...agora, se não for para acrescentar por favor nem retorne... Obrigado!!!
  16. Em relaçao ao trem realmente descobri que paguei bem caro...não tinha pesquisado muito....mas como dormi a noite inteira teve boas refeiçoes e não passei perrengue acabei nem me arrpendendo...mas lógico se tivesse como economizar e tendo conforto tb teria feito diferente...mas não sabia
  17. Oi sandra pois é o seu relato depois me ajudou muito...caí nos primeiros golpes e já fiquei mais esperto...qt ao valor do trem acho q paguei caro mesmo porque comprei via internet...mas isso eu não quis arriscar comprar lá na hora... Quanto a Sharm el Sheik vale muito a pena sim...gostei achei fantástico e ficaria mais tempo tranquilamente...A cidade não tem nada a ver com o restante e ainda tem o parque ras mohammed que eu não fiz e muitas outras praia que não conheci...vale a pena ir direto para lá e depois ir para a turquia ou grecia que é perto... Os golpes são os mesmos sempre...eles se fingem de amigo para nos roubar "honestamente"
  18. Antes de começar o relato gostaria de dar algumas informações que vocês precisam saber do Egito antes de ir... a primeira e mais importante é que OS EGÍPICIOS SÃO AS PESSOAS MAIS CHATAS DO MUNDO....a população é invasiva,insistente.perguntam a todo momento de onde vc é ,por interesse para levar seu dinheiro e querem a todo custo oferecer produtos,vender coisas...e ficam falando na sua orelha...seguindo vc,tomam a maquina da sua mão querendo tirar fotos,se fingem de amigo para ganhar gorjetas enfim!!! Outa coisa é a respeito do trânsito que é um dos piores do mundo em Cairo, fazendo a cidade ter um barulho perturbador de buzinas a todo momento e os motoristas dirigem como loucos sem sinalizaçao nenhuma....Não tem farol fazendo com que o simples fato de atravessar a rua seja um perigo para os pedestres e ninguém dá passagem... Também é necessário saber que desde 2010 com a revolução os turistas sumiram do país e dá para entender o porquê já que o turismo está nas mão de vigaristas amadores que te seduzem e vêem vc como dólar ambulante...o governo já abandonou o páis e já foi trocado várias vezes...o país parece terra de ninguém....um país sem leis...a impressão que dá é que está abandonado...parece que nem o governo aguentou essa população chata... O WI Fi é MUITO RUIM MESMO!!! e em lugar nenhum funciona decentemente a internet também é muito atrasada e lerda... A energia acabou diversas vezes tanto em luxor quanto em cairo todos os dias e no calor que estava ficar sem ar condicionado foi um sofrimento...não sei o motivo disso... Toda vez que um egípcio chegar perto de vc oferencendo algo ou puxando conversa NÃO RESPONDA!!! Apenas fale VÁ A PUTA QUE PARIU!!! Em português mesmo... daí eles não entenderão e vc vai se sentir melhor....acredite...não vale a pena dar conversa para esse povo medíocre!!! Se vc for estudante leve a CARTERINHA INTERNACIONAL isso vai fazer vc economizar mais de 100 dolares pois em todos os museus estudante paga meia entrada e faz muita diferença no valor... No cairo vi tanques de guerra principalmente perto do museu do cairo... Resumindo... saiba que o país tem um monte de belezas naturais porém está UMA CAOS mas se mesmo assim quiser conhecer, aí segue o relato... Dia 1- Cairo Como eu já sabia da situação que se encontrava o país decidi não fazer viagens de ônibus mas sim de trem e avião...e não me arrependi...as únicas coisas que comprei antes foram as passagens de trem de Cairo a Luxor no site e7gezly.com/sleepingtrains/ por 105 dolares... foi excelente a escolha desse sleeping trem... valeu muito a pena...depois darei mais detalhes...comprei também as passagens de Luxor a Sharm el Sheik e de sharm el sheik para Cairo pela egiptair... foram bem caras dando um total de 316 dolares tudo, mas valeu a pena porque os ônibus são ruins... Cheguei no cairo vindo de istanbul na Turquia(outro relato) e o aeroporto me surpreendeu... é muito bonito e organizado...mas eu não esperava o que iria encontrar dali para frente...eu sabia que o egito não era um país desenvolvido mas não espreva que estava nas condições que vi com lixo na rua e prédios não acabados...arquitetura feia...transito caótico..isso foi uma surpresa tanto para mim quanto para meu amigo. No aeroporto já veio o primeiro egípcio chato perguntando where are you from???how long here???e etc e não saía do nosso pé...fingia ser amigo, queria apresentar a “âgencia”dele e queria nos levar do aeroporto ao hotel por 120 egiptians pounds( o cambio tanto no aeroporto quanto em todo país era igual 1 dólar=7.17 pounds egípcios)...despistei o chato e fui ao balcão de informaçoes e me informaram que eu podia pegar um ônibus de graça até a estacao de ônibus e de lá pegar um ônibus para downtown e foi o que fiz...paguei somente 1 pound egípcio(0,40 centavos de real muito barato) mas não recomendo porque eu não sabia que era tudo tão zoneado...achei q como estávamos com poucas malas não teria muitos problemas mas logo na estação de ônibus já tive problemas porque ninguém falava inglês e o cobrador não sabia direito onde era o hostel por não entender a escrita não árabe...mas ele informou um local mais ou menos perto e lá fomos nós com mala e tudo no meio daquela loucura tentar achar um taxi para nos levar ao hostel...o lugar que descemos era um viaduto cheio de carros buzinando..mal conseguíamos atravessar a rua..sujeira e muitas pessoas correndo para todo lado...25 de marco em sp não é nada perto daquilo!!! foi uma primeira má impressão horrível(ainda mais que estávamos na Turquia país civilizado completamante diferente)...mas enfim achamos um taxi que cobrou 20 pounds(preço alto se levarmos em conta que estávamos do lado) e enfim chegamos ao WAKE UP HOSTEL(reservado previamente pelo booking.com pelo preço de 9 dólares por pessoa por dia com café da manhã MUITO BARATO MESMO)...o hostel é bem localizado e ficamos em um quarto com banheiro privativo porém o prédio que se localiza o hostel é muito velho caindo aos pedaços mas tudo no Egito é assim (com exceção de sharm el sheik q vcs verão depois) então pelo preço pago estava de bom tamanho...além disso o staff é bom... ajudando em tudo... Logo na chegada já negociamos um passeio para o dia seguinte nas pirâmides de Sakara e Gize por 125 pound egípcios sem incluir os ingressos de entrada(foi somente transporte com guia...foi muito bom e vou explicar mais para frente...valeu muito a pena) Esse primeiro dia apenas saímos para dar uma volta e tentamos ir no museu do Cairo mas estava fechado porque havia protestos e um monte de tanque de guerra na rua impedindo a passagem...como mal conseguíamos atravessar a rua e aquele barulho de buzina BIBIBIBIBIBIBIBIIB na nossa orelha já estava enchendo o saco decidimos apenas tirar algumas fotos e tentar achar um restaurante para depois voltar pro hostel e foi aí que encontramos infelizmente o EGÍPCIO MAIS MALANDRO DE TODOS...futuramente descobriríamos que ali naquela praça onde estávamos era um point para pegar turistas e aplicar golpes e como não tem muitos turistas no cairo o povo fica doido quando vê um...esse cara chamava se ABDUL... não parava de falar e queria a todo custo que fossemos conhecer a loja dele(segundo o mesmo ele era um artista que produzia pinturas na folha de bananeira...isso é muito comum vender no Egito...MENTIRA!!! ele era um golpista mesmo...mas fomos até a loja dele e começou toda uma propaganda e apresentação...ele mostrou q mudava de cor a noite as pinturas e etc...eu gostei bastante e meu amigo também decidi comprar um tutankkamon grande e um pequeno por 315 pounds egípcios(50 dolares...depois descobri que foi absurdamente caro e que além de tudo era falso) Esse tal de Abdul segurou a gente de uma tal forma que começou a oferecer passeios e até nos convidou para jantar de graça tudo parte do golpe dele...falou q tinha um hotel e nos levou até lá e fez a gente comprar o passeio do deserto branco e negro por 75 dolares(fui seduzido pelo baixo preço...no nosso hostel era 90 dolares mas me arrependi amargamente de ter comprado desse golpista e não no hostel,depois vcs verão o porquê). Não bastava os golpes acima CAÍ NO PIOR...sim fomos burros mas tudo porque era o primeiro dia,.e olhe q eu sou acostumado a viaja,já fui para países difíceis como Libano,Angola mas nunca fui tão enganado por uma população assim como esse egipcios malditos que não param de falar e se fingem de amigos. O pior golpe foi ele nos convidar a andar de camelos a noite na pirâmide.Falou que por 40 pounds ida e 40 pounds volta nos levaria de taxi atá lá e lá pagaríamos algo como 120 pounds para andar de camelo...( as pirâmides ficam em Giza q é a cidade viznha distante 1hora do cairo...esse valor de 40 pounds estava até baixo pela corrida mas o golpe VIRIA DEPOIS)e lá fomos nós com o fdp do Abdul!!! Chegando em Giza já estava toda UMA GANG de vigaristas nos esperando...um deles começou a tomar nosso tempo novamente com apresentações de perfumes e fragrâncias(coisa muito comum q vendem lá) outro veio falando português disse q tinha namorada brasileira e lá começou a negociação para andar de camelo após muita perda de tempo não compramos o produto do outro...o golpe foi o seguinte... estávamos ENCURRALADOS em um local desconhecido e supostamente iríamos negociar camelos...as pirâmides já estavam fechadas e teoricamente andaríamos de camelos pela área externa...o custo certo que descobrimos depois era de aproximadamente 50 pounds(algo como 8 dolares por hora) mas eles nos forçaram a pagar 250 pounds por pessoa(40 dolares) porque segundo eles andaríamos 2 horas mentira também!!! Além de tudo eles queriam que pagássemos o camelo do guia...mas isso eu neguei...o guia inclusive pediu gorjeta a gente em cima do camelo(para encurralar mesmo)dei ainda 50 pounds prepresentando eu e meu amigo e ele ainda reclamou queria 100 pounds o fdp...disse q era 50 de cada um...neguei novamente Chegamos do passeio dos camelos e na hora de ir embora por não ter 40 pounds para o taxi dei 50 e o maldito Abdul não me deu troco...fiz um cara de quem já estava puto e fomos embora para NUNCA MAIS ver aquela praga na minha vida... Ele ainda tentou aplicar outros golpes dizendo que queria que comprássemos coisas no free shop para ele, mas isso ele não conseguiu... Fomos para o hostel dormir...chega de cairo e egipcios por hoje Dia 2-Cairo Esse dia por sorte como eu já havia dito compramos o passeio pelo hostel...as 8hs veio o guia https://www.facebook.com/akhamis81i?fref=ts Ahmed Phinx e partir daí td começou a melhorar...ele sim foi um guia honesto e nos deu todas as dicas...foi ele quem falou dos preços abusivos da noite anterior e tudo ele alertava quanto a golpes...recomendo ele.. o primeiro lugar que fomos foi as pirâmides de Sakara no valor de 80 pounds(40 para estudantes) e não tem muito o que ver lá...foi a mais cara e eram pirâmides baixas sem muito atrativo...nosso guia já tinha alertado quanto ao fato de chatos egípcios que ficam lá tentando tirar foto e depois cobrar caro por isso...como já estava esperto com os egicpios neguei a todo momento mas como eles são invasivos SEM EU PEDIR já foram me colocando roupa árabe e me subindo no burro...como eu queria mesmo algumas fotos deixei ver até onde eles iam daí eles me levaram para tirar fotos com as pirâmides atrás... eu perguntava quanto eles cobrariam e eles não me davam resposta apenas riam e iam tirando fotos e eu querendo descer já, eles Não deixavam...pensei”ah é!!! Deixa eles comigo...bando de folgados...vou dar tb quanto eu quiser” e FOI O QUE FIZ...ao descer peguei 20 pounds(3 dolares) e dei...eles reclamaram dizendo que queriam dólares ou euros eu apenas dei risada e saí falando ENTÃO VÃO FICAR SEM NADA...e saí sem dar nada... eles correram atrás de mim “espera então da 20 para mim e 20 para ele"...falei que não!!! Como não tinha pedido nada iria dar qt quisesse...e aí um deles pegou os 20 pounds puto e falou Have a nice day!!! Saí feliz porque não suporto esse tipo de turismo achando q o turista é ou rico ou TROUXA!!! No fim nessas pirâmides valeu a pena só pelas poucas fotos tiradas( que me custaram 3 dolares) Após o trauma com Abdul todos os egipcios iriam se ver comigo!!! Depois nosso guia nos levou para outras pirâmides...a da lua e a do sol...novamente mais 40 pounds a entrada(20 estudante) e ele nos deu a dica de entrar nelas de graça porque segundo ele em Gize(que seria a próxima parada cobrava para entrar) e foi o que fizemos...muito legal entrar dentro das pirâmides só tinha a gente lá pelo fato do turismo estar em baixa no Egito...na entrada das pirâmides já tinha um chato de um egípcio querendo cobrar a entrada mas como nosso guia Ahmed já tinha falado que era de graça ignoramos e entramos(dica...se vc quiser curtir o Egito...ESQUEÇA OS EGÍPCIOS...ignore mesmo!!! nem olhe para nem se estressar...não responda de onde vc é... eles perguntam de 2 em 2 minutos...eles te gritam a todo momento como se vc tivesse fazendo coisa errada mas é tudo para dar golpe e arrancar dinheiro depois...a toda hora eles gritam falando q o caminho é esse ou aquele como se vc estivesse indo em direção errada...passe reto sempre!!!mande a puta que pariu e finja q não fala inglês) Após sacar algumas fotos fomos enfim para Gize ver as três famosas pirâmides...paguei 60 pounds(meu amigo 30 de estudante)nosso guia perguntou se faríamos a pé ou de camelo...como já havíamos andado de camelo com Abdul no dia anterior fomos a pé e mesmo com calor insuportavel não foi tão ruim... Nosso guia já nos alertou q logo na entrada teria um golpista que SEGURARIA nosso ticket como se fosse oficial e nos levaria até uns caras de camelos e não pararia de falar no nosso ouvido...Dito e feito!!!foi exatamente o que aconteceu...mas como já sabíamos do golpe insistimos DEVOLVA NOSSO INGRESSO...eu falei um monte...briguei feio!!! Até q ele devolveu... mas não nos deixou em paz... queríamos já tirar fotos na entrada com a esfinge e ele ficou na nossa orelha pentelhando e assim foi todo o percurso em gize... a todo momento alguém vinha perturbar a gente e oferecer um milhão de coisas insistentemente...NAO TEM COMO RELAXAR lá dentro...um dos vendendores chegou a colocar um pano na minha mao e dizer q era brinde...isso porque todo valor q ele falava eu dizia que NÃO...não queria comprar aquilo...começou com 10pounds...depois 5...4...3...2...1 pound...até q ele disse BRINDE!!!pensei “ah é!!! É brinde!!! Ótimo!!! Guardei na mochila e saí andando...ele correu muito atrás de mim pedindo para devolver.... vá encher o saco de outro!!! E assim foi toda a caminhada pelas pirâmides...de 5 em 5 minutos em média um egípcio chato vinha falar com a gente...alguns deles chegavam a ousadia de tirar a maquina da mão das pessoas e tirar foto e depois pedir dinheiro...muito complicado assim!!! O governo ABANDONOU o páis de vez!!! A entrada das pirâmides é muito feia e precária...é tipo UMA PORTA com um bando de golpistas “pedindo o ticket”muito triste ver a que ponto chegou o turismo lá!!! Um lugar tão histórico e famoso largado lá...sem turismo oficial... Teve um cara que chegou ao ponto de me dar um empurrão porque eu ignorei ele...não revidei porque estava de férias e queria evitar problemas!!! Acho que o Egito era melhor na época de Tutankkamon 1300 antes de cristo...ou na época da Cleopatra 69 antes de cristo...porque atualmente aff!!! vimos tudo!!!chegamos no mirante e tiramos mts fotos... por 50 pounds até vale a pena andar de camelo e todos fazem isso...não fizemos pela raiva do dia anterior... Dia 3-Cairo/Deserto Branco e Negro Esse dia partiríamos para o deserto branco e negro...passeio comprado pelo vigarista Abdul e já estávamos com receio...o mesmo solicitou que fossemos no hotel dele(chama cairo inn...na verdade esse hotel faz parte da máfia dele e de companheiros vigaristas como ele...mas não que ele seja o dono) Fomos bem cedo as 7hs da manhã e chegando lá um menino nos esperava para levar até a estação pegar o ônibus para baharia que é a cidade principal do passeio do deserto...para nossa surpresa a PRIMEIRA PEGADINHA...o menino não falava inglês...pensamos”como assim??? Como vamos ficar dois dias com uma pessoa que não fala inglês???? Essse “guia” nos conduziu então de taxi(tudo pago...75 dolares) até a estacão e as 12hs chegamos em baharia onde nos encontramos com outro “guia” que já foi logo de cara pedindo mais 45 pounds que segundo ele era para a entrada no deserto...questionei o fato de ser td pago e ele falou q essa seria a única coisa que pagarimos...o resto,almoço jantar café da manha e almoço no dia seguinte estavam inclusos...esse já falava um pouco de inglês... Pegamos então o jeep e de lá eles nos levaram para uma terceira pessoa(também chamava Abdul para eu lembrar eternamente do dito cujo) esse Abdul simplesmente entrou no carro como motorista sem cumprimentar nem nada e foi já nos conduzindo ao deserto...eram 3 ‘guias”, eu e meu amigo...a maneira como estava sendo a viagem estava estranha...eles não falavam com a gente...eram amadores e não profissionais...além disso achávamos que teriam outro turistas mas o deserto todo vazio...só tinha nós dois memso fazendo o tal do passeio... Os 3 guias simplemsnte paravam do nada e falavam tirem fotos...sem explicação...estava bizarro o passeio!!! Sem sentido!!! Até um momento o Abdul motorista soltou um I’M sorry beacuse it’s Ramadã I dint talk with you(eles seguem extamante o ramadã só comendo das 19hs as 3hs e depois em jejum o dia inteiro fazendo eles ficarem ainda mais chatos devido ao mal humor pela falta de comida)...aí foi a partir desse momento que ele se tornou um pouco mais legal explicando algumas coisas...depois disso passamos a gostar um pouco mais dos 3 e vimos q eram pobres coitados que estavam ganhando o dinheirinho deles e quem ficou mesmo com nosso dinheiro foi o dono do hotel q vendeu o passeio... As 17 hs paramos o jeep e eles começaram armar o acampamento...vieram algumas raposas acompanhar rs e o Abdul começou a preparar o jantar que estava excelente(porém um pouco apimentado)...a noite inteira ficamos acordados observando as estrelas e nesse momento eles já conversavam um pouco mais com a gente...ali foi um dos primeiros momentos que senti que o egito vale muito a pena...igual aquele lugar não existe!!! Muito bonito mesmo e passeio 100 por cento recomendado... Dia - Deserto Branco e Negro No dia seguinte acordamos já com um sol muito forte e aí veio mais um perrengue...na saída do parque policiais e militares pararam os 3 guias e começou uma briga em árabe... não entendemos nada mas percebemos que eles não queriam nada com nós turistas...pelo visto eles não tinha permissão para fazer aquilo(mais um dos golpes daquele primeiro Abdul da loja de souvenir) ou o carro não estava em condições já que era velho...ficamos uma hora parados e estávamos achando que não saíriamos mais dali...Além disso perdemos o passeio todo do dia seguinte que incluiria mais paradas no deserto negro teria um almoço para só então voltarmos a baharia pegar o ônibus novamente para cairo...fato é que quando estávamos cansados de esperar aquela briga toda um dos guias(o primeiro que não falava nada de inglês) pegou o carro sem explicação nenhuma e nos levou de volta a baharia mas como o ônibus só sairia as 15hs ficamos esperando das 12hs até as 15hs na casa do motorista Abdul...foi bem ruim estava muito calor a casa era suja não tinha o que fazer...a família dele estava seguindo o ramadã mas fizeram o almoço...dormimos para passar o tempo e voltamos ao cairo(o ônibus quase capotou diversas vezes e algumas pessoas dormiram no chão pelo fato de ter mais pessoas que lugares...bizarro!!!)mesmo com o perrengue e golpes a parte gostamos do passeio de eu recomendo porém COM AGENCIAS CONFIAVEIS e não tanta aventura como eu fiz... Dia 5-Cairo partindo para Luxor Como eu disse a passagem de trem noturno as 20:15 hs já estava comprada por 105 dolares...do hostel até a estacão de trem era perto e pagamos apenas 10 pounds para chegar lá...por sorte estávamos com passagens em mãos porque lá não tem ninguém que fale inglês para te ajudar...pontualmente saímos para luxor e a viagem foi muito boa...com jantar e café da manhã...tudo muito bem feito e confortável....vale a pena!!! Pela manhã aproveitamos para conhecer o museu do cairo...bem legal já que todos os tesouros de tutankamon estão lá mas está bem abandonado....tinha uns 20 turistas só...e parece que não tem manutenção...ao redor está cheio de tanques de guerra... Dia 6-Luxor Chegamos umas 7:30hs em luxor e logo na chegada já veio um egípcio querendo oferecer taxi e bla bla bla...falei que queria ir para o New everest hotel(este hotel paguei somente 7 dolares por pessoa por dia com café da manhã)foi muito barato mesmo!!! E tinha uma boa pontuaçao no booking...o hotel logico não é tão bom... o ar condicionado é velho mas pelos padrões egípcios e pelo preço está ótimo...o café também foi muito bom... O taxista disse q era primo do dono do hotel(mentira) e que ele iria nos seguir até lá porque podia ir a pé...era perto!!! Chegamos e ele já foi oferecendo passeios para West bank e east bank...não aceitei porque ele queria 30 dolares por pessoa e depois me informei na central de turismo da cidade a maneira mais fácil de ir para os locais turísticos....foi então que partimos rumo ao vale dos reis que fica do outro lado do Nilo... Fomos a pé estava um calor muito intenso e muitos mas MUITOS egípcios mesmo nos paravam a todo momento não nos deixando seguir para pegar o barco para atravessar o Nilo por apenas 1 pound(para vcs terem uma ideia da amolação que é,o mesmo taxista que queria nos vender o passeio seguiu a gente de moto e nos abordou novamente no supermercado perguntando onde estávamos indo)...foi então que veio um egípcio insistentemente falando que por 80 pounds ele nos levaria ao vale dos reis...deir al bahri e colosso de memom que são atrações de West bank(mais longe,do outro lado do Nilo)...aceitamos pois foi barato... É tudo muito bonito e legal saber que tutankamon está lá no vale dos reis...paguei 100 pounds(50 estudante)e tínhamos direito a 3 tumbas... visitamos a de ramses VI e as tumbas 14 e 28...são bonitas mas achei que deveriam dar direito a visitar todas inclusive a de tutankamon(paga se 100 pound a parte)...Eu me arrependi de não ter ido na de tutankamon pois não sabia que a múmia estava lá dentro...achei q era só a tumba...mas pelo visto a múmia está lá...para quem não conhece a historia... TUTANKAMON... o faraó menino que com 9 anos já estava no poder e morreu com 19 anos em 1327 antes de cristo...Em 1922 o arqueólogo britânico Howard Carter encontra a tumba na cidade de Luxor no Egito e surpresa!!! INTACTA com a múmia lá dentro e todos os tesouros juntos que são exibidos hoje no museu do Cairo,fazendo ele ser a múmia mais famosa do mundo e atraindo milhões de curiosos ao país...Tutankamon ainda está entre nós graças ao processo de mumificação da época...Ele "vive"!!! A atração dei al bahri não é tão interessante quanto o vale dos reis e paga se 80 pounds(bem caro se levarmos em conta que não tem nada lá) Os colossos de memon são dois faraós...a atracao é gratuita... é apenas uma parada para tirar foto... Depois de tudo isso umas 15 horas pegamos o barco de volta para o outro lado... comi um mc arabia do mc donalds e fomos para o hotel...a população chata fazia a gente desanimar de sair nas ruas...a todo momento ofereciam charretes e um milhão de coisas perguntando de onde éramos...gritando EXCUSE ME caso ignorássemos...até desanimava andar nas ruas de luxor que também é bem bagunçado igual ao cairo(mas sem tantas buzinas e o transito um pouco melhor) Dia 7-Luxor Este dia tiramos para conhecer as atrações de east bank que é o templo de Karnak e o museu de Luxor...O templo de Karnak é muito bonito vale a pena dar uma olhada...o sol quente fazia a gente cansar rapidamente...o museu de Luxor diferente do museu do cairo é bem arrumado tem múmias lá dentro...achei interessante...deixamos para ir no templo de Luxor a noite e foi bem legal ver tudo iluminado...praticamente não tinha turistas na cidade... Fizemos todos esses passiois de charrete por 40 pounds o golpista da charrete ainda nos levou para perder tempo em uma loja de souvenir(sem pedir)e no final mentiu querendo 60 pounds mas eu me lembrava muito bem que o acordo era 40 para levar e trazer do templo de karnak....ele saiu xingando mas eu realmente não me preocupei...odeio desonestidade....falou 40 é 40!!! chega de tanta enganaçao por parte desse povo!!! Dia 8- Sharm el sheik Chegou A MELHOR PARTE DO EGITO...após apreciar a historia do país que também é bem legal, chega a hora de ir para a região do mar vermelho que é BEM MAIS TRANQUILA e encontramos lá a PAZ necessária após o tumulto dos outros locais.... Comprei o voo da egiptair qu sai 6:30hs faz escala em cairo e chega 12hs em sharm el sheik...paguei 40 pound para o mesmo egicpico que nos levou a West bank...ele cobrou barato o trecho...o aeroporto fica a 15 minutos do hotel em Luxor Logo na chegada em Sharm el sheik veio um egípcio chato golpista querendo cobrar 200 pounds pela corrida até o resort(lá eu decidi pelo resort Dive inn excelente recomendado no booking por apenas 14 dolares a diária com café da manhã) Neguei o valor de 200 e ele baixou para 150 pounds...aceitei(na verdade nem sabia qual seria o valor justo mas neguei pq sei que eles sempre pedem mais)...no meio do caminho o fdp falou VAI SER 200 pounds mesmo ok????? Pensei “deixa esse fdp comigo”...já estava bem esperto com esse povo...falei ok...mas separei 150 e na chegada ao hotel dei para ele...o mesmo começou a gritar EXCUSE ME... dei as costas e saí andando ele me seguiu e ameaçou pedindo os 50 restante falei que NÃO...pode ser que ele quisesse me bater mas a essa altura já não teria problemas sei me defender fiz karate a minha vida inteira odeio brigas mas aquilo era um absurdo...mudar o valor no meio do caminho para me deixar sem ação...VAI A PQP!!! Discutimos um bom tempo e ele foi embora...vá com deus!!!ou melhor com Ala!!! Aí eu me pergunto,será que o islamismo ensina esse povo a ser desonesto também???não dando passagem para pedestres,se estressando no trânsito...falando alto brigando e etc???? Passado o stress com o fdp egípcio na recepção fui informado que havia vans para praias...de graça...o resort era longe de tudo mas eles disponilizavam vans para o centro saindo as 21 hs e retornado as 00:00hs e para as praias em diversos horários...a praia do hotel não era paga mas tinha outras como terrazina que era 25 pounds a entrada e também tinha transporte fornecido pelo hotel... Nessse dia chegamos 12hs e já parti para a praia e q QUE PRAIA!!! Muito verde e bem tranquila!!! Dia9-Sharm el Sheik Nesse dia paguei 150 pounds e fui fazer snorkel na ilha Tiran...recomendo mt esse passeio e o barco vai parando em vários lugares...as fotos falam tudo!!! A noite fui andar am Naama bay(centro) bem movimentado tem a balada pasha...hard rock café e tudo...OUTRO EGITO!!! Tem muitos russos lá...na verdade brasileiro não vi nenhum...só tem russos e ucranianos em Sharm... Dia 10 Sharm el Sheik Esse dia resolvi relaxar na praia Terrazina por 25 pounds egípcios e transporte gratuito do hotel...praia tranquila com atividades aquáticas...a noite novamente fui para Naama Bay Dia 11-Sahrm el Sheik Paguei 250 pounds pelo passeio no blue Hole...as 7hs da manhã saímos em direção a Dahab...o passeio incluiu andar de camelos... só paguei mais 80 pounds pelo equipamento de snorkel(não fiz mergulho porque não confio nos egípcios... não tem segurança nenhuma) eles cobram até pelo colete salva vidas o que deveria ser obrigação fornecer por barco...mas mesmo o snorkel já vale a pena...almoçamos e por último teve uma pegadinha de nos levar novamente a uma loja que vendia os papiros... Dia 12-Sharm el Sheik-cairo Esse dia peguei avião para o cairo paguei 9 dolares para ficar novamente no Wake up hostel e não fiz muita coisa...já estava cansado da loucura do cairo!!! Bom para quem ainda assim se interessar pelo Egito e quiser tirar duvidas meu facebook https://www.facebook.com/diego.costa.79?ref=tn_tnmn eu gostei do país sim...mas como puderam ver a minha dificuldade maior foi com a população...não sei se era melhor antes da revolução quando haviam turistas...talvez fosse um pouco melhor porque o assédio se dividia...
  19. Oi Thiago...Sim é tranquilo bate e volta de Beirute porque o Líbano é um país pequeno, o problema é o trânsito na saída de Beirute...Biblos é a cidade depois de Jounieh é perto...1 hora e 30 minutos...em Jounieh fica a gruta e é perto também...Cedars fica um pouco mais longe mas bate e volta é tranquilo e os tours não são cansativos....qt ao aeroporto desde que vc não tenha carimbo de Israel sem problemas....mas eles revistaram minha mala e questionaram se eu já visitei israel disse que não eles perguntaram o motivo respondi que se tivesse não poderia mais conhecer o Líbano....mas foi só essa pergunta...
  20. Mas lá foi mt tranquilo viu....não se preocupe...só tome cuidado em ficar em um bom hotel tb pq lá não tem mts turistas...a comida libanesa é mt boa tb experimente td...a época que vc vai é frio procure se informar sobre passeios na neve que são bacanas
  21. Não fui sozinho não...fui com familiares. .qt ao aeroporto os taxistas são malandros e correm mt porque o trânsito é mt louco...não reservei transfer mas uma corrida até o centro custa em média 25 a 30 dólares...a melhor dica é sempre negociar bem caso pegue táxi porque o fato da língua oficial não ser inglês faz com que as vezes eles ferrem os turistas...dentro de Beirute eu peguei táxi várias vezes para ir nos lugares e só paguei tour para as cidades vizinhas...
  22. Oi Pedro! Olha, fui este ano e diziam a mesma coisa porém não vi nada demais inclusive me sentia até mais seguro que no Brasil pelo fato de não haver roubos a mão armada...O problema maior está na Síria país vizinho...se vc contratar agências para realizar os passeios e não ficar andando em transportes coletivos acredito que não terá problema nenhum...lá na época que fui ninguém nem sabia de atentado com bombas e Beirute já está toda reconstruída e muito bonita por sinal...Fique em um hotel bom que eles te darão todas as dicas e vc não terá problemas nenhum.... o Q hotel que fiquei é muito bom e bem localizado....fiz várias coisas a pé por ali mesmo...
  23. Minha viagem pela Jordânia foi perfeita...O país é muito seguro e muito receptivo,sendo o turismo uma fonte de renda para eles...por isso eles estão acostumados a receber turistas...Fiz Amã,Petra,Wadi rum e Aqaba e vou tentar resumir aqui a viagem...meus relatos não são muito detalhados com nomes de lugares e restaurantes por exemplo...eu generalizo bem,mas quem tiver dúvidas pode perguntar porque se eu lembar respondo...quem quiser pode me add no facebook também lá tem mais fotos https://www.facebook.com/diego.costa.79 Dia 1-Amã Logo na chegada ao aeroporto tomei meu primeiro susto quanto a obtenção do visto pois não sabia que era tão caro...o preço foi 40 dinars(equivalente a 60 dolares) e eles só aceitavam na moeda local portanto tive que trocar dinheiro em frente na casa de câmbio para poder comprar...Cada dinar jordaniano equivale a mais ou menos 0.70 dólares não é um país muito barato Se tem uma coisa que não foi cara foi hospedagem paguei por pessoa(em quartos triplos) 15 dinars(20 dolares) por dia e em bons hoteis...tudo reservado previamente pelo booking... Ao sair do aeroporto o primeiro impacto com o mundo árabe foi o fato das pessoas não falarem inglês...recebi muitos NO ENGLISH ao pedir informaçoes quanto ao transporte de táxi para o hotel...Cheguei para uns taxistas com o papel na mão e eles todos falando árabe não entendiam a escrita em inglês do meu papel e discutiam entre si...foi então que resolvi ir até o balcão de informaçoes e encontrei um senhor disposto a me ajudar(lógico que cobrou depois, mas foi só uma gorjeta) e ele me levou até uma mulher que ligou no meu hotel pediu a direçao e escreveu em árabe(ufa!!)...voltei aos taxistas e um deles me levou por 22 dinar para o hotel que por sinal FOI EXCELENTE vou explicar porque...O hotel é novo e não muito bem localizado,daí a dificuldade de se achar ele... o hotel que fiquei era na verdade um apart hotel...se chama AL NAKHEEL apartaments cujo dono foi o grande responsável pela excelente estadia...Quando chegamos as 11hs o dono já veio falar com a gente mostrar o apartamento com 2 quartos...uma cozinha...uma sala grande e já nos ofereceu DE GRAÇA um tour por amã naquela tarde no carro dele e também falou que iria levar a gente para trocar dinheiro e comprar as passagens de onbibus para petra e ele realmente fez tudo isso nos levando por toda Amã em todos os pontos turisticos...e nos deixou em um shoopping na volta e ainda se prontificou a nos levar para estaçao de onibus as 5hs da manhã para pegarmos o onibus para Petra...ele foi muito gentil...o hotel é novo e um pouco afastado e muito bem conceituado no booking e depois entendi porque...nunca tive esse tratamento em lugar nenhum!!! Recomendo!!! tudo isso por 20 dolares por pessoa a diaria... Dia 2-Amã-mar morto Este dia levantamos bem cedo e fizemos um pacote com um taxista(recomendado pelo dono do hotel que por sinal encontrou um com preço bom para gente) pagamos 70 dinar(100 dolares) para 3 pessoas full day e ficou combinado que o taxista iria nos levar até o mar morto pela manhã e a tarde na cidade de Masada onde tem o monte Nebo...muito bonito por sinal... Em aproximadamente 1 hora e trinta minutos chegamos no mar morto a partir de Amã e logo avistamos muitos resorts e algumas pessoas dormem lá...nós optamos por passar uma manhã e não nos arrependemos....perto do mar morto o clima é melhor que em Amã fazendo mais calor(em Amã estávamos com frio) Lá todos os lugares para entrar no mar são pagos o mais barato custa 15 dinar e é uma praia pública que o taxista não recomendou por não ter banheiro nem outras facilidades...então por 20 dinar por pessoa ficamos em outro resort com piscinas e muito mais bonito para quando enjoassemos do sal do mar morto nadarmos na pisicna...ficamos 3hs lá dentro e foi o suficiente... as 13 hs partimos para Masada onde iríamos almoçar...no caminho passamos pelo local onde teve batismo de jesus no rio jordão mas não entramos porque não tínhamos combiando isso com o taxista e não daria tempo também... Fomos a Masada onde avistamos o deserto e o Monte Nebo...muito bonito!!! A noite voltamos para o hotel e nosso bairro era super isolado não tinha nada para fazer...dormimos porque no outro dia pegaríamos as 5hs da manhã o onibus para Petra... Dia 3-Petra Saímos bem cedo de Amã e por volta das 10 hs chegamos em Petra...que cidade diferente e bonita!!!tranquila e vazia....a cidade é vazia mas dentro do parque parece que tinha um milhão de pessoas...acho que as pessoas fazem um dia inteiro a partir de outras cidades e não dormem lá...Nós dormimos UMA noite e foi bom, porque aproveitamos 2 dias de parque...ficamos em um hotel não muito bom porém muito bem localizado perto do portão e com café da manhã incluso também por 20 dolares por pessoa por dia... muito barato!!! o nome do hotel é Petra home...resrevado previamente no booking.com Ao chegarmos no hotel o dono não queria deixar a gente entrar porque o check in era 14 hs...este cara diferente do outro dono do hotel de Amã era chato...então decidimos girar a cidade para procurar o passeio para o deserto de Wadi rum no outro dia e almoçar... Às 14 hs fomos para o parque(a entrada custa 50 dinar 1 dia de parque e 55 dois dias) e ficamos até as 19:30 hs..Sim!!! foi BEM cansativo andamos muito e mesmo assim não conseguimos ver td este dia e deixamos para o outro dia de manhã...mas chegamos até o mosteiro que é o tesoro do indiana jones pelo menos...No começo estava muito cheio mas quando foi anoitecendo foi ficando melhor a rocha mudou de cor e estava mais vazio...as fotos ficaram melhores sem muvuca... A noite comemos uma pizza muito boa em um restarante na rua principal...todos os restaurantes lá no centrinho perto do portão vendem pizza, tipo pizza hut...vale a pena!!! Dia 4_Petra e Wadi Rum Nesse dia levantamos bem cedo para fazer o restante do parque de Petra e depois as 12hs compramos um tour por 99 dolares/pessoa que incluia o transporte de Petra para wadi rum mais um passeio de jipe, mais o acampamento beduíno, mais o jantar com café da manha no dia seguinte e mais o transporte de Wadi rum para o nosso hotel em aqaba...ou seja ficou muito bom o preço... as 8hs já estávamos no portão e meio na correria fizemos o restante do parque mesmo assim não vimos tudo mas saí satisfeito com td que vi porque já estava até se repetindo os cenários...as 12 hs pontualmente após o almoço já estava um árabe taxista no nosso hotel pronto para nos levar a Wadi rum... o cenário de wadi rum é de outro mundo(vejam as fotos) o passeio de jipe durou cerca de 2 horas e por volta das 17 horas estávamos já no acampamento beduíno...pagamos a parte 15 dinar para andar de camelo por uma hora,perto do acampamaneto e foi muito bom...as 20 hs jantamos comida árabe com fogueira e td...foi uma noite inesquecível!!! todos que vão para jordânia têm que dormir no deserto!!! Dia 5-Wadi Rum-Aqaba Nesse dia acordamos cedo no acampamento e tomamos café...como combinado saímos de Wadi rum rumo a Aqaba e as 13 hs já estávamos no nosso hotel(muito bom também!!!) chama Al quidra bem conceituado no booking e bem localizado com um staff muito preparado... Este dia só giramos bastante Aqaba e já deu pra perceber a diferença do resto da Jordânia...lá, camelos andam nas ruas e é uma cidade litorânea com um clima diferenciado banhada pelo mar vermelho... Dia 6-Aqaba Este dia tínhamos comprado mergulho e snorkel no mar vermelho...o mergulho lá é muito barato(cerca de 60 dolares para quem tem carteira internacional mas para quem é iniciante lá é um excelente lugar para aprender)...Logo cedo partimos da agência em direçao ao mar vermelho que leva cerca de 20 minutos do centro apenas... Chegando, divide quem vai fazer snorkel e mergulho...e entrega-se os equipamentos necessarios...Sinceramente apesar de ter fama de ser o melhor lugar para mergulho não se vê tanta coisa assim e a visibilidade não é excelente mas mesmo para snorkel é interessante(mas não espetacular)...as 14 hs já estávamos de volta no hotel... Tiramos o resto da tarde novamente para andar em Aqaba... Dia 6-Aqaba Este dia compramos por 15 dinar um passeio para BERENICE BEACH no próprio hotel com transfer incluso...este lugar na verdade é um resort muito famoso por lá que cobra a entrada e assim como no mar morto possui piscinas e cadeiras a beira do mar vermelho...alimentaçao lá é caro... Passamos o dia todo curtindo praia e piscina e voltamos as 16 hs de barco com vista para Eilat em israel...Taba no egito e Arabia saudita do outro lado...nessa viagem não podia ir para israel porque iria voltar para o líbano e não podia ter o carimbo....mas para quem quiseré muito perto a fronteira... Dia 7-Aqaba-Amã Era o dia de ir embora e as 6hs partimos em direção ao aeroporto porque tinha comprado um voo pela royal jordanian em direção a Amã...chegando no aeroporto SURPRESA!!! os militares não nos deixaram entrar alegando que não havia voo aquela hora...insistimos e ao entrarmos,de fato o aeroporto estava vazio... O taxista foi muito gente boa e levou a gente correndo até a rodoviária para pegarmos o ônibus das 7hs...chegamos em cima da hora para pegar o onibus para Amã... Nesse mesmo dia tinhamos um vôo para Beirute de onde partiríamos para o Brasil... foi muita sorte eu não perder a conexão porque era somente a tarde o voo, então em 4hs chegamos a tempo em Amã...ao questionar a porcaria da royal jordanian eles alegaram q o voo havia sido cancelado e mudado para o dia anterior mas que eles haviam enviado email...um descaso!!! ficaram de me devolver o dinheiro mas nada até agora!!! este foi o único imprevisto da viagem... Resumo:Fui tratado muito bem na Jordânia por todos... o país é espetacular e vale muito a pena a visita... no começo tive dificuldade mas depois encontrei muitas pessoas falando inglês...os árabes são meio tarados então mulheres tomem cuidado com assedios...A maioria da população é muçulmana porém estão acostumados com estrangeiros...
  24. Fiz Jordania também... peguei um voo pela Mea airlines(muito boa por sinal) ida e volta via beirute...mas não fiz relato da Jordânia...Vou tentar fazer depois
×
×
  • Criar Novo...