Ir para conteúdo
  • Cadastre-se

alanpereira

Membros
  • Total de itens

    6
  • Registro em

  • Última visita

Tudo que alanpereira postou

  1. Drewvalente, tbm prefiro ir com mais alguem, mas nao com mais de uma pessoa, pois quanto mais gente, pior pra conseguir carona. E o principal, os objetivos tem que ser os mesmos para todos. Por exemplo, eu ia com um amigo meu, mas desisti pq ele nao quer trabalhar na viagem, quer ir com dinheiro para só aproveitar, entao se ele for comigo, haverão conflitos entre nós, então prefiro ir sozinho a ir com ele. Be_diniz, eu nao vi o tópico, não. Vou dar uma olhada lá, valeu pela dica Gisele Luiz, meu planejamento é esse que estou fazendo, me informando o máximo que conseguir, falando com pessoas que ja fizeram o mesmo, lendo relatos aqui ou em outros sites/foruns e decidindo mais ou menos os lugares que pretendo conhecer. Quanto a chegar numa cidade e nao saber o que fazer, bom, estou ciente de que isso vai acontecer, mas é uma forma de eu aprender, ganhar experiência. Posso quebrar a cara, passar fome e nao ter lugar pra dormir, mas vou aprender alguma coisa com isso. Nao quero esperar mais para fazer isso, meu prazo é até final de agosto no máximo, pois estou esperando a muito tempo, além de que nao estou fazendo NADA aqui, nada mesmo, nao gosto do que estudo, até parei de ir nas aulas, nao quero trabalhar (sei que uns vao me chamar de vagabundo, mas eu vejo de outra forma) e nao quero mais ser sustentado pela minha mae (coisa que ela está fazendo só nos ultimos 2 meses), meus amigos nao moram na minha cidade, os que tenho aqui sao uns babacas, já moro longe da minha mae de qualquer jeito... então, o que tenho a perder? Nada. Vou me arriscar, fazer algo que nunca fiz, mas pelo menos assim estarei realizando um sonho, que é conhecer o sul da américa do sul e ficar perto da natureza, longe dessa vida padronizada de hoje em dia, a qual eu nao consigo me adequar. Não me importo em viver no limite, estou acostumado a isso. E nao acho que eu vá precisar de muito dinheiro pra começar, vou levar só o básico mesmo, um mes de trabalho (uns 900 reais), para as emergencias, onde eu nao tiver outra saida. Agradeço seu conselho, mesmo. Mas vc nao entende meu ponto de vista, o que eu to passando, pois vc tem uma vida e problemas diferentes dos meus. A princípio meus planos nao mudaram. Vou seguir com a viagem dentro do prazo e ver no que vai dar. Se eu ver que nao tem jeito, uso o pouco do dinheiro que vou levar e compro uma passagem de volta, o que duvido muito que aconteça.
  2. e ai Thuti Farias, Eu tbm queria conhecer Ushuaia, mas tava conversando com um amigo meu e aparentemente é bem dificil chegar lá da maneira que queremos, pois se vc ver no google maps, o sul da Argentina é bem remoto na questão de cidades, uma fica muito longe da outra, e ao meu ver, isso dificulta demais conseguir carona. Primeiro que o movimento pra aqueles lados deve ser mínimo. Segundo, e se conseguir uma carona que nao vai pro mesmo lugar que vc, mas vai para aquela direção, sendo assim, te da uma carona até um pedaço mas onde vc descer não tem nada? quero dizer, nem vegetação tem pra lá, acampar deve ser muito dificil pois o frio deve ser imenso, considerando que não tem nada para barrar o vento. E conseguir trabalho em Ushuaia, mesmo que em troca de comida, tbm parece complicado, pq pelo que eu andei lendo, a cidade recebe turistas no verão, justamente pq o frio é menor e torna possível práticas como trilhas, então penso que no inverno o povo de lá não estará precisando tanto de alguem que trabalhe por alguns dias/semanas. Mas esse é só o meu lado pessimista falando mais alto, pois quero estar preparado para o que vier, por mais que o que vier seja casca grossa. Esse é o motivo do meu tópico: não quero que as pessoas venham me falar só o lado bom da viagem, mas que falem tudo, para eu poder me preparar com o que for preciso e psicologicamente. Torres del Paine eu tbm tenho muita vontade de conhecer, mas é o mesmo "problema" que citei sobre chegar em Ushuaia. É uma pena vc ir só em janeiro, senão poderíamos ir juntos, facilitaria muito. Drewvalente, apesar de eu já ter Barraca e saco de dormir, eu tbm nao tenho dinheiro algum, e nem o resto dos equipamentos. Estou a procura de um emprego, mas até agora nada, e pelo visto vai ser assim que vou. Quanto aos equipamentos, estou vendo o que consigo emprestado para nao precisar comprar. Mas pelo menos vc pode conseguir uma grana com seus trabalhos. Pode te dar pouco, mas vai conseguir alguma coisa. E o fato de vc morar em Pernambuco nao dificulta tanto, o movimento no Brasil é grande, caminhoneiros que saem do nordeste para o sul deve haver aos montes. Pode ser que vc demore pra conseguir carona, mas pelo menos consegue. E vc tem planos de ir quando? eu quero ir na metade do ano por causa do frio, que gosto, além de que as paisagens ficam muito mais bonitas no frio.
  3. bom, ja peguei muita dica aqui e esclareci muitas dúvidas, mas é diferente: gostaria que alguem que ja viveu a experiencia me desse dicas que só esse tipo de pessoa pode dar. É diferente receber conselhos de quem ja viveu a experiencia, ja viajou por meses sem dinheiro e de quem viaja pra buenos aires e santiago todo ano, por 30 dias, com dinheiro contado. Nada contra, juro, mas essas pessoas nao viveram o que eu quero viver para poder me ajudar.
  4. Eu vou no máximo no final de agosto. Estou pesquisando muito as coisas que devo e nao devo levar, os cuidados que devo tomar, dicas sobre caronas e trabalhos nas cidades que vou passar. Tenho um trajeto mais ou menos traçado, pois como vou depender de outras pessoas para me locomover e me alimentar, pode ser que eu precise ir para alguma cidade fora do meu roteiro. A princípio fiz um trajeto pelo google maps mesmo, mas vou comprar um mapa para levar e poder me orientar melhor, claro. Queria muito ir para o sul, bem no sul, da Argentina, tenho vontade de conhecer Ushuaia, mas no sul da Argentina há poucas cidades, por isso é mais dificil ainda conseguir carona, já que o movimento pra aquelas bandas deve ser muito remoto, além de que Ushuaia é mais visitada no verão, entao conseguir trabalho pra lá tbm deve ser dificil. Mas vamos ver, estou pesquisando. Só acho complicado o pessoal aqui do forum nao dar dica alguma. O tópico tem mais de 150 visualizações e só vc respondeu, sendo que vc, assim como eu, nao possui experiência, aí complica, ainda mais que a maioria das dicas que encontro aqui são referentes às cidades turísticas (nao estou reclamando do forum), pouca coisa ou quase nada sobre cidades menos conhecidas Quanto ao que vou levar, já estou atrás do equipamento, primeiro estou vendo quem dos meus amigos possui alguma coisa, para evitar ter que comprar, pois quero gastar o mínimo possível. Minha familia nao disse nada, sei que minha mae nao acha uma boa ideia, mas ela tbm nao foi contra. A maioria das pessoas para quem eu falei, me apoiou, eles sabem que eu estou precisando disso.
  5. Boa noite, pessoal Sou novo aqui, mas há algumas semanas que eu faço algumas pesquisas no forum. Vou explicar minha situação, meus planos e fazer algumas perguntas, ficarei grato se puderem me ajudar. Tenho 23 anos, desisti de dois ursos na faculdade e não vejo futuro trabalhando no comércio apenas para dizer que possuo um emprego, pois acho que isso é perda de tempo (pra mim), quando há um mundo tão grande para se conhecer e pouco tempo para viver. Não tenho vontade de construir uma vida padrão do século 21. Tem um tempo que quero conhecer o sul da Argentina e do Chile, mas nunca saiu da ideia, mas agora a ideia voltou e mais do que nunca é uma vontade que, de um jeito ou de outro, vou colocar em prática. Como eu quero ir logo, no máximo até o final de agosto, nao terei muito tempo para trabalhar e juntar dinheiro, e mesmo se eu fizer isso, o tanto que vou ganhar nao me daria uma sustentabilidade tranquila na viagem, por isso decidi ir sem, ou com o mínimo de dinheiro. Minha ideia é de ir pedindo carona de Florianópolis até o meu destino "final", que até entao nao tem, pois pretendo ir o mais longe possível. Quando a alimentação, vou levar algumas coisas que possam me salvar numa emergencia, caso eu nao consiga nenhum trabalho no caminho (nao me importo em ficar um tempo em alguma cidade para trabalhar). Para dormir, vai ser na barraca mesmo, ou pelo couchsurfing, ou trabalhando em troca de uma noite de sono. Já estou lendo sobre tudo o que consigo aqui no forum, como coisas que preciso levar, como me cuidar com altitude, roupas para frio, itens demais na mochila... essas coisas, além de dicas de como pedir carona. Entao sabendo de tudo isso, pergunto a vcs: alguma dica a mais que possam me dar? só peço que por favor, nao tentem me desencorajar, pois vou de qualquer jeito, ja está decidido, só queria mais dicas, pois informação nunca é demais, principalmente se as dicas vierem de pessoas que ja fizeram o mesmo, ou parecido. Só pra constar, a princípio eu ia com um amigo meu, mas eu sei que ele nao vai, pois os planos e objetivos dele sao diferentes dos meus (ele, por exemplo, disse que só quer curtir, nao quer trabalhar se necessário). Abraço ^^
×
×
  • Criar Novo...