Ir para conteúdo
  • Cadastre-se

Luciano Edison

Membros
  • Total de itens

    11
  • Registro em

  • Última visita

Reputação

1 Neutra
  1. Luciano Edison

    relato Por do Sol em Porto Velho

    Estive em Porto Velho entre 7 e 10 de fevereiro. Para quem não sabe, inaugurou um Hostel, Asas da Amazonia, em torno de R$ 30 (local é novo, estrutura é bem simples ainda). Mais ao centro há outras opções, mas é bom que tenha ar-condicionado. Não deixe em hipótese algum de fazer o passeio de barco (vai até a ponte e usina hidroelétrica), preferencialmente às 1730, horário em que o por-do-sol "bate" no rio Madeira. Aproveite e fique ali mesmo na praça e prove a culinária nortista: tacaca com tucupí. Uma outra opção é fazer uma caminha na ponte sobre o rio Madeira, que liga Porto Velho a Humaita. São 900 metro de extensão e 35 de altura. Transporte é funcional, com ônibus articulados e ar, outros mais simples, mas tranquilo. Para comer há pra todos os gostos e bolsos. Vá até a preça Aloisio Teixieira, com muitas barracas e feirinhas, ao lado existe um centro gastronômico com pratos populares e regionais a preços acessiveis (peixe é uma especialidade).
  2. Luciano Edison

    Prudentópolis

    Fui em Dezembro 2014. Acampamos no Recanto Rikili, que era o que tinha uma estrutura melhorzinha, ficando 3 dias. Deu para conhecer as principais cachoeiras, entre elas do São Francisco. As cachoeiras são muito distantes uma das outras, você sempre tem que voltar de 15 a 20 km na estrada principal (asfaltada) para ir para outra cachoeira. Estradas boas, mas para carro baixo é complicado devido o cascalho. De Prudentópolis há uma estrada asfaltada por uns 6 km, depois é poeira e aventura para seguir adiante. A sinalização é boa, por isso faça um roteiro bem calculado para não ficar andando vários trechos repetidas vezes. Para o salto São Francisco o melhor opção é ir por Guarapuava, mais de 40 km de asfalto (bom - cuidado com as curvas pois é muita, mas muita mesmo ãã2::'> ) e no finalzinho uns 6 km de cascalho. Em São Francisco a estrutura é muito boa, com lanchonete e camping. Dica: no site da Pousada São João, que dá acesso a cachoeira São João, diz ter camping mas não há. Uma região mais central para ficar é o Perehouski. Abaixo segue o site da prefeitura com o mapa turístico. http://www.prudentopolis.pr.gov.br/cidade/mapa
  3. Luciano Edison

    Amaszonas faz voo inaugural entre Brasil e Bolívia

    Estou pesquisando os preços e parecem ser interessantes. Dá para combinar passagens de Cusco até Campo Grande.
  4. Luciano Edison

    Maringá>Asunción>La Paz>Cusco JAN 2015

    No 2 vai sair mais caro, mas é sempre melhor ir por um caminho e voltar por outro. No meu trajeto sairei de Maringá indo até Cusco via Bolívia e Peru e voltar via Acre. 15-20-dias-bolivia-peru-2015-t93076.html
  5. Luciano Edison

    Melhor época para fazer Bolivia-Peru-Chile?

    também tenho essa dúvida, mas gostaria de saber se nesse período, junho - julho, a movimentação de turistas é maior ou menor que dezembro-janeiro, para já ir prevendo dificuldades na compra de passagens do trem em quijarro, hostels e buses.
  6. Luciano Edison

    Fronteira Bolívia: Quijarro ou Suarez?

    Meu roteiro é sair de Maringá -PR até Machu Picchu de ônibus, trem e a pé. Lendo os vários relatos surgiu uma dúvida: pegar ônibus de Maringá para Campo Grande e de Campo Grande para Corumba e de lá pagar táxi até a fronteira e enfim Quijarro? ou pegar ônibus de Maringá para Campo Grande e de Campo Grande até Puerto Suarez? Descer em Corumba implica pegar táxi até a fronteira (média de 40 reais), fila e mais táxi para até o terminal ferroviário.(de Campo Grande até Corumba 93 reais) Descer em Campo Grande e pegar o ônibus Andorinha até Suarez, que diz no site chegar as 8:30 da manhã, parece ser mais rápido (e menos burocrático) e mais barato. (de Campo Grande até Puerto Suarez 78 reais) Quais as vantagens e desvantagens de uma rota e outra?
  7. Luciano Edison

    Transporte Terrestre no Peru - Perguntas e Respostas

    Olá pessoal, como também vou estar indo para Machu Picchu, estou coletando diversas informações sobre transporte terrestre, pois é o caminho que vou fazer. Como estarei com a família, o que inclui mulher, filha (de maior) e filho (6anos) quero ir com um pouco de planejamento (mas não muito, se não perde-se a poesia da viagem): De Copacabana para Cusco (+-10h de viagem - 90Bs). - Copacabana para Arequipa (+- 9h por - 100Bs) - Copacabana para Puno (+- 3h por 30Bs) Puno para Cusco 35 soles (tour Peru) sai as 21:30 chega em Cusco as 5:00. (acredito que os ônibus que saem de Copacabana devem sair mais ou menos perto das 21:00 horas, pois muito vão passar em Puno) De Cusco até a Hidroelétrica 35 soles (+- 7horas) Da Hidroelétrica até Aguas Calientes 0 soles (+- 3 horas de caminhada) Da Hidroelétrica para Águas Calientes 18 dólares de Trem (+- 30 min) De Cusco até Rio Branco 152 reais pela Movil Tour. De Cusco até Rio Branco 112 reais pela Ormeno. Infelizmente na maioria dos relatos não tem o horário de saída
  8. Olá, MariaEmilia! Estou programando em ir para Machu Picchu em julho de 2015 (vai estar frio, será que vai fazer diferença?), e meu garotão vai estar com 6 anos. Vai ser o mochilão tradicional, entrando por Puerto Quijarro de trem até Santa Cruz. Dai partir para Cochabamba, para ir aclimatizando (2dias ai), e depois segui para La Paz (mais 2 dias). Seguir para Copacabana e conhecer a Isla del Sol. Rumar para Cusco e Machu Picchu e voltar via Rio Branco, onde pegaremos avião até Maringá/Pr. Minha dúvida é sobre documentação dos filhos (vai estar eu e minha esposa, mais o moleque de 6 anos, e minha filha de 19 anos). Você cita a exigência de uma "autorização para viagens internacionais emitido pelo Departamento de Polícia Federal". Como é isso. Att. Luciano
  9. Luciano Edison

    Mochilando do Pará até o Peru

    Até onde eu sei, de Manaus até Rio Branco não tem ônibus, pois a BR319(rodovia fantasma é quase intransitável - e espero que continue assim pelo menos até eu passar de Moto por ali. De pois pode asfaltar hehehe). Bom, de Manaus você teria que ir para Santarém e de lá há rotas terrestre, mas vai ficar muito fora de mão. O ideal é ir de avião até Rio Branco. De Rio Branco há um ônibus que sai da rodoviária e vai para Cuzco (Movil Tuor uns 160 reais).
  10. Luciano Edison

    Copa do mundo x custos para viagem em julho/2014

    Tente fazer uma simulação de múltiplos trechos, por exemplo de São Paulo para Santa Cruz esta saindo, pela Gol, R$ 352,00. Como geralmente se perde a promoção em trecho só de ida, procure fazer o retorno de outra cidade, como por exemplo Santiago a São Paulo (porém a Gol, segundo especulações na net, ainda não voltou/não esta a operar em Santiago). De Cusco a Aguas Calientes é uma facada o trem (absurdo - é quase o trecho de um aéreo). Tem umas rotas alternativas de ir de ônibus até Santa Maria, depois pegar Van até a Hidrelétrica e caminhar a pé (+- duas horas) e chegar a Aguas Calientes. To nesse perrengue também para julho de 2015, procurando toda tipo de alternativa.
  11. Luciano Edison

    15/20 dias Bolivia-Peru (2015)

    Estou montando um roteiro para julho de 2015 de aproximadamente 15/20 dias. Estamos indo em 7 pessoas, sendo meu filho de 6 anos (até a data) e o filho de meu amigo de 12 anos. Roteiro. Sair de Maringá(Pr) 11:50 até Campo Grande 20:30(MS) de Campo Grande 23:00(MS) a Corumba 05:30(MS) de Quijarro 14:30 a Sta Cruz de la Sierra 7:40 (via Trem da Morte) - até aqui dois dias. ãã2::'> De Sta Cruz de la Sierra (8:00) até Cochabamba. (como vamos estar com crianças e gostaria de subir aos poucos devido a altitude.) chegando ainda no 2º dia (posar, ficar o dia todo (3º dia), posar novamente e sair cedo (4º dia)). De Cochabamba até Oruro (ficar lá uma tarde, pois os horários permitem chegar antes do meio dia em Oruro) 4 º dia De Oruro para La Paz (até aqui fazer no máximo em 5 dias - usando de relatos aqui no Mochileiros, verifiquei os horário e se tudo correr direito (acho dificil) dá até para estar em La Paz em 4 dias com direito a ficar um dia em Cochabamba) chegando de manha. 5º dia La Paz de manha -5º descansar e 6º dia (Tiwanaku). sair de noite. La Paz a Copacabana visitar a Ilhas (1 dia inteiro - talvez posar la) 7º dia e sair no 8º dia. Copacabana para Cuzco 9º dia. (2 dias) Aguas Calientes e Machu Picchu. 11º dia Aguas Calientes e Cuzco. 12º dia Descanso em Cuzco. 13º dia. Cuzco a Rio Branco - 14º dia.(Cuzco até Rio Branco (Movil Tour faz até Rio Branco - Acre) Rio Branco - Maringá - 15º dia.Rio Branco até Maringá (Gol) *há uns 2 dias de gordura- se desse gostaria de ir a Puno e ilhas flutuantes *O grande problema é Sta Cruz a Cochabamba. Já pesquisei bastante e não acho outro ônibus em outro horário. Tem avião que sai as 9H e 13:00, mas é bem mais caro. Será que dá?
×