Ir para conteúdo
  • Cadastre-se

Marcela_

Membros
  • Total de itens

    27
  • Registro em

  • Última visita

Reputação

1 Neutra
  1. Marcela_

    Tanzânia - Perguntas e Respostas

    Eu só estive na Tanzânia. Estou indo pro Quênia semana que vem , e talvez consiga conhecer o Masai Mara. Se der tempo de fazer o safari volto aqui pra te contar rs! É um pouco difícil responder perguntas sobre "valer a pena" e sobre lugar melhor ou pior, isso é muito pessoal, depende muito do gosto, da experiencia, e da expectativa de cada um. Alguns aspectos dependem até da sua sorte! Mas vou tentar te ajudar, vamos lá. O preço dos safaris varia muito mesmo, mas de um modo geral o que dita as diferenças tão discrepantes são os tipos de acomodação /conforto. Acampamento é a versão mais barata. Tented camp tem um preço intermediário. Lodges são caríssimos. A forma mais barata é chegar em Arusha, percorrer as agências fazendo orçamento, e entrar num grupo com outras pessoas no mesmo carro. Mas pra isso vc precisa ter uma certa flexibilidade, não pode ter os dias muito contados. Fechar antecipadamente pela internet costuma sair mais caro. O Serengeti é enooormeee! Fiquei 2 dias inteiros e ficaria mais um. Depende do seu objetivo, se quiser acompanhar a grande migração por exemplo 2 dias acho pouco. Eu vi um pedacinho e já tive que voltar. Pro Ngorongoro 1 dia achei suficiente. Respondendo às perguntas: 1) Fiz pela Active Tanzania. Foi 700usd (em 2013) por pessoa em carro privativo (só eu e meu marido), hospedagem em tented camp (que nós achamos um luxo, super confortável), café e jantar no camping e almoço era um lunch box (normalmente vinha uma banana, um frango frito, uma samosa ou um bolinho, e um suco de caixinha). Foram 4 dias 1 no Lake Manyara, 2 no Serengeti, 1 no Ngorongoro. Valeu cada centavo! O Serengeti é sensacional, me senti dentro da NatGeo Wild! 2) Levamos só 1 mochilão e 1 mochila de ataque cada um, foram com a gente o tempo todo. Mas acredito que se vc tiver uma mala que não vai usar a agência deve guardar pra vc. 3) Deve ter como fazer mas seria um roteiro personalizado pra vc, portanto mais caro. Eu não faria, acho que ficaria muito corrido. 4) Tb ouvimos dizer isso. Não sei dizer pois ficamos lá praticamente só pra dormir na primeira e na última noite. Foi tranquilo. Mas foi recomendado não sairmos sozinhos a noite. Obedecemos! 5) Não sei dizer. 6) Com certeza tem passeio pra lá. Não sei dizer detalhes, nunca pesquisei. 7) Sim, achei super seguro. Prepare- se para ouvir os barulhos da savana a noite toda: rugidos, relinchos, hienas, etc. Bom, acho que é isso. Qq dúvida pode perguntar !
  2. Marcela_

    Tanzânia - Perguntas e Respostas

    Que tipo de informação vc precisa?
  3. Marcela_

    Tanzânia - Perguntas e Respostas

    Viajar pelo continente africano é estar sujeito a "atrasos e coisas do gênero" como vc já leu em outros relatos. Isso faz parte, é cultural! Vai ser assim com qualquer meio de transporte, seja ônibus, trem, barco, avião. Pode sempre dobrar o tempo estipulado pras coisas acontecerem e se conformar com informações intruncadas, contraditórias ou com a falta dela (o mais comum! Rs). Mas surpreendentemente as coisas sempre acabam dando certo. Ou vc incorpora a filosofia Hakuna matata de ser , ou corre um sério risco De ter um colapso nervoso e infartar! Relaxa! A Tanzânia vale todos os perrengues!
  4. Marcela_

    Tanzânia - Perguntas e Respostas

    Também escolhemos a Active Tanzania. Respoderam a todos os emails, meu contato foi com a Mary, ela é grega mas é fluente em inglês. Recomendo, deu tudo certo!
  5. Marcela_

    Tanzânia - Perguntas e Respostas

    No época o preço mais barato que eu achei foi pela decolar.com (saía mais barato do que o site da Precision). Mas sempre pesquiso também no Jetcost, Expedia, Lastminute, etc. Uma dica importante: sempre que vc pesquisar esses voos internos, clique em comprar para saber o preço real da passagem. Muitas vezes as taxas + impostos ficam muuuito mais caros que o preço do voo!
  6. Marcela_

    Tanzânia - Perguntas e Respostas

    Olá JP! Que legal passar a Lua de Mel na Tanzania! Olha, sobre os voos internos, tente comprar como múltiplos destinos Dar-Arusha-Zanzibar-Dar. Na época que eu fui ficava mais barato dessa forma do que cada trecho separado. Fizemos os Safaris com a Active Tanzania e foi ótimo, deu tudo certo! Nosso guia também foi o Ema (o mesmo da Pati!) e adoramos! Inclusive no dia que chegamos em Arusha estava combinado que ele nos buscaria no aeroporto. Depois de toda a novela da nossa ida de Dar para Arusha (que já contei aqui algumas paginas atrás) acabamos chegando muuuuitas horas depois e não no aeroporto mas no escritório da Precision Air, e não é que o Emanuel nos achou lá? Ficou o dia inteiro atrás da gente, já tinha ido em 2 aeroportos! Foi uma ótima primeira impressão que só se confirmou nos próximos dias! Ele foi super educado e atencioso o tempo todo. Tomara que vcs gostem, nós amamos essa viagem!
  7. Marcela_

    Bonito

    É isso Marcos, resumiu perfeitamente! Boca da Onça é muita caminhada pra poucos atrativos (ou atrativos mais esparsos ao longo do percurso). Rio do Peixe é caminhadinha light cheio de paradas atraentes pelo caminho. E o clima é bem esse mesmo: roots x família. E no mais, por mais que vc se informe sobre um lugar, cada pessoa vai ter suas próprias impressões, que pode ser influenciadas por n fatores, como clima, companhia e até seu humor no dia. Quando fui à Boca da Onça fui com uma expectativa enorme quanto ao lugar e me decepcionei um pouco... No Rio do Peixe fui sem expectativa nenhuma e adorei! Foi agradabilíssimo, o grupo era bom e o guia fantástico!
  8. Marcela_

    Bonito

    Oi Bianca, Eu já fui na Boca da Onça e na Fazenda Cachoeiras do Rio do Peixe (entre todas as opções de cachoeiras - Estância Mimosa, Ceita Corê, Parque das Cachoeiras, e as Cachoeiras do rio do peixe, escolhi essa última e não me arrependi!) Na Boca da Onça, é a maior parte do tempo trekking e tem um rapel (não sei se te interessa...) . A cachoeira tem uma queda bem alta mas não é tão boa pra nadar... No Rio do Peixe tem um trekking também, que vai parando em várias cachoeiras , e apesar das quedas serem menores, tem ótimos poços, uma delícia para nadar! Um tem tirolesa, outro vc pula lá do alto da pedra, outro é cheio de peixes nadando do seu lado, é bem legal! Outro ponto positivo é que na casa na fazenda você pode interagir com araras e macaco prego (que são livres, mas estão acostumados com o contato humano. O dono faz um barulho com a boca para chamá-los e um bando de macacos aparece!) Eu gostei bem mais da Fazenda Cachoeiras do Rio do Peixe do que da Boca da Onça.... Mas.. a decisão é sua! Rs! Vc já decidiu as flutuações?
  9. Marcela_

    Bonito

    Oi Bianca, Eu fiz os passeios com a agencia Bonito Way ( www.bonitoway.com.br/)e foi ótimo! Deu tudo super certo! O que eu considero imperdível em primeiríssimo lugar é a Flutuação no Rio da Prata, depois Flutuação no Aquário Natural, Passeio na Fazenda Cachoeiras do Rio do Peixe, e se for em alguma gruta sugiro a do Lago Azul. Já estive duas vezes em Bonito, e aconselho que vc faça primeiro a flutuação do aquário natural que tem um percurso menor e mais fácil, mas mesmo assim é lindo porque começa numa nascente. Lá vc tem um treininho na piscina onde recebe as orientações básicas (tipo não encostar o pé no fundo do rio pra não levantar sedimento e atrapalhar a visibilidade, etc). Aí sim, depois dessa, vc vai na do Rio da Prata que é um rio muito mais largo, mais fundo e com peixes bem maiores, é imperdível!!! Muito bom mesmo. Eu não achei graça nos balneários municipais, só iria se tivesse muito tempo sobrando (na segunda vez não fui em nenhum). O passeio de bote é legalzinho, mas muito mais pela bagunça que os guias aprontam entre os botes (de ficar jogando água uns nos outros, apostando corrida, etc) do que pela emoção em si.... as quedas são pequenas e a água do rio não corre muito rápido. Então é bem light, não espere muito! Grutas de São Miguel realmente são dispensáveis. Só acho válido se for com criança, que vai conhecer uma gruta pela primeira vez. Maquiné e Lapinha em MG ganham de mil a zero! Se eu puder ajudar em mais alguma coisa, é só perguntar! Boa Viagem!
  10. Marcela_

    Marrocos - Roteiros entre cidades

    Olá Andreokubo, estarei em Marrakech com meu marido em Dezembro e faremos exatamente esse tour que vc fez. Gostaria de saber mais detalhes sobre a noite no deserto. Como são as cabanas? Vc me aconselharia levar um sleeping bag, como é a estrutura do acampamento? (Em Dez será inverno e me disseram que esfria demais a noite, graus negativos...) Vc levou toda a sua bagagem, ou deixou em algum local e levou só o suficiente para 3 dias? O seu passeio passou por Ouarzazate , Ait Benhaddou (aldeia patrimonio Unesco), Visita do estúdio de cinema e da Kasbah de Taourirt ? Ficaremos muito agradecidos com a sua ajuda!!!
  11. Marcela_

    Tanzânia - Perguntas e Respostas

    Olá arapuca, Não estive no Quênia, mas vou tentar te ajudar respondendo sobre a Tanzânia com base na experiência que tive em Fevereiro desse ano. 1- eu decidi nao fazer quimioprofilaxia contra malária, usei somente repelente mesmo e deu super certo (mas converse com um medico da sua confiança. Essa decisão tem pros e contras e tb leva em consideração o estado imunológico de cada pessoa. De qq forma, o centro de atendimento ao viajante da ANVISA tb nao recomenda a quimioprofilaxia). Vale deixar bem claro que NAO serve qq repelente. A OMS recomenda que seja à base de icaridina, em concentração superior a 20%. Aqui no Brasil o mais fácil de encontrar é o "Exposis". Eu levei um para pele e um para roupa. Usava de manha e passava de novo a noite depois do banho. Ainda sobre a questão da saúde, é prudente verificar se o seu cartão de vacina esta atualizado. Na África tem foco de varias doenças que já estão erradicadas aqui no Brasil (na ANVISA eles te orientam quanto a essas vacinas a serem tomadas). 2- Fizemos Safari no Lake Manyara, no Serengetti e Ngorongoro. A gente vê muuuuuuitos animais, muitos mesmo, o tempo inteiro, e vários deles chegam bem próximos ao carro. Zebras, gnus e elefantes se aproximam tanto que se vc esticar o braço consegue passar a mão, juro! (mas é proibido qq interação com os animais viu? Nada de tentar passar a mão! Rsrs!) Se vc tiver uma lente muito poderosa para fotografar, ai sim acho q vale a pena levar, porque vc pode querer registrar alguma situação de longe (por exemplo, nós vimos 5 leoas dormindo na mesma arvore. Lindo! Mas estava bem longe para fotografar com uma camera compacta por exemplo). 3- Eu fiz contato por email com varias agencias em Arusha e fechei com uma delas os 4 dias de Safari. E todo o restante da viagem fizemos de forma independente (tb tenho aversao a pacotes!). Achei que valeu super a pena dessa forma. Na Tanzânia não ouvimos absolutamente nada sobre sequestro nem terrorismo. Pelo contrario, eles tem o maior orgulho de dizer que no país deles nunca teve guerra civil, e que tem relações pacificas com todos os outro países africanos. Em nenhum momento ouvimos falar de violência e nem nos sentimos vulneráveis em nenhuma situação. Espero ter ajudado! Se surgirem mais duvidas pode perguntar!
  12. Marcela_

    Cairo - Perguntas e Respostas

    Oi Carlos! O Mauro fez esse esquema do taxi e se deu super bem! Ele vai poder te esclarecer melhor essas duvidas. Eu pediria indicação no hotel para minimizar as chances de perrengues... e tb pra tentar encontrar um motorista que fale o mínimo de Inglês, porque passar o dia inteiro na base da mímica vai ser dureza né? Rs! E antes de sair seria bom já deixar combinado o preço e o itinerário do dia, porque se vc resolver mudar a programação do meio do caminho, é provável que o taxista queira mudar o preço também!
  13. Marcela_

    Cairo - Perguntas e Respostas

    Oi Mauro, É bem provável que o táxi fique mais em conta sim! Mas vale ressaltar que são serviços diferentes. No caso de contratar o Sheriff, além do transporte em si, há o serviço de transmissão de informações e conhecimento do guia, que vai de cada um decidir se vale a pena ou não. No caso de 5 pessoas sairia o equivalente a 28 reais por pessoa por dia. Eu pessoalmente tenho irc de guia, detesto, costumo dizer que não suporto "babá" na minha cola. Então cheguei no Cairo com baixas expectativas qto ao serviço e me surpreendi demais, pq ele é uma pessoa discreta, nos deixava a vontade e não forçava a barra em nada!E é muito inteligente, um poço de conhecimento. No meu caso acho q valeu muito a pena (e tb para mulheres em geral, devido a segurança e maior tranquilidade nos passeios). Nós particularmente tivemos uma ótima experiencia com taxista lá (apesar de ter lido várias péssimas antes de ir...rsrs!). Pegamos um táxi do mercado khan el khalili para o hotel, no meio da rua, sem nenhuma indicação (tinha tudo para terminar em furada!!). Combinamos o preço antes de entrar: 25 libras. No caminho, qdo passamos pelo Rio Nilo vimos aquele por do sol maravilhoso, e meu marido pediu pro taxista parar duas vezes para tirar foto, e ele parou na maior boa vontade! Aí pensamos: essa paradinha vai sair mais cara que a corrida... Podíamos jurar q ele ia pedir mais dinheiro por conta disso. E pra nossa surpresa isso não aconteceu! Como ele foi simpático e cumpriu o combinado, pagamos 30 libras e vcs não podem imaginar a alegria do moço! Ele riu de orelha a orelha e agradeceu umas cem vezes! (Não, nós não confundimos as notas, não era euro, era libra mes-mo, e ele ficou super agradecido!). Vai um pouco da sorte tb! Gente honesta e gente trambiqueira tem em todo lugar, né? Concordo com vc, os relatos são ótimos, essa troca de experiências não tem preço! Abraço!
  14. Marcela_

    Cairo - Perguntas e Respostas

    Olá Carlos, Vou tentar te ajudar com base nas minhas próprias experiências no Cairo e pesquisas que fiz antes de ir. Respondendo seus tópicos: 1) Recomendo que vc contrate um trasfer do hostel ou hotel que for ficar. Pegar qualquer táxi na porta do aeroporto é fria sim, eu não pegaria... 2) Eu não ficaria em Giza (região das pirâmides).Devido à situação política (constantes conflitos, etc) o turismo está tão em baixa que na época em que nós fomos (fev/13) essa região estava às moscas... uma cidade fantasma. Nós até tínhamos uma indicação de restaurante para ir lá, e para nossa surpresa ele havia sido fechado. E lá é longe do centro, acho q vc ficaria um pouco "ilhado", dependendo de taxis pra tudo (e vc já deve ter lido q eles não são nada confiáveis). Pode ser que a situação seja diferente em novembro, pois é uma época de turismo mais intenso... mas... não sei não, eu não ficaria lá. Eu fiquei no hotel Safir e achei o custo-benefício excelente. A localização tb era boa, saí a noite a pé para jantar com meu marido sem problemas! Se vc decidir usar metrô, tem a estação Dokki q é pertinho. (Procure sobre ele no tripadvisor ou no booking, e se tiver alguma dúvida pode me perguntar). Sobre hostel, sugiro que leia a experiência da Dri Miller aqui: http://drieverywhere.net/2010/04/02/se-a-primeira-impressao-e-a-que-fica/ 3 e 4) Eu sugiro que vc faça contato com o Sheriff El Naggar ([email protected]). Nós contratamos os serviços dele e foi a melhor coisa que poderíamos ter feito!Super recomendo!(Já escrevi sobre ele em algum outro tópico do Cairo por aqui...mas qq dúvida pode perguntar). Tenho certeza que vc não vai se arrepender, e como vc vai com mais pessoas, vale mais a pena ainda!(Ele cobra uma diária que inclui um carro tipo van com motorista, km livre, combustível e o serviço dele, e esse preço é o mesmo para até 5 pessoas) 5) Sobre o trem noturno também tem um relato aqui: http://drieverywhere.net/2010/04/07/trem-noturno-do-cairo-a-luxor-e-answan/ 6) Não fiz o cruzeiro, mas o Sheriff pode te esclarecer se o tempo q vc tem é suficiente. Espero que as informações sejam úteis! Qualquer dúvida pode perguntar!
  15. Marcela_

    Cairo - Perguntas e Respostas

    Oi Alessandra, Estive no Cairo em Fev/2013 e apesar de ter o VTM, não usei lá. Antes de viajar, fui em uma agencia da Picchione aqui no Brasil (onde fiz o cartão) e me disseram que a aceitação lá não era muito boa (pra eles dizerem isso...pode entender que é péssima! rsrs!). Também ouvi alguns relatos de cartões que ficaram presos na maquina, principalmente na região de Giza, e preferi não arriscar. Se vc decidir levar, eu te aconselharia a fazer o saque ainda no aeroporto para evitar perrengues, pois vc vai precisar imediatamente da moeda egípcia para taxis, entradas dos lugares, mercado, etc. (Não conte com a possibilidade de conseguir usa-lo lá na função debito).
×